Imagem mostra um peixe decorativo com anzóis nele pendurados.
Ultima atualização: 7 de julho de 2019

Como escolhemos

19Produtos analisados

19Horas investidas

2Estudos avaliados

57Comentários coletados

Bem-vindo ao ReviewBox Brasil! Você é um pescador iniciante buscando entender melhor a escolha do anzol ideal? Então hoje é seu dia de sorte. Nas próximas linhas, tiraremos todas as possíveis dúvidas sobre o assunto.

O anzol é um item fundamental para qualquer pescaria. É responsável pela fisgada, ou seja, a conexão entre vara, linha e peixe. Sem ele, não existe nenhuma chance de sucesso. Mas não basta apenas saber que é preciso contar com um anzol, também é necessário saber escolher o ideal.

Por incrível que pareça, são muitas as categorias, tamanhos e especificações de um anzol. E nesse texto, além de mostrar quais são os melhores modelos disponíveis no mercado brasileiro, também traremos a você as explicações mais importantes para a aquisição perfeita.




Primeiro, o mais importante

  • O anzol é um utensílio fundamental para a sua pesca. Sem ele, é praticamente impossível conseguir algum peixe. É o responsável pela fisgada. O peixe morderá o anzol provavelmente ao ser atraído por uma isca.
  • Existem muitas especificações necessárias para a escolha do anzol ideal. São diversos os tamanhos e estilos. Por isso, você precisa ter plena consciência do peixe e do local onde irá pescar para fazer a melhor aquisição.
  • Anzóis são vendidos em grandes kits, normalmente com dezenas ou centenas de unidades. Essas unidades podem ser de um único tipo ou diversificadas. Os preços irão variar de acordo com essa quantidade, podendo ir de R$ 10 até R$ 300.

Você também pode gostar:

Ranking: Os 5 melhores modelos de anzol

Por seu tamanho e simplicidade, um anzol quase nunca é vendido separadamente. O que se encontra no mercado são kits com muitos exemplares juntos. Esses kits podem conter apenas um tipo exclusivo de anzol, ou serem bastante variados. Vamos mostrar abaixo os melhores que você pode encontrar à venda no Brasil:

1º – Kit Marine Sports 4330 com 600 Anzóis e Estojo

Esse kit da Marine Sports tem excelente custo-benefício quando combinamos seu valor e o fato de trazer 600 anzóis. E a quantidade ainda é bastante variada em tamanhos, contando com exemplares números 1, 2, 4, 6, 8 e 10.

Os anzóis são fabricados em aço carbono, possuem cerdas na parte traseira para impedir que a isca escape e um formato de fisga que aumenta a taxa de captura. Acompanha um estojo com onze divisórias para perfeito armazenamento.

2º – Anzol Chinu Black Marine Sports Tamanho 7 300 Unidades

O Chinu Black é um tipo de anzol desenvolvido pela Marine Sports que faz muito sucesso entre os pescadores. É fabricado em aço carbono de alta resistência e ainda tem um acabamento em níquel que o torna muito resistente.

Nesse kit, você adquire 300 unidades do anzol Chinu Black número 7, recomendado para pesca de peixes como pacu e tambacu. Precisamos também destacar o custo-benefício do kit.

3º – Anzol Gamakatsu Octopus Tamanho 1/0 50 Unidades

Importado do Japão, esse kit de anzóis da marca Gamakatsu traz uma facilidade diferenciada à sua pescaria. A principal vantagem é a afiação química, que torna o processo de fisga muito mais tranquilo para pescadores com todos os tipos de experiência.

São 50 unidades no kit, todas do tamanho 1/0. Eles são produzidos em aço carbono de alta resistência e finalizados com a cor preta. O peso é de apenas 0,37 gramas e o diâmetro é de 1,2 mm.

4º – Anzol Gamakatsu Octopus Tamanhos 5/0, 6/0 e 7/0 30 Unidades

A Gamakatsu, marca japonesa de alta qualidade, também permite uma variedade satisfatória de tamanhos. É o que acontece nesse kit que traz três tamanhos diferentes de anzóis, no caso, 5/0, 6/0 e 7/0.

As especificações técnicas do anzol são praticamente as mesmas, com produção em aço carbono e finalização em preto, além da enorme vantagem que é a afiação química. São 10 unidades de cada um dos três tamanhos.

5º – Anzol Garatéia Marine Sports 100 Unidades

O garatéia é um estilo específico que consiste em três anzóis unidos, aumentando a área e a possibilidade de fisga. É recomendado principalmente para pesca com iscas artificiais ou de peixes como barracudas e espadas.

Esse kit com 100 unidades possui afiação a laser, fabricação a aço carbono e finalização a níquel. Os tamanhos disponíveis vão do 10 ao 18, mas cada caixa conta com apenas um deles. Assim, é necessário fazer a especificação de qual o desejado no momento da compra.

Guia de Compra

São muitos os tipos de anzol. Eles variam em formato, tipo de afiação, tamanho, entre outras coisas. Por isso, se você não entende muito do assunto, pode ficar bastante confuso e não saber qual usar para sua pesca. É hora, então, de tirar todas essas dúvidas!

Imagem de homem em barco pescando.

O anzol é um dos utensílios mais fundamentais para uma pescaria bem-sucedida. (Fonte: mihtiander / 123RF)

O que é um anzol e para que ele serve?

O objetivo principal do anzol é fisgar o peixe. Ele fica na ponta da linha, ou da vara que não usa uma linha, e normalmente é atrelado a uma isca. É assim que a espécie a ser pescada é atraída e fisgada.

Existem algumas características que todo bom anzol precisa ter. A principal delas é a resistência, ou seja, não ceder com o peso do peixe. E também deve possuir algum dispositivo que prenda o peixe uma vez que a mordida é feita, impedindo assim que ele escape.

Não se esqueça de conservar bem o seu anzol. Caso ele esteja enferrujado, por exemplo, é possível que se rompa durante o processo de pesca. Além de te deixar sem o peixe, isso fará com que o animal muitas vezes se machuque.

E o mais importante para escolher o anzol, assim como com todo o equipamento de pesca, é saber o que e como será pescado. Quais são os peixes? Quais seus tamanhos? É uma pesca esportiva ou não? Em água doce ou salgada? Anote tudo isso para poder fazer a melhor escolha de seu anzol!

foco

Você sabia que guias de como escolher o anzol ideal existem há muito tempo? O mais clássico deles é de 1946, chamado “The Book of St. Albans”. Publicado na Inglaterra, especula-se que a autora tenha sido uma mulher.

Juliana Berners, a suposta autora, fala sobre agulhas como os melhores anzóis e explica como empregá-las adequadamente. Recomendava, inclusive, agulhas de bordado para peixes de grande porte. Hoje, ainda bem, há objetos que cumprem tal função de maneira muito mais eficiente!

Quais os tamanhos de anzol e seus usos recomendados?

Você já deve ter percebido que são muitos os tamanhos de anzol. Precisamos, então, entender como funciona essa numeração.

A numeração de um anzol é inversamente proporcional ao seu tamanho. Ou seja, um número 20 é muito pequeno, enquanto o número 1 já é quase médio. Há um intervalo sempre duplo nesses números (20, 18, 16, 14, etc).

A partir daí ele é adicionado o /0 à frente do número e o crescimento passa a ser no sentido normal. O maior disponível é o 10/0. Aqui, passam a existir também os ímpares (1/0, 2/0, 3/0, etc).

O tamanho do anzol se relaciona com o peso do peixe a ser pescado. Quanto menor, mais afiado e mais recomendado para peixes pequenos. Quanto maior, mais pesado e recomendado para peixes de grande porte. Confira na tabela abaixo os tamanhos de anzol, suas características e recomendações:

Anzóis 20 a 1 Anzóis 1/0 a 5/0 Anzóis 6/0 a 10/0
Categoria Anzóis pequenos Anzóis médios Anzóis grandes
Características Pequenos e bastante afiados, não tão resistentes Intermediários entre afiação e resistência Grandes e bastante resistentes, não tão afiados
Recomendações Ideais para peixes pequenos – trazem facilidade para fisgar Ideais para peixes médios que requerem já certa resistência Ideais para peixes grandes. Uso mais comum com pescadores experientes
Desvantagens Peixes não tão pequenos podem engoli-lo, ficarem soltos e sofrerem com sérios machucados Será mais complicado conseguir tanto os peixes menores como os maiores Dificilmente caberão na boca da maior parte dos peixes

Quais os estilos de anzóis e suas aplicações?

Além do tamanho, outra questão importante é o estilo do anzol. Há muitas variações no formato, nos ângulos e no diâmetro, permitindo usos bastante diversos para cada um desses modelos.

Essas variações, além do tipo de peixe ideal para qual o anzol é recomendado, também influencia na modalidade de pesca. Aqueles menos agressivos são mais indicados para a esportiva, na qual o animal pescado é devolvido à água em seguida, por exemplo. Abaixo, listamos os principais tipos de anzóis e suas indicações:

  • Anzol japonês: Tipo de anzol de muita qualidade e resistência. Raramente quebra ou causa problemas, por isso, é muito recomendado para pesca esportiva. Indicado para peixes como o robalo.
  • Anzol beak: Esse é o anzol ideal para peixes muito pesados. Sua principal característica é a resistência extra, que garante que mesmo sob muita pressão, não haverá nenhum rompimento. Indicado para peixes como carpas e corvinas.
  • Anzol crystal: O diferencial do anzol crystal é a espessura muito fina. Por isso, funciona muito bem com peixes de boca pequena, que costumam ter dificuldades para morder aqueles mais grossos. Indicado para tilápias, lambaris, entre outros.
  • Anzol garatéia: É praticamente um anzol triplo, já que funciona pela união de três desses objetos. Ideal para uso com iscas artificiais ou excessivamente moles, portanto, atraindo peixes que as preferem. Indicado para peixe-espada, barracuda e afins.
  • Anzol O'Shaughnessy: Um anzol reto preferido por muitos profissionais. Era muito comum nos anos 80, mas ainda hoje há os pescadores que não o abandonam. Não é recomendado para pesca esportiva. Indicado para peixes como anchova e corvina.

A partir do momento que você sabe exatamente o que e onde será pescado, tudo o que precisa fazer é combinar com as informações sobre tamanhos e estilos de anzóis. Isso te dará toda a base necessária para fazer a escolha ideal.

Confira o vídeo abaixo do canal Pescando e Acampando explicando sobre mais alguns tipos de anzóis:

Quanto custa?

Um anzol é bastante barato. Na verdade, você raramente encontrará unidades sendo vendidas separadamente, uma vez que isso custaria poucos centavos.

O preço dos kits com dezenas ou centenas de anzóis irá variar entre R$ 10 e R$ 300. Tudo depende das características específicas do (ou dos) modelos, da qualidade e, principalmente, da quantidade de unidades que está oferecida nesse determinado pacote!

Onde comprar?

O melhor lugar para adquirir os seus anzóis é em uma loja especializada em pesca. Praticamente toda cidade tem pelo menos uma ou duas, além de grandes redes que possuem unidades espalhadas pelo Brasil.

Caso sua preferência seja comprar pela internet, a Amazon brasileira oferece uma enorme gama de modelos e certamente preencherá seus requisitos. Também recomendamos o Mercado Livre, a Amazon internacional e os sites de grandes lojas especializadas em pesca.

Critérios de compra: O que levar em consideração antes de comprar um anzol

Além do tamanho e das características específicas de cada anzol que já citamos acima, existem mais algumas questões que você pode levar em conta antes de fazer a sua compra. Listamos algumas a seguir.

  • Material
  • Cor
  • Preço por unidade
  • Relação com a linha
  • Espessura

Explicaremos nas próximas linhas cada um desses itens!

Material

A maior parte dos anzóis de hoje em dia é fabricada em aço carbono. Alguns deles têm acabamentos que melhoram ainda mais a estrutura – na maioria dos casos, em níquel. Isso é importante por questões de durabilidade e resistência.

Evite anzóis fabricados a partir de materiais que podem se quebrar muita facilidade ou que enferrujam rapidamente. Tudo isso te dará dor de cabeça e fará com que você precise trocar os anzóis e fazer novas compras com uma velocidade nada indicada.

Imagem mostra uma pessoa segurando um peixe que tem um anzol em sua boca.

Usar um anzol de qualidade e do tipo correto é fundamental para uma pescaria de sucesso. (Fonte: Michael Yero / Unsplash.com)

Cor

A cor do anzol é importante? Como assim? Bom, depende da espécie que você está pescando. Algumas delas costumam ser atraídas por cores mais vivas, como o azul, fazendo com que nem mesmo a isca seja necessária.

É bem mais difícil de encontrar anzóis com cores específicas, que não sejam no tradicional metálico ou preto de sempre. Porém, quando você ver alguns que fogem do padrão, saiba que não é uma mera questão estética, mas sim de atração de determinadas espécies.

Preço por unidade

Essa é uma questão com importância para o seu bolso. Como os anzóis vêm em grandes kits com número enorme de unidades, faça as contas para chegar ao valor individual. Assim, você saberá se está pagando um preço justo.

Pode haver variação, inclusive, dentro da mesma marca. É fato que quanto maior o número de unidades dentro de um kit, menor será o preço unitário. Mas a sua necessidade e frequência de pesca é que determinarão o que vale mais a pena nesse quesito.

Relação com a linha

Você provavelmente já sabe que a escolha da linha também se relaciona com o tipo de peixe que será pescado e do local. E não devem existir erros nesse raciocínio, uma vez que o reflexo também aparece no anzol.

Imagem de pessoa segurando linha com peixe.

O tipo da linha interfere diretamente no tipo de anzol. (Fonte: Mael BALLAND / Unsplash)

Se a pesca em grandes profundidades e requer arremessos longos, por exemplo, não é possível usar um anzol muito pesado em uma linha fina. É sempre necessário observar qual o peso suportado para que não aconteçam acidentes que podem estragar uma pescaria.

O mesmo vale para o contrário: um anzol muito leve em uma linha resistente possivelmente também não alcançará os resultados desejados. Sempre respeite todas as especificações técnicas e, se não for um pescador experiente, pesquise sobre a pescaria que fará!

Espessura

A espessura do anzol está relacionada com um detalhe específico do peixe: o tamanho da boca.

Existem algumas espécies que são conhecidas por ter bocas muito pequenas e, caso você use um anzol tamanho padrão com elas, ou a mordida não será realizada, ou o estrago no peixe poderá ser muito grande.

Por isso, preste atenção. Especialmente com tilápias, lambaris e outros animais similares, procurar por anzóis mais finos é o ideal.

(Fonte da imagem destacada: PIX1861 / Pixabay)

Por que você pode confiar em mim?

Carlos Massari Jornalista
Jornalista especializado em esportes e podcaster. Apaixonado por cinema, literatura e artes em geral. Curioso nato, pesquisa e escreve sobre diversas áreas, principalmente tecnologia, ferramentas, artigos esportivos e objetos que tornam a vida e o cotidiano mais fáceis.