Cartões e dinheiro em dólar.

Se você busca por uma forma de fazer compras e realizar pagamentos que seja prática, barata e segura, o artigo de hoje é justamente para você. Isso porque, hoje, nós vamos explicar tudo sobre o cartão pré-pago.

Essa modalidade de pagamento tem conquistado os brasileiros, seja pelo seu funcionamento, que ajuda a controlar as finanças; seja pela praticidade de não precisar andar com dinheiro em espécie por aí.

Mas como hoje em dia são muitas as operadoras que oferecem o cartão pré-pago, com taxas e tafrias que variam bastante, nós vamos explicar nesse artigo o que você deve considerar para adquirir o melhor entre eles.



Primeiro, o mais importante

  • O cartão pré-pago livra você dos juros e do endividamento com parcelas.
  • No entanto, essa modalidade de pagamento não está livre de taxas e tarifas.
  • Nesse artigo, você vai entender as vantagens e desvantagens do cartão pré-pago e como escolher o melhor entre os vários disponíveis.

Você também pode gostar:

Os melhores cartões pré-pagos: Nossas recomendações

Escolher um cartão nunca é uma tarefa simples. Afinal, existem diversas opções, com condições de uso diferentes, para atender a várias necessidades. Por isso, nós selecionamos os melhores cartões pré-pagos disponíveis hoje em dia no mercado. Confira:

O cartão mais tradicional de todos

O Ourocard pré-pago do Banco do Brasil não tem anuidade e nem cobra pela recarga, que é feita nos terminais de autoatendimentos, pela internet ou pelo app do banco. Além disso, você pode ter até cinco cartões, não precisa comprovar renda mínima e ainda pode usar o cartão pré-pago para compras na internet. Ainda assim, são cobradas tarifas de emissão, de manutenção mensal e de saque a partir do terceiro realizado no mês.

O pré-pago que oferece mais vantagens

O cartão pré-pago da Visa é aceito em milhões de estabelecimentos comerciais, em diversos países. Com ele, você pode comprar via internet, telefone ou em lojas físicas. Além disso, esse cartão oferece acesso à plataforma Vai de Visa, onde você pode se cadastrar em promoções exclusivas e aproveitar as ofertas.

A melhor opção para quem não tem conta em banco

O BRBCard pré-pago é habilitado para efetuar saques na rede BRB e na rede Banco24Horas. Além disso, você pode recarregar o cartão pré-pago quantas vezes quiser. A vantagem desse pré-pago é que ele dispensa uma conta em banco, facilita recebimento de salários, pagamentos de mesadas e prestação de serviços.

Guia de Aquisição: Tudo o que você precisa saber sobre o cartão pré-pago

Hoje em dia, realizar compras e pagamentos com o cartão é de fato a opção mais prática e segura. Mas a realidade é que as modalidades de cartões se diversificaram. Hoje você vai encontrar o cartão de crédito, o de débito e o pré-pago.

E o pré-pago é o que mais tem se popularizado por conta de suas múltiplas vantagens. Tanto é que, segundo a Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs), as transações com o cartão pré-pago somaram R$3,5 bilhões no primeiro trimestre de 2019, um aumento de quase 59% em relação ao ano passado. (1)

Para você entender tudo sobre o cartão pré-pago, nós criamos esse Guia de Compra. Aqui vamos mostrar como funciona, quais as vantagens e desvantagens e onde e como adquirir o melhor cartão pré-pago.

Mulher mostrando o cartão, com notebook à frente.

O cartão pré-pago está cada vez mais popular entre os brasileiros (Fonte: DigitalMarketingAgency/ Pixabay.com )

O que é e como funciona o cartão pré-pago?

Você já deve ter ouvido falar no celular pré-pago, aquele em que você paga adiantado pelos créditos que irá utilizar para enviar mensagens, fazer ligações e acessar a internet. O fato é que o cartão pré-pago segue a mesma linha de funcionamento.

Ao adquirir um cartão pré-pago, você realizar uma recarga com o valor que você desejar. É como se você fizesse um depósito, mas ao invés de o dinheiro cair em um conta bancária, ele fica disponível diretamente no cartão.

A grande vantagem é que, dessa forma, você gasta apenas o que está disponível no cartão, ou seja, não é possível parcelar a compra.

Mulher passando o cartão na maquinha.

O cartão pré-pago é menos burocrático e ainda ajuda a controlar os gastos. (Fonte: Blake Wisz/ Unsplash.com)

Outra característica do cartão pré-pago é que, em geral, ele dispensa algumas burocracias exigidas para a aquisição, como ocorre no caso do cartão de crédito, por exemplo.

Além disso, você pode usar esse tipo de cartão para comprar em lojas físicas, sacar em caixas eletrônicos e, em muitos casos, até para comprar online.

Vale ressaltar ainda que, apesar de o cartão pré-pago não ter anuidade, na maioria das vezes exista a cobrança de tarifas de adesão e de mensalidade.

Dessa forma, de modo geral, ainda que existam diferenças entre os cartões pré-pagos oferecidos pelas operadoras, a maioria deles funciona assim:

  • Para fazer compras, você precisa ter saldo suficiente
  • Consultas de saldo podem ser feitas pelo site ou aplicativo do cartão pré-pago
  • Não é possível parcelar uma compra no cartão pré-pago
  • Na maioria das vezes é possível comprar pela internet, utilizando a função crédito

Qual a diferença entre o cartão pré-pago, de crédito e de débito?

Antes de você optar pelo cartão pré-pago é importante que você entenda as diferenças entre ele e os cartões tradicionais, como o de crédito e o de débito. As três modalidades são aceitas em lojas físicas e, na maioria dos casos, também em lojas online. Mas as semelhanças param por aí.

Tanto o cartão de crédito quanto o de débito exigem que você tenha uma conta bancária, diferentemente do cartão pré-pago. O cartão de crédito é que aquele em que você compra hoje, mas paga apenas quando a fatura chegar.

As operadoras do cartão de crédito tradicional oferecem programas de vantagens para você acumular pontos e milhas.

Ou seja, com o cartão de crédito você tem um limite de crédito concedido pelo banco de acordo com o seu perfil de consumidor. Por isso, o cartão de crédito é mais flexível, e permite até que você parcele os pagamentos.

Mas, também por isso, o cartão de crédito tradicional, em geral, vem acompanhado de uma taxa de anuidade, além de tarifas extras que variam dependendo da operação que você realizar. Sem contar nos juros e multas que você terá que pagar se não arcar com o valor total da fatura.

Duas mulheres conversando e segurando sacolas de compras.

Com o cartão pré-pago você se livra de multas e juros. (Fonte: borevina/ Pixabay.com)

Já o cartão de débito é uma modalidade que, apesar de debitar o valor na hora da compra ou do pagamento, também pode trazer prejuízo se você gastar mais do que tem e entrar no cheque especial. Além disso, os bancos costumam cobrar anuidades e taxas de manutenção sobre esses cartões também.

Já o cartão pré-pago fornece vários dos benefícios de um cartão de crédito e de débito, incluindo a segurança de não andar com dinheiro em espécie. Mas a principal vantagem é que, em geral, não é preciso ter uma conta bancária e as taxas cobras são, em geral, bem menores.

foco

Você sabia que o cartão pré-pago pode ser feito para quem tem menos de 18 anos?

Para tanto, basta ter um CPF válido. Além disso, alguns cartões oferecem aplicativo para que os pais controlem e acompanhem os gastos dos filhos.

Dessa forma, o cartão pré-pago é ideal para quem quer ter um controle maior e disciplina nos gastos. Já o cartão de crédito tradicional, é recomendado para quem já tem um controle maior com as finanças e sabe que só deve usá-lo em último caso.

Mas para você ter uma noção geral sobre as principais diferenças entre o cartão pré-pago, o de crédito e o de débito, confira a seguir a tabela que preparamos para você.

Cartão pré-pago Cartão de crédito Cartão de débito
Conta bancária Não precisa Precisa Precisa
Comprovação de renda Não Sim Não
Limite Definido por você Definido pelo banco Definido por você e pelo banco
Pode parcelar Não Sim Não
Taxas De adesão, Mensalidade, Saque, recarga e 2ª via Anuidade, Juros e multa por atraso no pagamento, saque, avaliação emergencial de crédito, 2ª via Caso o saldo seja insuficiente pode entrar no cheque especial com pagamento de juros

Onde posso comprar usando um cartão pré-pago?

Essa é outra vantagem do cartão pré-pago. Você pode utilizá-lo para comprar em praticamente qualquer local ainda que isso dependa, em geral, da bandeira do seu cartão.

Geralmente, é possível utilizar o cartão pré-pago para comprar em lojas físicas, lojas online e até para contratar serviços. Inclusive, o cartão pré-pago pode ser a forma ideal de gastar de forma controlada, especialmente se você vai fazer uma viagem ou passeio no fim de semana.

Na maioria das vezes, ao utilizar a função “crédito”, você também pode comprar pela internet. E ainda é possível utilizar o cartão pré-pago para assinar serviços como, por exemplo, os de streaming como Netflix, Spotify, além do Uber e outros serviços que dependem de cartão como seguros, planos médicos, e etc.

Para quem é recomendado um cartão pré-pago?

Por conta de seus benefícios o cartão pré-pago pode ser utilizado por qualquer pessoa. Mas, de fato, ele é a modalidade de pagamento mais indicada para alguns casos especiais.

Por não precisar de aprovação de crédito nem de vínculo com uma conta bancária, o cartão pré-pago é a opção ideal para pessoas que estão com restrições no nome, por exemplo.

Além disso, esse tipo de cartão é o mais recomendado para que não consegue controlar os gastos financeiros e tem a tendência de gastar mais do que tem. Afinal, com o cartão pré-pago, você só pode gastar a quantidade de dinheiro que depositou no cartão.

Passageiros caminhando no aeroporto.

O cartão pré-pago é ideal para quem vai viajar, seja no Brasil ou no exterior. (Fonte: Free-Photos/ Pixabay.com)

Além disso, se você quer se livrar de juros e dívidas, o cartão pré-pago é a sua melhor alternativa. Sem contar que o cartão pré-pago também pode ser utilizado como mesada.

Com ele, você pode monitorar tudo pelo aplicativo e seus filhos não precisam andar por aí com dinheiro em espécie. Dessa forma, o cartão pré-pago se torna também uma forma de promover a educação financeira com os seus filhos.

O cartão pré-pago é o ideal para minha viagem internacional?

Justamente por ser prático e seguro, o cartão pré-pago é, sim, a forma de pagamento ideal para quem vai viajar, seja pelo Brasil seja para o exterior. Afinal, com ele você não vai se preocupar em andar com dinheiro em espécie.

Mas, especialmente para viagens internacionais, o cartão pré-pago é ainda mais vantajoso. Isso porque, com ele, você acaba pagando a taxa do câmbio fixado no dia da compra da moeda do país em questão.

Com o cartão de crédito, pelo contrário, você só saberá a tarifa da moeda no dia em que sua fatura chegar.

Mulher sentada na grama, usando o cartão para comprar no notebook.

O cartão pré-pago tem muito mais vantagens do que desvantagens. (Fonte: Artem Beliaikin/ Pexels.com)

Afinal, vale a pena ter um cartão pré-pago?

Sim, vale a pena ter uma cartão pré-pago. A grande vantagem dessa modalidade de pagamento é que você não precisa ter vínculo com um banco, ou seja, não há necessidade de aprovação de crédito, comprovação de renda, nem de criação de conta bancária.

O cartão pré-pago oferece mais controle, pois você gasta somente o que tem disponível.

Como é você quem controla o seu crédito, o cartão pré-pago oferece mais controle, pois você gasta somente o que tem disponível. Além disso, você não se preocupa com a fatura e com juros, por exemplo.

Ou seja, outra vantagem do cartão pré-pago é que você evita dívidas e aumenta o seu controle orçamentário. E, justamente por isso, esse tipo de cartão é excelente para utilizar em viagens e para controlar os gastos dos seus filhos.

Por outro lado, é preciso lembrar que também existem desvantagens com relação ao cartão pré-pago. Apesar de não ter anuidade, esse tipo de cartão possui outras taxas e tarifas, que vão depender da operadora ou do banco em questão.

Além disso, diferentemente do cartão de crédito, o pré-pago não permite que você realize compras parceladas nem peça empréstimos de crédito ao banco.

Com isso, confira a seguir a tabela que ilustra as principais vantagens e desvantagens do cartão pré-pago.

Vantagens
  • Aquisição simples e rápida
  • Ajuda a controlar os gastos e evitar dívidas
  • Estimula a educação financeira
  • Você só gasta o que tem
  • Pode ser aceito em compras de lojas físicas, online e/ou de serviços
  • Fácil de recarregar
  • Mais seguro
  • Dispensa conta em banco
  • Ideal para viagens e pagamento de mesadas
Desvantagens
  • Cobrança de taxas e tarifas
  • Não é possível fazer compras parceladas
  • Não oferece empréstimos

Como adquirir um cartão pré-pago?

Para a adquirir um cartão pré-pago, a primeira coisa que você precisa fazer é escolher entre as várias operadoras e bancos. Nossa recomendação é que você opte por uma operadora com tradição e renome no mercado financeiro.

Feito isso, você pode adquirir o seu cartão pré-pago no banco ou mesmo no site ou no app da operadora. Para tanto, basta que você preencha um formulário com seus dados pessoais e informações que virão impressas no cartão. Depois, basta aguardar a chegada do cartão pré-pago.

Como recarregar o cartão pré-pago?

Com o cartão pré-pago em mãos também será muito fácil para você realizar recargas sempre que precisar. Para isso, existem diversas formas que irão variar de acordo com a operadora do seu cartão.

Por isso, antes de adquirir o seu cartão pré-pago, verifique qual é a forma de recarga da operadora para se certificar de que é a opção ideal para você. Além disso, verifique se há taxas cobradas para fazer a recarga.

Mas, de maneira geral, existem algumas formas padrões de realizar a recarga do seu cartão pré-pago. São elas:

  • Pelo aplicativo ou site do cartão: Você pode gerar um boleto com o valor desejado e pagar em qualquer casa lotérica, banco ou pela internet. Você também pode realizar um débito em conta, já que alguns bancos disponibilizam essa função.
  • Depósito identificado: Outra opção de recarga é realizar um depósito na boca do caixa no banco.
  • Transferência DOC/TED: Esse tipo de transação só funciona para a mesma titularidade, ou seja, o titular do cartão pré-pago deve ter uma conta corrente (com mesmo CPF) e fazer a transferência, seja DOC ou TED, a partir dela.
  • Lojas parceiras: Algumas lojas comerciais são parceiras do seu cartão pré-pago. Com isso, você pode fazer uma recarga no caixa dessas lojas.

Critérios de aquisição: O que analisar antes de adquirir o cartão pré-pago

Até aqui você teve acesso a informações importantes sobre como funciona o cartão pré-pago, quais as suas vantagens e para quem ele é recomendado. Viu também como é simples adquirir um cartão desse tipo.

Mas, antes que você faça a requisição do cartão pré-pago, é fundamental que você entenda quais são as diferenças entre as opções oferecidas pelos diferentes bancos e operadoras.

Para ajudar você, nós listamos abaixo os principais fatores que você deve levar em conta antes de pedir o seu cartão pré-pago. São eles:

A seguir, nós vamos explicar como você deve analisar cada um desses critérios e se certificar de que está adquirindo o cartão pré-pago ideal para você.

Compra em loja física e online

O primeiro fator que você deve checar é se o cartão pré-pago pode ser utilizado em compras de lojas físicas e online.

Isso porque, apesar de a maioria dos cartões contaram com essa opção, o fato é que nem todas as operadoras que oferecem o cartão pré-pago permitem que você o utilize para comprar em lojas da internet.

Dessa forma, se comprar online é algo que você não dispensa, é fundamental que você verifique se o cartão pré-pago escolhido garante também essa função.

Objetivo de uso

Outro critério que nós recomendamos que você analise antes de adquirir o cartão pré-pago é o seu objetivo de uso.

Afinal, dependendo da operadora, você vai encontrar cartões pré-pagos que são mais vantajosos para algumas situações em detrimento de outras.

Para você ter uma ideai do que estamos falando, confira a seguir os principais tipos de cartões pré-pagos que você vai encontrar de acordo com o objetivo de uso.

  • Cartão pré-pago Nacional: Fique atento pois existem cartões pré-pagos que são aceitos somente no Brasil.
  • Cartão pré-pago Internacional: Algumas operadoras disponibilizam cartões que também pode ser usados para compras no exterior, em lojas e sites.
  • Cartão pré-pago Corporativo: Esse cartão é utilizado para realizar o pagamento de funcionários ou para compras exclusivas da sua empresa.
  • Cartão pré-pago Vale-presente: Aqui, você compra o cartão com um valor de crédito determinado e pode presentear uma pessoa com ele.

Abrangência

Outro critério que é importante que você verifique é a abrangência do cartão pré-pago. Ou seja, você precisa analisar onde o cartão é aceito.

A bandeira a responsável por validar os estabelecimentos nos quais o seu cartão será aceito.

Para tanto, o quesito mais importante é observar a bandeira do seu cartão pré-pago. isso porque, é a bandeira a responsável por validar os estabelecimentos nos quais o seu cartão será aceito, por meio das maquininhas de pagamento ou online.

Os especialistas recomendam que você sempre opte pelas bandeiras mais conhecidas, já que, em geral, elas são aceitas no Brasil e no mundo. Sendo assim, as principais bandeiras são: Visa, Mastercard, Elo e American Express.

Taxas e Tarifas

Em seguida, leve em conta quais são as taxas e tarifas que a operada do seu cartão pré-pago cobra. Como vimos, uma das vantagens desse tipo de cartão é que ele não possui a taxa de anuidade.

Mas o fato é que não raro, as operadoras cobram diversas outras taxas para compensar a anuidade zero e a ausência de vínculo com uma conta bancária.

Homem sacando dinheiro.

É importante verificar as taxas cobradas pelo cartão pré-pago. (Fonte: Nick Pampoukidis/ Unsplash.com)

O mais comum será você encontrar o cartão pré-pago que cobra tarifa de emissão do cartão, taxa de manutenção mensal e ainda a taxa de saque. No entanto, os valores e as condições de cobrança podem variar bastante entre uma operadora e outra.

Além disso, fique atento porque algumas operadoras dispensam o pagamento de algumas taxas se você gastar uma certa quantia por mês utilizando o cartão pré-pago.

Valor de carga e de saque

Observe ainda que algumas operadoras exigem que você faça uma recarga mínima para utilizar o cartão pré-pago. E, além disso, algumas também delimitam o valor de carga máxima, que pode variar entre R$5 mil e R$13 mil.

Observe também que o valor de saque diário pode ter limites variados dependendo da operadora do cartão. Em geral, esse valor varia entre R$1 mil e R$10 mil por dia.

Resumo

O cartão pré-pago é o tipo de cartão ideal se você quer controlar os seus gastos, fugir dos juros e multas, e ainda quer mais segurança e não andar por aí com dinheiro em espécie.

Além disso, o cartão pré-pago é menos burocrático, já que não exige comprovação de renda, de crédito, nem a criação de uma conta bancária. Com ele, você deposita a quantia desejada sempre que precisar e a utiliza em lojas e em serviços.

Para escolher o melhor cartão pré-pago, você deve analisar as tarifas e taxas cobradas pela operadora, além das condições de uso disponíveis no Brasil e/ou no exterior.

(Fonte da imagem destacada: zhuwei06191973/ Pixabay.com)

Referências (1)

1. Abecs. Balanço do Primeiro Trimestre de 2019.
Fonte

Por que você pode confiar em mim?

Izabel Toscano Jornalista
Nômade digital, jornalista, leitora e questionadora compulsiva. Já trabalhou em jornais diários e sites de notícias no Brasil, e em plataformas online na Irlanda e na França. Hoje, roda o mundo escrevendo sobre temas variados, sempre atenta às novas tecnologias e a tudo que surge para trazer leveza à vida.
Pesquisa Abecs
Abecs. Balanço do Primeiro Trimestre de 2019.
Ir para a fonte