Carrinho guarda-chuva vermelho

Você já ouviu falar no carrinho guarda-chuva? Também conhecido como umbrella, significado da palavra em inglês, esse modelo se trata de um carrinho de bebê mais compacto e leve, com fechamento fácil em estilo guarda-chuva. Se deseja aprender mais sobre eles, seja muito bem-vindo ao ReviewBox Brasil.

O carrinho guarda-chuva é perfeito para passeios curtos ou para levar em viagens. Siga conosco para saber suas vantagens e aprender a escolher o melhor modelo para seu bebê.

Primeiro, o mais importante

  • O carrinho guarda-chuva possui sistema de fechamento muito facilitado, sem contar que seu diferencial está no seu peso e tamanho.
  • Eles são excelentes para viagem, por serem mais compactos que o modelo tradicional, o carrinho guarda-chuva cabe facilmente no porta malas e pode ser levado no avião.
  • Com menos de R$ 200 você consegue investir em um carrinho guarda-chuva, mas também existem modelos que ultrapassam os R$ 1.000.

Você também pode gostar:

Os melhores carrinhos guarda-chuva: Para todos os orçamentos

Um carrinho guarda-chuva pode custar de R$ 150 a R$ 1.500. Pensando nisso, selecionamos modelos para diferentes orçamentos. Dessa forma você pode escolher um bom modelo para seu bebê que caiba no seu bolso:

Carrinho de bebê super compacto

Esse carrinho guarda-chuva é o menor e mais compacto carrinho quando dobrado. Ele possui a possibilidade de reclínio. É um carrinho de bebê indicado para passeios e viagens, inclusive para ser levado no avião. Pesa menos de 5 kg e sua capota ainda conta com FPS50 e repelente à agua.

Carrinho guarda-chuva Fischer Price

Esse modelo de carrinho guarda-chuva é indicado para crianças do nascimento aos 15 kg. Ele é feito de alumínio e por isso é muito leve. Ele é 100% reclinável e acompanha capota retrátil e removível com design moderno, alça lateral de transporte, cinto de 5 pontos almofadado, cesta porta objetos e suporte para pés reclinável.

Carrinho guarda-chuva com assento em três posições

Disponível nas cores azul, vermelho e preto, esse modelo da Safety 1st é bem compacto. O assento é reversível e removível, ou seja, pode ser virado para os pais ou para a frente. O encosto tem três posições de reclínio. A capota é retrátil e extensível com para-sol e visor e o cinto de segurança é de cinco pontas.

O mais barato da categoria

Esse modelo de carrinho guarda-chuva é muito leve, mas também resistente. Ele pode ser usado com ou sem capota e possui um preço muito baixo, sendo seu maior diferencia. É um modelo simples, mas bem avaliado. Ideal para bebês a partir de 6 meses até 15 kg. Tem apoio para os pés, freios interligados nas rodas traseiras, travas de movimento nas rodas dianteiras e cinto de segurança de cinco pontos com ajuste de altura.

Guia de Compra

Passear com os filhos não precisa ser uma tremenda dor de cabeça. O carrinho guarda-chuva veio para facilitar a vida dos pais e aliviar o peso na hora de dar uma voltinha com o bebê.

Para aprender tudo sobre esse modelo de carrinho de bebê, leia esse Guia de Compra até o fim. Assim você saberá tudo que precisa para fazer a melhor escolha para seu bebê.

Imagem de costas e com close em pés de mulher andando empurrando um carrinho de bebê.

O modelo de carrinho guarda-chuva se difere dos demais por ser leve e compacto. (Fonte: distel2610/ Pixabay.com)

Quais as características de um carrinho guarda-chuva?

A grande diferença de um carrinho guarda-chuva é de fato sua forma compacta, especialmente quando fechado. Ele possui um sistema de fechamento facilitado, que imita um guarda-chuva, daí vem seu nome.

Ele também costuma ser muito leve, pesando menos de 5 kg. É indicado para passeios curtos, ou viagens, por caber no porta malas e poder ser levado no avião em maiores transtornos.

Quando aberto, ele tem uma aparência bastante simples. Almofadas mais finas, menos peças e tem uma linha bem minimalista. Mas se engana quem pensa que ele não é confortável ou funcional.

foco

Você sabia que o carrinho guarda-chuva é um dos mais baratos da categoria? Com menos de R$ 150 você encontra bons modelos para passear com seu bebê.

Quando é indicado o uso de um carrinho guarda-chuva?

O carrinho guarda-chuva é o modelo ideal para pequenos passeios do dia a dia, como shoppings, praças, parques e até mesmo uma leve caminhada. É um carrinho feito para superfícies lisas, sem muitos obstáculos.

Por ele ser compacto e caber no porta malas de qualquer carro, é uma opção para quem viaja frequentemente para passar o fim de semana em uma casa de praia ou campo. Assim, sobra espaço para outros pertences da família e do bebê.

Ainda falando em indicação, mas agora de acordo com a idade do bebê, ele é especialmente indicado para bebês que já completaram seis meses até crianças de três anos.

Algumas marcas reforçam que seus carrinhos guarda-chuva podem ser usados desde o nascimento, mas não são opções confortáveis para recém-nascidos ou bebê que ainda não sejam firmes.

Ainda é possível considerar a indicação pelo peso, o mais comum é que ele suporte no máximo entre 15 e 20 kg.

Menino em um carrinho de bebê chupando bico e segurando um paninho.

É indicado que o bebê já tenha completado seis meses para usar o carrinho guarda-chuva. (Fonte: Sharon McCutcheon/ Unsplash.com)

Quais as vantagens de um carrinho guarda-chuva?

Como já dissemos, mas não custa reforçar, sua maior vantagem é pelo fato de ser compacto e leve. Dessa forma, esse modelo se torna uma das melhores opções para transportar em carros, ônibus, avião ou ainda fazer pequenos passeios.

Mesmo que você tenha um carro com bagageiro pequeno, provavelmente um carrinho guarda-chuva poderá ser levado no seu veículo.

Sua abertura e fechamento são simples e fáceis de executar, podendo muitas fazê-los com apenas uma mão.

Passear se torna mais animador e agradável, além de prático.

Todas essas vantagens são mesmo consideradas no dia a dia, quando os papais e mamães já possuem muitas coisas para carregar, mesmo que a ideia seja dar apenas uma voltinha no shopping. Com tantas facilidades, passear se torna mais animador e agradável, além de prático.

E quando você retorna do seu passeio, pode guardá-lo em casa sem maiores problemas. Depois de fechado, ele cabe em qualquer cantinho.

Para finalizar os pontos positivos, seu preço baixo é algo que realmente sai na frente.

Mas o carrinho guarda-chuva também possui desvantagens. Não é o modelo mais indicado para menores de seis meses. E também não deve ser utilizado em superfícies que não sejam lisas e planas.

Vantagens
  • Compacto e leve
  • Perfeito para transportar no carro, ônibus ou avião
  • Cabe em qualquer porta malas
  • De fácil montagem e desmontagem
  • Traz praticidade, deixando passeios menos trabalhosos e mais agradáveis
  • Fácil de armazenar em casa
  • Preço mais baixo do mercado
Desvantagens
  • Não indicado para menores de seis meses
  • Não ideal para caminhos que não seja lisos e planos

Qual a diferença entre um carrinho guarda-chuva e convencional?

Com todas as informações trazidas até aqui fica fácil concluir sobre as diferenças entre um carrinho convencional e o modelo guarda-chuva.

O modelo convencional é um carrinho para toda situação, indicação e idade. Pode ser usado desde o nascimento até a criança não caber mais, seja por tamanho ou peso.

Ele acaba sendo mais versátil, já que serve de caminha para os bebês em casa e pode ser usado em passeio curtos ou longos. Tudo isso porque ele é mais confortável e contar com mais peças e elementos. É comum que o carrinho de bebê convencional tenha mais acessórios, camadas de almofadas e recursos.

Porém, ele também é muito mais pesado e robusto, ocupando mais espaço em casa, no carro e dificultando um passeio.

Confira as diferenças entre os dois modelos na tabela abaixo:

Carrinho convencional Carrinho guarda-chuva
Compacto Não Sim
Peso Cerca de 10 kg Geralmente menos que 5 kg
Preço Variável, entre R$ 300 e R$ 3.000 Mais acessível, a partir de R$ 100
Conforto Mais confortável Mais seco
Idade indicada Do nascimento até não caber mais A partir dos seis meses

Quais os modelos de carrinho guarda-chuva?

O carrinho guarda-chuva já é um modelo bem específico dentro dessa categoria, portanto, não existem muitas opções diferentes.

O que pode variar são pequenos detalhes que deixam o carrinho mais ou menos completo.

Existem modelos bem simples e secos e outros que chegam perto de um carrinho convencional, mas ainda são leves e de fechamento compacto em estilo guarda-chuva. Essa é a primeira diferença que você pode observar entre os modelos de carrinho guarda-chuva, como a densidade das almofadas e quantidade de recursos que ele oferece.

Menina em um carrinho de bebê.

A maior variação nos carrinhos guarda-chuva é sobre o acabamento e reclínio. (Fonte: verdes cosmin/ Unsplash.com)

Outro ponto que pode torná-los diferente é sobre os graus de reclínio que ele possui. É muito difícil encontrar um modelo que não seja reclinável. O mais comum é que ele permita que o bebê fique sentado, e também deitado.

Alguns modelos oferecem um reclínio total, ou seja, é possível deitar o carrinho caso o bebê pegue no sono, outros possuem apenas um reclínio mais leve. Prefira modelos que possuam três níveis de reclínio diferentes, trazendo mais conforto para o seu bebê.

Nós falaremos mais sobre outros recursos que diferem os modelos na seção Critérios de Compra.

Quanto custa e onde comprar um carrinho guarda-chuva?

Com certeza o lugar com mais variedade e ofertas é a internet. Lojas físicas podem não ter esse modelo, ou ainda apresentar apenas uma opção. Comprando online você encontra diferentes modelos. Indicamos a Amazon Brasil e as Lojas Americanas.

A boa notícia é que você não precisa gastar muito para comprar um carrinho guarda-chuva. Com R$ 100 você pode escolher um modelo simples. Claro que existem modelos que preços elevados que podem ultrapassar R$ 1.000, mas é muito bom saber que existem opções para todos os orçamentos.

Critérios de Compra: Aprenda a escolher o melhor carrinho guarda-chuva

Agora que você já sabe quase tudo sobre o carrinho guarda-chuva, chegou a hora de conhecer os critérios essenciais para sua escolha. Veja abaixo:

Confira cada um deles atentamente para fazer a melhor comprar para o seu bebê:

Marca

A marca pode informar muito sobre sua qualidade. Priorize marcas que você já conhece – mesmo que outros produtos – e também as mais famosas. Fischer Price, Safety 1st, Chico, Galzerano e Multikids são ótimas opções.

Escolher uma boa marca também está relacionado com a assistência que a mesma presta em caso de necessidade. Por isso vale a pena investir em uma marca melhor.

Peso

Quem busca um carrinho guarda-chuva com certeza busca leveza. É comum que esses modelos pesem menos de 5 kg, porém, isso não é uma verdade absoluta. Sempre confira a descrição para ter certeza que está comprando um carrinho guarda-chuva leve, especialmente nas compras online.

Ainda sobre o peso, confira a capacidade máxima do carrinho. É normal que eles aceitem o peso máximo de 15 kg, ou seja, quando a criança tem por volta dos três anos de idade. Alguns podem aceitar mais ou menos peso, fique atento.

Mulher agachada conversando com bebê em carrinho.

Certifique-se de que o carrinho guarda-chuva seja leve e tenha boa capacidade para suportar seu bebê. (Fonte: maximkabb/ 123rf.com)

Dimensões

Embora sua característica principal seja ser um carrinho compacto, sempre confira as dimensões do produto quanto aberto e especialmente fechado.

Quando você desmonta o carrinho, é ideal é que ele fique o mais compacto possível para caber no seu porta malas, e mais, ainda deixar um pouco de espaço livre para outros pertences. Leia na descrição as medidas para evitar surpresas desagradáveis. Alguns modelos guarda-chuva podem ter quase o tamanho de um convencional.

Rodas

O mais comum é que o carrinho guarda-chuva tenha quatro rodas, porém, existem modelos de apenas três, podendo deixa-lo ainda mais leve. Mais importante do que a quantidade, é o sistema de travas de segurança, certifique-se de que o modelo escolhido conte com essas travas.

Protetor

O protetor, também conhecido como capota, varia muito nesse modelo de carrinho. Ele pode imitar o estilo do carrinho tradicional, sendo ajustável em diferentes níveis, ou apenas contar uma aba reta que pode ser removível.

Quanto maior o protetor, melhor para o bebê. Porém, mais pesado e robusto fica o carrinho guarda-chuva. Avalie o melhor para sua necessidade.

Algumas capotas contam com proteção solar dos mais variados fatores, pode ser um diferencial na sua busca.

Cesto

O cesto, ou bandeja de objetos não é algo indispensável. Muitas opções desses carrinhos não possuem esse acessório. Avalie para quais passeios você busca um carrinho guarda-chuva e veja a funcionalidade do cesto nesse caso.

Reflita se ele não atrapalha o fechamento e abertura. Se optar pelo modelo com o cesto, confira a capacidade máxima suportada, que geralmente e de 5 kg.

Um carrinho de bebê de frente para o outro com crianças de olhando.

O cesto pode ser bem funcional, desde que não atrapalhe o fechamento. (Fonte: ababaka/ 123rf.com)

Facilidade para abrir e fechar

De nada adianta investir em um carrinho guarda-chuva que dê trabalho para abrir e fechar. A montagem e desmontagem desse modelo é uma das caraterísticas fundamentais para sua escolha.

Se possível, teste o modelo na loja, tente fazer a abertura e fechamento com apenas uma mão. Caso opte pela compra online, leia o que os usuários dizem sobre isso nas avaliações.

Design

Esse ponto é pessoal e ilimitado. Existem carrinhos extremamente básicos e com cores bem neutras. Porém, também é possível encontrar edições divertidas, com estampas super coloridas e temáticas.

Pense naquele que combina com sua personalidade e também a o seu filho. Um passeio no carrinho guarda-chuva bem colorido pode ser um motivo de diversão para a criança.

(Fonte da imagem destacada: Panotthorn Phuhual/ 123rf.com)

Por que você pode confiar em mim?

Curiosa por natureza, escolheu jornalismo na graduação. Adora pesquisar sobre os mais diversos assuntos, especialmente aqueles relacionados a construção do lar, crianças e maternidade. Apaixonada pelos animais e cada vez mais interessada pela sustentabilidade, quer trazer mais sobre esses universos para o leitor.