Imagem mostra um desumidificador em uma sala, próximo de um sofá e de uma estante com livros.
Ultima atualização: 27 de fevereiro de 2020

Como escolhemos

9Produtos analisados

17Horas investidas

3Estudos avaliados

49Comentários coletados

Seja bem-vindo ao ReviewBox Brasil! Hoje vamos falar sobre desumidificador, um item que é fundamental em casas que possuem muita condensação, pois isso pode acabar gerando mofo.

Atividades como tomar banho, lavar roupa e cozinhar acabam gerando muita umidade no ambiente, e isso pode acabar prejudicando a saúde da sua família, levando a problemas como asma e alergias.

Neste artigo vamos falar sobre estes desumidificadores, e sobre as vantagens de ter um equipamento como esse em casa, além de dar dicas imperdíveis sobre os principais produtos disponíveis no mercado atualmente.




Primeiro, o mais importante

  • Os desumidificadores não ajudam somente a combater o mofo e a umidade na sua casa, mas também ajudam a conservar melhor os alimentos da sua cozinha.
  • É importante que você verifique o nível de ruído do aparelho antes de adquiri-lo, para que isso não atrapalhe a tranquilidade do ambiente.
  • A função timer é excelente para economizar energia elétrica, já que ela liga e desliga automaticamente o aparelho.

Você também pode gostar:

Os melhores desumidificadores: Nossas sugestões

Os desumidificadores estão cada vez mais em alta no mercado atualmente, sendo buscado especialmente por pessoas que moram em regiões mais úmidas e que sofrem constantemente com problemas como mofo e condensação.

Vamos apresentar a seguir os melhores modelos de desumidificadores, para que você possa escolher o que melhor se adequa ao seu espaço.

O desumidificador ideal para banheiros e lavanderias

O Desidrat Plus 100, da Thermomatic, é a opção ideal para ambientes com fluxo contínuo de umidade, ou ainda para lugares que precisam estar em constante secagem, como banheiros, lavanderias, barcos e depósitos de armazenamento de até 100m³. Silencioso, é movido a fás ecológico e tem função drenagem contínua. Quer que o vapor do chuveiro não se acumule no armário? Essa é a solução!

O desumidificador com capacidade de 500 ml

Com esse desumidificador você irá reduzir a umidade da sua casa ou escritório, e ele é ideal para ser utilizado em salas, cozinha, quartos, closets, dentre outros. O reservatório de água dele pode armazenar até 500 ml, e quando estiver cheio ele desliga automaticamente, para que não ocorram vazamentos.

O modelo bem avaliado

Esse desumidificador da Komeco é uma das melhores opções para melhorar o ar de pequenos ambientes, pois ele reduz os microrganismos quando retira o excesso de umidade do ar. O consumo de energia dele é baixo, pois possui um moderno sistema de refrigeração que não utiliza compressor. Ele também é muito seguro, já que desliga automaticamente quando o reservatório de água está cheio.

O melhor custo-benefício

Esse desumidificador retira o mofo de dentro de casa e combate os ácaros, permitindo que o ambiente fique muito mais saudável para a sua família, sem risco de alergias. Ele funciona através da geração de um fluxo de ar descendente, em que o ar úmido, que é mais pesado, penetra no interior do equipamento, no qual passará por um processo de aquecimento e desumidificação.

Guia de Compra

Desumidificadores não são equipamentos fáceis de escolher, pois eles dependem muito do tamanho do ambiente em que você quer colocá-los. Porém, são essenciais para melhorar a qualidade do ar.

O Guia de Compra a seguir visa servir como fonte de pesquisa para que você compre o desumidificador mais adequado ao seu ambiente, e para que assim melhore a qualidade do ar da sua casa.

Imagem de mulher tirando água do desumidificador.

Desumidificadores são importantes para que a sua casa não tenha condensação. (Fonte: Laurentiu Iordache / 123RF)

O que é um desumidificador?

O desumidificador surgiu para acabar com um problema muito comum na casa de pessoas que vivem em locais muito úmidos – o mofo e a condensação. Atualmente esses problemas têm solução através destes equipamentos.

Eles podem ter diversos tamanhos, funcionalidades e mesmo diferentes tipos. Continue lendo para aprender tudo sobre estes aparelhos funcionais para a saúde e prevenção de alergias.

foco

Você sabia que a qualidade do ar em ambientes internos pode ser cinco vezes pior do que em ambientes abertos? Por isso a importância de investir em aparelhos como desumidificador ou circulador de ar.

Quais são as vantagens e desvantagens do desumidificador?

Além de diminuírem o mofo e a condensação, eles também ajudam a diminuir os ácaros, que são os responsáveis por causar alergias e problemas respiratórios.

Se colocados na cozinha eles ajudam ainda a conservar melhor os alimentos, já que a umidade é um dos fatores que mais ajudam a amadurecer as frutas e verduras mais rapidamente, e, consequentemente, favorece o apodrecimento delas.

Dentre as desvantagens de um desumidificador, uma delas é o possível aumento na sua conta de energia elétrica no final do mês. Para que isso não ocorra, busque por um aparelho que tenha um selo de eficiência energética com notas A ou B, que significam que o equipamento é pouco gastador.

Imagem mostra um desumidificador perto de uma janela embaçada.

O desumidificador ajuda na melhoria de saúde e alergias. (Fonte: Mariia Boiko / 132RF)

Outra característica que pode ser fator de arrependimento depois da aquisição de um desumidificador são os ruídos que ele pode vir a fazer, que podem incomodar muito, principalmente se ele for colocado no quarto em que você dorme.

Normalmente o número de decibéis que ele produz consta na descrição do equipamento. Também é possível saber essa informação através das avaliações de outros usuários sobre o produto.

Abaixo confira uma tabela com as principais vantagens e desvantagens de um desumidificador:

Vantagens
  • Acaba com mofo e condensação
  • Diminuem ácaros
  • Ajuda a conservar melhor os alimentos
Desvantagens
  • Gasto de energia elétrica
  • Ruído

Qual a diferenças entre um desumidificador com sílica, reservatório ou eletrônicos?

Uma das coisas que você deve se perguntar antes de pensar no tipo de desumidificador que deseja adquirir é o tamanho do ambiente em que você quer colocá-lo.

Os de sílica, por exemplo, são mais indicados para ambientes menores como gavetas ou armários, pois um equipamento pequeno destes retira do ar apenas 50 ml de água por dia.

Os desumidificadores que possuem reservatório podem ser colocados em uma área maior da sua casa, e funcionam através do depósito da água retirada do ar no recipiente que fica acoplado ao equipamento.

Os desumidificadores eletrônicos que não possuem reservatório normalmente são aparelhos que você conecta a uma tomada e que funcionam em ambientes pequenos como armários, gavetas, dentro outros.

A seguir confira uma tabela com as principais diferenças entre estes tipos de desumidificadores:

Sílica Reservatório Eletrônico
Tamanho do ambiente Pequeno Vários tamanhos Pequeno
Eletricidade Não utiliza Utiliza Utiliza

Quanto custa um desumidificador?

O custo de um desumidificador pode variar entre R$ 30 para os modelos eletrônicos até R$ 10.000 para um aparelho com bastante capacidade e muitas funções.

Verifique também o quanto a sua conta de energia elétrica vai aumentar com este aparelho em funcionamento na sua casa ou escritório, pois este deve ser outro fator que deve ser associado ao preço.

Onde comprar um desumidificador?

Muitos lugares vendem os desumidificadores, como lojas de departamentos e lojas de eletrônicos. Busque nas Casas Bahia, Lojas Colombo e Magazine Luiza que certamente encontrará o equipamento que deseja.

Também é possível encontrá-los online em sites como Amazon, Americanas, e Shoptime. Através destes sites você receberá o produto no conforto da sua casa.

Imagem mostra um desumidificador branco sobre um chão de madeira, e a foto está mostrando os botões de controle dele em destaque.

A Internet é uma ótima forma de encontrar desumidificadores para comprar. (Fonte: www.yourbestdigs.com / Flickr)

Critérios de Compra: Características para avaliar um desumidificador

Existem certas características que são fundamentais em um desumidificador, como as listadas a seguir:

  • Capacidade
  • Visor
  • Ruído
  • Eficiência energética

A seguir vamos detalhar as características mais importantes para que você consiga escolher o equipamento mais adequado para você.

Capacidade

O desumidificador com depósito de água deve ter a capacidade certa de acordo com o ambiente em que você deseja utilizá-lo. Afinal, não adianta nada comprar um equipamento com pouca capacidade, que não vai fazer efeito no ambiente, ou um maior do que necessita, e que gaste mais energia elétrica.

Os tamanhos dos desumidificadores e a capacidade de absorção da umidade são os seguintes:

  • Mini: São considerados minis os que eliminam até 8 litros de umidade por dia. Ideais para gavetas, armários e banheiros.
  • Pequeno: Os desumidificadores pequenos podem eliminar entre 8 e 15 litros de umidade por dia. Ideais para espaços pequenos.
  • Médio: Os equipamentos médios eliminam de 15 a 20 litros de umidade por dia. São utilizados em espaços considerados médios e grandes.
  • Grande: Eliminam até 36 litros de umidade por dia e são indicados para espaços grandes.

Caso você esteja em dúvida com relação ao tamanho, opte por um desumidificador com maior capacidade. Afinal, uma capacidade maior vai significar um reservatório de água maior, que vai garantir que não ficará cheio rapidamente e que não necessitará ser trocado várias vezes ao dia.

Visor

Ter um desumidificador que tenha um visor fácil de mexer é muito importante, principalmente se ele contar com opções para definir os níveis de umidade, como, por exemplo, “seco”, “muito seco” e “normal”.

Se o visor te permitir colocar um timer para definir a hora do dia que deseja que ele seja ligado é melhor ainda, pois assim não precisará ficar lembrando de ativar e desativar o aparelho.

Verifique também se o visor está em português, afinal, é muito mais fácil manusear um equipamento que está na sua própria língua.

View this post on Instagram

Delonghi DD50PE 50 pint

A post shared by IndoorBreathing (@indoorbreathing) on

Ruído

É sempre importante verificar a quantidade de decibéis que o equipamento produz quando está em funcionamento, pois se ele for muito barulhento, pode atrapalhar o som da televisão, ou mesmo incomodar o seu sono caso seja colocado no quarto.

Os modelos com maior capacidade chegam a produzir até 67 decibéis, o que equivale ao som de um escritório movimentado ou de um ar condicionado.

Por isso, verifique com cuidado esta característica, para que não se arrependa da sua aquisição depois.

Potência

É claro que este também é um critério fundamental. A potência está relacionada com a força que o desumidificador tem para funcionar. Quanto mais watts o modelo tiver, melhor será seu desempenho. Porém, tome cuidado. Muitas vezes a potência elevada também significa mais ruído e mais gastos na conta de energia elétrica.

Foram utilizados métodos científicos para analisar mais profundamente 82 produtos da categoria "Desumidificador". O objetivo dessa análise é responder como a questão "Poder" se distribui pelo mercado. Essas informações vão lhe permitir avaliar melhor qual é o produto ideal para você. Você também pode ver os resultados do nosso estudo no gráfico acima. (Fonte: Elaboração própria)

Eficiência energética

Sempre é importante verificar a eficiência energética do aparelho antes de adquiri-lo, isto é, o gasto de energia que ele possui quando utiliza a máxima potência.

Conforme já falamos acima, esta eficiência é demonstrada através de um selo que é colado na caixa do produto, e que estipula uma nota de A até E, em que os aparelhos classificados como A são os menos gastadores, e E os mais gastadores.

Imagem mostra um desumidificador branco encostado em uma parede de madeira.

A posição do umidificador interfere na eficiência energética, normalmente são mais eficientes quando colocados no centro do ambiente e não encostados na parede. (Fonte: www.yourbestdigs.com / Flickr)

Para economizar energia, a função timer que está presente em alguns equipamentos ajuda bastante, pois através dela é possível estipular um tempo para que o aparelho fique ligado, sem que você precise ficar lembrando de ligar e desligar o desumidificador.

O simples posicionamento do aparelho na casa já pode fazer uma grande diferença na eficiência energética dele, pois eles normalmente são mais eficientes quando colocados no centro do ambiente.

(Fonte da imagem destacada: www.yourbestdigs.com / Flickr)

Por que você pode confiar em mim?

Nômade digital, já morou em 4 países diferentes e está sempre de olho no próximo destino. Como redatora, tem experiência escrevendo sobre diversas áreas, especialmente utensílios domésticos, tecnologia, esportes e boa forma.