Na foto uma caixa com diversas peças de madeira coloridas.
Ultima atualização: 19 de dezembro de 2019

Como escolhemos

8Produtos analisados

14Horas investidas

3Estudos avaliados

37Comentários coletados

Olá, seja muito bem-vindo ao ReviewBox Brasil! A matemática é uma das matérias que mais dão dor de cabeça para as crianças na escola. Ela exige um apurado raciocínio lógico e nem sempre é fácil conquistá-lo. Para ajudar o professores e alunos nessa tarefa foi criado por Maria Montessori o material dourado.

O material dourado foi desenvolvido para ensinar aritmética através de formas geométricas que representam os números. Muito utilizado em escolas de ensino fundamental, esse método é eficiente e torna o processo de aprendizado mais simples. Por isso, nesse texto vamos falar tudo a respeito dele.




Primeiro, o mais importante

  • O material dourado é usado há muitos anos para ensinar matemática para as crianças.
  • Tradicionalmente ele é confeccionado em madeira, mas existem opções em EVA, papel e até mesmo isopor.
  • O material dourado pode ser encontrado com diferentes números de peças e os maiores chegam a mais de mil peças.

Você também pode gostar:

Os melhores modelos de material dourado: Nossas indicações

A eficiência do material dourado no processo de aprendizado de matemática é comprovada. Graças a isso surgiram diversas variações desse produto. Ele é confeccionado em diferentes modelos e te mostramos os melhores abaixo.

O material dourado mais completo

Essa opção de material dourado é confeccionada em madeira e possui 611 peças. Ele conta com 1 cubo de milhar, 10 placas de centena, 100 barras de dezena e 500 cubos de unidade. Esse modelo é indicado para crianças da 1ª a 8ª série e proporciona o desenvolvimento do raciocínio lógico mais agradável e divertido.

Uma opção de material dourado compacto e funcional

Composto por 111 peças, esse modelo de material dourado é compacto, porém consegue ensinar matemática com muito eficácia. Ele é composto por 1 prisma representando as centenas e 10 prismas representando as dezenas. Esse modelo é confeccionado em madeira do tipo MDF e vem em uma caixa com estampa na tampa.

Um modelo de material dourado para crianças de diversas idades

Esse modelo de material dourado é muito completo e possui 611 peças. Ele é confeccionado em madeira e conta com 1 cubo de milhar, 10 placas de centenas, 100 prismas representando as dezenas e 500 cubos de unidades. Essa opção vem em uma caixa de MDF.

Guia de compra

Poucas são as crianças que gostam de matemática. Essa é uma das matérias mais temidas, por isso qualquer técnica diferenciada para ensiná-la é bem-vinda. Para isso existe o material dourado.

Ideal para o ensino de aritmética, o material dourado permite um aprendizado mais sensorial e visual dos números. Ele é muito aplicado em escolas por todo o mundo e nesse guia de compra vamos te explicar tudo sobre ele.

Na foto um menino sorrindo entre lápis, tintas, cadernos e outros materiais escolares.

O material dourado é muito utilizado no ensino de crianças nas escolas. (Fonte: Mihail_fotodeti/ Pixabay)

O que é o material dourado e de onde surgiu esse nome?

O material dourado é um método de estudo direcionado para o aprendizado de matemática. Quando ele foi criado era chamado de "Material das Contas Douradas". Esse nome tinha relação com as peças do material, que são pequenas e possuem um tom amarelado.

Esse produto foi desenvolvido principalmente para os ensinamentos de aritmética. Ele tem como principal intuito representar os números sob formas geométricas, deixando as aulas mais agradáveis e divertidas.

No material dourado as unidades são representadas por pequenas contas amarelas e a dezena é formada por uma barra de dez contas unidas.

Essa barra é repetida em dez outras barras ligadas entre si que formam um quadrado, totalizando 100 contas. Todos esses quadrados sobrepostos criam um cubo, que representa o milhar.

foco

O Material Dourado foi desenvolvido por Maria Montessori, uma italiana que nasceu em 1870. Maria é conhecida pelo método de ensino Montessori, que preza pelo ensino das crianças através de atividades sensoriais e diferenciadas.

Quais os benefícios em utilizar o material dourado?

O material dourado é um produto muito vantajoso para o aprendizado das crianças. Ele desenvolve nelas não somente o conhecimento sobre aritmética, mas também atua em outras áreas.

Esse material segue os mesmos princípios de ensino do método montessoriano. Graças a isso ele consegue ajudar as crianças a desenvolver independência, confiança, concentração, coordenação e organização.

Outro ponto positivo do material dourado é que ele ensina através de formas e estímulos sensoriais. Isso torna o processo de aprendizado mais eficiente, leve e divertido.

Esse também é um produto que atrai as crianças. Dessa forma, uma aula que poderia ser considerada chata se torna mais atrativa para elas.

O ponto negativo do material dourado é que ele não serve para operações matemáticas mais avançadas. Logo, seu uso é limitado.

Vantagens
  • Torna o aprendizado de matemática mais divertido e atrativo
  • Ensina através de formas e estímulos sensoriais
  • Auxilia no desenvolvimento de coordenação, concentração, organização e muito mais
Desvantagens
  • Não serve para operações matemáticas avançadas

Como utilizar o material dourado?

O material dourado é um método de ensino muito simples no qual as crianças conseguem se adaptar rapidamente.

Para inseri-lo no aprendizado dos alunos deve-se primeiramente iniciar com o reconhecimento do material. Para isso, é fundamental deixá-los manusear todas as peças como eles desejarem.

Em seguida pode-se fazer algumas perguntas para os alunos começarem a raciocinar através do material dourado. Exemplos são: Com quantos cubos se forma uma dezena? Com quantas dezenas é possível formar uma centena?

Feito isso pode-se criar operações matemáticas simples para as crianças resolverem com os cubos, sendo que a adição é uma delas. Dessa forma, os conceitos vão se fixando no cérebro dos alunos e eles conseguem aprender de maneira leve.

Como fazer um material dourado?

O material dourado mais comum é confeccionado em madeira, mas é possível também criar variações desse produto em outros materiais. Existem opções que são confeccionadas em papel, EVA e até mesmo isopor.

A forma mais simples de fazer um material dourado é a partir de um papel quadriculado ou milimetrado, como também é chamado. Para isso basta construir uma placa com 100 quadradinhos, algumas colunas e diversos cubinhos. Apenas com esses elementos já é possível trabalhar com o material dourado.

O EVA é uma outra opção. Nele pode-se desenhar todos os quadrados e fazer a atividade com as crianças.

Porém, vale saber que o material dourado feito em papel não irá formar o cubo em si, já que ele é fino. Já com as opções de EVA isso é mais fácil e caso esse seja o desejo basta adquirir as folhas mais grossas.

Na foto um menino escrevendo em um caderno quadriculado.

Pode-se criar uma versão de material dourado com papel quadriculado e ela funciona muito bem. (Fonte: lourdesnique/ Pixabay)

Quanto custa e onde comprar um material dourado?

O material dourado é uma técnica de ensino usada há muitos anos e graças a isso ela é bastante disseminada. Dessa forma, não é difícil de encontrar um material dourado para comprar.

Principalmente em papelarias esse produto pode ser adquirido e uma boa opção para isso é a Kalunga. Além disso, diversos sites vendem o material dourado e duas lojas virtuais para comprá-lo são Amazon e Americanas.

Já o valor do material dourado se altera a partir do número de peças e do material em que ele é confeccionado. Com isso, existem opções que custam a partir de R$18.

Critérios de compra: Fatores para comparar e escolher o material dourado ideal

Por mais que muitas opções de material dourado sejam bem parecidas, existem algumas variações entre elas que fazem a diferença. Sabendo disso, separamos abaixo tudo o que você deve levar em consideração na hora de escolher um desses.

A seguir vamos te explicar com detalhes todos esses tópicos.

Material

O material dourado é encontrado para comprar em basicamente três opções de materiais: madeira, TNT e EVA.

Os de madeira são os mais tradicionais e devido a isso são os mais fáceis de adquirir. Essa opção tem como ponto positivo sua alta durabilidade, visto que esse é um material resistente.

Os modelos de TNT e EVA são mais frágeis e podem estragar com uma maior facilidade. O lado positivo é que são leves e mais coloridos.

A partir dessas características defina qual a melhor opção para você.

Na foto diversos cubos de madeira sobre um fundo preto.

O material dourado de madeira possui alta resistência e durabilidade. (Fonte: Hans/ Pixabay)

Número de peças

Outro ponto fundamental a ser analisado no momento de escolher o material dourado é o número de peças que acompanha esse produto. Os modelos menores possuem 62 peças, enquanto que os maiores podem ser equipados com mais de 1000 peças.

Por mais que com todas as opções seja possível aprender sobre matemática, quanto menos peças, mais limitadas são as atividades. Dessa forma, antes de comprar um material dourado deve-se analisar quantas peças são necessárias para que você possa fazer a sua aula com as crianças.

A partir disso é possível verificar se há a necessidade de uma quantidade menor ou maior de peças.

Idade da criança

Por mais que o material dourado seja um método de ensino muito positivo para as crianças, é fundamental entender que ele não é indicado para todas as idades. O uso desse produto é recomendado para alunos entre 4 e 6 anos de idade.

Com crianças mais novas do que essa faixa etária ele pode ser mais prejudicial do que ajudar. Além disso, existe o risco de elas engolirem as peças.

Já para as maiores, o material dourado perde um pouco da sua eficiência. Isso porque as crianças começam a aprender operações matemáticas mais avançadas.

Na foto duas meninas escrevendo em um caderno.

O material dourado é indicado para crianças de 4 a 6 anos de idade. (Fonte: Pixabay/ Pexels)

Comprar pronto ou criar um

Conforme te explicamos mais acima, é possível adquirir um material dourado pronto ou então criar um utilizando materiais como papel e EVA. Com isso, na hora de escolher um desses deve-se optar entre essas duas opções.

O material dourado adquirido pronto é o mais prático e também pode ser comprado em madeira, que é uma matéria-prima com alta durabilidade. Porém, o seu valor é mais alto.

As opções que são confeccionadas manualmente acabam custando bem menos. Além disso, é possível criá-las juntamente com as crianças, o que torna a atividade ainda mais interessante.

Outro ponto positivo dos modelos artesanais é que eles são bons para salas de aula com diversos alunos. Muitas escolas não possuem o material dourado ou não o tem em quantidade suficiente.

Logo, ao confeccionar as folhas com as peças é possível ensinar um grande número de crianças de uma vez só.

(Fonte da imagem destacada: Ignasi Soler / 123RF)

Por que você pode confiar em mim?

Danielle Assis Jornalista
Dedica-se a produzir conteúdos interessantes e informativos. Apaixonada por viagens, moda, animais e adora dar presentes. A curiosidade é uma de suas características mais marcantes e está sempre em busca de produtos que tornam o dia a dia das pessoas mais prático e interessante.