Ultima atualização: 12 de agosto de 2021

Como escolhemos

14Produtos analisados

25Horas investidas

6Estudos avaliados

87Comentários coletados

A cerveja é uma das bebidas alcoólicas mais populares do mundo. É um refresco universalmente popular por causa de seu sabor característico de trigo e cevada, propriedades refrescantes e preço acessível. Mas você já experimentou cerveja artesanal? Este conceito tornou-se particularmente relevante nos últimos tempos, já que a indústria artesanal se tornou uma atração cuja proposta de valor foca nos designs e ingredientes únicos de cada lugar ou marca.

Experimentar uma cerveja artesanal é sinônimo de experimentar um trabalho e gosto únicos e irrepetíveis. Neste artigo você vai descobrir o lado manual e desindustrializado de um dos refrigerantes mais populares. Nós também lhe daremos todas as informações que você precisa para escolher a cerveja artesanal ideal para deliciar seu paladar. Lembre-se de que este produto é adequado apenas para adultos e deve ser consumido com moderação.




O mais importante

  • A cerveja artesanal é uma bebida preparada com ingredientes orgânicos e seguindo procedimentos que envolvem ação humana ao invés de intervenção mecânica. Uma garrafa de cerveja artesanal pode conter a história e a tradição culinária de um país ou região inteira.
  • Tanto cervejas artesanais quanto comerciais podem ser divididas em duas variações principais: lager e ale. A principal diferença está no tipo de fermentação, pois ambos têm, por sua vez, um grande número de estilos. Outro fator a ser considerado pode ser encontrado na nacionalidade.
  • A produção de cerveja artesanal tem aumentado consideravelmente nos últimos anos, pois se tornou uma bebida atraente para o público. Para não se perder na vasta gama oferecida, recomendamos que você leve em conta fatores como ingredientes, tom, origem, teor alcoólico e local de consumo.

Cerveja artesanal: nossa recomendação dos melhores produtos

Guia de compras: O que você precisa saber sobre cerveja artesanal

Mais do que uma bebida, a cerveja artesanal é uma experiência culinária que lhe permitirá conhecer e entender alguns aspectos da cultura e tradição de certos lugares. Para garantir que você não perca nenhum detalhe, aqui vai um pequeno guia do que você precisa saber sobre este tipo de produto.

Um brinde a todas as grandes experiências acompanhadas por uma caneca fria de cerveja artesanal! (Foto: Dolgachov/ 123rf.com)

O que é cerveja artesanal e quais são suas vantagens?

A cerveja artesanal é uma bebida preparada de acordo com uma receita particular e cuja produção e distribuição é limitada, ao contrário da cerveja industrial. Pode ser uma preparação familiar, local ou regional que oferece variações aos produtos convencionais.

A principal virtude deste tipo de bebida é a personalização e a criatividade na hora de fabricar. A cerveja artesanal, ao seguir os princípios tradicionais de produção, torna-se um testemunho dos hábitos e costumes de certos lugares ou grupos de pessoas.

Infelizmente, a apreciação desses produtos implica um investimento mais confortável, já que os preços tendem a ser mais altos devido ao meticuloso processo de produção e distribuição concentrada em nichos específicos. Além disso, os sabores podem não ser ao gosto de todos.

Vantagens
  • A produção é orgânica
  • Use receitas particulares
  • Grande variedade de ingredientes e sabores
  • Embalagem criativa
  • Baixo teor alcoólico
Desvantagens
  • Mais caro que a cerveja comercial
  • Não tão prontamente disponível
  • Os sabores podem não ser ao gosto de todos
  • Pode ser distribuído exclusivamente

Craft lager ou ale - o que você deve procurar?

Esta categorização está presente tanto na cerveja comercial quanto na cerveja artesanal, pois ela se refere ao tipo de levedura usada para dar consistência à bebida. Se você não está claro sobre como este ingrediente funciona, aqui estão as principais diferenças para que você possa escolher a cerveja artesanal que é certa para você.

Lager. Estas são as cervejas leves clássicas com menor teor alcoólico que outras apresentações, já que a levedura age no fundo do fermentador e elas são fabricadas com baixos níveis de lúpulo. Eles devem ser fermentados em estações frias para favorecer o processo de fermentação.

Ale. Ao contrário da anterior, neste tipo de cerveja o processo de fermentação é realizado na parte superior do fermentador. Isto permite que ele seja fabricado a temperaturas menos extremas que uma lager, usando mais lúpulo e aumentando seu teor alcoólico.

Lager Ale
Tono Clara Dark
Fermentation Lowa High
Temperature Very lowa Low, medium
Alcohol content Lower Higher

Craft ou cerveja importada?

Uma das maiores características distintivas de qualquer cerveja é o seu local de origem. A cerveja artesanal frequentemente se orgulha de incorporar elementos distintivos de suas raízes geográficas em suas receitas.

A questão é: qual é melhor, nacional ou estrangeiro? Como tudo o resto, é uma questão de gosto. As tradições culinárias variam dependendo até mesmo do clima e da temperatura média dos países. Na Espanha, por exemplo, cervejas muito escuras ou pretas são costume. Amplie seus horizontes e faça sua degustação internacional!

A cerveja artesanal é ideal para degustações. Acompanhe-o com um bom lanche. (Foto: Dolgachov/ 123rf.com)

Critérios de compra

O consumo de bebidas alcoólicas é uma atividade historicamente associada à degustação e ao convívio formal. Uma garrafa de álcool pode conter centenas de anos de tradição de um país ou região. Para aproveitar ao máximo cada gota de cerveja artesanal, considere os seguintes elementos:

Ingredientes

Como mencionado, o fabrico artesanal de cerveja adere a uma miríade de receitas que incorporam ingredientes característicos da cultura alimentar do local de origem. Alguns são mais exóticos que outros, mas você deve ter sempre em mente o diferencial de sabor para aproveitar ao máximo sua experiência.

Trigo. Um dos ingredientes globalmente associados com as tradições alemãs é o trigo. Uma cerveja artesanal usando este grão dará ao bebedor uma sensação de frescor inigualável, assim como algumas sensações de sabor bready. Tem um tom pálido e é recomendado como ponto de partida para degustações.

Malta Pale Ale. Sendo a base das cervejas que levam seu nome, este grão é caracterizado por seu pouco sabor ou cheiro, pois sua contribuição está nos açúcares fermentáveis que dão à cerveja leve uma doçura distinta. É o mais comum dos maltes, sendo o preferido de milhões de consumidores.

Sazonal. Muitas cervejas artesanais e comerciais tornam-se sazonais quando seus ingredientes permitem lançamentos temáticos. Por exemplo, algumas marcas usam maçãs na época do Natal por causa da alta produção de sidra. O mesmo vale para itens como chocolate ou abóbora.

A cerveja artesanal é uma bebida fabricada com ingredientes orgânicos e seguindo procedimentos que envolvem ação humana ao invés de intervenção mecânica. (Fonte: Nitr/ 123rf.com)

Matiz

As cores são distintas da cerveja. O tom amarelado tostado apresenta uma grande variedade de tons que os maiores especialistas podem facilmente reconhecer. Das diferentes apresentações existentes, aqui nós lhe falaremos sobre três das mais populares para que você possa distinguir sua composição.

Pale ale. Nós mencionamos anteriormente que as cervejas fermentadas tipo ale são geralmente mais escuras que as cervejas lagers. No entanto, há nuances no matiz que dão seus ingredientes. Esta variedade, conhecida como "pálida" ou "loira", é de origem inglesa e se distingue por dicas de caramelo, nozes e especiarias.

Pilsener. Uma das cervejas mais leves que existem, pois seu tom é muito mais próximo do amarelo do que do marrom. Seu teor alcoólico é de cerca de 5%, o que é uma medida intermediária. É a cerveja mais popular devido ao seu frescor e estilo suave no paladar. O aroma do lúpulo é muito característico.

Bock. Outra variante da fermentação ao estilo lager, esta cerveja é uma das mais escuras que existem. Tendo uma variedade de tons que vão do marrom escuro ao preto, ele contém um teor alcoólico mais alto do que o Pilsener. É considerada uma cerveja pura, pois o malte é apreciado sem a intrusão de outros ingredientes. Muito popular na Alemanha.

Origem

A cerveja é considerada uma bebida tradicional centenária em muitos países. Não é surpreendente que haja variações significativas entre regiões dentro de uma nação. É importante conhecer o local de origem da cerveja artesanal consumida para entender o selo cultural que está imbuído em seu gosto.

Alemanha. A tradição cervejeira germânica oferece uma ampla gama de variedades para atender a todos os gostos. Um dos mais populares é o louro Pilsener, de baixo teor alcoólico. Em contraste, a cerveja Altbier se distingue por seu alto amargor e pelas espumas de levedura emergentes.

Reino Unido. Uma das variações mais populares na Grã-Bretanha é encontrada na cerveja irlandesa, que se caracteriza por sua tonalidade avermelhada devido ao conteúdo frutado de sua receita. Esta variação é considerada exótica, pois é escassa diante da alta produção de porter e stout, ambas cervejas escuras.

Teor alcoólico

O teor alcoólico da cerveja é um fato que muitas pessoas desconhecem, mas pode ser obtido com muita facilidade. Pela regulamentação oficial, as bebidas alcoólicas devem declarar claramente seus níveis de álcool aos consumidores. Esteja ciente deste fator para que você não exceda seu consumo e prejudique sua saúde.

Não-alcoólico. Você pode pensar que uma cerveja sem álcool tira toda a diversão dela. A verdade é que é uma boa alternativa para os mercados que preferem o consumo mínimo ou nenhum consumo de álcool. Estes chelas são ligeiramente mais doces, pois utilizam outros métodos de fermentação que reduzem a etilação.

Entre o 4º e 7º. Nós poderíamos falar sobre a medida padrão de álcool em cerveja artesanal. Lager, Pilsner Lager, Weissbier e Porter são algumas variações que não geram concentrações etílicas tão fortes, por isso pode ser desfrutado sem medo de repercussões intoxicantes imediatas

Entre o 7º e o 12º. A maioria das cervejas, tanto artesanais quanto comerciais, não excedem 12º de álcool, mas alguns lugares foram registrados como oferecendo variações de até 68º! Barleywine, Dubbel e Stout são estilos que excedem a média do teor alcoólico. Lembre-se sempre de consumir com moderação e responsabilidade.

Local de consumo

beber cerveja artesanal é muito mais do que apenas um refrigerante

Como reiteramos até aqui, beber cerveja artesanal é muito mais do que apenas um refrigerante: é uma experiência que integra aspectos de contexto e acréscimos. Preste atenção aos detalhes de onde você vai experimentar sua próxima cerveja artesanal.

Restaurante ou bar. É cada vez mais comum que restaurantes e bares ofereçam pelo menos um tipo de cerveja artesanal. No caso de estabelecimentos especializados, a oferta está aumentando. Embora os preços possam aumentar dependendo do local do evento, é sempre um bom dia para experimentar a "cerveja da casa".

Festival temático. A Oktoberfest é o maior festival da Alemanha, que se torna um festival de cerveja que viaja pelo mundo todo ano. Em muitos lugares há feiras temáticas que honram a bebida alcoólica mais popular do planeta. Estas são configurações perfeitas para a amostragem de qualquer variedade de produtos.

(Fonte da imagem em destaque: Dolgachov/ 123rf.com)

Por que você pode confiar em mim?

Resenhas