Imagem mostra uma bicicleta estacionada num campo aberto, com cascalhos no chão e mato alto ao fundo.
Ultima atualização: 20 de fevereiro de 2020

Como escolhemos

12Produtos analisados

17Horas investidas

4Estudos avaliados

70Comentários coletados

Olá, tudo bom? Bem-vindo ao ReviewBox Brasil! No artigo de hoje, vamos conversar sobre absolutamente tudo sobre um dos mais importantes equipamentos do ciclismo: o farol para bike.

Na cidade ou no off-road, o farol para bike confere segurança e praticidade para o seu pedalar. Neste Guia, vamos mostrar os principais tipos, compartilhar as dicas mais importantes e selecionar os melhores modelos do mercado, tudo para ajudar você a encontrar o farol para a sua bike.




Primeiro, o mais importante

  • O farol para bike é feito para alardear a presença de ciclistas numa via urbana, e possibilitar a visão dos mesmos em trilhas e outro trechos off-road.
  • A luminosidade de um farol para bike é medida em lumens.
  • Você encontra modelos básicos a partir de R$ 10 e por até R$ 400.

Você também pode gostar:

Melhores faróis para bike: Os favoritos da redação

O mercado de equipamentos de ciclismo é bastante saturado. São muitos tipos, marcas e preços. A regra, como era de se esperar, não foge ao farol para bike. Para ajudar você a encontrar o seu modelo em meio a tamanha oferta, nós, da ReviewBox Brasil, selecionamos nossos favoritos, para você comparar, se inspirar ou, quem sabe, resolver a sua busca.

O farol para quem não sai de cima da bike

Se você é dessas pessoas que não sabe bem distinguir seus pés dos pedais da sua bike, pense com carinho no farol da TSW, uma das mais populares marcas de equipamentos para ciclismo. O modelo conta com 2 leds, acumulando 900 lumens, que estão ao dispor de cinco funções de iluminação, que podem funcionar de três a quinze horas, dependendo da intensidade. Conta também com capa de alumínio e resistência a chuva.

O modelo de farol mais prático

O farol para bike da Kala é um dos mais práticos do mercado, muito por conta de sua abraçadeira de fácil instalação e também por ser alimentado por apenas duas pilhas comuns, do tipo AA. Mas não precisa se preocupar! A lanterna é de super led branco, que tem alto rendimento, grande luminosidade e o melhor: baixo consumo de energia. A estrutura discreta, da cor preta, é ainda resistente a água.

O farol para bike com ótimo custo-benefício

Por um preço abaixo do usual no mercado, o farol para bike da JYX entrega segurança e facilidade no uso. O JY-263 conta com lâmpada de led do tipo Cree L2, de enorme performance, grande iluminação e ainda com vida útil entre 50.000 e 100.000 horas de uso. Feito em liga de magnésio indeformável e anti-corrosiva, o modelo tem cinco modos de funcionamento. Muito prático, o farol possui bateria recarregável via USB.

Guia de Compras

A bicicleta é um veículo muito versátil. É um meio de transporte, objeto de modalidades esportivas, instrumento para exercícios físicos, até o epicentro de toda uma cultura urbana. O farol para bike, naturalmente, acompanha essa faceta múltipla, com variedades que servem diversos tipos de pedaladas.

No Guia de Compras a seguir, vamos apresentar essas variedades, suas utilidades e principais características. A nossa ideia é que você tenha em mãos todas as informações necessárias para encontrar o farol para bike ideal.

Imagem mostra um rapaz num campo de beisebol, apoiado em sua bike estacionada, admirando o pôr do sol.

A bicicleta serve até de apoio para admirar o pôr do sol. O farol ajuda no escuro que vem depois... (Fonte: Robert V. Ruggiero/ Unsplash.com)

O que é o farol para bike com dínamo?

Um dínamo nada mais é do que um gerador. No caso das bicicletas, trata-se de um mecanismo que se aproveita do movimento dos pneus para transformar a energia mecânica das suas pedaladas em energia elétrica para o seu farol.

São modelos que requerem uma instalação um pouco mais complicada, porque mexe com fios elétricos no meio de engrenagens e correias e afins. Passada a instalação, é um tipo de farol muito durável e muito prático, já que não precisa ser recarregado.

Imagem mostra um homem pedalando em alta velocidade numa rua, à noite, com luzes e e carros deformados e desfocados ao fundo.

O farol com dínamo usa as suas próprias pedaladas para gerar luz. (Fonte: Skitterphoto/ Pexels.com)

Qual o melhor farol de led para bike?

Já faz um tempo que as lâmpadas led dominam o mercado de iluminação. Seu custo, seu desempenho, sua eficiência, entre vários outros aspectos fizeram a tecnologia ser usada em, bom, todo e qualquer produto que emita luz, inclusive os faróis para bike.

Mas isso não é necessariamente uma boa notícia. Com tanta oferta de farol de led por aí, pode ser difícil identificar os modelos com qualidade de fato.

foco

Uma fabricante de led muito recomendado pelos ciclistas é a Cree, com modelos tecnológicos e duráveis.

Para sermos objetivos, elencamos três pontos importantíssimos para avaliar a qualidade de um farol de led para bike:

  • Lumens - a luminosidade das lâmpadas precisa ser grande, para ter um grande alcance, isto é, tanto para você enxergar o mais longe possível, quanto para enxergarem você de uma maior distância;
  • Vida útil - a lâmpada precisa ultrapassar as dez mil horas de vida útil, para uso mais durável e um maior custo-benefício;
  • Baixo consumo - de nada adianta um farol potente se você não pode usá-lo por mais do que um par de horas. Os melhores modelos operam em luz forte por em média três horas.
Imagem em preto e branco mostra um homem pedalando uma bicicleta numa rua vazia, com apenas um carro estacionado e outro virando a esquina, ao fundo.

Os fabricantes de faróis optam por lâmpadas led por sua eficiência e economia. (Fonte: REX WAY/ Pexels.com)

Vale a pena comprar um farol para bike profissional?

Em suas pesquisas, é inevitável que você se depare com modelos de faróis profissionais. Eles são, obviamente, produtos de alta qualidade. Mas vale a pena comprá-los, se você não for um profissional?

Se você está buscando desempenho, com certeza. São modelos com altíssima luminosidade, alguns com a quantidade de lumens ultrapassando a casa das centenas de milhares, contam com grande autonomia em relação à bateria, e são também muito duráveis.

Agora, se você está atrás de algo mais prático e principalmente mais barato para o seu dia a dia, os faróis profissionais não são a melhor escolha. Primeiro pelo seu custo alto, depois, pela certa falta de praticidade envolvida, já que são muitas peças e cuidados necessários.

Vantagens
  • Alta luminosidade
  • Autonomia
  • Durabilidade
Desvantagens
  • Preço
  • Pouco prático

Como funciona o farol com buzina?

No perímetro urbano, a função primordial do farol para bike é a segurança, isto é, alardear carros e outros veículos de sua presença e seus movimentos em ruas e pistas. Outro equipamento presente no ciclismo com a mesma função é a buzina.

Era natural, portanto, que fabricantes unissem os dois em um só produto, criando um combo para um pedalar mais seguro nas cidades.

A maioria dos modelos é simples, e liga uma buzina elétrica, geralmente apenas um botão com revestimento de borracha, com a  bateria do farol por um fio fino, mas resistente, e comprido o bastante para percorrer o guidão. Muitos desses faróis contam com suportes ou abraçadeiras tanto para a lâmpada como para a buzina.


Farol para bike: pilha ou recarregável?

Uma das decisões que é bem provável que você terá de fazer na hora de escolher o farol para a sua bike é entre modelos de pilha e modelos recarregáveis. Modelos de pilha podem parecer um tanto ultrapassados, mas não esqueçamos que muitos faróis são, basicamente, lanternas de bicicleta, e portanto perfeitamente utilizáveis com pilhas.

Faróis com pilha são mais práticos; os recarregáveis, econômicos.

A primeira informação que você deve saber é que a potência dos faróis, a luminosidade, não se altera devido à alimentação. O que se altera é a característica principal do uso de cada tipo: faróis com pilha são mais práticos, já que acabou a carga, trocou, e pronto; faróis recarregáveis, por sua vez, são muito mais econômicos, mesmo se considerada a energia gasta no recarregamento das baterias.

O preço dos modelos à pilha são naturalmente menores que os recarregáveis, já que têm um item a menos. Ao mesmo tempo, a variedade de modelos recarregáveis é muito maior, já que a economia que proporcionam é muito popular no meio do ciclismo.

Pilha Recarregáveis
Característica principal Praticidade Economia
Luminosidade Alta Alta
Variedade Menor Maior
Preço Mais baixo Mais alto

Quanto custa um farol para bike?

O farol para bike pode ser um produto simples, isto é, apenas uma lanterna acoplada ao guidão, como tambpem pode ser um produto funcional, resistente e durável.

Por isso mesmo, a variação de preços entre modelos é grande. Você encontra modelos mais básicos a partir de R$ 10, R$ 15, assim como modelos mais avançados, profissionais, por até R$ 400.

Critérios de Compra: Escolhendo o farol para bike ideal

Nossa última lista foca no momento da sua compra. Os itens abaixo falam de caracterísiticas comuns aos faróis para bike, que, se comparados, podem servir de eficientes critérios de escolha, além de ajudar você a sair da loja, física ou virtual, com o melhor modelo em mãos.

Funções

Uma maneira muito prática de comparar e selecionar faróis para bike é se atentar às suas funções. Não, não estamos falando de faróis smart, que se ligam ao celular ou algo do tipo. Estamos falando de funções de iluminação, isto é, de intensidade e ações, como luzes de natal por exemplo.

As funções mais comuns, e das quais você não devem abrir mão são:

  • Luz forte
  • Luz média
  • Luz baixa
  • Luz intermitente lenta
  • Luz intermitente rápida
Imagem mostra um farol de bike avulso sobre uma superfície lisa e reflexiva, com duas pequenas luzes vermelhas acesas.

O farol fica muito mais útil com diferentes funções de luminosidade. (Fonte: stux/ Pixabay.com)

Instalação

Outro ponto importante para se notar é a instalação dos faróis, ou seja, o qual fácil ou não é instalar um modelo. Tirando os modelos alimentados a dínamo, você terá que, em algum momento, retirar o farol de cima da bike, para recarregar, secar, enfim, fazer a sua manutenção.

É primordial que o farol seja de fácil instalação.

Assim, é primordial para um uso prático do farol que ele seja de fácil instalação e remoção, de preferência com abraçadeiras e outros suportes móveis para fixação, principalmente se você utilizar mais de um tipo de bicicleta para suas pedaladas.

Luminosidade

De volta a um critério objetivo, é essencial que você se informe sobre a luminosidade dos modelos de sua escolha. Afinal, estamos falando de faróis. E não se contente com anúncios falando de grande iluminação: foque no desempenho, medido em lumens.

Busque modelos com lâmpadas a partir de 200 lumens, que não é o desempenho ideal, mas suficiente para alardear a sua presença em qualquer via.

Fique atento também à relação nº de lâmpadas x quantidade de lumens. É muito comum que o desempenho anunciado por algum modelo seja a soma das lâmpadas presentes, mas não fique claro que é de fato uma somatória.

Imagem mostra a parte frontal de um guidão de bicicleta, equipado com um farol do tipo cat eye.

O desempenho da(s) lâmpada(s) é essencial para saber sua efetividade real em certos ambientes. (Fonte: oggiemonster/ Pixabay.com)

Kit

Por fim, vale notar o kit em que o farol para bike é vendido. Atenção aos periféricos, como cabos para recarga ou pilhas, e itens extras também, como cabo para recarga em carros, peças reservas ou mesmo refletores traseiros/laterais, os famosos "olhos de gato".

Um kit completo melhora a experiência do produto, e os itens extras só melhoram o seu custo-benefício.

(Fonte da imagem destacada: Marek Uliasz/ 123rf.com)

Por que você pode confiar em nós?

Andressa Rodrigues Coach de Crossfit
O ciclismo reinava absoluto no coração de Andressa até que ela conheceu o Crossfit. Não, ela não largou completamente a bike por burpees e push-ups, mas agora divide a atenção entre as duas modalidades. Colecionando medalhas e troféus tanto pedalando quanto completando WODs, ela também quer compartilhar seu conhecimento nas duas atividades na internet.
Lucas Ayres Jornalista
Fanático por esportes e apaixonado por música, vive antenado às novas tecnologias e tendências da moda masculina. Escreve sobre os produtos que orbitam nesses assuntos, e outros que deixam a casa e o dia a dia mais fácil, prático e, além de tudo, saudável.