Seja bem-vindo ao ReviewBox Brasil! Hoje vamos falar sobre a calculadora, este equipamento tão importante em locais como escolas, faculdades e escritórios.

Uma calculadora é capaz de proporcionar liberdade para que você possa fazer cálculos complicados rapidamente, o que é fundamental para quem trabalha em negócios que exigem agilidade.

Neste artigo vamos falar sobre as calculadoras, e sobre as possibilidades que ela proporciona aos usuários. Também elaboramos uma lista com excelentes produtos disponíveis no mercado atualmente.

Primeiro, o mais importante

  • Uma das principais vantagens de uma calculadora é que elas são equipamentos cada vez mais ágeis, que permitem fazer cálculos complicados em muito pouco tempo.
  • Se você está em dúvida se deve comprar uma calculadora com impressora ou sem, vamos explicar as diferenças entre elas neste artigo.
  • Uma das principais características a se buscar em uma calculadora deve ser a bateria, para que ela não fique sem carga em momentos importantes como provas e reuniões.

Você também pode gostar:

Ranking: As 6 melhores calculadoras

Você não deve apenas buscar pela calculadora que custa o menor preço, mas também pelo equipamento que oferece a melhor durabilidade. Pensando nisso nós reunimos os 6 melhores modelos de calculadora para você nesse ranking:

1° – Calculadora Gráfica com 2300 Funções – HP

Encontre esse produto em Amazon.com.br

Essa calculadora é ideal para estudantes de topografia, engenharia, matemática e ciências, e inclui um slot com entrada para cartão SD, além de um visor de alto contraste.

O usuário pode escolher se quer os gráficos em 2D ou 3D e pode transmitir os dados via infravermelho. Ela possui 2300 funções embutidas, e acompanha uma capa protetora.

2° – Calculadora Cientifica 65560 – Casio

Encontre esse produto em Amazon.com.br

Essa calculadora científica da Casio é uma indicação da Amazon e está disponível totalmente em português. Conta com 553 funções e o visor exibe as expressões como em um livro.

A tela de alta resolução reproduz excelentes gráficos, e as fórmulas são facilmente aplicadas, inclusive em modo de multiexecução.

Quando a luz é suficiente, esse modelo tem alimentação solar. Ou seja, a indicação perfeita se você busca uma calculadora completa.

3° – Calculadora – Elgin

Encontre esse produto em Amazon.com.br

Essa calculadora possibilita com que você imprima os seus cálculos em 2 cores, para facilitar a conferência dos cálculos. Através dela, é possível calcular taxas, constantes, porcentagem, além de muitas outras coisas.

Ela possui calendário, relógio, adaptador de voltagem, além de seu visor ser capaz de mostrar até 12 dígitos na tela. Ela é uma ótima calculadora para uso doméstico ou no seu negócio.

4° – Calculadora Financeira Programável – HP

Encontre esse produto em Amazon.com.br

A calculadora financeira HP 12C é uma das mais famosas do mundo, pois ela permite que cálculos financeiros sejam realizados de maneira rápida e prática através do Sistema de Notação Polonesa Reversa.

Ela possui mais de 120 funções, que incluem TVM, NPV e IRR, além de memória para 20 fluxos de caixa, o que facilita muito a vida de quem vai utilizá-la para fazer os cálculos do próprio negócio.

Review em Vídeo

5° – Calculadora Científica com 417 Funções – Casio

Encontre esse produto em Amazon.com.br

Essa calculadora possui 417 funções, além de um visor com 4 linhas, que torna a visualização das fórmulas mais fácil. Ela possui também dupla alimentação solar e à bateria, o que possibilita que ela nunca fique sem carga.

Ela possui funções de cálculo integral, cálculo diferencial, cálculo vetorial, cálculo matricial, cálculo com números complexos, conversão de unidades, dentre muitas outras.

6° – Calculadora Portátil – Casio

Encontre esse produto em Amazon.com.br

Essa calculadora possui um visor extragrande que facilita a visualização dos dígitos, além de uma dupla alimentação por meio de energia solar e bateria, que nunca vai permitir que você fique sem carga no seu equipamento.

Ela possui as teclas TAX- e TAX+, que facilitam o cálculo de impostos, através do cálculo automático do preço somado com o valor da alíquota, valor do desconto e margem de lucro.

Guia de Compra

Embora a maioria dos nossos eletrônicos possua uma calculadora integrada, algumas vezes nós precisamos é mesmo da velha e boa calculadora em mãos. Especialmente para quem precisa de modelos específicos, como a financeira e científica.

Se você precisa comprar uma calculadora, mas não sabe por onde começar, nós organizamos todas as informações que você precisa ao longo de Guia. Vem com a gente!

Mulher usando calculadora e um macbook em uma mesa.

Mesmo com o avanço da tecnologia, certos momentos é melhor ter uma calculadora física em mãos. (Fonte: FirmBee / Pixabay)

O que é uma calculadora e quais são as suas vantagens?

A história das calculadoras começa em 2.500 a.C, quando foi inventado o ábaco, um instrumento simples que é conhecido como o primeiro equipamento a ser criado para ajudar nos cálculos matemáticos.

Se você ainda não conhece o ábaco, o vídeo abaixo explica melhor como ele funciona:

Depois disso, houve muitas melhorias nas calculadoras até que chegássemos ao que temos atualmente, pois elas se tornaram equipamentos portáteis e fáceis de usar, além de muito acessíveis.

Os professores muitas vezes possuem dúvidas se devem ou não permitir o uso de calculadoras em salas de aula, pois acham que os alunos vão ficar mal-acostumados.

A verdade é que a tecnologia está tão presente atualmente na vida de todos que é preciso utilizar estes equipamentos, embora sempre com equilíbrio, é claro.

Saber utilizar calculadoras científicas e financeiras é um conhecimento muito valorizado no mercado de trabalho, por isso é importante deixar que os alunos utilizem estas ferramentas desde cedo.

O único problema para estudantes que utilizam estas ferramentas é que nas provas e exames normalmente não são permitidos estes equipamentos, principalmente as calculadoras gráficas, que permitem que sejam armazenadas muitas informações.

Profissionais que utilizam calculadoras científicas e financeiras possivelmente perceberão um aumento na própria produtividade depois de incluir estes equipamentos em seus trabalhos, pois elas proporcionam maior agilidade nos cálculos.

Especialmente as científicas e financeiras podem ser um pouco mais complicadas de compreender, já que elas possuem muitas funcionalidades. Algumas delas possuem tutoriais e guias online que ajudam a conhecer melhor as funções.

Por fim, uma desvantagem que está relacionada principalmente a calculadoras financeiras, é que algumas delas possuem uma interface ultrapassada, o que pode incomodar algumas pessoas.

Veja abaixo a tabela que fizemos sobre as vantagens e desvantagens das calculadoras:

Vantagens
  • Portátil
  • Fácil de usar
  • Acessível
  • Conhecimento valorizado no mercado de trabalho
  • Agilidade
Desvantagens
  • Exames e provas proíbem alguns modelos
  • Complexidade
  • Interface ultrapassada

Calculadora com ou sem impressão?

Muitas calculadoras disponíveis no mercado atualmente possibilitam a impressão de um papel com os cálculos realizados, podendo inclusive imprimir em cores para diferenciar valores positivos de negativos.

Normalmente esse tipo de calculadora é visto em comércios e escritórios, pois elas possibilitam que a conferência das contas seja feita de forma mais fácil. Além disso, elas funcionam como uma espécie de relatório instantâneo, o que é excelente para diversas áreas.

Dependendo do uso que você queira fazer de uma calculadora com impressão, ela pode ser adequada ou não, por isso é necessário saber qual o seu objetivo ao adquirir o equipamento.

Dependendo da velocidade do digitador, a calculadora pode ser muito lenta para imprimir. As calculadoras de impressão que são indicadas para uso esporádico imprimem 2 linhas por segundo, as de uso médio 3 linhas e as de uso profissional 4 ou mais linhas.

Abaixo fizemos uma tabela com as principais diferenças entre uma calculadora comum e uma calculadora com impressão:

Calculadora comum Calculadora com impressão
Destaque São mais portáteis e não gastam papel Podem imprimir em cores e apresentam relatório instantâneo
Tamanho Podem ter tamanhos variados Podem ter tamanhos variados
Investimento Baixo Médio / Alto

Quanto custa?

Uma boa calculadora pode custar entre R$ 30 e R$ 1.500, dependendo do uso que você irá fazer dela, ou seja, se vai utilizá-la diariamente para fazer cálculos complexos ou se é somente uma utilização esporádica.

Uma calculadora pode ter uma vida útil longa, desde que o equipamento seja de uma marca confiável e que ela seja bem cuidada pelo seu dono, então o preço deve ser analisado também do ponto de vista da durabilidade do material.

Você pode obter mais informações sobre a vida útil da calculadora que deseja adquirir através das avaliações de outros usuários que compraram o mesmo equipamento. A Internet é uma ótima ferramenta para descobrir esse tipo de informação.

foco

Você sabia que a primeira calculadora mecânica foi inventada em 1642, por Blasise Pascal, que possuía apenas 19 anos?

Ele queria ajudar o pai, que trabalhava como cobrador de impostos, e por isso inventou essa máquina que somava e subtraía. O inventor morreu aos 39 anos, mas deixou um legado que mudou a matemática para sempre, com diversas linhas de pesquisa nas áreas de geometria e probabilidades.

Onde comprar?

Comprar uma calculadora é uma tarefa relativamente fácil, pois existem muitos lugares que vendem estes equipamentos, e você poderá comprá-la tanto nova quanto usada, de acordo com a sua disponibilidade financeira.

Lojas como Kalunga e Americanas são locais em que poderá encontrar estes produtos, além de outras lojas especializadas em equipamentos eletrônicos ou papelaria, que provavelmente terão o que você precisa.

Caso prefira comprar online, existem diversos sites em que é possível encontrar calculadoras de boa qualidade e com bom preço, como é o caso da Amazon.

Se estiver disposto a comprar um equipamento usado, poderá adquirir um produto com tecnologia mais avançada com um preço melhor do que um novo. Um dos melhores sites para adquirir calculadoras usadas é no Mercado Livre.

Critérios de compra: Principais características para avaliar calculadoras

Existem certas características que são fundamentais em uma calculadora, como as listadas a seguir:

  • Funções
  • Visor
  • Bateria
  • Resistência
  • Design
  • Tamanho
  • Integração com dispositivos
  • Entrada USB
  • Manual

A seguir vamos detalhar as características mais importantes para que você consiga escolher o equipamento mais adequado para você.

Funções

Um dos principais motivos pelos quais uma pessoa opta por uma calculadora é para poder realizar diferentes operações matemáticas de forma mais rápida e fácil.

Por isso, existem opções de calculadoras disponíveis no mercado com 400, 500 ou até mesmo 2000 funções diferentes, para abranger usuários das mais variadas áreas do conhecimento. Dentre as funções de uma calculadora, encontram-se as seguintes:

  • Raiz quadrada
  • Combinação
  • Conversão de unidades
  • Cosseno
  • Desvio padrão
  • Juros compostos
  • Juros simples
  • Fatoração
  • Integral
  • Limite

As funções de uma calculadora vão variar muito de acordo com o tipo de equipamento que você escolher, pois calculadoras científicas são voltadas para quem é da área de exatas, enquanto as financeiras são adequadas para empresários e estudantes de administração, ciências contábeis e economia.

Portanto, é preciso saber quais funções você precisará utilizar antes de comprar uma calculadora, pois dependendo da área de estudo ou trabalho, ela será de um modelo diferente.

Além disso, não adianta comprar uma calculadora com 2000 funções e utilizar poucas delas, para que não acabe pagando mais caro pelo seu equipamento.

Visor

O visor é outro elemento importante de uma calculadora, pois ele deve ser fácil de mexer, e mesmo usuários que nunca tiveram contato com uma calculadora devem sentir-se a vontade ao utilizar as funções dela.

Um dos fatores primordiais de uma calculadora é que ela possua um menu em português, pois é mais fácil saber quais são as funções na sua própria língua. Como a complexidade destes equipamentos é grande, ter a calculadora na sua própria língua ajuda muito.

O visor pode ter uma ou várias linhas, e, os que possuem mais linhas costumam ser mais didáticos, pois mostram a função exatamente como ela aparece nos livros, o que possibilita que um aluno se familiarize mais rapidamente com o equipamento.

Outra característica do visor é que ele pode ser colorido ou não, sendo que normalmente são as calculadoras gráficas que possuem essa característica.

Bateria

A bateria determina quanto tempo você vai poder utilizar a sua calculadora antes que a carga acabe. Isso significa que ela pode acabar em momentos cruciais para você, como no meio de uma prova importante, ou em uma reunião com um cliente em potencial.

Muitas fabricantes de calculadoras têm optado por fornecer opções aos usuários com relação a isso, pois muitos equipamentos agora possuem a recarga com energia solar além da bateria.

Isso dá uma segurança a mais para quem está com medo de ficar sem bateria em meio a alguma situação importante, pois, quando acaba a bateria, a energia solar se encarrega de permitir que você termine o que estava fazendo com a calculadora.

Imagem mostra uma calculadora em cima de um documento e uma caneta ao lado.

Muitas calculadoras atuais possuem uma bateria e uma fonte de energia solar, para que sirva de garantia caso a bateria acabe (Fonte: 777546 / Pixabay)

Resistência

Uma calculadora deve ser resistente, pois, por serem equipamentos que estão sempre nas mãos, correm o risco de cair no chão, e por isso precisam de uma proteção extra.

Uma das formas de proteger a calculadora é através de uma capa dura que acompanha a maioria delas. Se o usuário colocar a calculadora na capa toda vez que terminar de utilizar o equipamento, o risco de que a calculadora quebre com um choque será muito menor.

Por serem, na maioria dos casos, feitas de plástico, essas calculadoras costumam ser duráveis, e muitas pessoas passam longos anos com o mesmo equipamento. Para que a sua calculadora também dure muito, é importante que escolha com calma, e que eleja um fabricante que tenha uma boa reputação no mercado.

Design

O design é outro aspecto interessante das calculadoras, pois ele não só determina a elegância do equipamento, como também diferencia as calculadoras financeiras das científicas.

Isso ocorre porque, as calculadoras financeiras normalmente são mais largas e possuem pouco comprimento, enquanto as calculadoras científicas possuem maior comprimento e menor largura.

O design é importante também além do aspecto estético, pois a utilização da calculadora deve ser fácil, através de teclas que sejam separadas para não propiciar erros de digitação e de um visor que seja do tamanho suficiente para a sua necessidade.

Imagem mostra uma calculadora, uma caneta ao lado e algumas moedas.

Calculadoras científicas possuem maior comprimento e menor largura. (Fonte: PublicDomainPictures / Pixabay)

Tamanho

Para muitas pessoas a calculadora ideal deve caber no bolso, enquanto outras não se importam tanto com esse aspecto e desejam um equipamento de qualidade mesmo que seja maior do que a média.

Calculadoras financeiras normalmente são um pouco menores, e pode ser até que caibam no bolso eventualmente, mas as gráficas e científicas possuem dimensões mais avantajadas, e, consequentemente, vai ser mais complicado carregá-las para todos os cantos.

Por isso pesquise antes de comprar e tente ver a calculadora pessoalmente, para verificar todos os aspectos que são importantes para você.

Integração com dispositivos

Diante da tecnologia a que estamos submetidos atualmente, as calculadoras não poderiam ficar de fora, e, por isso, muitas delas já conseguem se conectar a outros dispositivos.

Isso pode ocorrer através de um código QR, que basta emparelhar com o dispositivo que você deseja parear, ou através do bluetooth.

Através da conexão com outros dispositivos é possível que você consiga transferir planilhas, gráficos e cálculos entre eles, o que auxilia muito em determinadas áreas de atuação profissional.

Imagem mostra uma calculadora e uma caneta ao lado em cima de um documento.

As calculadoras atuais podem se conectar a outros dispositivos para transferir planilhas, gráficos e cálculos. (Fonte: stevepb / Pixabay)

Entrada USB

Outro recurso que muitas calculadoras mais novas no mercado possuem atualmente é a entrada para cabo USB, que permite que a bateria seja carregada através do seu computador.

Essa é uma tendência da atualidade, pois as baterias comuns frequentemente acabam no meio de tarefas importantes dos usuários, e o carregamento por meio do USB é mais fácil, pois ele pode ser conectado a outros dispositivos como um computador.

Infelizmente as calculadoras que possuem entrada USB ainda são bem mais caras do que as comuns, mas aos poucos essa conexão vai começar a se popularizar, e logo elas estarão com preço bem mais acessível.

Manual

Por fim, um dos itens mais importantes a serem observados antes de comprar uma calculadora é o manual dela, pois ele deve possuir explicações claras sobre cada um dos detalhes do equipamento.

Além disso, é importante sempre verificar se ele está em português, pois isso facilitará muito para que você entenda as explicações sobre cada uma das funções.

(Fonte da imagem destacada: rawpixel.com / Pexels)

Avalie este artigo

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
45 Voto(s), Média: 4,00 de 5
Loading...
Avatar

Publicado por REVIEWBOX