Braço de homem em volante de carro com painel bege e acabamento em couro
Ultima atualização: 8 de dezembro de 2019

Como escolhemos

10Produtos analisados

16Horas investidas

4Estudos avaliados

78Comentários coletados

Se você deseja comprar ou trocar seu automóvel, o consórcio de carro pode ser uma excelente alternativa. Quer saber por quê? Vamos trazer todas as informações para sanar suas dúvidas a respeito desse tipo de consórcio. Seja muito bem-vindo ao ReviewBox Brasil.

Existem consórcios dos mais variados tipos, e o de carro é um dos mais procurados. Termos como carta de crédito, lance e sorteio fazem parte desse tipo de negócio e por isso você precisa entender todos os detalhes antes de contratar um. Siga conosco.




Primeiro, o mais importante

  • Você pode comprar um carro novo ou usado usando a carta de crédito. E 10% desse valor pode ser usado para outras despesas, como seguro e IPVA.
  • Ao invés de cobrança de juros, o consórcio de carro tem uma taxa de administração das parcelas. Isso reduz o preço final do veículo, já que essas taxas normalmente são menores que os juros praticados.
  • Para entrar em um consórcio de carro você deve escolher a administradora. A partir daí você pode entrar um grupo em andamento ou fazer parte de um grupo em formação, que se trata de um grupo fechado com um número mínimo de consorciados.

Consórcio de carro: Diferentes planos para sua escolha

A administradora precisa ser autorizada pelo Banco Central para realizar o consórcio de carro. Confira abaixo algumas das melhores opções:

Administradora especializada em consórcio de carro

A Disal é uma administradora de consórcio focada em veículos. Você pode escolher entre o plano integral ou simples, que oferecem diferentes benefícios. No integral com tem direito a 100% do valor da carta de crédito, e no simples, 75%. Os planos vão de 60 a 80 meses.

Uma das maiores administradoras do país

A Embracon atua desde 1988 e é uma das maiores administradoras de consórcios do país. Os planos são a partir de R$ 429 por mês, em até 80 parcelas. Na Embracon você pode escolher entre um carro usado ou novo, optando por modelo, ano, cor, marca e opcionais.

Consórcio de veículo com a menor taxa administrativa

O Itaú realiza consórcio de carros com a menor taxa administrativa: 0,24% ao mês. Você consegue prazos de até 80 meses e a operadora tem uma previsão de 20 contemplações mensais. O lance embutido é de até 30% e você pode comprar um veículo usado com até 8 anos de uso.

Consórcio de carro com parcelas baixas

Com a Porto Seguro você também pode entrar em um consórcio de carro. Os planos são de 50, 72 e 80 meses, com taxas especiais. Você escolhe o valor do crédito ou das parcelas que quer pagar e pode ser contemplado por meio de lances mensais ou de sorteio. Os créditos vão de R$ 25.000 a R$ 122.000 e a parcela é a partir de R$ 534,59.

Guia de Contratação: O que você precisa saber sobre o consórcio de carro

Para quem está pesquisando por um consórcio de carro pela primeira vez, pode ser bastante complexo entender o funcionamento desse tipo de negociação. Pensando em facilitar essa compreensão, criamos esse Guia para responder as dúvidas mais frequentes. Siga conosco até o fim para decidir se o consórcio é a melhor opção para você.

Homem e mulher sentados nos bancos da frente de um carro olhando para trás e sorrindo. A mulher está no volante com as chaves na mão.

O consórcio de carro é uma ótima opção para quem busca comprar ou trocar de carro. (Fonte: Vadim Guzhva/ 123rf.com)

O que é um consórcio de carro e como funciona?

O consórcio de carro é realizado por uma administradora, que reúne um número mínimo de pessoas com interesses em comum, nesse caso, comprar um veículo.

Com essa reunião de pessoas, é feito um cálculo para que juntas, elas paguem o valor total de um carro por mês. Dessa forma a administradora consegue fazer o sorteio de um veículo mensalmente, beneficiando um dos consorciados.

Todos serão sorteados em algum momento, mas é importante ter em mente que você pode ser tanto o primeiro quanto o último. Logo, se trata de um investimento a longo prazo. Você não terá seu carro imediatamente, como em um financiamento.

Existe taxa de juros no consórcio de carro?

Não, ao menos que você atrase a parcela. Mas o juro não é aplicado para definir o valor delas e elevar o valor do carro no fim do consórcio.

O que existe é a taxa de administração da parcela, que nada mais é do que a remuneração que a administradora ganha por garantir o consórcio do carro para o consorciado.

Se trata de uma taxa fixa, ou seja, que não sofre alterações, estabelecida no contrato e que será paga diluída nas parcelas. Essa taxa gira entre 12 e 15%, de acordo com a administradora, por isso é importante conversar sobre todos os detalhes do contrato e ter mais de um orçamento.

Enquanto a taxa de juros fica em torno de 1 ou 2% ao mês, a taxa de administração não ultrapassa 0,5%, resultando em uma economia significativa.

O que é a carta de crédito de um consórcio?

A carte de crédito é um documento que você recebe para comprar do seu veículo quando for sorteado. Diferente do que a maioria pensa, você não retira o valor em dinheiro. A administradora do consórcio repassa o valor para o local onde você deseja comprar o seu carro.

É nessa carta de crédito que consta o valor acertado na contratação. E a partir do momento que você a recebe, tem a liberdade de fazer sua compra, dentro das condições estabelecidas. Ela funciona como um vale-compra.

Algumas cartas de crédito permitem que o contemplado possa reaver o valor em dinheiro, porém, isso precisa estar bem claro antes de fechar o contrato. Ela pode ser usada apenas no nome do consorciado.

Close nas mãos de duas pessoas manuseando um contrato.

A carta de crédito é como se fosse um vale-compra. (Fonte: Aymanejed/ Pixabay.com)

Existe consórcio para carros usados?

Você pode decidir entre comprar um carro novo ou usado com sua carta de crédito após a contemplação. Porém, a administradora pode estipular regras em relação a isso.

Sempre leia bem o contrato antes de assumir o consórcio. Se a sua intenção é comprar um carro usado, converse bem com a administradora sobre essas condições.

É uma prática bastante comum que elas estabeleçam um limite para o ano de fabricação do carro ou que determinem a idade máxima que o carro deve ter quando você for contemplado e realizar a compra. Geralmente algo em torno de 10 anos.

Como posso ser contemplado no consórcio de carro?

Existem duas maneiras de você ser contemplado no consórcio de carro e finalmente poder comprar seu veículo, através do sorteio ou do lance. Confira como funciona cada um deles:

  • Sorteio: Esse é bastante simples. Todo mês a administradora realizará um sorteio para ver quem será o contemplado e basta contar com a sorte. É realizado ao menos um sorteio por mês de acordo com o plano contratado, que pode variar de 50 a 80, normalmente. Dependendo do número de participantes podem ter mais sorteios no mesmo mês. Você pode ter a sorte de ficar entre os primeiros. Caso você seja sorteado, mas ainda não deseja comprar seu veículo, tem um prazo máximo até o fim do consórcio para retirar seu carro.
  • Lance: Funciona como um leilão, você faz sua oferta, se ninguém tiver uma oferta maior, você é o contemplado do mês, assim você não precisa contar com a sorte. Também há a possibilidade de lance embutido, que é quando você oferece uma porcentagem da sua carta de crédito. Quando for contemplado, o valor será descontado.

Um fato importante de ressaltar é que independentemente do número de carros disponíveis para o lance, sempre haverá ao menos um sorteio ao mês. Logo, o lance não exclui o sorteio de ser realizado.

foco

Após o sorteio ou contemplação com o lance, você deve continuar pagando as parcelas do consórcio. Não interessa se a contemplação tenha ocorrido no início, meio ou fim, você deve honrar com o número de parcelas do contrato.

Quais as vantagens de fazer um consórcio de carro?

Ao optar pelo consórcio de carro você automaticamente está escolhendo por algumas vantagens, e também desvantagens.

Começando com os pontos positivos, o consórcio de carro não possui juros, e sim uma taxa de administração da parcela. Isso reduz o preço final do veículo, já que essas taxas normalmente são menores que os juros praticados.

Com a reunião dos consorciados, a administradora monta uma poupança com esse valor. Logo, se você tem a intenção de poupar dinheiro mas enfrenta problemas com a disciplina, entrar em um consórcio é uma excelente forma de assumir esse compromisso.

Após ser contemplado, a compra do carro será à vista.

Outro grande benefício é que, embora você esteja pagando em suaves parcelas, após ser contemplado, a compra do carro será à vista. Dessa forma você consegue negociações ainda melhores. O consorciado ainda consegue negociar ótimos prazos de pagamento diretamente com a administrado, moldando as parcelas e prazos de acordo com sua necessidade.

E claro, através do lance, você pode antecipar sua contemplação. Quanto mais alto for seu lance, maiores são suas chances. Se ninguém der um lance maior naquele mês, você garante sua contemplação antes, sem depender do sorteio.

Por falar em sorteio, vale lembrar que você não consegue o crédito imediatamente para a compra do seu carro, apenas quando for contemplado. Isso pode levar até alguns anos, dependendo do plano que você contratou.

Assumir um consórcio de carro pode ser um risco se você não confia na administradora. Se ela falir você perderá todo o investimento. Mas isso não deve ser uma preocupação se você tratar com administradoras de confiança.

Em caso de desistência, na maioria das vezes só é possível fazer o resgate do dinheiro no fim do consórcio.

Vantagens
  • Forma segura de poupar
  • Redução do preço final do veículo, já que taxas de administração da parcela são mais baratas que os juros
  • Você paga em parcelas, mas a compra será à vista
  • Consorciado consegue ótima negociação, moldando as suas necessidades
  • Você pode antecipar a contemplação com o lance
Desvantagens
  • Pode demorar até que você seja sorteado
  • Pode ser um risco se a administradora não for de confiança

O que é melhor: financiar um carro ou entrar em um consórcio?

Ambas negociações oferecem vantagens e desvantagens. Mas a primeira diferença, e vantagem para o consórcio é que a taxa de administração da parcela é menor do que os juros praticados no financiamento.

Enquanto os juros giram em torno de 27%, a taxa de administração fica em 13,5%. Isso faz com que no final, o carro saia mais em conta através do consórcio do que pelo financiamento.

Porém, o financiamento sai ganhando no critério de prazo. Após aprovação de crédito, você já estará com seu carro na mão sem precisar depender de um sorteio.

É normal ser necessário dar uma entrada para liberar o financiamento, prática que vem sendo descartada no consórcio de carro. Assim se torna mais fácil de contratar um consórcio.

Sem falar que os processos burocráticos para aprovação de crédito são muitos mais exigentes. Somando novamente pontos para o consórcio no quesito agilidade e facilidade.

Os prazos de pagamento e parcelas acabam sendo variáveis, e mudando de acordo com o banco ou administradora. Mas tanto o consórcio quanto o financiamento podem oferecer parcelas alcançáveis para o seu bolso. Porém, no consórcio é mais fácil negociar e conseguir parcelas mais flexíveis.

Consórcio de carro Financiamento
Juros e taxa Cobra taxa de administração de parcela, mais barata que juros de financiamento Juros praticados pelos bancos eleva muito o preço final do carro
Prazo Depende do sorteio ou do lance para a compra do carro, pode demorar anos Você compra o carro imediatamente após a aprovação de crédito
Entrada Muitas administradoras não cobram entrada É necessário uma entrada que pode variar de valor e muda o restante das parcelas
Burocracia Menos burocrático Mais burocrático
Parcelas Melhor negociação de parcelas Parcelas estipuladas pelo banco

Não existe resposta pronta para a pergunta de qual deles é o melhor. Tudo vai depender da sua necessidade. Se você precisa do carro com urgência e não tem dinheiro garantido para um lance alto, a melhor escolha é o financiamento.

Se você não tem essa urgência, o consórcio de carro acaba sendo a melhor opção, já que ganha na maioria dos outros critérios.

Como participar de um consórcio de carro?

Comece fazendo orçamentos e escolhendo uma administradora de confiança. É importante que ela seja autorizada pelo Banco Central, são mais de 160 e você conferir no site oficial. Não faça esse investimento em uma administradora não autorizada, você pode correr risco de perder seu dinheiro.

Os valores podem variar bastante, por isso tenha ao menos três orçamentos em mãos para garantir o melhor custo-benefício.

Após isso, estude bem os planos, considerando seus prazos, crédito, taxa de administração e parcelas. Veja também o número de sorteios realizados no mês. E claro, leia bem o contrato e suas cláusulas.

Você pode entrar em um grupo em andamento ou fazer parte de um grupo em formação, que se trata de um grupo fechado com um número mínimo de consorciados.

Pronto. Agora é só apresentar os documentos exigidos pela administradora e formalizar sua contratação.

Foto batida de trás das costas de um homem que mostra sua mão no volante.

Para garantir que você está fazendo um investimento seguro que terá retorno, contrate uma administradora autorizada pelo Banco Central. (Fonte: Free-Photos/ Pixabay.com)

O que acontece se eu atrasar a parcela do meu consórcio de carro?

É preciso ler bem o contrato para saber das consequências estabelecidos pela administradora contratada, já que isso pode variar. A prática comum para uma parcela atrasada, é aguardar o pagamento junto com a seguinte, cobrando juros e multa da parcela em atraso.

Nesse período você ficará proibido de dar lances ou ser sorteado, reduzindo suas chances até que consiga efetuar o pagamento.

Caso você não consiga honrar com mais parcelas, você poderá ser excluído do grupo, tendo em vista esse atraso atrapalha o objetivo comum de todos. E se você já foi sorteado, pode até mesmo ter seu carro apreendido.

foco

Você sabia que se você for contemplado e seu carro for roubado ainda precisará pagar as parcelas até o fim do contrato? Faça um seguro assim que comprar seu veículo.

Como proceder se eu não conseguir mais pagar as parcelas do consórcio?

E se você perceber que não consegue mais cumprir com os prazos e valores da parcela, pode tomar algumas medidas antes de virar uma verdadeira bola de neve. Vale lembrar que esse dado também deve ser questionado no dia da assinatura do contrato, dessa forma você evita surpresas no futuro.

Uma solução é que você peça para sair do grupo, e com isso você não perde todo seu investimento, mas muitas vezes só será ressarcido no término do consórcio, o que pode demorar alguns meses ou anos.

Você também pode pedir que façam uma adaptação da sua carta de crédito. Se você tinha contratado um consórcio de R$ 60.000 por exemplo, pode consultar a possibilidade de migrar para um de R$ 30.000, reduzindo as parcelas.

E quem sabe, se o contrato permitir, você ainda pode vender sua participação para uma outra pessoa que possa continuar arcando com as parcelas atuais.

Critérios de Contratação: O que considerar para escolher um consórcio de carro

Se você decidiu pelo consórcio de carro, ainda temos algumas dicas para você antes de sair em busca que orçamentos. São critérios que podem ser decisivos na hora de você fechar o contrato:

Leia cada um deles para tomar a melhor decisão.

Carta de crédito

Escolha o valor do plano, ou seja, o total da sua carta de crédito. Ao ser contemplado, é nela que vai constar o valor que você tem para a compra do seu carro. Juntamente com o prazo máximo, isso define o valor da sua parcela.

Mão masculina segurando caneta e analisando contrato entre notebook e smartphone.

Comece seu consórcio de carro definindo o valor da carta de crédito e lendo atentamente todas as cláusulas. (Fonte: TheDigitalWay/ Pixabay.com)

Pense no tipo de veículo que você deseja adquirir e contrate um plano com carta de crédito compatível, ou até mesmo mais alta se você puder arcar com o valor das parcelas.

Assim, você poderá usar uma parte da carta para lance. Mas confira todas as condições que a carta de crédito estabelece.

Prazo máximo

As administradoras oferecem planos com diferentes prazos. O comum é que sejam de 60 a 80 meses, mas existem algumas opções de até 100 meses.

Se assumir um plano de 60 meses, sabe que será contemplado dentro desse período.

O prazo deve ser pensando e planejado por dois motivos, primeiro porque altera o valor das parcelas, e segundo porque ele determina o prazo máximo que você terá para ser sorteado.

Se assumir um plano de 60 meses, sabe que será contemplado dentro desse período, sendo uma vantagem em relação ao plano de 80 meses.

Taxa de administração

A taxa de administração possui variação de valor de acordo com a administradora. Ela costuma ficar entre 12% e 15%, mas essa pequena diferença pode ter um resultado significativo no valor total. Estude bem essa taxa e analise qual delas te traz o melhor custo-benefício.

Número de sorteios

É comum que as administradoras realizem um sorteio por mês, mas isso não é uma regra. Algumas podem oferecer mais sorteios, geralmente de acordo com o número de participantes do grupo. Esse pode ser um diferencial e tanto na hora de escolher sua administradora.

Resumo

O consórcio de carro pode ser uma excelente solução comparado com o financiamento se você não tem urgência em comprar o veículo. E mesmo que não queira depender do sorteio, pode ser um bom negócio se você possui condições de oferecer um bom lance.

Como o consórcio de carro possui não cobra juros e possui uma taxa de administração menor, o veículo acaba saindo mais barato através da contratação do serviço.

É também uma forma segura de fazer uma poupança, assumindo esse compromisso financeiro pensando no longo prazo você garante o investimento todo mês. Basta tomar alguns cuidados, como escolher uma administradora autorizada pelo Banco Central e seguir as dicas desse Guia.

Glossário

  • Consórcio: Termo usado para se referir a um grupo de pessoas que se reúnem para a compra de bens ou objetos de valor elevado, se comprometendo com parcelas mensais. Um sorteio é realizado para decidir o contemplado do mês no programa contratado.
  • Carta de crédito: Termo usado para o documento em que consta o valor do consórcio. Ela funciona como um vale-compra, após ser contemplado é com ela que você consegue efetivar a compra do seu veículo.
  • Taxa de administração: Taxa cobrada pelas administradoras como remuneração por garantir o consórcio do carro para o consorciado. Ela não ultrapassa 0,5%.
  • Lance: Termo usado para se referir a uma prática que pode ser realizada pelo consorciado. Uma espécie de leilão que garante a contemplação para o lance mais alto, sem depender do sorteio.

(Fonte da imagem destacada: Free-Photos/ Pixabay.com)

Por que você pode confiar em nós?

Victor Oliveira Consultor em Investimentos
A graduação em economia foi um caminho natural para Victor, que desde pequeno era apaixonado por números e cálculos. A explosão das corretoras de investimentos no Brasil é recente, mas para ele, o assunto é muito antigo - e importante. Trader profissional, Victor auxiliar amigos, parentes e clientes a investir o dinheiro nas melhores oportunidades, economizando sempre que possível.
Curiosa por natureza, escolheu jornalismo na graduação. Adora pesquisar sobre os mais diversos assuntos, especialmente aqueles relacionados a construção do lar, crianças e maternidade. Apaixonada pelos animais e cada vez mais interessada pela sustentabilidade, quer trazer mais sobre esses universos para o leitor.