Imagem de um headset preto sobre uma mesa com fundo desfocado.
Ultima atualização: 28 de abril de 2021

Como escolhemos

10Produtos analisados

31Horas investidas

6Estudos avaliados

83Comentários coletados

Está em busca dos melhores headsets de 2021? Então chegou ao local certo. Seja bem-vindo ao melhor site de guias de compra da internet. Aqui você vai aprender tudo que precisa para fazer um investimento seguro. Afinal, são tantos headsets disponíveis no mercado que pode ser mesmo um desafio escolher o seu.

Não se preocupe. Ao longo desse artigo tiramos as principais dúvidas e trazemos todas as dicas para você saber avaliar um headset de qualidade. Siga com a gente!




Primeiro, o mais importante

  • Headset é um estilo de fone de ouvido que traz o máximo de conforto para quem precisa usar o equipamento por muito tempo, especialmente usado por gamers.
  • Pouca gente sabe, mas headset e headphone não são a mesma coisa. Eles possuem uma diferença importante: o headset conta com um microfone.
  • Esse tipo de fone de ouvido também pode ser útil durante o trabalho, especialmente para quem participa de muitas reuniões online.

Melhores headsets: os favoritos da redação

Embora seja famoso entre os gamers, o headset não serve apenas para jogar. Em muitos casos, é um tipo de fone de ouvido bem útil para o trabalho. Por ter um microfone acoplado, ele pode ser usado em diversos departamentos, especialmente por quem faz videochamadas com frequência ou usa muito o telefone durante o trabalho. Confira:

Guia de compra: tudo o que você precisa saber sobre os melhores headsets

O melhor headset é aquele que atende sua necessidade, seja profissional ou entretenimento. Existem muitos modelos no mercado e escolher o melhor é um desafio quando você não entende das características básicas.

Por isso montamos esse guia. Aqui você vai aprender tudo sobre os melhores headsets e também como escolher o seu!

Imagem mostra mulher trabalhando sentada à sua mesa escrevendo enquanto usa um headset para falar ao telefone

O headset é útil tanto para jogar quanto para trabalhar. (Fonte: Anthony Shkraba/ Pexels.com)

Qual a diferença do headset para um headphone?

Antes de mais nada, é preciso entender que um headset é diferente de um headphone. Isso porque o headset, como o nome sugere, tem um detalhe a mais que faz toda diferença na sua escolha: o microfone.

O headset se difere pela presença de um microfone.

Mas não se engane. Não pense que ao ver um fone de ouvido nesse estilo sem o microfone aparente logo se trata de um headphone. Em alguns casos, ao invés de ser externo, o microfone é embutido no aparelho.

Portanto, enquanto o headphone é útil para ouvir música, ou mesmo jogos sem necessidade de fala, o headset é especialmente usado pela maioria dos gamers ou para algumas situações no trabalho.

Quais os benefícios de ter um headset?

Como vimos, o headset tem um benefício que o torna diferente dos demais fones de ouvido, ele acopla no mesmo aparelho um canal de audição e de fala.

Na prática, para os gamers, as mãos ficam livres durante as partidas e o fato de estar acoplado no fone, elimina mais um equipamento da mesa.

Ainda, o headset traz mais conforto, tendo em vista que um jogador online para horas seguidas com o aparelho. Sem contar que a qualidade de áudio desse tipo de fone de ouvido traz mais imersão para os jogos.

Para quem trabalha com um headset, os benefícios são os mesmos para quem participa de muitas reuniões online. No caso de telefonistas ou operadoras de telemarketing, o headset acaba sendo imprescindível por uma questão de saúde, já que favorece a postura correta e evita ficar com o pescoço dobrado para segurar o telefone.

Vantagens
  • Vem com microfone acoplado ou embutido
  • Oferece mais conforto para jogar ou trabalhar
  • Possui melhor qualidade de áudio para jogos
Desvantagens
  • Mais caro

Qual o melhor headset para o trabalho?

Para escolher o melhor headset para o trabalho vai depender do ramo em que você atua.

Para uma telefonista ou operadora de telemarketing, por exemplo, que passa o dia todo com o aparelho na cabeça, o conforto é uma característica indispensável. Nesse sentido, quanto mais leve for o aparelho, melhor. Ele também não pode ficar apertado, podendo acarretar em dores de cabeça ao longo do dia.

Mas o conforto não é o único critério que importa. O tipo de headset também influencia na escolha em todos os casos. Eles podem ser monoauricular ou biauricular, e isso diz respeito ao número de alto falantes que possuem.

Monoauricular Biauricular
Característica Possui um alto falante e um microfone Possui dois alto falantes e um microfone
Diferencial Permite ouvir sons do ambientes Cria sensação de isolamento total
Utilização Mais comum no mercado de trabalho Muito usado por gamers, mas pode ser útil em situações específicas que requerem maior concentração, ou mesmo pessoa que trabalham em coworkings

O que devo avaliar em um headset gamer?

Além das características já mencionadas, dois pontos são importantes para um jogador avaliar os melhores headsets gamer. Primeiro, a sua forma de conexão com os outros dispositivos, e por segundo, a qualidade do áudio.

  1. Conexão: O headset do gamer precisa ser compatível com os dispositivos que ele utiliza, ou seja, se ele joga pelo computador, notebook ou algum videogame. Ainda, é preciso estar atento de que forma essa conexão é feita, se através de fio com entrada P2, USB ou Bluetooth.
  2. Qualidade de áudio: O tipo de áudio pode ser surround ou estéreo, ambos possuem mais de um canal de som, diferente do monoauricular. O estéreo tem dois alto falantes, é famoso por reproduzir o áudio com qualidade. Já o surround pode ter de quatro a sete canais de áudio, identificado pelo número 4.1 a 7.1, ele cria uma grande imersão, parecendo que os sons vêm de várias direções.

Imagem mostra gamer de costas sentado em sua mesa

Não existe o melhor headset gamer, e sim aquele que o jogador se adapta melhor (Fonte: Florian Olivo/ Unsplash.com)

Critérios de compra: O que levar em conta ao comparar os melhores headsets

No guia acima apresentamos as diferenças de um headset e um headphone. Ainda, falamos de algumas características importantes a serem consideradas para quem vai usar para jogar ou trabalhar.

Agora, queremos apresentar dicas adicionais para você decidir qual é o seu entre os melhores headsets do mercado.

Microfone

Já sabemos que todos os headsets possuem microfone. Porém, a apresentação do mesmo pode ser diferente. Primeiro que ele pode ser embutido ou externo, isso pode resultar na sua escolha, seja pela estética ou pela comodidade de um microfone interno. Também existem modelos em que o microfone é removível.

Outro ponto a ser observado é o tipo de microfone usado no dispositivo. Ele pode ser unidirecional ou omnidirecional. No primeiro modelo ele reduz os sons externos, no segundo ele capta os sons do ambiente.

Dica: Se possível prove o headset e veja se o microfone fica a uma distância confortável da boca, sem atrapalhar para colocar ou tirar da cabeça.

Compatibilidade e conexão

Aqui você precisa questionar dois pontos: O headset conversa bem com meu dispositivo? Chamamos essa possibilidade de boa conexão de compatibilidade. E de que forma esse tipo de fone se conecta a eles?

Checada a compatibilidade, saiba que existem basicamente três opções de conexão:

  • P2: A conexão por P2 utiliza fio e se trata de um pino que deve ser inserido na cavidade do dispositivo. Alguns modelos podem precisar de adaptador.
  • USB: Nesse modelo também é feito uso de fio, mas o conector que vai no computador ou videogame é um USB.
  • Bluetooth: Os mais modernos e sem fio fazem conexão por meio de bluetooth. Um ponto bem positivo, mas que requer cuidado com a bateria do equipamento.

Design

Quem disse que o design pode passar despercebido? Apesar de ser um critério estético, ele importa. E nesse quesito existe uma infinidade de modelos no mercado. Alguns são grandes e robustos, tem iluminação em LED e um estilo bem esportivo.

Outros são mais sérios, aramados e bem básicos, passando um ar mais profissional. Portanto, escolha qual combina mais com você ou com a situação em que você precisa usar. Afinal, um LED piscando pode pegar mal numa reunião de trabalho.

Foco em cabeça de homem com headset jogando em PC

O headset precisa combinar com a pessoa e a situação em que está sendo utilizado. (Fonte: Fredrick Tendong/ Unsplash.com)

Conforto

Quem usa um headset fica por horas seguidas com ele, seja trabalhando ou jogando. Nesse sentido, conforto é fundamental. Veja se o headset possui almofadas confortáveis, se ele tem um bom encaixe, diferentes regulagens e se não aperta na sua cabeça.

Resumo

Um headset é um fone que possui um microfone acoplado. Ele é útil tanto para jogos quanto para algumas situações profissionais. Em ambos os casos, conforto e qualidade sonora são características importantes, como mencionamos aqui.

Além disso, é preciso checar o tipo de conexão que o headset faz com outros aparelhos. Esse guia foi elaborado para esclarecer todos esses pontos. Esperamos ter contribuído com a sua escolha!

(Fonte da imagem destacada: Haidan/ Unsplash.com)

Por que você pode confiar em mim?

Resenhas