Imagem mostra um hub USP azul com quatro portas.
Ultima atualização: 26 de outubro de 2020

Como escolhemos

10Produtos analisados

15Horas investidas

3Estudos avaliados

46Comentários coletados

Olá! Você está em mais um artigo do ReviewBox Brasil, o Guia de Compra mais completo da internet! O produto que vamos falar hoje é o hub USB, ideal para quem precisa utilizar vários dispositivos conectados ao mesmo tempo em um notebook.

Este produto funciona como um multiplicador, conectando vários acessórios, como impressora, teclado, mouse, pen drive, conexão de rede, webcam e muito mais, a uma única porta USB do laptop.

As suas entradas no computador não estão suficientes? Está em busca de uma solução? O hub USB pode ser a resposta. Confira este artigo com alguns modelos, preços, onde comprá-los e as principais características deste produto simples, mas muito eficiente.




Primeiro, o mais importante

  • O hub USB é um multiplicador de entradas USB para o computador ou notebook. O acessório é capaz de conectar diversos dispositivos simultaneamente em uma única porta USB, poupando tempo e trazendo praticidade.
  • Ele pode ser encontrado com diferentes números de portas, em variados formatos e designs e possuir funções além da principal.
  • É um produto que existe tanto em versões mais em conta como em mais caras.

Você também pode gostar:

Ranking: Os 4 melhores modelos de hub USB

O hub USB é um acessório muito prático que lhe possibilita conectar vários aparelhos ao mesmo tempo em um único notebook. Se você está em dúvida de qual modelo comprar, confira o nosso Guia!

1º – Hub USB 3.0 UH700 com 7 portas

Este hub USB da Tp-Link possui sete portas, possibilitando a conexão de sete dispositivos diferentes a uma única entrada USB de notebook.

As portas USB 3.0 alcançam velocidades de até 5Gbps, sendo dez vezes mais rápidas que portas normais USB 2.0. As múltiplas proteções do UH700 evitam qualquer dano potencial aos dispositivos conectados que estejam carregando ou transferindo dados.

2º – Hub USB 3.0 Super Speed com 4 portas

O Hub USB da Multilaser foi criado para você que precisa de diversas entradas USB para conectar teclado, mouse, pen drives ou até mesmo smartphone.

Com quatro portas, não é mais preciso perder tempo trocando os cabos atrás do computador, o acessório facilita o seu dia a dia.

3º – Hub USB UH400 Portátil com 4 portas

O UH400 conecta todos seus dispositivos portáteis por meio de implementação ultrarrápida com velocidades de até 5Gbps, tornando-o dez vezes mais rápido que o padrão USB 2.0.

Usuários podem simultaneamente plugar e utilizar quatro dispositivos USB, como pen drives, mouses, impressoras, HDs externos, cabos de smartphones para carregamento ou sincronia e muito mais.

4º – Hub USB Auxiliar com 7 Portas

Este hub USB 2.0 oferece sete portas e conta com transferência de até 480mbps. Possui chave seletora liga/desliga em cada porta USB, que permite selecionar qual dispositivo seja reconhecido conforme sua necessidade.

É compatível com conexões USB 2.0 e 1.1 e com sistemas Windows 98 SE, 2000, XP, Vista, Mac OS X 10.2. Plug and Play, não necessita de nenhum tipo de driver para ser instalado. Para mais de quatro dispositivos é recomendável o uso de fonte para melhorar a performance.

Guia de Compra

Com o avanço da tecnologia os eletrônicos estão cada vez mais práticos, mas também, perdendo alguns detalhes, como as entradas USB nos notebooks. Se você precisa conectar uma série de dispositivos ao mesmo tempo, como fazer?

Uma solução pode ser o hub USB, um acessório simples que permite a conexão de várias saídas do tipo para serem conectadas em uma única porta. Veja as nossas dicas a seguir e saiba qual escolher.

Imagem mostra pessoas em uma mesa trabalhando em notebooks.

Quem utiliza o notebook para trabalho muitas vezes precisa conectar diversos dispositivos simultaneamente e as portas USB não são suficientes. (Fonte: StartupStockPhotos / Pixabay)

O que é hub USB e para que serve?

O hub USB é um acessório muito interessante, pois, apesar de ser relativamente simples, é extremamente eficiente e útil. Este pequeno equipamento permite conectar vários outros dispositivos em uma única porta USB.

É fato que o número de entradas deste tipo dos laptops está diminuindo ou, muitas vezes, não é suficiente para o usuário. Se ele utiliza mouse, teclado, conexão de rede, impressora, pen drive, HDs externos, todos de uma vez, como fazer para não precisar ficar trocando os cabos?

É justamente para isso que o hub USB serve. Ele traz praticidade, conectando, simultaneamente, sete ou mais aparelhos eletrônicos a somente uma entrada.

Além disso, como existem vários modelos do produto, ele pode ter outras funções também, como cooler para o notebook e leitor de cartões, por exemplo, com um único aparelho fazendo mais de um trabalho.

Imagem mostra duas entradas USB de um notebook.

Mais modernos, os notebooks vão tendo seu número de entradas USB diminuído. (Fonte: Michael Schwarzenberger / Pixabay)

Quais são as vantagens e desvantagens do hub USB?

Claramente a principal vantagem do hub USB é multiplicar as entradas USB de um notebook, possibilitando a conexão de diversos dispositivos simultaneamente.

Além disso, este acessório existe em muitos formatos, modelos e design diferentes, podendo agradar a vários gostos.

O hub USB também é muito simples e fácil de ser utilizado. Basta plugar os dispositivos nas portas USB, conectar o hub no computador e ele está pronto para ser usado, assim como os eletrônicos conectados nele.

Outro ponto positivo é que, além de plugar vários acessórios por meio de uma única porta, ele também pode ter outras funções, como carregar dispositivos, ler cartões e até servir como cooler para o notebook.

A desvantagem deste produto é que, caso você utilize vários produtos que não possuam energia própria, um hub que também não possua alimentação direta sofrerá uma sobrecarga no fornecimento de energia.

Gostou de saber as principais vantagens e desvantagens? Então veja a tabela abaixo com os pontos positivos e negativos colocados de forma comparada.

Vantagens
  • Multiplica as entradas USB de um notebook
  • Existe em muitos formatos, modelos e design diferentes
  • Simples e fácil de usar, pronto para uso assim que conectado no laptop
  • Pode ter outras funções, como carregar dispositivos e ler cartões
Desvantagens
  • Pode sofrer sobrecarga de fornecimento de energia

No que prestar atenção antes de comprar um hub USB?

Agora que você já sabe para que serve o hub USB e já conhece alguns modelos, existem alguns detalhes que devem ser observados com atenção.

Este acessório pode estender uma rede USB em até, no máximo, 127 portas. Isso significa que cada entrada do tipo permite a conexão de até 127 dispositivos.

É preciso estar atento também ao comprimento do cabo do hub USB, que não pode ser muito longo. No padrão USB 1.1, eles devem medir, no máximo, três metros. Se precisar estender, é possível usar o hub como repetidor.

Falando em termos de energia, a conexão deste padrão aloca unidades de 100mA (intensidade de corrente), com um limite de 500mA em cada porta. Por isso, uma porta USB não é capaz de suprir mais de quatro conexões, caso cada uma delas consuma 100mA.

No entanto, é possível fazer com que um hub comporte 500mA por porta, com os tipos com alimentação externa.

Quanto custa?

O hub USB não é um acessório extremamente barato, mas também não é algo tão caro. Você encontra bons hubs por preços interessantes e que suprem tranquilamente as suas necessidades.

Neste guia colocamos à disposição um leque interessante em questão de valores. Listamos hubs que variam entre R$ 30 e R$ 300.

Imagem de hub usb sobre mesa.

O preço de um hub USB pode variar de R$ 30 a R$ 300. (Fonte: freerlaw / 123RF)

Onde comprar?

O hub USB é facilmente encontrado, tanto em lojas de materiais de construção, de informática, papelaria e na internet. Na web, você o encontra em sites bastante conhecidos, como a Amazon brasileira, Lojas Americanas e Mercado Livre.

Em lojas físicas, você pode encontrar o acessório na Leroy Merlin, na Kalunga e até mesmo em lojas próprias de eletrônicos, como da Dell.

Se preferir comprar pela internet, não se esqueça de ler os comentários e checar as avaliações do produto em questão. Comprando online você recebe na porta de casa e encontrar as melhores ofertas.

Critérios de compra: Fatores para comparar as os diferentes tipos de hub USB

Ao comprar o hub USB, algumas dúvidas podem surgir na hora de escolher o modelo ideal. No entanto, existem alguns critérios que podem ajudar na hora de diferenciar e decidir.

Para lhe auxiliar neste momento, levantamos os fatores abaixo que podem influenciar na sua compra. Veja quais são eles:

  • Formato e design
  • Funções
  • Tamanho
  • Número de portas

Abaixo explicamos cada um dos critérios de compra para que eles possam lhe ajudar a comprar o hub USB que fizer mais sentido para você no momento.

Formato e design

O hub USB pode ser encontrado em diferentes formatos e designs e cada modelo será o ideal para cada objetivo de uso.

Existem hubs redondos, que permitem uma disposição mais espaçosa para os dispositivos, hubs em formatos mais formais e tecnológicos, entre outros.

Dependendo de onde ele será utilizado e para que ele será usado, o formato pode ser um critério importante a ser levado em conta.

Imagem mostra um hub USB conectado a um notebook.

Os hubs USB podem ter formatos mais tecnológicos, modernos, formais ou divertidos. (Fonte: TP-Link / Amazon)

Funções

Como citamos anteriormente, além de servir como um multiplicador de conexão USB, o hub pode também ter outras funções bastante úteis.

O acessório pode funcionar simultaneamente como um leitor de cartão de memória, pode ser um teclado, um cooler para o notebook... São vários os tipos.

Por isso, ao escolher o seu, reflita se vale a pena aproveitar para utilizá-lo para outras coisas também, além de conectar vários dispositivos em uma única porta USB.

Tamanho

O tamanho deste acessório também pode influenciar na compra dele. Se você precisa de algo mais compacto e portátil, o ideal é adquirir um hub pequeno para que o transporte e utilização seja mais fácil.

Mas se você quer algo maior e mais robusto, que fique sempre em um mesmo local – por exemplo no escritório –, existem opções mais potentes.

Imagem mostra um hub USB azul com quatro portas.

Alguns modelos são compactos e fáceis de serem transportados (Fonte: InspiredImages / Pixabay)

Número de portas

O número de portas é uma característica bastante importante para a escolha. Afinal, quantos dispositivos você precisa ter conectados simultaneamente no seu notebook?

Alguns modelos possuem quatro portas, outros sete, ou oito, dez e até mesmo “infinitas”, nos modelos que podem ter um cabo encaixado em outro e assim sucessivamente.

Para quem utiliza teclado, mouse, cabo para carregar celular, impressora, conexão em rede, pen drive, HD externo e outros dispositivos, obviamente que um hub com o maior número de entradas USB possível será o ideal.

Por isso, faça a escolha de acordo com a sua real necessidade de uso. Opção não falta, mas o importante é que o seu objetivo com o produto seja, de fato, atingido.

Versão/Velocidade do USB

Outra questão importante a ser notada na hora de escolher seu Hub é a versão da entrada USB, que terá relação direta com a velocidade de transferência das informações. Atualmente, as versões mais comuns de serem encontradas são a 1.1, 2.0 e 3.0. Confira quais são as diferenças entre elas:

  • USB 1.1. Versão lançado em 1998, substituiu a 1.0 para unificar a interface de conexão utilizada. Esse tipo de USB tem velocidade que varia de 1,5 Mbps a 12 Mbps, ou seja, muito mais lento em relação às versões posteriores, 2.0 e 3.0
  • USB 2.0. Lançada em 2000, essa foi a versão que popularizou de vez a tecnologia USB. O conector continuou igual, mas a velocidade de transferência máxima saltou de 12 para 480 Mbps, ou seja, 40 vezes maior. Esse padrão ainda é utilizado nos dias de hoje, ainda que o 3.0 esteja ganhando cada vez mais força, principalmente em dispositivos como HDs. Pendrives, mouses e teclados seguem utilizando o padrão 2.0.
  • USB 3.0. Tornando-se cada vez mais comum, a versão 3.0 tem conector de nove pinos (ao invés de quatro) e, em teoria, uma taxa de transferência máxima de até 4,8 Gbps, 10 vezes maior do que sua versão anterior. Por isso, HDs e outros dispositivos equipados com USB 3.0 costumam ter uma performance muito melhorada. O 3.0, porém, ainda concorre com o 2.0 porque é mais caro e porque a versão anterior ainda atende a necessidade na maioria dos casos.

(Fonte da imagem destacada: Jipen / 123RF)

Por que você pode confiar em mim?