Imagem de um liquidificador com frutas em seu interior e dois recipientes com outros alimentos dentro.

Seja muito bem-vindo ao ReviewBox Brasil! A nossa missão hoje é te ajudar a escolher o melhor tipo de liquidificador industrial para o seu negócio. Se você tem um restaurante, um bar, um café ou de alguma forma precisa de um liquidificador com mais potência, fique atento à todas as próximas dicas!

Que um liquidificador comum é imprescindível para a cozinha das nossas casas nós já sabemos, mas a novidade aqui é que o liquidificador industrial pode ser exatamente o que você precisa para oferecer um melhor serviço aos seus clientes.

Então, se busca conhecer mais sobre esse tipo de liquidificador, vamos te apresentar boas opções e tirar todas as suas dúvidas sobre o assunto. Continue lendo para saber escolher o melhor para o seu negócio!

Primeiro, o mais importante

  • Os liquidificadores industriais são bem mais potentes do que os modelos domésticos. Eles são indicados para situações de uso contínuo, e não queimam mesmo se forem usados muitas vezes durante o dia.
  • Existem dois modelos que diferem esses equipamentos, são os liquidificadores de alta rotação, e os de baixa rotação. O primeiro é mais veloz e menos potente, já o segundo é mais lento e mais forte.
  • O design dos liquidificadores industriais não varia muito. O copo da maioria deles é feito de vidro blindado ou de aço inoxidável. O único diferencial é que com o vidro você poderá enxergar por dentro do copo enquanto estiver batendo.

Você também pode gostar:

Ranking: Os 6 melhores liquidificadores industriais

Um liquidificador industrial tem mais potência e é indicado para aquelas pessoas que precisam utilizá-lo continuamente, como acontece em restaurantes e lanchonetes. Se você buscar por um modelo de qualidade, confira abaixo o ranking com os melhores liquidificadores desse tipo:

1º – Liquidificador Industrial – Vitamix

Este é um dos liquidificadores mais completos e avançados que você irá encontrar no mercado. O Drink Machine VM0169 tem alta rotação, que pode chegar até 37000 rpm. Extremamente resistente a impactos, é feito de policarbonato cristal e possui lâminas de aço inox.

Assim como todo liquidificador de alta rotação, é indicado para bater alimentos menos sólidos e mais pastosos ou líquidos. Ele é uma ótima escolha se você tem um restaurante ou um bar e precisa utilizar o eletrodoméstico muitas vezes ao dia.

2º – Liquidificador Industrial Alta Rotação – Spolu

O Liquidificador industrial Maestro, da Spolu, tem uma proposta bastante interessante se você não for trabalhar com grandes quantidades de uma só vez. Ele também é indicado se o objetivo é bater líquidos e bebidas em alta velocidade.

Apesar de suportar apenas 2 litros, tem alta rotação (18000 rpm), 6 lâminas em inox e potência em até 1.200 watts. Outra questão a se considerar é que ele é blindado e possui sistema de vedação.

Review em Vídeo

3º – Liquidificador Industrial 3,5 L – Spolu

Esta outra opção da marca Spolu também oferece boas condições. O diferencial deste eletrodoméstico é que todo o seu copo é feito de aço inox e a tampa de alumínio.

Ele tem capacidade para 3,5 litros, é de alta rotação (18.000 rpm) e sua potência atinge até 1.200 watts. É indicado usá-lo para alimentos mais maleáveis, como sucos, shakes e sopas.

4º – Liquidificador Industrial Baixa Rotação – Spolu

Se no seu caso a necessidade é de adquirir um liquidificador industrial de baixa rotação, esta é uma boa opção. Apesar de ser mais lento que os demais, é indicado para trituração de alimentos um pouco mais firmes.

O SPL-050, também da Spolu, suporta até 6 litros em um copo de aço inoxidável e sua potência máxima chega até 1.000 watts.

5º – Liquidificador Industrial Economy – Spolu

Como você já deve ter observado, a marca Spolu fabrica diferentes modelos de liquidificadores industriais, e esse é mais um deles. O SPL-064ECO tem 18.000 rpm de rotação e pode atingir até 1.200 watts.

Ele tem muitas semelhanças com os outros da mesma marca que já exibimos aqui, e tem a vantagem de ser mais econômico em questões de energia elétrica.

6º – Liquidificador Industrial – Jl Colombo

O Liquidificador Industrial da JI Colombo é perfeito se você precisa trabalhar com grandes quantidades, pois oferece a possibilidade de bater até 19 litros de alimentos em seu copo.

Ele tem a vantagem de ser bivolt, é fácil de limpar e é de baixa rotação (3.500 rpm). Apesar da potência um pouco reduzida, o liquidificador tem bastante força de trituração e é uma boa saída para o uso em fábricas e estabelecimentos comerciais maiores.

Guia de Compra

Um liquidificador industrial é diferente do modelo comum usado em casa. Ele é mais potente e perfeito para quem usa muitas horas no mesmo dia. Se você tem um negócio na indústria alimentícia, seja ele pequeno ou grande, o liquidificador pode te ajudar.

Continue com a gente para aprender todos os detalhes desse equipamento que pode fazer diferença na sua produtividade.

Mulher colocando frutas e verduras em liquidificador.

O liquidificador industrial é ideal para restaurantes e lanchonetes. (Fonte: Katarzyna BiaÅ‚asiewicz / 123RF)

O que é um liquidificador industrial e quais suas vantagens?

Ser dono de um comércio, por menor que seja, implica em muitas adaptações e mudanças. Se você trabalha ou tem se próprio restaurante, lanchonete, bar ou café, sabe que a rotina do estabelecimento pode exigir que você se prepare para as mais diferentes situações.

Com relação aos liquidificadores, seria muito difícil utilizar um doméstico, desses que nós temos em nossas casas, em um comércio, pois ele acabaria estragando muito facilmente.

O liquidificador doméstico foi idealizado para uso esporádico e não tem a resistência e a tecnologia necessária para atender a demanda profissional. Por isso, o melhor para o seu negócio é que você compre um liquidificador industrial, que foi projetado exatamente para isso.

De maneira geral, o liquidificador industrial, é um equipamento imprescindível em uma cozinha profissional. Muito provavelmente seu cardápio irá depender diretamente dele.

Esse tipo de liquidificador foi projetado para aguentar as altas demandas de um restaurante ou de uma lanchonete em pleno funcionamento. Ele não irá queimar se funcionar durante horas em um único dia, por exemplo.

Imagem de um copo com suco de tomate sendo servido, e tomates ao fundo.

Os liquidificadores industriais são bons aliados na produção de sucos, vitaminas e outras bebidas. (Fonte: Rawpixel.com / Pexels)

Além disso, alguns modelos desses liquidificadores são capazes de triturar alimentos sólidos com maior facilidade, e podem checar a suportar até 20 litros em seu interior. Em resumo, eles são uma versão bem mais potente dos liquidificadores comuns.

Apesar de te indicarmos fortemente a comprar um destes liquidificadores caso você tenha seu próprio negócio gastronômico, também te lembramos que esses equipamentos não são tão baratos e fáceis de encontrar no mercado quanto os liquidificadores residenciais.

Esses equipamentos costumam consumir bastante energia, especialmente se o seu modelo for de alta rotação, que possui potência ainda mais alta!

Os liquidificadores industriais são as peças perfeitas caso você opte por incrementar seu cardápio com molhos, sopas, sucos e milk-shakes, mas não se esqueça de pesquisar bastante antes da compra para garantir um produto de qualidade!

Vantagens
  • Maior potência
  • Recipiente espaçoso
  • Pode ficar ligado por horas
Desvantagens
  • Maior gasto de energia
  • preços mais elevados

Liquidificador industrial de alta ou baixo rotação?

Apesar de ambos serem indicados para fins comerciais, algumas diferenças separam os liquidificadores de alta rotação dos liquidificadores de baixa rotação.

Aqui, o que precisamos manter em mente, é que cada tipo de negócio tem suas próprias necessidades e por isso a escolha do liquidificador industrial não deve ser aleatória.

O equipamento que trabalha em alta rotação é o mais comum de encontrarmos no mercado, pois é o mais vendido. Este é indicado para restaurantes, bares, cafés, ou qualquer outro estabelecimento que tenha a necessidade de bater líquidos diversas vezes ao dia e em alta velocidade.

O liquidificador de alta rotação trabalha mais rápido, com mais potência, mas não tem alto poder triturador, e por isso é indicado para bebidas, shakes e vitaminas. Ele é o equipamento que irá ficar no balcão, sendo usado o tempo todo.

A maioria dos liquidificadores desse modelo não são tão grandes pois normalmente são feitos para preparar somente a porção de um único pedido. Em média, sua capacidade deve variar entre 1 litro e 4 litros.

Já os liquidificadores de baixa rotação funcionam de maneira um pouquinho diferente. Suas lâminas são mais lentas, porém eles possuem maior força de trituração.

Esses equipamentos são indicados no preparo de receitas mais consistentes, como pastas, cremes e sopas. Se você irá precisar triturar alimentos sólidos, será interessante ter um deste em sua cozinha.

Os liquidificadores industriais de baixa rotação também são muito comuns em fábricas e indústrias propriamente ditas, pois alguns deles possuem capacidade para até 25 litros, o que facilita a rotina de uma linha de produção.

No caso desses maiores, é comum que tenham basculantes, que são cavaletes que auxiliam na retirada do líquido (ou da pasta) de seu interior, uma vez que, dependendo da quantidade de produto batido, eles podem ficar bem pesados.

Liquidificadores de alta rotação Liquidificadores de baixa rotação
Velocidade Mais rápidos Mais lentos
Potência Mais potentes Menos potentes
Força Menos força Mais força
Ideal para Preparo de líquidos Preparo de receitas mais consistentes
Tipo de negócio Pode ser usado em restaurantes, bares, lanchonetes e cafés Além dos estabelecimentos comerciais comuns, também pode ser usado em fábricas
Capacidade Costumam ter até 4 litros Pode se encontrar modelos com até 25 litros

Como já dissemos por aqui, vale a pena avaliar bastante antes de escolher um liquidificador industrial para chamar de seu, afinal, algumas características fazem toda diferença.

Quanto custa?

Falar sobre os preços de liquidificadores industriais é um pouquinho complicado, isso porque a variação de valores entre eles é enorme!

Assim como todo artigo de uma boa cozinha industrial, esses equipamentos tem o preço um pouquinho mais salgado se compararmos com os eletrodomésticos residenciais.

De maneira geral, os liquidificadores com capacidade média entre 2 litros e 4 litros, variam entre R$400 e R$800. Mas como isso não é uma regra, você poderá observar que alguns deles podem chegar em até R$4.000, sendo que estes são os mais modernos e avançados tecnologicamente.

Os liquidificadores com maior capacidade, acima de 10 litros, dificilmente serão menos de R$1.500, podendo chegar até R$6.000.

É muito difícil fazer uma média desse produto, pois ele possui muitos detalhes que diferem os modelos uns dos outros. O importante é sempre analisar o seu próprio cenário e descobrir qual perfil encaixa melhor em seu negócio.

Imagem de um liquidificador com base preta e copo transparentes, com pedaços de frutas em seu interior.

Os liquidificadores industriais se diferem por dois tipos: os de baixa rotação e os de alta rotação. (Fonte: Opaye / Pixabay)

Onde comprar?

Encontrar um bom liquidificador industrial para compra não é tão simples quanto a maioria dos outros eletrodomésticos, uma vez que nem toda loja vende este produto.

O local onde você deverá encontrar maior variedade do equipamento é aqui mesmo: na internet. Lojas como Amazon e as versões online das Casas Bahia e da Magazine Luiza podem te ajudar bastante. Nesses locais, mesmo que não tenham em estoque, você poderá fazer uma encomenda.

Nas lojas físicas das Casas Bahia e da Magazine Luiza você também encontrará o produto, mas com menor variedade. Lojas de departamento como Americanas também devem oferecer alguns modelos.

Critérios da compra: Fatores para comparar os modelos de liquidificador industrial

Como você já deve ter percebido, alguns detalhes fazem toda a diferença na hora de comprar um liquidificador industrial. Por isso, selecionamos alguns pontos que devem ser levados em conta na hora da sua hora:

  • Potência
  • Capacidade
  • Material
  • Força
  • Voltagem

A seguir, vamos detalhar cada um desses pontos para que não fique nenhuma dúvida quanto à importância de cada um deles. Vamos lá?

Potência

Como já falamos outras vezes, a potência está diretamente associada à rotação do liquidificador. A primeira coisa a fazer é entender se o seu negócio precisará de um modelo de alta ou baixa rotação.

Se você possui um bar, restaurante ou lanchonete onde muitos sucos e outras bebidas são preparados, recomendamos comprar um liquidificador que tenha potência alta (entre 800 e 1.200 watts), isso porque o aparelho provavelmente terá que ficar ligado por muitas horas.

Imagem de homem utilizando liquidificador industrial.

A potência é um fator importante a ser analisando antes de comprar um liquidificador. (Fonte: Andrii Starunskyi / 123RF)

Os liquidificadores de alta potência batem bem rápido e são projetados para longas horas de trabalho.

Se no seu caso o liquidificador será usado esporadicamente durante o dia, somente em receitas mais encorpadas, com alimentos sólidos, o ideal é considerar um liquidificador de baixa potência (entre 400 watts e 700 watts), pois esses costumam ser mais fortes.

Capacidade

A capacidade dos liquidificadores varia muito! Você poderá encontrar liquidificadores industriais de 1 litro ou até mesmo de 25 litros.

Cada um deles é indicado para um tipo de comércio, e para descobrir qual a melhor opção para o seu é preciso conhecer muito bem a sua demanda.

Se você trabalha com alimentos feitos na hora, em porções individuais, não há necessidade de comprar um liquidificador com capacidade muito grande, até porque ele pode acabar te atrapalhando ao ocupar espaço demais na sua cozinha.

Mas se o seu comércio tem a ver com produção de grandes quantidades de uma só vez, um liquidificador grande pode te poupar muito tempo!

Os liquidificadores ainda maiores, com basculante, são interessantes somente se você tem uma fábrica ou indústria, pois, normalmente, eles costumam ter mais de 15 litros de capacidade.

Material

Não há muito segredo sobre o material dos liquidificadores industriais. A maioria deles possui copo feito de aço inox ou vidro blindado. Alguns são feitos de plástico, mas estes podem ser mais frágeis.

No final das contas, o material do copo não altera no resultado da receita e trata-se apenas de uma questão de gosto e preferência.

O interessante dos copos de vidro é que eles são transparentes e firmes, o que acaba despertando mais o interesse dos compradores de maneira geral.

Força

Novamente, a força dos liquidificadores industriais está totalmente atrelada à questão da rotação. Os liquidificadores mais fortes são os mais lentos. Estes, normalmente possuem de 4 a 6 lâminas afiadas e firmes, feitas de inox.

Eles são indicados para bater e cortar alimentos menos maleáveis, como frutas inteiras, gelo e pedaços de carne.

Já os liquidificadores com menos potencial de força são os mais rápidos. Estes são excelentes aliados se a sua intenção é trabalhar com líquidos, molhos, shakes e pedaços menores de frutas.

Voltagem

A voltagem é um daqueles pequenos detalhes que às vezes acabamos esquecendo de checar antes de comprar um eletrodoméstico, não é mesmo?

Pois bem, a boa notícia é que grande parte dos liquidificadores industriais são bivolt. Porém, alguns deles operam somente em 220 ou 110 volts. Essa questão varia muita de marca pra marca e é sempre bom checar antes de concluir a sua compra!

(Fonte da imagem destacada: opaye / Pixabay)

Por que você pode confiar em mim?

Carla Balta
Carla Balta
Redatora
Os redatores do portal REVIEWBOX pesquisam e escrevem artigos informativos de alta qualidade sobre os mais variados produtos e assuntos.