Seja muito bem-vindo ao Review Box Brasil. Nas próximas linhas, você vai ficar por dentro de quais são os melhores modelos de cabo HDMI que estão disponíveis nas lojas. Vamos explicar quais são as diferenças entre os principais produtos e o que você não pode deixar de prestar atenção.

A tecnologia não para de avançar. E quando o assunto é transmissão de imagens e vídeos, não é exagero dizer que passamos por uma verdadeira revolução nessa área.

Nos últimos tempos, o sistema analógico e ficou para trás e perdeu espaço para o mundo digital. TVs e monitores hoje têm alta definição de imagem, seja em HD, Full HD ou até 4K. Diante dessa realidade, os cabos HDMI são fundamentais.

Afinal, é através deles que as imagens chegam até o televisor ou monitor. Mas você sabia que nem todo o cabo HDMI é igual um ao outro? Então, continue lendo para conhecer todas as vantagens dessa tecnologia.

Primeiro, o mais importante

  • Cabos HDMI são fundamentais para que você possa assistir conteúdos em definição 4K, para isso você deve prestar atenção se o padrão dele é 2.0.
  • As pontas conectoras banhadas a ouro trazem vantagens como menor corrosão e maior durabilidade. Você vai entender o porquê nesse Guia.
  • Os preços podem variar bastante. Modelos mais baratos saem por R$ 7. Já os mais caros podem custar em torno de R$ 80.

Você também pode gostar:

Ranking: Os 6 melhores cabos HDMI

O cabo HDMI é algo que todos devem ter em casa. Com o avanço da tecnologia, eles se fazem necessários para muitas situações. Se você busca pelo melhor, chegou ao local certo. Reunimos todos eles nesse ranking. Confira:

1º – Cabo HDMI 2.0 Premium 4K – Pix

A linha de cabos HDMI da marca Pix oferece ao usuário imagens mais nítidas e é compatível com formatos 3D. O cabo é dual view (conectores HDMI nos 2 lados), possui largura alta de banda e oferece proporção de cinema.

As pontas são banhadas a ouro, o que faz com que ele seja mais resistente à corrosão. Além disso, cabos com essa característica conduzem melhor a eletricidade, o que melhora a qualidade de áudio e vídeo.

2º – Cabo HDMI Suporte 3D Versão – Exbom

Esse modelo de cabo HDMI tem 1 metro de comprimento e é indicado para a conexão com DVD players, TVs, videogames e receptores de TV por assinatura. Também possui versão com 1,4m.

Ele tem um cabo feito com uma grossa camada emborrachada e reforçada nas extremidades. A blindagem é tripla, o que permite um isolamento maior, sem a possibilidade de interferências externas. Na versão com o comprimento de 1,4 m, as pontas conectoras são douradas.

3º – Cabo HDMI 2.0 3D 4K – Diamond

Esse cabo HDMI pode ser encontrado nos seguintes tamanhos: 0.75, 1.80, 3.6 e 7 metros. Com ele, é possível transmitir resolução de vídeo 4K a 60 fps e áudio digital de até 32.

O cabo da marca Diamond tem conectores 2.0 banhados a ouro e é indicado para quem procura grande qualidade de imagem e som.

4º – Cabo HDMI 2.0 – ChipSCE

Esse cabo oferece recursos modernos como dual view, proporção de cinema e largura de banda. O cabo da marca ChipSCE conta com suporte para o padrão 2.0 e tem 3 metros de comprimento.

5º – Cabo HDMI 2.0 Gold 90 Graus 4K – Pix

Essa versão de cabo HDMI também é da fabricante Pix. O diferencial nesse caso um dos conectores é adaptado ao formato 90 graus, que evita dobras na hora da instalação.

As pontas são banhadas a ouro e o cabo tem suporte para o padrão 2.0, o que possibilita melhor qualidade de imagem nos aparelhos.

6º – Cabo HDMI 8m – Fortrek

Encontre esse produto em Amazon.com.br

Modelo de cabo HDMI padrão 1.4. A transmissão de imagens ocorre em velocidade que alcança até 10,2 Gbps. Tem 1,8 m de comprimento e é do tipo A. Ou seja, em uma das pontas tem o conector HDMI e na outra, o conector DVI.

Esse produto é voltado para quem tem dispositivos com tecnologias diferentes operando em conjunto.

Guia de Compra

A alta definição é uma realidade no Brasil. Seja na televisão por assinatura, no computador, vídeo game ou nas plataformas de streaming, a alta qualidade de som e imagem já é comum na casa de muita gente. Por isso o cabo HDMI se torna indispensável.

Continue lendo para conhecer tudo sobre esse tipo de cabo e, assim, saber escolher o melhor modelo para você.

Rapaz sentado no sofá jogando jogo de ação.

Com cabo HDMI, é possível conectar o videogame ao aparelho de TV, por exemplo. (Fonte: Andriy Popov / 123RF)

O que é um cabo HDMI e quais são suas vantagens?

Alta definição, ou HD, nada mais é do que um sistema de transmissão digital. A resolução HD começa em 1280×720 pixels. Hoje já existem equipamentos com resoluções que ultrapassam esses valores.

Telas com resolução Full HD ou então 4K já são comuns no mercado. As de 8K serão em breve uma realidade. Para que o conteúdo seja transmitido para essas telas, no entanto, é importante ter um bom cabo HDMI.

O significado da sigla HDMI é High-Definition Multimedia Interface, que em português significa Interface Multimídia de Alta Definição.

O HDMI é uma espécie de conexão digital que conta com a capacidade de transmitir vídeo e áudio em alta qualidade.

Essa função é exercida por meio de um único cabo. A tecnologia analógica anterior demandava o uso de cabos de vídeo e áudio de forma separada.

Quem tem mais idade certamente se lembra do emaranhado de fios que eram necessários para que aparelhos de DVD, videocassete ou videogames pudessem ser conectados à antiga TV de tubo.

Os cabos HDMI resolvem essa questão. Produtos eletrônicos que possuem essa porta podem se conectar uns aos outros com apenas um fio. Essa é uma das vantagens desse produto.

Notebook em cima da mesa, porta HDMI em primeiro plano.

HDMI podem conectar notebooks à TV e transmitir conteúdo em alta definição. (Fonte: PublicDomainPictures / Pixabay)

Eles são utilizados para conectar um dispositivo de alta definição, como um aparelho Blu-Ray ou vídeo game, a um televisor de LED, por exemplo. Para efetuar a conexão, é necessário colocar uma extremidade do cabo no slot do aparelho, que precisa ser conectado e a outra extremidade na porta HDMI do monitor.

O recomendável é fazer isso com os aparelhos desligados. Caso você queira conectar uma TV a um notebook, o sistema operacional do computador pode não reconhecer a entrada automaticamente. Nessas ocasiões, basta acessar o Painel de Controle, entrar na opção “Ajuste de tela” e habilitar a exibição para a TV.

Qual a diferença entre cabo HDMI 2.0 e 1.4?

Como já falamos, o cabo HDMI é importante para que os conteúdos em alta definição possam ser exibidos com a maior qualidade possível na sua televisão ou no monitor do seu computador.

Dependendo do modelo, pode haver diferença na qualidade e na velocidade de transmissão dos dados. O primeiro ponto em que você deve prestar atenção é o padrão do cabo que você pretende comprar.

Os dois padrões em uso hoje em dia são o 1.4 e 2.0. Como é mais antigo, o 1.4 tem aparecido com menos frequência. No entanto, muitos televisores e reprodutores de Blu-Ray e DVD mais antigos podem ser ainda desse padrão.

O padrão 2.0 é o mais moderno. Apesar da resolução 4K (4096×2160 pixels) já ser aceita anteriormente, foi com este padrão que a taxa de frequência chegou a 60 quadros por segundo.

Dessa forma, games de última geração e transmissões esportivas, momentos em que há grande movimentação na tela, são beneficiados.

A taxa de transferência de dados também é melhor no padrão 2.0: são até 18 Gbps. Quanto ao áudio, também houve um ganho significativo, suportando até 32 canais na frequência de 1536 kHz.

Veja na tabela abaixo as principais diferenças entre o padrão HDMI 2.0 e o 1.4:

HDMI padrão 2.0 HDMI padrão 1.4
Suporte a resolução 4K com 60fps 4K
Taxa de transferência 18 GBps 10,2 GBps
Saída máxima de áudio 49,15 Gbit/s 36,86 Gbit/s

Por que alguns modelos de cabo HDMI são banhados a ouro?

Quando você estiver pesquisando para escolher o seu novo cabo HDMI, você com certeza vai se deparar com a informação de que muitos modelos são banhados a ouro.

Diferentemente do que possa aparecer, isso não se trata de luxo. É uma técnica que não tem nada a ver com ostentação.

A galvanização é o termo técnico para produtos que passam por esse processo de revestimento. Trata-se de uma ação em que uma peça de metal é revestida por um outro metal mais nobre, no caso o ouro.

O objetivo principal é adiar o processo de corrosão. Além disso, caso haja algum dano, é mais simples trocar o material que fez o revestimento.

Esse processo utiliza ouro, pois esse é um metal resistente à oxidação e também aos processos de ação do tempo. Outro fato que estimula o uso da técnica é que o ouro conduz melhor a eletricidade.

Dessa forma, um cabo HDMI que tenha passado pelo processo de galvanização é um condutor mais eficiente de energia, o que melhora a qualidade do que é transmitido. Entre os benefícios, também podemos citar o menor atrito entre as peças (conector e porta) e uma resistência superior a altas temperaturas.

Quanto custa?

Modelos de cabos HDMI custam entre R$ 7 e R$ 80. Várias características podem influenciar nos valores desse produto.

Uma delas é o tamanho. O cabo pode medir alguns poucos centímetros (em geral, os menores têm 70 centímetros) ou então ultrapassar os 4 metros.

Outro fato que mexe com o preço é o material do qual são feitos os conectores. Caso ele seja banhado a ouro terá mais durabilidade, porém será mais caro.

Imagem de homem conectando hdmi em tv.

Verifique quais os tipos de conectores estão disponíveis na sua tv e seu computador. (Fonte: Ian Allenden / 123RF)

Onde comprar?

Os cabos HDMI são acessórios básicos para qualquer pessoa que queira conectar seu televisor com outros tipos de equipamento para transmissão de áudio e vídeo.

Até por conta disso, é muito fácil encontrar esse produto à venda. Em lojas de informática e até mesmo em supermercados, você pode encontrar as opções mais simples.

Na internet, você pode encontrar vários modelos disponíveis. Entre as principais lojas, podemos citar a Amazon, o Submarino e o Shoptime.

Critérios de compra: Fatores para comparar os modelos de cabo HDMI

Quem não fica na dúvida sobre qual produto é o melhor para levar para casa, não é mesmo?

Na hora de comprar seu novo cabo HDMI, é importante analisar todos os detalhes. Dessa forma, você não gasta dinheiro à toa e fica satisfeito com o que comprou. Então, leve em contas os seguintes pontos:

  • Material
  • Comprimento
  • Compatibilidade
  • Tipo
  • Micro e mini HDMI

Vamos falar um pouco de cada um deles na sequência.

Material

Os modelos de cabos HDMI são diversos, assim como o material do qual eles são construídos. Materiais melhores não vão necessariamente garantir que o conteúdo transmitido pelos cabos seja melhor, mas podem garantir mais durabilidade e também resistência.

Cabos feitos com material melhor vão durar mais e não serão substituídos rapidamente.

Muitos cabos HDMI têm seus conectores banhados a ouro. Eles passam por um processo técnico conhecido como galvanização. Isso significa que um material metálico mais nobre reveste outro material metálico.

Cabos que passam por esse tipo de processo tendem a ser mais resistente a corrosão e oxidação.

A qualidade deles é superior. Por conta desse aspecto, também são mais caros. Segundo especialistas, são ideais principalmente para quem trabalha com transmissões de áudio e vídeo. Se não é o seu caso, avalie se o custo benefício vale a pena.

Homem sentado em frente ao computador usando mesa gráfica.

É importante verificar a qualidade do material do seu cabo HDMI para obter uma imagem de qualidade. (Fonte: StockSnap / Pixabay)

Comprimento

O cabo HDMI é vendido em versões que têm diversos tamanhos. O mais comum é que eles variem entre 70 centímetros e até 4 metros.

Nessa situação, avalie se você realmente precisa de um cabo grande. Isso porque quanto maior for a extensão do cabo, maior será a chance de que ocorram interferências na hora em que os dados estiverem sendo transmitidos.

Essa é uma situação que pode acontecer caso você vá tentar conectar a TV da sala no computador que está em um outro cômodo, por exemplo. Nesse caso, certamente pode haver perda de qualidade no conteúdo transmitido.

Para usuários domésticos, esse problema pode até não ser comum. Em geral, a instalação ocorre em pequenas distâncias. De qualquer forma, vale a pena levar isso em conta antes de comprar seu cabo.

Compatibilidade

Como vimos em outras partes deste texto, existem dois padrões principais de cabo HDMI atualmente. O padrão 1.4, um pouco mais antigo, e o 2.0. O mais novo deles tem vantagens tecnológicas, é claro. Ele tem uma maior capacidade de transmissão de dados, entre outras características.

No entanto, para perceber a diferença, é preciso que todos os seus equipamentos estejam no mesmo nível de tecnologia. Ou seja, se você tem uma TV HD, não conseguirá desfrutar da resolução 4K, apenas com um cabo HDMI padrão 2.0.

Se você pretende assistir a um filme nessa resolução, por exemplo, sua TV, seu Blu-ray e seu cabo tem que conversar entre si, ter a mesma tecnologia. Caso contrário, haverá perda de qualidade.

Dessa forma, avalie quais os equipamentos serão utilizados com o cabo, antes de gastar seu dinheiro.

foco

Você sabia que antes da tecnologia dos cabos HDMI, as conexões com equipamentos de áudio e vídeo mais comuns eram feitas via RCA e Vídeo Componente?

Na RCA, os cabos possuem 3 pontas com cores diferentes: branca, amarela e vermelha. Duas são responsáveis pelo áudio e uma, pela imagem. Já no Vídeo Componente, o sinal de vídeo era separado em 3 cabos.

Tipo A ou Tipo B

Uma outra característica que deve ser levada em conta é se o cabo é do tipo A ou do tipo B.

Cabos HDMI do tipo A tem um conector HDMI em uma ponta e na outra o conector é do tipo DVI. Nesses casos, a conexão é digital e de alta definição, mas com um nível menor do que os cabos do tipo B.

O cabo do tipo B tem o chamado sistema dual link. Ou seja, o conector HDMI está nas duas pontas e estabelece o máximo de qualidade na transmissão de dados.

Mini e micro HDMI

Além da entrada HDMI, que estamos nos referindo nesse texto, existem também outros dois tipos de porta que cumprem a mesma função.

Mini HDMI é uma versão menor do HDMI. Ela é encontrada em alguns celulares e também em filmadoras. O tamanho da porta deixa mais fácil o uso em dispositivos portáteis. Já o micro HDMI é ainda menor que a versão mini.

Há adaptadores que possibilitam a conexão entre portas HDMI e mini ou micro HDMI. Se você comprar online, especialmente, certifique-se de estar adquirindo o produto certo.

(Fonte da imagem destacada: WikimediaImage / Pixabay)

Avalie este artigo

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
41 Voto(s), Média: 4,50 de 5
Loading...
Avatar

Publicado por REVIEWBOX