Bem-vindo ao ReviewBox Brasil! Interessado em conhecer mais sobre o gerador de ozônio ou adquirir um para o seu lar? Então vamos tirar todas as suas dúvidas sobre esse produto que tem crescido cada vez mais em popularidade!

O gerador de ozônio é extremamente eficaz na purificação do ar e da água. Também se destaca pela sua versatilidade, podendo ser usado em várias situações e ambientes. Por isso, ter um na sua casa será sempre uma ótima opção.

Quais são todos esses usos possíveis? Como escolher o seu? Vamos trazer todas as informações necessárias para que você passe a entender perfeitamente o gerador de ozônio e consiga adquirir o melhor modelo possível para as suas necessidades!

Primeiro, o mais importante

  • Ar fresco e limpo, água pura e esterilização de objetos são os principais benefícios do gerador de ozônio. Versátil, esse aparelho pode trazer muitos benefícios à sua vida.
  • Tudo que é em excesso, faz mal. Essa lei do universo também vale para o ozônio. Em quantidades acima do recomendado, ele pode causar danos aos pulmões e problemas respiratórios. Sempre regule o aparelho adequadamente.
  • Pela enorme gama de usos que o gerador de ozônio pode ter, há modelos indicados para funções diversas e faixas de preços que podem ir de menos de R$ 200 até mais do que R$ 2.000. É importante saber qual a função que você dará ao aparelho!

Você também pode gostar:

Ranking: Os 3 melhores modelos de gerador de ozônio

Com sua popularidade em alta, cada vez mais fabricantes têm passado a produzir geradores de ozônio. Por isso, selecionamos alguns modelos de destaque.

Nas linhas abaixo, você encontrará quatro geradores de ozônio que com certeza seriam ótimas adições à sua vida:

1º – Gerador Portátil de Ozônio 600 mg/h Ivation

Esse gerador é bastante completo e pode ser usado para esterilização de itens como alimentos, água, escovas de dentes, utensílios domésticos e muito mais. A principal recomendação, porém, é para uso na cozinha.

Conta com duas mangueiras de silicone que podem ser introduzidas dentro de embalagens com fechadura zip lock para melhor esterilização. Também traz duas pedras difusoras e um temporizador. Apresenta vazão de 600 mg de ozônio por hora.

2º – Gerador de Ozônio Disinfector N202F Diluka Power

Purificador de ar e de água, esse gerador de ozônio da Niluka Power também conta com um adaptador para uso automotivo. Promete remover 99% das bactérias e 100% dos fungos presentes em determinado ambiente.

Também tem a vantagem de ser bivolt. Sua vazão é de 500 mg / hora e há um display eletrônico que ajuda em uma melhor programação do aparelho. O uso em alimentos também é recomendado, aumentando a versatilidade do aparelho.

3º – Gerador de Ozônio para Tomadas N339A Nanbai

A portabilidade é uma vantagem desse gerador de ozônio da Nanbai. Muito compacto, pode ser facilmente transportado de um ambiente a outro. Basta conectá-lo na tomada e purificar o ambiente. Além disso, é bivolt.

Pode ser programado entre tempo de uso e de inatividade – por exemplo, 30 minutos liberando ozônio, 8 horas desligado. Assim, você não precisa se preocupar com ele quando estiver fora de casa. A vazão é de 100 mg por hora.

Guia de Compra

Você reparou que há modelos de gerador de ozônio para várias aplicações, com muitos deles sendo bastante versáteis? Então agora mergulharemos mais nisso, falando sobre os usos do aparelho, além de trazer suas vantagens e desvantagens.

Afinal, conhecer bem a funcionalidade do aparelho é importantíssimo antes de fazer uma compra!

Imagem mostra uma mulher nadando em uma piscina.

O ozônio é mais eficaz do que o cloro para limpar piscinas. (Fonte: survivor / Pixabay)

O que é um gerador de ozônio e para que ele serve?

O ozônio é um gás presente na atmosfera do nosso planeta, formado por três moléculas de oxigênio. Daí vem a sua notação, O³. É justamente dele que é formada a camada de ozônio, sobre a qual sempre ouvimos falar quando o assunto é aquecimento global.

Os geradores são de funcionamento bastante simples: realizam a captação do oxigênio (O²) no ar e o transformam em ozônio, que é então liberado. Na maioria dos casos, funcionam a partir de eletricidade.

Mas qual a vantagem de ter um gerador de ozônio? É simples: esse é um gás com grandes capacidades de purificação. Ele é, por exemplo, muito mais eficiente do que o cloro. É por isso que tê-lo dentro de sua casa, automóvel ou até ambiente profissional pode ajudar a sua saúde!

Diz-se que um purificador de ozônio pode eliminar quase 100% dos fungos e bactérias do ar, bem como praticamente todas as impurezas da água. É uma solução muito eficaz para o aumento da qualidade de vida.

foco

Você sabia que a transformação do oxigênio em ozônio por eletricidade não é uma invenção humana?

É mais ou menos o que acontece na atmosfera. A radiação ultra-violeta e as cargas elétricas são as responsáveis pela formação desse gás em suspensão no planeta.

Por isso, é comum que se diga que ambientes com um gerador de ozônio ligado ficam com “cheiro de tempestade”!

Quais as utilidades de um gerador de ozônio?

Já destacamos que o gerador de ozônio é muito versátil. Há indicações para cada setor da casa e até mesmo para alguns ambientes profissionais. Por isso, vamos a uma lista com os principais usos que você dar a um gerador de ozônio:

  • Uso doméstico: Higienização e purificação de ar. Eliminação de bactérias, fungos e germes. Retira odores ruins e deixa o ambiente totalmente livre de contaminação. Pode ser também utilizado assim no ambiente profissional ou na hotelaria.
  • Uso culinário: Aumenta a durabilidade dos alimentos quando aplicado neles a vácuo. Mata as bactérias e faz com que seja muito difícil que algo estrague. É excelente na esterilização de utensílios de cozinha.
  • Uso automotivo: Também é capaz de eliminar todos os cheiros ruins, bactérias e germes do automóvel. Tapetes, por exemplo, podem juntar muitos ácaros. Um pequeno adaptador já permite que esse uso seja feito com tranquilidade.
  • Uso como purificador de água: Pode ser colocado tanto como um filtro na cozinha, purificando assim a água que será bebida, quanto como um limpador de piscinas. Nesse segundo caso, é muito mais rápido e eficiente do que o cloro.
  • Uso como esterilizador de objetos: Para muitos profissionais como dentistas, barbeiros e cervejeiros, o gerador de ozônio é uma alternativa incrivelmente eficaz para esterilizar objetos de trabalho. Isso também vale dentro de casa, em objetos como escovas de dentes.

Também há outros profissionais que podem fazer uso de geradores de ozônio, especialmente aqueles que trabalham com química ou saneamento básico. A versatilidade do aparelho é realmente impressionante!

Ainda tem dúvidas sobre como usar um gerador de ozônio? Então confira o vídeo abaixo:

Quais as vantagens e desvantagens de um gerador de ozônio?

A capacidade do gerador de ozônio de limpar o ar e trazer inúmeros benefícios é fantástica. Quando bem usado, ele vai realmente ajudar no seu dia a dia e te proporcionar uma qualidade de vida invejável.

Mas nem tudo são flores: o ozônio, quando em excesso, torna-se perigoso. É preciso ter a atenção para regular corretamente os geradores ou não deixá-los constantemente ligados. A saúde pode ser prejudicada nesses casos.

Quando sua presença é excessiva no ambiente, o ozônio pode causar danos aos pulmões, problemas respiratórios e pioras de condições já existentes, como a asma. Também não é recomendado fazer exercícios físicos em um ambiente com um ozonizador.

Confira a tabela abaixo de vantagens e desvantagens:

Vantagens
  • Purifica o ar e a água com muita eficiência
  • É versátil e pode ser usado em muitas situações
  • Muitas vezes é portátil e pode ser levado de um ambiente para outro
Desvantagens
  • É preciso sempre prestar atenção na dosagem do ozônio
  • O ozônio em excesso no ar pode causar sérios problemas
  • Consumo de energia elétrica

Quanto custa?

O tamanho e a utilidade de um gerador de ozônio são os fatores que mais influenciam no preço. Há aqueles que são pequenos, para serem ligados diretamente na tomada, e apenas purificam o ar. Outros, podem ser aplicados de infinitas formas e contam com adaptadores.

Por isso, quanto mais complexo o aparelho, maior será o preço. Os mais simples podem custar por volta de R$ 150, com a maior parte dos modelos ficando entre R$ 300 e R$ 400. Os melhores, com indicações medicinais, chegam a passar de R$ 2.000.

Onde comprar?

Lojas de produtos gerais para a casa e aparelhos domésticos devem trazer um bom número de geradores de ozônio. Se você busca um aparelho de uso específico, como para esterilização de objetos de odontologia, lojas especializadas são mais indicadas.

Mas a melhor opção ainda é comprar pela Internet. A Amazon traz uma grande variedade de modelos e você deve dar uma olhada por lá! Mercado Livre, Americanas, Submarino e sites dos fabricantes também não ficam atrás.

Critérios de compra: Fatores para considerar ao comprar o seu gerador de ozônio

Existem alguns detalhes específicos dos geradores de ozônio que precisam ser levados em conta no momento da compra. Listamos quatro abaixo:

  • Adaptabilidade
  • Portabilidade
  • Vazão
  • Facilidade de regulagem

Explicaremos a seguir cada um deles, para que você possa fazer a melhor escolha ao comprar o seu gerador:

Adaptabilidade

Há geradores de ozônio que são capazes de efetuar múltiplas funções. Podem ser empregados dentro de casa, purificar ar ou água, realizar todas as funções que mostramos na lista do guia de compra. Para isso, eles precisam ser adaptáveis.

Objetos como mangueiras extras, com funções específicas, e pedras difusoras colaboram com essa adaptabilidade. Assim, é só instalar os adicionais necessários o produto terá sua função principal transformada. Economia e versatilidade!

Imagem mostra equipamentos de odontologia sobre uma mesa.

A esterilização de equipamentos de odontologia é um dos usos recomendados do gerador de ozônio. (Fonte: ExplorerBob / Pixabay)

Portabilidade

Caso seja importante para você transportar o seu gerador para diversos ambientes e lugares, ele precisa ser pequeno e portátil. Por isso, observe bem as medidas e o peso. Também veja se possui rodinhas ou algo que facilite o deslocamento.

Esse não é um problema se a sua ideia for adquirir um aparelho que fique fixo em um único lugar. Caso esse seja o caso, outros fatores devem ser mais levados em consideração.

Vazão

A vazão de um gerador de ozônio é medida pela quantidade de gás que ela consegue liberar por hora. Os valores podem ser encontrados medidos em gramas ou em litros e variar, em média, de 100 até 2000.

Dependendo da função do gerador, é necessária uma vazão maior ou menor. Para limpar uma piscina, por exemplo, é preciso que o aparelho libere bem mais ozônio do que para esterilizar uma escova de dentes. Mais uma vez, você precisa saber qual será o uso principal!

Facilidade de regulagem

Já mencionamos que, em excesso, o ozônio pode ser prejudicial à saúde. Por isso, você precisa conseguir regular a quantidade de gás que será liberado pelo gerador. O manual de instruções também tem que trazer informações sobre quanto tempo o aparelho pode ser usado em sequência.

A maior parte dos modelos conta com displays que mostram há quanto tempo o aparelho está ligado, bem como a possibilidade de programação de desligamento e a vazão de momento. Caso isso não aconteça, será preciso sempre ligar e desligar manualmente.

Não exagere no uso do gerador: sua saúde é mais importante do que os benefícios que ele traz!

(Fonte da imagem destacada: Yuriy Alimov / 123rf)

Avalie esse artigo

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
36 Voto(s), Média: 4,50 de 5
Loading...