Bem-vindo ao ReviewBox Brasil! Você precisa içar ou rebocar cargas pesadas com frequência? Seu trabalho envolve o constante transporte de caixas, motores ou outros objetos que humanos não conseguem carregar sem ajuda de equipamentos de auxílio? Não se preocupe: O guincho hidráulico pode resolver os seus problemas!

O guincho hidráulico é um meio muito eficiente para levantar ou transportar objetos pesados. Seu funcionamento e sua durabilidade se destacam em relação a outros equipamentos que têm a mesma função. Mas como escolher e como saber se você realmente precisa de um? Fique conosco nesse artigo que tiraremos todas as suas dúvidas!

Primeiro, o mais importante

  • O guincho hidráulico é um equipamento muito versátil e pode ser usado em diversas indústrias e áreas de serviço.
  • Ele é superior aos guinchos elétricos e manuais na maior parte dos aspectos, tendo apenas algumas pequenas desvantagens, entre elas, o preço.
  • Tenha certeza que você sabe como usar o guincho hidráulico antes de começar a manuseá-lo. Caso contrário, acidentes graves podem acontecer.

Você também pode gostar:

Os melhores guinchos hidráulicos: Nossas recomendações

Selecionamos alguns dos principais modelos de guincho hidráulico disponíveis no mercado brasileiro. Eles são robustos, confiáveis e te ajudam com o serviço do dia a dia. Confira:

O guincho hidráulico que suporta 2 toneladas

A Vonder cresce cada vez mais no mercado das ferramentas e instrumentos de trabalho e apresenta esse espetacular guincho hidráulico. Sua capacidade de carga é de 2 toneladas e o espaço para transporte tem 170 cm de altura e 420 cm de largura. Conta com prolongador. É ainda dobrável, o que facilita seu armazenamento.

Modelo de preço intermediário

Um guincho robusto e bem-acabado, com proteções anti-oxidação que aumentam a sua durabilidade. As rodas e a corrente são de ferro, é um produto que dificilmente irá sofrer danos estruturais e ainda apresenta garantia de 12 meses. Tem capacidade de carga de 1 tonelada e conta com um prolongador.

O modelo ideal para levantar motos

A segurança e a durabilidade marcam esse guincho da Bovenau. Possui diversas travas que garantem que seus usuários estarão sempre seguros, além de galvanizações nas rodas e correntes para conferir maior resistência aos efeitos do tempo. A capacidade de carga é de 1 tonelada e também há presença de prolongador.

Guia de Compra

Quer entender melhor para que serve um guincho hidráulico e como usá-lo? É no guia de compra que traremos todos esses detalhes! Vantagens, desvantagens, comparações, quando usar e muito mais. Preparado?

Imagem mostra uma mulher ao lado de um guincho hidráulico que levanta partes de um carro.

O guincho hidráulico é fundamental em oficinas mecânicas. (Fonte: Andrew Poplavsky / 123rf)

O que é um guincho hidráulico e para que ele serve?

Sempre confira se todas as normas estão sendo seguidas.

Em diversas indústrias e serviços, é preciso içar e transportar com frequência objetos ou equipamentos pesados. Como os seres humanos não conseguem fazê-lo por si só, precisaram inventar acessórios para isso. É aí que entra o guincho.

Existem guinchos elétricos, mecânicos, pneumáticos e de outros tipos. E existe o guincho hidráulico, que funciona a partir de, como o nome diz, um sistema hidráulico que aciona seu tambor e permite a movimentação de suas partes.

Por ser um equipamento que transporta cargas muito pesadas, o guincho hidráulico precisa ser usado com segurança e parcimônia. Sempre confira se todas as normas estão sendo seguidas para evitar acidentes!

Para quem é indicado contar com um guincho hidráulico?

Selecionamos alguns exemplos de indústrias e setores que precisam fazer uso de um guincho hidráulico com frequência:

  • Oficinas mecânicas: Muitas vezes, é preciso içar um carro ou partes específicas dele, como o motor, para fazer reparos corretamente. Esse é o uso mais popular do guincho hidráulico.
  • Indústria siderúrgica: Por lidar com metais pesados, muitas vezes é difícil na siderurgia transportar todos os produtos e seus componentes. Um guincho ajuda muito nessa hora.
  • Setor naval: O constante transporte de caixas no setor naval faz com que seja necessário fazer o uso de guinchos. Ao olhar para um porto, você nota facilmente a presença de muitos deles.
  • Setor de carretos e transportes urbanos: Muitas vezes, itens pesados como máquinas de lavar, armários de cozinha e geladeiras são levados no braço, mas pode ser uma boa ideia contar com um guincho para ajudar no transporte deles.
  • Enfermagem: Com algumas adaptações, o guincho hidráulico pode ser uma ótima ideia para transportar pessoas acamadas ou com dificuldade de locomoção de um lugar para outro dentro de casa ou para uma ambulância!

Esses são apenas os setores que mais têm necessidade de um guincho hidráulico, mas existem ainda outros que podem se beneficiar do equipamento. Basta ter objetos muito pesados para transportar!

foco

Você sabia? O guincho hidráulico é uma invenção relativamente nova: Só no final da década de 1960 que a Gearworks, uma empresa canadense, começou a  trabalhar no seu desenvolvimento.

O primeiro modelo chegou ao mercado em 1972, facilitando a vida de muitos trabalhadores.

Quais as vantagens e desvantagens de um guincho hidráulico?

Por que escolher um guincho hidráulico, e não um elétrico ou manual? Sem dúvidas, cada tipo possui suas vantagens e desvantagens.

O guincho hidráulico não depende de fontes de energia elétrica, seja via tomada, seja via conexão com motores externos ou bateria. Além disso, ele não costuma sofrer com superaquecimento, o que pode ser um problema em outros tipos.

Costuma ser bastante robusto e ter ciclo de trabalho de 100%. Sua eficiência para içar objetos é muito grande, desde que a carga seja compatível com a sua capacidade.

Outra vantagem é que o sistema hidráulico permite um manuseio mais fácil do guincho, de forma similar ao que ocorre com veículos que apresentam direção hidráulica.

De negativo, temos que destacar dois pontos em específico. Primeiro, a composição interna, que precisa de uma boa pressão e de um fluxo contínuo em seu sistema para funcionar. Pode ser necessário fazer manutenção com mais frequência. Além disso, o valor costuma ser mais elevado.

Confira a seguir a tabela com vantagens e desvantagens do guincho hidráulico:

Vantagens
  • Não precisa de fontes elétricas para funcionar
  • Não sofre com superaquecimento e pode ser usado de forma contínua
  • Sistema hidráulico facilita no manuseio
  • Muito eficiente para içar e transportar objetos pesados
Desvantagens
  • Sistema hidráulico pode dar problemas com maior frequência, exigindo mais manutenção
  • Valor mais elevado que o de guinchos de outros tipos

Guincho hidráulico, guincho elétrico ou guincho manual?

Você já conhece as vantagens do guincho hidráulico, mas como ele se compara em questões mais específicas com os outros tipos de guinchos?

O guincho elétrico é usado principalmente em oficinas mecânicas. Isso porque ele pode ser ligado ao motor do automóvel, evitando o consumo de eletricidade. Como seu custo é mais baixo, muitas vezes acaba sendo o tipo preferido nesse nicho.

Mas os problemas de superaquecimento em caso de uso contínuo podem desencorajar o uso do guincho elétrico. Sempre é necessário fazer pausas no serviço.

Por sua vez, o guincho manual tem seu sistema de içamento acionado através de manivelas ou alavancas. É possível que seja necessário mais de uma pessoa para o manuseio.

Ele é usado principalmente para transporte de objetos menores. Sua principal indicação é para os serviços de carretos e transportes urbanos.

Como podemos perceber, o guincho hidráulico é o mais versátil dentre esses tipos, com a utilização abrangendo todos os tipos de serviços que já mencionamos. Caso você esteja disposto a desembolsar um valor maior, é o que deve ser escolhido!

Comparamos os três tipos na tabela a seguir:

Guincho hidráulico Guincho elétrico Guincho manual
Indicações Versátil: Pode ser usado em todos os setores que necessitam de guinchos Oficinas mecânicas e indústria automotiva Pequenos carretos e transportes urbanos
Desvantagem Manutenção e preço mais alto Necessita de fonte de energia e precisa de pausas no seu uso Requer várias pessoas no uso dependendo do peso do objeto a ser transportado
Faixa de preço Mais alta Média Mais baixa

Como usar um guincho hidráulico?

Para usar o guincho hidráulico, é preciso ter muito cuidado. Qualquer erro pode resultar em um indesejado acidente. Por isso, preste atenção e tenha certeza que você sabe o que está fazendo.

É importante que a superfície seja plana e que a carga esteja centrada entre as pernas do guincho no início do processo. Em seguida, ela deve ser bem presa às correntes do guincho para que o bombeamento seja feito com segurança.

Apesar de tratar especificamente da marca Bovenau, o vídeo a seguir explica muito bem como deve ser usado um guincho hidráulico:

Quanto custa e onde comprar um guincho hidráulico?

Os principais fatores que interferem no valor de um guincho hidráulico são a capacidade de carga e a presença de um prolongador. Os modelos mais baratos custam por volta de R$ 800, com a média girando entre R$ 1.200 e R$ 2.000.

Lojas especializadas em materiais de construção e ferramentas são boas opções para comprar o seu guincho hidráulico, mas recomendamos que você o faça pela internet. A Amazon brasileira apresenta ótimas opções. Também confira a Amazon internacional e o Mercado Livre.

Critérios de Compra: O que considerar ao escolher o seu guincho hidráulico

Você já decidiu comprar um guincho hidráulico, mas ainda não sabe qual modelo escolher? Selecionamos então alguns critérios para te ajudar com especificações técnicas!

  • Capacidade de carga
  • Material das correntes
  • Material das rodas
  • Facilidade de uso

Abaixo, falamos um pouco mais sobre cada um deles:

Capacidade de carga

Guinchos hidráulicos podem ter uma variação de capacidade de carga entre 500 kg, 1 ou até 3 toneladas. Tudo depende, portanto, do que você precisa carregar.

A recomendação é que o guincho sempre suporte pelo menos 150% do peso do objeto a ser carregado.

A recomendação é que o guincho sempre suporte pelo menos 150% do peso do objeto a ser carregado. Não desrespeite essa norma para não correr risco de acidentes. Portanto, a escolha deve ser feita a partir de uma estimativa do que você irá transportar com frequência.

Se o guincho é para uma oficina mecânica, por exemplo, avalie através dos veículos e motores!

Material das correntes

São dois os principais tipos de correntes de guinchos hidráulicos: Aço e sintético.

Para correntes de aço, é preciso sempre usar luvas no manuseio. O ideal é que elas sejam galvanizadas, caso contrário, podem enferrujar. Possuem alta resistência, mas são mais pesadas, podendo danificar o guincho com o tempo.

As correntes sintéticas são mais seguras e fáceis de usar. Porém, elas podem ser danificadas por produtos químicos, pela exposição ao sol e pela abrasividade. Requerem mais cuidado e manutenção.

Material das rodas

As mesmas informações podem ser aplicadas às rodas. Por mais que a grande maioria dos guinchos tenha as rodas em aço, existem algumas variações que podem ser interessantes.

Caso as rodas sejam de aço, preste atenção se há galvanização. Você não quer que elas enferrujem! A resistência proporcionada por elas é excelente e não há muitos danos com a abrasividade.

Rodas sintéticas devem ser escolhidas apenas para guinchos usados em superfícies planas e internas, caso contrário, a durabilidade não será alta.

Imagem mostra uma mulher consertando partes de um carro suspensas em um guincho hidráulico.

O guincho hidráulico pode ter as rodas de diversos materiais. (Fonte: Andrew Poplavsky / 123rf)

Facilidade de uso

Nós já te mostramos como usar um guincho hidráulico. Não é exatamente algo fácil e apenas a prática levará à perfeição. Por isso, quando escolher o seu modelo confira se ele não é ainda mais complicado.

Ter tranquilidade no manuseio do guincho é importante tanto para a segurança, como para a agilidade no trabalho.

(Fonte da imagem destacada: Andrew Poplavsky / 123rf)

Avalie esse artigo

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
27 Voto(s), Média: 5,00 de 5
Loading...