Pessoa usando celular e computador ao lado de modem roteador de 4 antenas.
Ultima atualização: 25 de fevereiro de 2020

Como escolhemos

19Produtos analisados

20Horas investidas

4Estudos avaliados

91Comentários coletados

Seja muito bem-vindo ao ReviewBox Brasil! Hoje vamos falar sobre modems. Você sabia que o Brasil tem mais de 116 milhões de usuários de internet e 70% deles utilizam a banda larga em casa? E para ter esse tipo de acesso, é necessário de um modem.

Essas informações foram apuradas por uma pesquisa feita pelo IBGE, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Os dados são referentes ao ano de 2017, ou seja, esse número já deve ter crescido consideravelmente.

Vamos, então, saber quais os melhores modems disponíveis atualmente. Assim como as funções mais importantes desse tipo de equipamento. Com todas essas informações, você vai pode escolher melhor e não vai se arrepender da compra!




Primeiro, o mais importante

  • Verifique qual é a sua conexão com a internet. Se for fibra, o modem tem que suportar conexões VDSL. Em geral, os modems têm também a função roteador sem fio.
  • Os preços vão variar dependendo da conexão suportada. Os que são adequados para o sistema 4G custam mais caro.
  • Caso opte por um modem que se conecta a rede 4G, tenha em mente que pode haver instabilidade no sinal e limitação no consumo de dados.

Você também pode gostar:

Melhores modens: Nossas recomendações

Os modems são aparelhos que recebem o sinal de internet entregue pela operadora e, na sequência, levam as informações até o seu computador. É um aparelho fundamental. Por isso, fizemos uma seleção com alguns dos melhores do mercado. Confira na lista abaixo:

Versatilidade é a principal característica deste modem. Ele suporta o padrão VDSL e também é compatível com os demais padrões, como o ADSL.

Esse modem tem uma porta LAN/ WAN intercambiável, o que o torna compatível com serviços de internet via fibra ou cabo. Caso você tenha que alternar entre esses dois tipos de serviço, isso poder ser bastante útil.

O dispositivo também é um roteador wireless. Conta com 4 portas do tipo RJ 45, que possibilitam a conexão de cabos de rede. Possui ainda uma porta USB.

Esse é um equipamento que une as funções de modem e também de roteador, ou seja, tem a capacidade de transmitir o sinal para outros aparelhos de sem fio, via Wi-Fi.

O modem da TP Link utiliza a tecnologia ADSL 2+, que foi criada para permitir uma transmissão de dados muito mais rápida através de linhas de telefone. Ele vem com firewalls NAT e SPI que ajudam a evitar possíveis ataques provenientes da Internet, recurso que ajuda a aumentar a segurança da rede.

O Modem Dlink DSL-2740E é multifuncional: tem a função modem no padrão ADLS2+, é um roteador com 4 portas Ethernet e possui duas antenas de 5 dBi, para transmissão Wi-Fi.

O aparelho também conta com recursos de segurança para impedir qualquer acesso à rede que não tenho sido autorizado: possui um firewall e um registro de ataques de hackers.

Esse modem da TP- Link conta com suporte ao sistema ADSL 2+. Além disso, tem capacidade para conectar até 4 aparelhos ao mesmo tempo via cabos RJ45.

Também possui a função roteador Wi-Fi, que é capaz de distribuir o sinal da internet de alta velocidade em uma casa ou empresa sem a utilização de fios. Para garantir a segurança, possui um botão que criptografa os dados que circulam no ambiente wireless.

Esse equipamento une as funções de modem e de roteador sem fio. O modelo de modem da TP- Link suporta os últimos padrões ADSL 2+. Quanto à configuração wireless, as funções podem ser utilizadas para compartilhar arquivos, navegar na internet e demais atividades.

A configuração é facilitada por um assistente de instalação. O aparelho possui apenas uma antena. Caso você vá conectar muitos equipamentos via Wi-Fi, a velocidade pode ser prejudicada.

Guia de Compra

A conexão de um modem pode ser com ou sem cabos, via linha telefônica, fibra ou 4G. Para saber qual é o mais adequado para você, é importante que você veja quais são as características do serviço de internet que você tem ou quer ter na sua casa.

Siga lendo para aprender todos os detalhes sobre o aparelho e comprar o modem certo para o local que deseja.

Modem em primeiro plano em cima de uma banqueta com uma pessoa ao fundo mexendo no notebook e celular.

Modem é o equipamento que recebe o sinal de internet e faz a distribuição para os diversos outros aparelhos. (Fonte: Kittichai Boonpong / 123RF)

O que é um modem?

É difícil viver sem internet. Você que está lendo este artigo sabe bem disso, não é mesmo? Quem tem a possibilidade de se conectar acaba se acostumando rapidamente com as facilidades trazidas pelo mundo virtual, seja para trabalhar ou se divertir.

Com o avanço da tecnologia, a internet tem chegado a locais que antes não alcançava, fazendo com que áreas distantes tenham conexão.

Entretanto, para que a internet chegue até seu computador, tablet, celular ou Smart TV, é necessário que o sinal saia da central do provedor e chegue até a sua casa ou o seu trabalho.

Sem o modem não é possível haver conexão com a internet.

E nesse caminho o modem tem um papel importante. Ele é o equipamento que recebe o sinal e faz a distribuição para os diversos aparelhos que estão conectados nele, seja o computador, a televisão, a impressora, o celular ou o notebook.

Cabos conectados a um modem.

Modems podem ser conectados a diversos outros equipamentos. (Fonte: moebiusdream / Pixabay)

A palavra modem surgiu da união dos termos ‘modulador’ e ‘demodulador’. Isso porque, quando surgiu, ele modulava um sinal digital em uma onda analógica e vice-versa, para que houvesse transmissão pela linha telefônica.

Hoje, a transmissão de sinal é toda digital. As conexões discada e analógica ficaram para trás, mas o nome do aparelho se manteve. Outra mudança que ocorreu foi na configuração desses aparelhos. Ela era complexa e havia a necessidade da operadora mandar técnicos para que a conexão pudesse ser feita.

O processo de instalação nos dias atuais é bastante intuitivo. Os próprios equipamentos conseguem guiar o usuário na instalação e configuração.

Homem digita texto em um computador.

Modems conectam seu computador à internet. (Fonte: StartupStockPhotos / Pixabay)

No que você precisa prestar atenção: Modem VDSL ou ADSL?

Antes de comprar um modem, saiba se ele, de fato, vai se adequar às suas necessidades. Hoje no mercado pelo menos 2 tecnologias coexistem quando o assunto é transmissão de internet banda larga de alta velocidade.

Uma delas é um pouco mais antiga, a ADSL (Asymmetric Digital Subscriber Line). Nela, a internet circula via linhas de telefonia. Por conta de diversos detalhes técnicos, a internet chega a uma taxa máxima de download de 24Mbps.

Já no caso da tecnologia VDSL (Very-high-bit-rate Digital Subscriber Line), que é transmitida por cabos de fibra, a velocidade da conexão é muito maior. Esse tipo de serviço, no entanto, não está disponível em todas as cidades.

Como os aparelhos VDSL são mais caros, só valem a pena se você de fato puder utilizar toda a tecnologia disponível.

Tecnologia ADSL Tecnologia VDSL
Velocidade Mais lenta e limitada Mais veloz
Custo Preço mais baixo Preço mais alto
Disponibilidade Disponível na maioria dos locais Restrita a algumas cidades e bairros

Modem com ou sem roteador?

Um ponto importante é que a maior parte dos modens são também roteadores Wi-Fi, isso elimina a necessidade de ter um segundo equipamento para distribuir o sinal sem fio.

Para muitas pessoas isso pode ser um facilitador. Só que nem sempre essa função vai atender a todas as suas necessidades. Caso o local onde a internet será distribuída seja grande, é bem possível que você tenha que adquirir outro roteador para que todos os ambientes sejam alcançados.

Por outro lado, pode ser que você só vá utilizar o sinal em um computador e não pretende dividir esse sinal com outros equipamentos. Nesse caso, escolher um modem sem roteador Wi-Fi pode fazer você economizar dinheiro.

Modem preto em um fundo branco.

Os modems mais vendidos também contam com a função roteador. (Fonte: WikimediaImages /
Pixabay)

Quanto custa?

O que vai fazer com que o preço varie é a tecnologia adotada para a transmissão do sinal e se ele possui, ou não, a função roteador Wi-Fi. Algumas empresas de internet incluem a entrega de um modem na hora em que os pacotes são contratados.

Aparelhos mais simples, sem a função de roteador sem fio, custam a partir de R$90. Já os aparelhos que possibilitam a conexão 4G são mais caros e podem chegar a até R$300.

Onde comprar?

Você pode comprar esses aparelhos em lojas de departamento, supermercados, lojas de telefonia e principalmente pela internet.

Na rede, existem mais opções de modelos à disposição. Entre as lojas virtuais estão a Amazon, o Submarino e as Lojas Americanas. Também é possível encontrar em lojas virtuais de redes varejistas, como as Casas Bahia e o Extra.

Comprando online você encontra ofertas mais atrativas e também os melhores modelos com mais facilidade, sem nem mesmo precisar sair de casa.

Critérios de compra: Fatores para comparar os modelos de modem

Na hora de comprar o modem para que você possa utilizar a internet, leve em consideração alguns pontos. Dessa forma, você não se arrepende da compra e nem fica com um produto que não atende suas necessidades. São eles:

  • Tecnologia
  • Função roteador Wi-Fi
  • Velocidade
  • Aparelhos conectados

Abaixo, vamos falar mais sobre cada um deles para que você possa fazer sua compra com total segurança.

Tecnologia

Esse é o ponto mais importante que deve ser levado em consideração. Qual é o seu serviço de internet? Verifique se o modem que você quer comprar é compatível com o tipo de conexão que você tem em casa ou no escritório.

Dependendo do plano escolhido, o modem terá que suportar um sinal chegando via cabo coaxial, fibra óptica ou rede de celular.

Lembre-se que a tecnologia VDSL permite que a internet atinja uma velocidade maior. Caso na sua região exista esse serviço de alta velocidade, opte por um modem que seja capaz de recebê-la.

Agora, se na sua região, a operadora oferece apenas conexões ADSL, o ideal é optar pelos modelos mais simples, pois são mais baratos e vão atendê-lo da mesma forma.

Outra opção é o modelo que usa a rede de celular 4G. Nesses casos, o sinal sofre mais interferências do que o de uma rede cabeada e há uma limitação na quantidade de dados que podem ser baixados.

Por outro lado, como é móvel, esse modem e esse tipo de internet podem ser a opção para quem está sempre se deslocando ou mora em áreas onde não há outros tipos de conexão.

O tamanho do equipamento é um pouco maior do que o de um pen-drive. Em muitos casos, as empresas operadoras de banda larga incluem a entrega de um modem já pronto para o uso.

Função roteador Wi-Fi

Com os avanços da tecnologia, a internet não está só nos computadores de mesa. Pelo contrário, muitas pessoas nem têm mais um desses dentro de casa. Celular, notebooks e tablets têm cumprido várias funções. Mas para isso, o Wi-Fi é importante.

Grande parte dos modelos de modem conta também com a função roteador sem fio. Eles podem ser vantajosos. Aparelhos multifuncionais gastam menos espaço, economizam energia elétrica e facilitam na hora da instalação e manutenção.

Por outro lado, o sistema wireless desses equipamentos é mais simples e menos potente do que os de um roteador sem fio que faça exclusivamente o compartilhamento do sinal.

Dessa forma, o sinal pode não alcançar todas as áreas planejadas. Nesse caso, talvez você tenha que investir em um roteador dedicado ou então em um repetidor de sinal.

Mulher segura placa com símbolo do wi-fi.

Função roteador Wi-Fi é importante para conectar aparelhos sem fio. (Fonte: rawpixel / Pixabay)

Velocidade

Na hora de configurar o modem, você vai encontrar uma informação sobre a velocidade suportada pelo equipamento. Em alguns casos, 150mbps (megabit por segundo) e, em outros, 300mbps.

Essa informação se refere à velocidade máxima em que os dados vão trafegar dentro da sua rede. Ou seja, entre servidores internos, impressoras, entre outros. A velocidade de conexão com a internet vai depender do plano contratado por meio da operadora.

Como vimos, alguns modelos de modem utilizam a tecnologia 4G, a mesma dos aparelhos de telefonia celular. Caso a escolha seja por esse modelo, fique atento na franquia de dados.

Em geral, há um limite mensal que não pode ser ultrapassado sem que haja uma grande redução na velocidade.

Aparelhos conectados

Antes de decidir de vez pelo seu modem, reflita quantas pessoas vão utilizá-lo e quantos aparelhos serão conectados a ele, especialmente no caso dos roteadores. Você precisa estar ciente que quanto mais aparelhos ligados ao seu modem, mais potente e completo ele precisará ser.

Um roteador básico deve ser suficiente se você mora com mais duas pessoas e vão conectar seus celular e mais poucos aparelhos, como computador e TV.

Agora, se vocês são em mais pessoas, todos possuem computadores pessoas e uma Smart TV no quarto, isso significa que você vai precisar de um mais potente, porque ele não vai dar conta de tantos IPs.

View this post on Instagram

____?✨. #wifi

A post shared by Ezequiel Gomez (@ezequielg__) on

(Fonte da imagem destacada: Kittichai Boonpong / 123RF)

Por que você pode confiar em mim?

Henrique Torres Técnico em Eletrônicos/Fotógrafo por Hobby
Henrique entrou na faculdade de jornalismo, mas logo no segundo período, percebeu, na aula de fotografia, que as câmeras eram sua grande paixão. Da dedicação às lentes, surgiu o interesse por outros eletrônicos, e hoje ele passa seu tempo consertando gadgets e fotografando por hobby.