mini system
Ultima atualização: 18 de junho de 2021

Como escolhemos

11Produtos analisados

11Horas investidas

3Estudos avaliados

80Comentários coletados

Esqueça as caixas de som gigantescas e os aparelhos cheios de botões e uma luz colorida para cada função. Quem quer aproveitar um som de alta fidelidade e manter a sofisticação na decoração da casa pode ter tudo isso em um equipamento de som inovador e compacto: o mini system.

Este eletroeletrônico é versátil e tem tudo o que você precisa para a trilha sonora nos momentos em família e no encontro com amigos, sincronizando seus dispositivos móveis sem necessidade de fios. Ficou interessado? Então, não pode perder nenhum detalhe deste artigo!




O mais importante

  • O mini system é um aparelho de som compacto e potente, que permite reproduzir áudio de diversos formatos.
  • A potência do mini system, aliada à sensibilidade das caixas, garante som alto sem distorções
  • Fatores como o local onde o mini system será utilizado, a potência e funções adicionais do aparelho fazem diferença na hora do uso do equipamento.

Mini system: nossa recomendação dos melhores produtos

Opções não faltam. Os modelos de mini system à venda atualmente trazem conectividade e som de alta potência. Quer ver um pouco do que você vai encontrar nas lojas? Confira nossa seleção com os mais vendidos da Amazon.

Guia de compra: tudo o que você precisa saber sobre o mini system

Se você quer dar um “gás” na sua playlist e criar um ambiente descontraído nos churrascos mas está em dúvidas sobre comprar ou não um mini system, esta seção vai te ajudar. A partir de agora vamos mostrar tudo sobre este aparelho e suas vantagens.

Um homem recostado em um sofá ouvindo música

O mini system é um aparelho de som compacto e potente. (Fonte: 36clicks/ 123rf.com)

O que é um mini system e como ele funciona?

O mini system é um aparelho de som. Ele é uma versão compacta dos sistemas convencionais e um upgrade, em termos de potência, do micro system, que costuma ser a opção de quem busca por modelos menores.

O mini system funciona basicamente como qualquer outro aparelho de som. De acordo com o modelo, ele recebe sinais sonoros de discos, pendrives ou aplicativos e os reproduz como música pelas caixas de som.

Existem vários tipos de mini system?

Sim, existem diversos tipos de mini system no mercado. Mesmo sem grandes diferenças quanto ao funcionamento dos aparelhos, é possível dividi-los em alguns tipos distintos, como mostramos na sequência:

  • Módulo único - caixas de som acopladas ao aparelho. Em geral, pode ser transportado;
  • Torre - com estrutura semelhante a de um subwoofer, tem sistema de som distribuído ao longo da torre;
  • Caixas separadas - é o mais comum. Conta com um módulo de recepção e caixas que podem ser colocadas em pontos estratégicos, como se faz no home theater.

Para quais situações o mini system é indicado?

O limite para o uso de um mini system, além da potência necessária para cada situação, é a sua imaginação! Isso porque ele pode ser usado tanto para proporcionar um clima intimista em um jantar quanto para uma festa na piscina, com recursos dignos dos DJs.

Neste sentido, podemos dizer que o mini system é indicado para todas as situações em que se deseja reproduzir música em uma escala de pequena a média. Nos grandes eventos, por óbvio, ele não terá a potência suficiente para a amplitude do ambiente.

mini system em closeup

A potência do mini system garante som alto sem distorções. (Fonte: aleksanderdn / 123rf.com)

O que é a potência de som de um mini system?

Já falamos algumas vezes aqui neste artigo sobre a potência do seu mini system. E você pode estar se perguntando o que, exatamente, isso significa e qual é, de fato, a importância da potência do aparelho.

De maneira resumida, este fator representa a capacidade do equipamento de reproduzir um som em alto volume sem comprometer a qualidade do áudio. Existem duas formas de calcular a potência de um conjunto de som e é bom estar atento a elas:

Tipo de potência O que significa
PMPO Potência registrada em intervalos não contínuos da saída de áudio, sem considerar a distorção da qualidade do som
RMS É a média da variação do que está sendo reproduzido pelo equipamento e demonstra de forma fiel a qualidade do áudio. Também é conhecida como “potência eficaz”

Quais as vantagens de ter um mini system?

Quem gosta de acompanhar todos os momentos com música sabe o quanto ela pode fazer falta em um ambiente. E reproduzir seu som preferido com qualidade é apenas uma das vantagens de um mini system.

No quadro abaixo, preparamos uma lista de prós e contras que você pode esperar quando estiver usando o seu novo aparelho:

Vantagens
  • É compacto e tem design moderno
  • Mais potente que um micro system
  • Pode ter diversas entradas de áudio, como USB, MP3 e SD. A maioria dos modelos permite sincronização com dispositivos móveis, como o smartphone e o notebook
  • Fácil de usar e transportar, caso necessário
Desvantagens
  • Os modelos mais avançados costumam ser muito caros
  • Não tem bons resultados em grandes ambientes
  • Os mais acessíveis normalmente têm baixa potência

Critérios de compra: O que levar em conta ao escolher um mini system

Se você não vê a hora de reunir os amigos para mostrar seu novo equipamento de som, não vai querer que o mini system desaponte seus convidados, não é? Por isso, é importante destacar alguns pontos que merecem atenção na hora de escolher o aparelho ideal.

Ambiente

Dependendo de onde você pretende utilizar o seu mini system, pode ser mais adequado optar por um ou outro modelo. Se vai ficar na sala, os aparelhos com caixas separadas ajudam a compor a decoração do local com sofisticação.

Quer usar à beira da piscina? Neste caso, você pode optar pelo tipo torre ou, talvez, pensar em uma caixa de som à prova d’água para não correr risco de estragar o aparelho.

Ainda sobre esse aspecto, lembre-se que o mini system é ideal para locais de pequenos a médios. Se tiver um espaço muito grande, considere outro tipo de aparelho de som, ainda mais potente.

Tipo

Falamos há pouco sobre os tipos de mini system. E apesar de parecer que eles se limitam ao design, cada um deles pode ser também mais ou menos potentes. Por isso, é importante ter atenção a este ponto.

Em geral, além de cada tipo ser mais adequado a um estilo de ambiente e finalidade (reveja a tabela que mostramos na seção anterior), eles também podem ter potência, efeitos e recursos distintos. Por isso, é interessante observar bem todas as características antes da compra.

homem usando o mini system.

Fatores como o local onde o mini system será utilizado, a potência e funções adicionais do aparelho fazem diferença na hora do uso do equipamento. (Fonte: Olga Yastremska / 123rf.com)

Potência

Quando se fala em som de qualidade, a potência das caixas e alto falantes não pode ser desconsiderada. De forma simplificada, podemos dizer que quanto maior a potência, maior é o ambiente que seu aparelho será capaz de atender.

Assim, se for usar em um ambiente restrito, como a sala de estar, um mini system com potência RMS total de 150W já proporciona um bom resultado. No entanto, se puder, escolha um modelo com pelo menos 200W de potência total.

Funções

Como sempre dizemos por aqui, a inovação não para! Por isso, quando for escolher o seu novo mini system procure pelos modelos mais atuais do mercado, especialmente se quiser ter mais recursos tecnológicos à disposição. Entre as funções mais comuns e requisitadas estão:

  • Função DJ - equaliza o volume das músicas para equilibrar o início e fim de cada reprodução;
  • Iluminação - alterna luzes de LED coloridas que podem ou não se movimentar em sincronia com o ritmo da música;
  • Ultra BASS - ajusta e otimiza os sons médios e graves.

Conectividade

Se você já tem a playlist ideal para cada situação em seu aplicativo de reprodução de músicas no smartphone, vai querer um mini system que possa ser conectado a ele para garantir o som da festa, certo?

Então, na hora de escolher, verifique as conexões disponíveis. A maioria dos novos modelos possuem conectividade via Bluetooth, para parear com seu dispositivo móvel e reproduzir o som desejado.

Alguns podem se conectar à rede wireless da sua casa e fazer até parte da automação, controlados por comandos de voz ou por aplicativos. Se possível, não abra mão desses recursos.

Resumo

Se você é daquelas pessoas que não vive sem música, não pode ficar refém do smartphone ou do radinho antigo para criar o clima ideal nos ambientes da sua casa. Pensando nisso, decidimos contar tudo o que sabemos sobre o mini system.

Neste artigo, você viu os principais tipos e indicações de uso deste aparelho, com comparativos sobre a potência ideal e uma seleção exclusiva com os melhores aparelhos de 2021.

Se gostou, aproveite para enviar esse material para seus amigos de balada. O próximo encontro vai ser diversão garantida! Um abraço.

(Fonte da imagem destacada: alexandere17 / 123rf.com)

Por que você pode confiar em mim?

Resenhas