Imagem de uma bicicleta para trilha.
Ultima atualização: 18 de outubro de 2020

Como escolhemos

20Produtos analisados

22Horas investidas

7Estudos avaliados

95Comentários coletados

Quem gosta de pedalar em trilhas florestais ou rurais, deve investir na melhor bicicleta para trilha. A Mountain Bike é projetada especialmente para terrenos difíceis, portanto é muito mais resistente e segura.

Mas quais características definem a melhor bicicleta para trilha? Resumidamente, o modelo, tamanho, material e peças fazem toda a diferença. Além disso, a bicicleta para trilha precisa ser compatível com seu nível de habilidade. Continue a leitura para saber mais.




Primeiro, o mais importante

  • Para enfrentar terrenos irregulares, percursos sinuosos, subidas e descidas íngremes comuns em uma trilha, você precisa de uma bicicleta própria para o esporte. O modelo é projetado para oferecer máxima estabilidade e segurança em suas aventuras.
  • O risco de se machucar ao pedalar em um trilha rural ou florestal é muito grande. Por isso, recomendamos que você faça trilha de bicicleta com um grupo de ciclistas. O passeio se tornará muito mais seguro e divertido.
  • A bicicleta para trilha possui um preço elevado. Você encontra modelos por preços que variam de R$1.500 a R$3.000. As melhores marcas são GTS, Caloi, KSW, entre outras.

Você também pode gostar:

As melhores bicicletas para trilha: Nossas recomendações

Preparamos uma lista com as melhores bicicletas para trilha. Detalhamos as características, diferenciais e valores estimados de cada modelo para você encontrar a melhor opção à venda.

A melhor bicicleta para trilha feminina

Projetada especialmente para mulheres aventureiras, a bicicleta para trilha M1 Ride da GTS tem como diferenciais o câmbio traseiro Shimano com 24 marchas, amortecedor dianteiro, freios a disco e aro 29.

A melhor bicicleta para iniciantes

A bicicleta M1 Movee da MTS é ideal para quem está começando a pedalar em trilha e quer comprar uma bicicleta relativamente barata. Esse modelo tem como diferenciais a construção em material leve, câmbio com 21 marchas, freios a disco e amortecedor resistente.

A bicicleta para trilha mais estilosa

A bicicleta para Mountain Bike da Caloi oferece máxima versatilidade, leveza e precisão. Os diferenciais deste modelo são o quadro de alumínio aro 29, suspensão dianteira, 21 velocidades e freios a disco. Não podemos deixar de mencionar que essa bicicleta possui um design muito bonito.

O modelo mais vendido

Se você está procurando uma bicicleta para trilha que aguente todos os impactos, esse modelo é perfeito para você. A bicicleta da KSW possui construção em alumínio, aro 29, câmbio Tz31 Shimano, 11 velocidades e feios hidráulicos padrão. Outra característica interessante é a pintura fosca em diferentes tonalidades.

Guia de Compra

A procura por novas aventuras e desafios, vontade de mudar o cenário ou mesmo fugir do perigo de acidentes no tráfego urbano, são alguns dos motivos pelos quais um ciclista substitui o percurso na cidade por uma trilha meio a natureza.

Mas para pedalar em trilhas florestais ou rurais, é preciso comprar uma bicicleta Mountain Bike. Esse modelo oferece o máximo de conforto, estabilidade e segurança para o ciclista e é tema deste Guia de Compra.

Imagem de um ciclista fazendo trilha.

Para percursos meio a natureza, utilize uma bicicleta de trilha. (Fonte: Tobias Bjerknes/ Unsplash.com)

Por que comprar uma bicicleta própria para trilha?

Quem gosta de fazer trilha de bicicleta precisa comprar um equipamento que ofereça segurança, conforto e desempenho.

A bicicleta do tipo Mountain Bike tem como diferenciais os pneus largos e tratorados que oferecem maior tração em terrenos difíceis, amortecimento traseiro e dianteiro, freios a disco e um conjunto de marchas diversificado.

Esse modelo é projetado para percursos sinuosos, subidas ou descidas íngremes, terrenos enlameados, com pedras, buracos e outros obstáculos que podem dificultar o percurso.

Um dos grandes diferenciais da bicicleta para trilha é oferecer segurança até nos momentos mais complicados, independentemente se você é um ciclista iniciante ou experiente.

Imagem de uma mulher fazendo trilha de bicicleta.

Para pedalar em florestas ou estradas rurais, você precisa de uma bicicleta própria para trilha. (Fonte: Alina Fedorchenko/ Unsplash.com)

O que diferencia uma bicicleta de trilha de outros modelos?

A bicicleta é o meio de transporte ideal para quem prioriza a mobilidade, busca benefícios para o corpo e para a mente e deseja viver aventuras inesquecíveis. Mas para cada tipo de atividade existe um modelo ideal.

Para quem gosta de pedalar na praia, indicamos uma bicicleta sem marchas, pois esse modelo é muito mais leve. Para se locomover na cidade, o ideal é escolher uma bicicleta com pelo menos 21 marchas.

Enquanto que para se aventurar em trilhas em meio a natureza, é necessário comprar uma bicicleta com um bom conjunto de componentes, sistema de amortecimento e suspensão resistentes e maior variedade de marchas.

Imagem de uma bicicleta de trilha.

A bicicleta para trilha é mais resistente do que os modelos comuns. (Fonte: Riley Harrison/ Unsplash.com)

Quais cuidados devo ter ao fazer uma trilha de bicicleta?

Não basta apenas comprar uma boa bicicleta para trilha. Antes de embarcar em uma nova aventura você precisa revisá-la, checar se as rodas estão bem fixadas, se as marchas e o freio estão funcionando, se os pneus estão cheios e calibrados e se as partes metálicas estão lubrificadas.

Recomendamos que você carregue uma câmara de ar reserva, um conjunto de ferramentas básico e uma bomba portátil para encher o pneu caso seja necessário.

Também é essencial utilizar roupas próprias para ciclista, capacete, caneleiras, joelheiras, luvas e outros equipamentos de segurança para protegê-lo de se machucar caso você perca o equilíbrio e caia no chão.

Se você é iniciante, recomendamos que comece com trilhas em terrenos com poucas elevações e pequenos barrancos. Continue em trajetos como este até que você sinta confiança para mudar para terrenos com barrancos maiores e outros obstáculos.

Quais modelos de bicicleta podem ser utilizados para fazer trilha?

Para realizar uma trilha de bicicleta, seja como atividade de lazer ou como prática esportiva profissional, você precisa de uma bicicleta própria para a atividade. Mas existem diferentes modelos disponíveis:

Mountain Bike

A bicicleta Mountain Bike garante ao ciclista agilidade, flexibilidade e resistência, além de excelente desempenho em percursos sinuosos, subidas e descidas íngremes e inúmeros obstáculos.

Existem três versões desta bicicleta: A hard tail possui um sistema de suspensão mais simples, a Full Suspension possui sistema de suspensão no quadro e a Downhill possui sistema de suspensão em formato duplo que absorve ainda melhor os impactos.

Bicicleta híbrida

Tem esse nome pois reúne características dos modelos Speed e Mountain Bike. O quadro dessa bicicleta é igual ao da bicicleta Mountain Bike, enquanto as rodas possuem o mesmo diâmetro dos da bicicleta Speed.

O grande diferencial deste modelo é a versatilidade, pois a bicicleta pode ser utilizada tanto para andar na cidade, quanto para andar em trilha. Outro diferencial deste modelo é a possibilidade de acoplar bagageiro.

Bicicleta urbana

Esse modelo é destinado a pedaladas curtas, que podem ser desde deslocamentos dentro da cidade, quanto pequenos passeios na natureza. Compre apenas se você não tem intenção de aperfeiçoar a prática esportiva.

Critérios de compra: Como encontrar a melhor bicicleta para trilha

Quem está pensando em praticar um esporte sobre duas rodas, precisa encontrar a melhor bicicleta para trilha, além de roupas próprias para ciclismo e bons equipamentos de segurança. Para escolher a melhor bicicleta para trilha, analise e compare as características listadas e detalhadas abaixo:

Tamanho da bicicleta

Ao comprar uma bicicleta para trilha com tamanho compatível com suas caracteristicas físicas, você consegue sentir maior equilíbrio e estabilidade para pedalar meio a natureza.

Portanto é fundamental analisar o tamanho do quadro da bicicleta, que compreende dos tamanhos 15 ao 29 ou pequeno, médio e grande, dependendo da classificação utilizada pelo fabricante.

Imagem de um homem fazendo trilha de bicicleta.

O tamanho da bicicleta deve ser compatível com as características físicas do ciclista. (Fonte: Pixabay/ Pexels.com)

Guidão

O guidão é a peça onde você coloca maior pressão enquanto pedala, portanto, é fundamental encontrar um modelo com largura aproximada à largura dos seus ombros. Avalie também o formato do guidão.

O guidão reto proporciona maior precisão e firmeza nas manobras, enquanto o guidão com formato curvo ajuda a deixar os braços semiflexionados e reduz a absorção de impactos.

Material

Quanto mais leve for a bicicleta, melhor é para pedalar e transportá-la. Por isso, é fundamental analisar o material utilizado na estrutura da bicicleta. Os modelos fabricados em alumínio são bastante leves e mais baratos.

Já as bicicletas de aço carbono são mais resistentes, mas mais pesadas. Outra opção é a estrutura em titânio, que além de bastante resistente aos impactos, proporciona o máximo de conforto.

Imagem de um homem segurando uma bicicleta.

Analise o material e peso da bicicleta. (Fonte: Beena Deming/ Unsplash.com)

Freios

Outra característica que merece sua atenção no momento da compra é o sistema de frenagem da bicicleta. Os freios a disco hidráulicos são os que oferecem maior precisão.

Os freios a disco mecânicos possuem maior capacidade de frenagem, no entanto, a precisão é menor, o que pode ser extremamente perigoso em terrenos de terra, areia ou barro.

Tamanho das rodas

As rodas da bicicleta para trilha podem medir 26, 27.5 ou 29 polegadas. Uma bicicleta com rodas de 27.5 polegadas é ideal para uma jornada de velocidade e poucos impactos.

Já uma bicicleta com rodas de 26 polegadas é capaz de absorver melhor os impactos e manter uma velocidade estável. Por fim, uma bicicleta com rodas de 29 polegadas é perfeita para o ciclista com mais experiência.

Pneus

Recomendamos que você compre uma bicicleta para fazer trilha que tenha pneus de cravos, pois esse modelo oferece maior aderência ao solo e evita problemas como instabilidade ao pedalar.

Quanto mais aderentes são os pneus, mais lenta a bicicleta fica.

Quanto maior a largura dos pneus e mais grossos os cravos, maior aderência ao solo. No entanto, quanto mais aderentes são os pneus, mais lenta será a bicicleta, por causa do grande contato dos pneus com o solo.

Mas não se preocupe muito com isso, pois quem faz trilha não precisa de velocidade, mas de estabilidade e manobrabilidade. Nossa última recomendação é evitar comprar uma bicicleta com pneus Slick ou Semi-Slick.

Câmara de ar

Conforme mencionamos anteriormente, é muito importante carregar uma câmera de ar reserva contigo, caso o pneu fure. Mas fique atento, pois existem dois modelos de câmaras de ar: Com bico fino e com bico grosso.

A câmera de ar com bico grosso é mais utilizada, no entanto, a câmera de ar com bico fino é utilizado em larga escala em bicicletas dos tipos Speed e Mountain Bike.

Importante mencionar que a câmara de ar reserva deve ser compatível com o tamanho das rodas da bicicleta. Carregue também um conjunto de chaves necessárias para a troca da câmara de ar e uma bomba para encher os pneus.

(Fonte da imagem destacada: Philipp M/ Unsplash.com)

Por que você pode confiar em mim?

Apaixonada por ler e escrever, empenha-se em produzir conteúdo relevante sobre áreas pelas quais tem muito interesse, como tecnologia, qualidade de vida, beleza e lazer.