Imagem mostra apenas uma mão esquerda segurando uma fita crepe na vertical, sob um fundo azul.

Olá, seja bem-vindo ao ReviewBox Brasil! Hoje vamos falar tudo sobre a fita crepe, uma verdadeira ferramenta adesiva, um dos mais úteis e versáteis produtos do mercado de materiais de escritório, papelaria e construção.

Excelente guia para pinturas e muito versátil para trabalhos escolares, montagens e colagens, a fita crepe tem também uma grande variedade, que vai da largura do rolo à metragem da fita, da cor do adesivo ao tipo de aderência. No guia abaixo, vamos ajudar você a escolher o modelo que seja mais útil para você e sua atividade.

Primeiro, o mais importante

  • A maior variedade entre rolos de fita crepe está em sua largura. Há modelos de 3, 6, 10, 18 e 48 milímetros, para ficar entre os mais populares.
  • Ainda que a maioria das fitas crepes sejam brancas, há modelos coloridos, alguns por opção estética, outros para indicar sua especialidade em alguma atividade específica, como pintura de parede, por exemplo.
  • O melhor de tudo: a fita crepe é muito barata, encontrada entre R$ 5 e R$ 30, dependendo de sua marca, medida e tecnologia.

Você também pode gostar:

As melhores fitas crepe: As favoritas da redação

Por ser um produto simples, você pode pensar que fita crepe “é tudo igual”. Mas não se deixe enganar. Cada modelo tem uma função específica, e é isso o que vamos mostrar na lista abaixo, com as melhores fitas do mercado.

A melhor fita crepe para pintura

A fita crepe profissional da 3M é inteiramente pensada para o mascaramento de superfície durante a pintura, a começar pela sua cor azul, mais facilmente identificada em paredes. Depois, é resistente a sol e chuva, rasgamento, umidade, solventes e, claro, água de tinta. A cereja do bolo é sua tecnologia adesiva que evita que você tenha que limpar imediatamente após a remoção da fita, garantindo a linha de pintura perfeita.

A melhor fita crepe para uso geral

A fita crepe da Tigre é ideal para ter em casa, pronta para qualquer parada, seja fixação, mascaramento, demarcação, agrupamento de peças, trabalhos escolares, entre outros. Profissional, tem 25mm de largura e 50 metros de fita, é feita de papel crepado, com adesivo especial de borracha e resinas sintéticas, com a cor bege e rolo de papelão.

A melhor fita crepe para a caixa de ferramentas

A fita crepe Mask 710 da Adelbras tem a versatilidade que uma fita multiuso precisa. Com 18mm de largura, tem eficiência em diversos ângulos e a resistência necessária para encarar várias atividades pesadas. Suporta temperaturas de até 100ºC, por exemplo. Ideal para uso industrial, pinturas e fixações, tem adesivo de borracha e resinas e não deixa resíduo na superfície depois de ser aplicada.

Guia de Compra

Quem nunca tentou consertar algo com uma fita crepe? Quem nunca dobrou uma crepe no meio para improvisar uma fita dupla-face? Versátil e muito resistente, e, ao mesmo tempo, facilmente removível, as fitas crepe é uma referência entre colas adesivas.

No Guia de Compra a seguir, você conhecerá mais sobre sua composição, seus tipos, as melhores atividades para usá-la, entre outras informações importantes para que você encontre o melhor modelo para você.

Imagem mostra um homem ajoelhado numa escada e fixando uma capa de plástico com uma fita crepe, cujo rolo repousa num dos degraus à sua frente.

Da arte à obra, a fita crepe serve para tudo. (Fonte: ronstik / 123rf.com)

Do que é feita a fita crepe?

A fita crepe, como a maioria das fitas, é composta por duas camadas, o adesivo, que cola, e o chamado filme, que é a parte lisa não colante. O adesivo é feito por uma mistura entre borracha, que dá flexibilidade, e com resinas, que deixam o adesivo “grudento”.

O filme, por sua vez, é feito de papel crepe ou crepado – daí o nome “crepe” -, normalmente alvejado quimicamente.

foco

Você sabia? A fita crepe foi inventada pelo químico Richard Drew, da 3M Company, em 1925, com a ideia de facilitar a pintura de carros.

Quando usar a fita crepe?

Um dos valores mercadológicos da fita crepe é a sua versatilidade, ou seja, há uma grande quantidade de atividades em que esse produto pode ser útil. As mais consagradas são o mascaramento de superfície para pinturas, fixações e demarcações.

Acontece que, flexível, resistente e com um adesivo de boa aderência e fácil remoção, a fita crepe é excelente para usos gerais, como pequenas colagens, artesanatos e similares, desde que seu uso seja temporário.

Imagem mostra uma mesa com um caderno aberto, com a folha desenhada, ao centro. Ao seu redor, dois estojos, um lápis, uma caneta, um estilete e uma fita crepe.

Resistente e aderente, mas ao mesmo tempo fácil de remover, a fita crepe é uma ótima para um uso geral, em especial artesanatos e colagens. (Fonte: lensk / Pixabay.com)

Qual a melhor fita crepe para pintura?

A fita crepe foi inventada para solucionar um problema de pintura. Sua composição faz com que o filme de papel proteja a superfície em que o adesivo é colado e não escorra tinta para nenhum lado.

O ideal é que seu adesivo não deixe marcas quando removido.

Assim, a melhor fita crepe para pintura deve ter uma aderência de longa duração e resistente às substâncias comuns à pinturas, como águas de tinta, solventes e com um filme praticamente impenetrável.

O pulo do gato está também na remoção da fita crepe. O ideal é que seu adesivo não deixe marcas ou que pelo menos não precise de limpeza imediata. Filmes com cores que contrastem com a tinta usada também são úteis.

Imagem mostra um dois rolos de fita crepe apoiados um sobre o outro, um na horizontal e outro na vertical. Um pincel repousa sobre a circunferência interna do rolo na vertical.

A fita crepe ideal para pintura tem de apostar na resistência de seu filme e adesivo. (Fonte: Capri23auto / Pixabay.com)

Fita crepe branca ou colorida?

Como já citamos, a cor do filme de papel crepe é inserida quimicamente, na maioria das vezes por questão estética. Então, tecnicamente falando, uma fita crepe branca ou colorida têm a mesma composição.

O que as diferencia é que a fita branca é mais versátil, enquanto a colorida pode ser mais útil em situações específicas, como fazer contraste à uma tinta específica para o mascaramento em pinturas ou adornar e compor artesanatos.

Algo que os fabricantes têm feito é utilizar fitas coloridas para indicar alguma tecnologia especial, o que não é uma regra, mas que vale um olhar atento à embalagem.

Fita crepe ou fita dupla-face?

Por ser muito versátil, a fita crepe é comparada com algumas fitas específicas, como a dupla-face, já que muita gente dobra a crepe e faz dela uma dupla-face. Acontece que por mais que tenham funcionamentos similares, nesses casos, seus usos são muito diferentes.

As palavras-chave aqui são tempo e resistência. Se você dobra uma crepe para colar um papel na parede por um tempinho, você usa uma dupla-face para colar um quadro na parede por um tempo diferente.

Fita crepe Fita dupla-face
Uso Geral, mascaramento, fixação, artesanato Decoração, fixação, artesanato
Tempo de aderência Médio Alto
Remoção Fácil Trabalhosa

Critério de Compras: Como comparar os tipos de fita crepe

Vamos agora a mais uma lista, dessa vez de critérios de compra, que são elementos característicos da fita crepe e de seu uso, e que valem a sua atenção antes da escolha, para que ela seja a melhor possível.

  • Uso
  • Marca
  • Largura
  • Metragem

Abaixo, vamos falar de cada um dos itens, para você ir tranquilo e bem-informado à loja, seja ela virtual ou física.

Uso

O uso que você pretende dar à fita crepe é importante, mesmo que seja um uso generalista. Cada atividade pode ser mais eficaz com uma medida certa e o material certo da fita e da cola.

Há modelos, por exemplo, especializados em pintura para parede, com revestimento reforçados, e outros mais indicados para uso com papel, com menor aderência.

Marca

Procurar pelas melhores marcas é uma maneira rápida de encontrar uma fita crepe de qualidade. Nesse caso, procure pelas fabricantes com maior tradição, como a 3M, a inventora da maioria das fitas que temos hoje.

A Adelbras é uma empresa brasileira com décadas de tradição e é também uma opção interessante. A Tigre, que empresta seu prestígio de seus materiais de construção, é uma alternativa mais em conta.

Largura

A largura é um critério muito importante para escolher a sua fita crepe. A largura certa para a atividade certa quer dizer um melhor custo-benefício, já que você não precisará passar a fita mais vezes do que necessário ou cortar/dobrar a fita para adesivar objetos menores.

As larguras mais comuns de fita crepe no mercado são as 3mm, 6mm, 10mm, 18mm e 48mm.

Imagem mostra um rolos de fita crepe de várias cores e vários tamanhos numa mesa repleta de itens de escritório.

Uma fita crepe com a largura certa é certeza de maior economia. (Fonte: Jo Szczepanska / Unsplash.com)

Metragem

Objetivamente, a metragem é quantidade de fita que há num rolo, que é medida como se fosse uma grande e única fita crepe. O ideal é que o modelo tenha a maior metragem possível, o que significa mais fita por mais tempo.

Ainda assim, vale pensar o tamanho e o peso do rolo, que obviamente fica maior com uma maior metragem, e que pode ser ruim de levar na mochila ou na mala, por exemplo, ou mesmo guardar numa gaveta.

(Foto destacada: Nontawat Thongsibsong / 123rf.com)

Por que você pode confiar em mim?

Lucas Ayres Jornalista
Lucas Ayres
Fanático por esportes e apaixonado por música, vive antenado às novas tecnologias e tendências da moda masculina. Escreve sobre os produtos que orbitam nesses assuntos, e outros que deixam a casa e o dia a dia mais fácil, prático e, além de tudo, saudável.