Dois jarros de cobre com vários incensos acesos.
Publicado: 22 de setembro de 2020

Como escolhemos

16Produtos analisados

17Horas investidas

3Estudos avaliados

59Comentários coletados

Seja bem-vindo ao ReviewBox Brasil! Os incensos são utilizados no mundo inteiro, seja em rituais espirituais, cerimônias religiosas, em práticas de meditação e yoga, ou para perfumar, purificar e trazer boas energias para os ambientes. No artigo a seguir, você vai descobrir como identificar os melhores incensos.

Sim, porque nem todo incenso é de qualidade ou seguro para a sua saúde. Por isso, é importante entender quais são os critérios que definem um bom incenso. Além disso, vamos mostrar qual a funcionalidade de cada tipo disponível hoje em dia no mercado.




Primeiro, o mais importante

  • Incensos são usados há milênios como forma de purificação de ambientes e em rituais religiosos.
  • Com a sua popularização, é preciso analisar a procedência e a composição antes de comprar o melhor incenso para evitar os de má qualidade.
  • Existem alguns truques que servem para averiguar quais são os melhores incensos à venda e vamos mostrá-los para você.

Você também pode gostar:

Melhores incensos: Nossas recomendações

O melhor kit de incensos como um todo

O kit da Satya Nag Champa vem com 12 caixas de incensos de aromas mistos, em formato de vareta. Esses incensos são preparados a partir de uma base de sândalo, à qual se junta uma variedade de óleos de flores, incluindo o óleo da flor da árvore de Champac.

O melhor incenso de Patchouli

Com o aroma de Patchouli, o kit da Nag Champa Satya vem com 12 caixas de incensos, sendo que cada uma contém cerca de 12 a 15 varetas. Além disso, essa opção é composta pelos seguintes ingredientes: Varetas de bambu, massala, ervas, especiarias, aglutinante, além da essência Patchouli.

O melhor incenso natural em bastão

Em formato de bastão, e fabricado de forma artesanal, o incenso natural da Energia da Mata pesa 25g. Com aroma de Sálvia Branca, erva nativa norte-americana, esse incenso é o ideal para limpeza e purificação de ambientes.

Guia de Compra

Para escolher os melhores incensos é preciso analisar a composição desses produtos. Mas, além disso, é importante saber que cada um serve a um objetivo diferente.

Nesse Guia de Compra, nós vamos mostrar para você alguns aspectos importantes que vão fazer toda a diferença na hora de usar incensos, seja em casa, seja no local de trabalho.

Homem sentado em posição de lótus, com incenso aceso na frente.

O incenso ajuda a purificar e a acalmar os ambientes e a mente. (Fonte:
Andrea Piacquadio/ Pexels.com)

Melhores incensos: De onde vêm e do que são feitos?

A palavra incenso vem do latim “incendere” e significa queimar. Composto por materiais como plantas, óleos essenciais, carvão vegetal, madeira e resina aromática, o incenso é parte tradicional de rituais espirituais há milênios.

Diz a história que sua origem remonta ao Egito Antigo, onde o incenso era utilizado em cerimônias religiosas.

De lá, o incenso se espalhou para Índia, China e todo o Oriente e Ocidente. E, ao longo do tempo, também o seu uso se diversificou.

Incenso sobre incensário e uma flor.

O incenso é usado há milênios em cerimônias e rituais, por causa de suas propriedade aromáticas, medicinais e espirituais. (Fonte: dinmix/ Pixabay.com)

Se antes era exclusivamente utilizado como forma de conexão com o mundo espiritual, purificação e tratamentos, hoje os incensos servem a uma variedade de objetivos.

Com a sua popularização, hoje em dia existem incensos que prometem atrair prosperidade e abundância, repelir insetos e até para evitar inveja e mau olhado.

Para que servem os incensos?

Ainda que continue sendo utilizado em cerimônias espirituais e religiosas, hoje os incensos são muito usados para com o intuito de purificar ambientes e proporcionar o relaxamento.

De modo geral, a funcionalidade do incenso é determinada pelo tipo de aroma e de ervas que são utilizadas em sua composição. Falaremos sobre isso em detalhes em Critérios de Compra. Mas, de modo geral, o incenso é utilizado para:

  • Rituais e cerimônias espirituais;
  • Práticas de meditação e yoga;
  • Limpeza e purificação de ambientes;
  • Atrair e proporcionar calma e relaxamento.

Posso acender incenso dentro de casa?

Sim, o incenso, assim como o difusor de aromas, pode ser usado em casa ou em qualquer ambiente que você desejar, seja para purificar o ar, limpar a energia do ambiente, entre outros objetivos.

Um exemplo prático é o incenso de citronela, que é muito utilizado como um repelente natural de insetos em residências e chácaras.

No entanto, é importante que o espaço no qual você acenda o incenso seja bem ventilado e arejado. Isso porque, como veremos logo mais, dependendo do tipo de incenso, nem sempre a fumaça expelida será benéfica para a saúde.

Por isso, também é fundamental que não haja ninguém alérgico a perfumes no ambiente onde você vai utilizar o produto.

Outra recomendação dos especialistas é que bebês e idosos não sejam expostos diretamente à fumaça do incenso, pois eles têm o sistema respiratório mais delicado.

O melhor local para queimar um incenso é sobre um incensário.

Para escolher a peça ideal, verifique se ela é feita com material resistente ao calor e se acomoda o incenso com segurança, de modo que não o deixe cair e que as cinzas não sujem o chão.

Incenso faz mal à saúde?

Infelizmente, dependendo do incenso que você comprar, ele pode sim fazer mal à saúde. Isso porque muitos incensos disponíveis no mercado são fabricados com elementos tóxicos e prejudiciais como chumbo, breu, goma arábica, formol e benzeno.

Essas substâncias, que têm potencial cancerígeno, ao serem queimadas produzem uma fumaça que pode causar doenças respiratórias.

E isso ocorre porque, até o momento, não existe legislação para regulamentar e fiscalizar esses produtos no mercado.

Vários incensos juntos e acesos.

A maioria dos incensos libera substâncias tóxicas, por isso, prefira os feitos apenas com produtos naturais. (Fonte: danielam / Pixabay.com)

Para diminuir os danos, você deve reduzir o tempo de exposição à fumaça dos incensos e adotar a prática de apenas acendê-los em locais arejados.

Além disso, sempre dê preferência por comprar os melhores incensos, que são feitos apenas com ervas, plantas e especiarias.

Como saber se o incenso é de qualidade?

Para acertar na escolha e comprar os melhores incensos, que sejam seguros à sua saúde, vale observar alguns sinais e colocar em prática alguns testes. Para tanto, siga o passo a passo:

1. Friccione o incenso na palma da mão: Se com isso a sua mão ficar preta, o incenso contém muito carvão e é de má qualidade;
2. Acenda o incenso: Se a fumaça irritar o seu nariz este é um mal sinal;
3. Cor da fumaça: Quando a fumaça do incenso é escura, isso indica a presença de elementos tóxicos. Os melhores incensos têm uma fumaça branca;
4. Observe as cinzas: Se as cinzas dos incensos ficarem presas à ponta da vareta por um fio de carvão é sinal de baixa qualidade do produto.

Melhores incensos: Quanto custam e onde comprar?

Dependendo da marca, da forma de fabricação, dos componentes e da quantidade vendida, você vai encontrar incensos que custam entre R$ 7 e R$ 500.

Por serem muito populares, é possível encontrar incensos em armarinhos, bancas de jornal, lojas de departamento e em supermercados como, por exemplo, Lojas Americanas, Magazine Luiza e Carrefour.

Mas se você busca por incensos importados, de marcas, aromas e formatos variados o ideal é comprar online, em lojas como a Amazon.

Critérios de Compra: Como avaliar os melhores incensos

Pronto, até aqui você já descobriu como identificar os melhores incensos no que se refere à segurança da sua saúde.

Mas, agora, é hora de entender outros critérios que diferenciam um tipo de incenso de outro. Listamos a seguir os principais deles. Veja:

A seguir, vamos explicar cada um desses fatores em detalhes para que você se sinta seguro para comprar os melhores incensos.

Pureza

A maioria dos incensos não é feita com ervas, mas com essências sintéticas, substâncias tóxicas e cancerígenas.

Por isso, o primeiro passo na hora de escolher os melhores incensos é se certificar que eles são produtos 100% naturais, à base de produtos vegetais, ervas e óleos essenciais.

Sendo, assim, verifique a lista de ingredientes que compõe o incenso antes de fechar a compra.

Aromas

Em seguida, analise os vários aromas dos incensos. Para escolher a melhor fragrância, leve em conta o seu gosto pessoal e as propriedades de cada um.

Como a variedade de aromas presentes nos incensos é imensa, nós reunimos algumas das mais populares para você conhecer. Veja:

Aroma do incenso Características Indicação
Massala Aroma floral composto por ervas, flores, madeiras e não tem carvão vegetal Ideal para prática de Yoga e meditação
Sândalo Perfume intenso e doce de sândalo, olíbano, carvão vegetal e sal grosso Para elevar a energia
Palo Santo Perfuma o ambiente com aroma de madeira, carvão vegetal e olíbano Alivia problemas respiratórios e equilibra as emoções
Citronela Aroma cítrico de óleo extraído da planta, olíbano e sal grosso Para repelir insetos e purificar o ar

Propriedades

Além dos aromas mais populares que descrevemos acima, cada fragrância de incenso tem uma propriedade diferente que pode trazer vários benefícios para os locais e as pessoas. Veja os mais procurados:

  • Incensos afrodisíacos: Exemplos como os de cravo, canela e patchouli têm uma ação estimulante, com fragrância forte e intensa;
  • Incensos purificantes: Os de arruda e sálvia são incensos usados a séculos por povos indígenas em rituais de purificação e limpeza de energia. O de alecrim ajuda no tratamento de doenças respiratórias e promove o bem-estar;
  • Incensos calmantes: Com flores de lavanda, camomila e jasmim, esses incensos ajudam a diminuir o estresse, a ansiedade e promovem o relaxamento.

Formato

Observe também que os incensos são vendidos em diferentes formatos. Os mais comuns e baratos são, de fato, os incensos em forma de varetas, que podem ter diferentes tipos de espessuras.

Outros tipos de incensos são os em formato de bastão, cone e espiral.

Outros tipos de incensos são os em formato de bastão, cone e espiral.

O incenso de bastão de ervas é feito de forma artesanal e, por isso, é 100% natural, sendo indicado para defumações de ambientes.

Vale destacar ainda que alguns tipos de incensos como o de Palo Santo, por exemplo, são vendidos em forma de pedacinho de madeira.

Tempo de queima

É importante checar a informação do tempo de queima do incenso que você pretende comprar. A maioria dos produtos vendidos no mercado tem uma média de queima que varia entre 30 e 50 minutos.

Mas esse critério vai depender do tamanho e da espessura do incenso. Se você pretende fazer algum tipo de ritual, escolha os incensos com tempo de queima de longa duração, que pode chegar a até 2 horas.

(Fonte da imagem destacada: 4174332 / Pixabay.com)

Por que você pode confiar em mim?

Resenhas