Foto de uma mulher morena, aplicando óleo capilar nos cabelos.
Ultima atualização: 27 de julho de 2019

Como escolhemos

12Produtos analisados

18Horas investidas

5Estudos avaliados

63Comentários coletados

Seja bem-vindo ao Review Box Brasil! Hoje nós vamos falar sobre um produto que é campeão quando o assunto é reconstrução e hidratação dos fios: o óleo capilar.

Ele promove muitos benefícios no cabelo, e pode ser usado diariamente para um efeito mais intenso! Dentre as suas vantagens, está o poder de eliminar as pontas duplas e combater o ressecamento. Como não amar?

Aqui, vamos te apresentar um Guia de Compra exclusivo, com todas as informações que você busca sobre esse cosmético que dá para levar na bolsa!




Primeiro, o mais importante

  • O óleo capilar é um produto multifuncional. Ele não só hidrata e dá brilho, como também protege e sela as cutículas dos fios.
  • Uma de suas vantagens é que ele pode ser usado tanto em cabelos molhados, quanto em cabelos secos, contanto que limpos.
  • De maneira geral, óleos capilares possuem preços acessíveis, e são facilmente encontrados em supermercados e farmácias.

Você também pode gostar:

Ranking: Os 3 melhores óleos capilares

Aplicar óleo de hidratação nos fios é uma excelente maneira de mantê-los nutridos e alinhados. Se você ainda não tem o hábito de usar este produto e não sabe qual escolher, é só dá uma olhada no nosso Ranking!

1º – Óleo Capilar Leave In Nutritive Oil Relax Kerástase

A Kerástase é referência quando o assunto é cabelo, e com o seu óleo capilar não seria diferente. Apesar de possuir um valor relativamente alto para um produto como esse, seus benefícios são inquestionáveis.

A proposta do Oil Relax é justamente relaxar os fios, proporcionando nutrição intensa e disciplina. Ele possui a tecnologia nutri-huile, que nutre os cabelos preservando sua leveza, e também é composto por um eficaz sistema antifrizz.

O óleo de shorea e o óleo de palma presentes em sua composição garantem brilho, maciez e alinhamento dos fios. Além de tudo, este óleo tem um cheirinho super agradável!

2º – Óleo Capilar Argan Oil Inoar

Este é um queridinho da mulherada! Ele sela e repara as cutículas dos fios, deixando o cabelo leve, bonito e muito macio.

Além do óleo de argan, que tem alto potencial hidratante, ele também é composto por ômega 9, ômega-6 e polifenóis, vitaminas que fortalecem o cabelo e o prepara para os desgastes do dia a dia.

3º – Óleo Capilar Alfaparf Semi De Lino

Se você está em busca de um finalizador de uso diário, que seja indicado para todos os tipos de cabelo e ainda promove hidratação, o óleo capilar da marca Alfaparf é uma ótima escolha!

Sua fórmula com óleo de sementes de linho e vitamina E, cria uma película leve, elástica, anti umidade e antissecura, que não deixa o cabelo pesado e garante proteção durante o dia todo. Ele pode ser usado tanto no cabelo molhado, quanto seco.

Guia de Compra

Agora que você já conhece bons óleos capilares, vamos te contar tudo o que esse produto pode fazer pelas suas madeixas, e te informar sobre preços e locais de compra.

Siga com a gente nesse Guia de Compra completo e saiba fazer a melhor escolha para seu cabelo no fim desse texto!

Foto de uma mulher negra de lado, segurando uma flor, com os cabelos bem à mostra.

O óleo capilar é um excelente aliado para manter as pontas dos cabelos soltas e disciplinadas. (Fonte: The Lazy Artist Gallery / Pexels)

O que é o óleo capilar?

Dentre tantos produtos de beleza que existem no mercado de cosméticos, o óleo capilar está entre os mais poderosos no quesito nutrição e alinhamento de fios.

Ele foi desenvolvido para ser aplicado especificamente nas pontas, com o objetivo de selar as cutículas, eliminar as pontas duplas e, claro, evitar qualquer aspecto de ressecamento!

Normalmente, esses produtos são dotados de vitaminas, ômegas, e óleos altamente nutritivos, como o óleo de argan e o óleo de coco, e são ótimos se você busca resultado imediato.

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, os óleos não deixam os fios pesados, e sim mais leves. Alguns são produzidos através de substâncias totalmente naturais e outros são sintéticos, produzidos a partir do silicone.

A boa notícia é que eles podem ser usados diariamente, em pequenas porções.

Quais as vantagens do óleo capilar?

As vantagens são inúmeras que fica até difícil encontrar uma única desvantagem em fazer uso desse produto que faz tanto pela saúde dos cabelos.

O único ponto que merece cuidado é para não exagerar na dose. Isso pode acabar deixando seu cabelo com um aspecto bastante oleoso.

Fora isso, os benefícios são muitos. O óleo capilar hidrata, dá brilho e amacia o cabelo. Protege, doma e alinha os fios. Pode ser usado diariamente e é muito fácil e prático de aplicar.

Confira um resumo das vantagens abaixo:

Vantagens
  • Hidrata, dá brilho e amacia o cabelo
  • Protege, doma e alinha os fios
  • Pode ser usado em cabelo seco ou molhado
  • pode ser usado todos os dias
  • Fácil aplicação
Desvantagens
  • Se usado em grande quantidade deixa o cabelo com aspecto oleoso

Quando posso usar o óleo capilar?

Você pode usar este produto tanto no cabelo molhado, quanto seco, mas é importante que saiba que essa escolha faz toda diferença na ação que será promovida em suas madeixas.

Ao utilizá-lo no cabelo molhado, o óleo age com função termoprotetora, ativada pelo calor, ou seja, ele protegerá os fios dos danos que poderão ser causados pelo secador, chapinha ou babyliss, e ainda selará as cutículas.

Já ao usá-lo no cabelo seco, sua ação será para controle de frizz e para domar as pontas duplas. Além disso, ele também irá garantir que os fios fiquem alinhados e com aspecto brilhoso.

Foto de uma mulher segurando um frasco de óleo capilar enrolada na toalha se olhando no espelho.

Você pode passar o óleo capilar nos cabelos secos ou molhados. (Fonte: Maryna Pleshkun / 123RF)

Óleo capilar ou máscara hidratante?

Como você já deve saber, o óleo capilar não é o único produto que nutre e promove benefícios aos cabelos. Além dele, o cosmético mais conhecido é a máscara hidratante ou de tratamento.

Apesar de ambos possuírem ações muito semelhantes, alguns aspectos os diferem.

A máscara funciona como um tratamento mesmo, e é feita especialmente para cabelos danificados. Seu principal benefício é a hidratação e a recomposição das fibras dos fios.

A máscara tem altíssimo potencial nutritivo, deve ser usada somente nos cabelos molhados e não há necessidade de fazer uso diário.

Já o óleo pode ser utilizado todos os dias, inclusive, mais de uma vez. Diferente da máscara, não há enxágue com o óleo, que é usado no cabelo após a lavagem, podendo estar seco ou molhado.

O óleo tem menos potencial nutritivo que a máscara, mas possui outros benefícios exclusivos: alinha e sela os fios, protege o cabelo do calor e disciplina as madeixas.

De maneira geral, ambos são excelentes escolhas, e podem, inclusive, serem usados em conjunto!

Óleo capilar Máscara hidratante
Objetivo Nutrir os cabelos, selar e proteger as pontas Hidratar intensamente cabelos danificados
Frequência de uso Diário De uma a três vezes na semana
Quando usar Após o banho, com os cabelos secos ou molhados Durante o banho, após o shampoo
Preço Mais baixo Mais alto

Quanto custa?

Cosméticos desenvolvidos para hidratação intensa costumam ser bem caros, no entanto, o óleo capilar é o ponto fora da curva, pois normalmente seus valores são mais acessíveis.

Apesar de não ser uma regra, a maioria desses óleos custam entre R$ 20 e R$ 60, perfeito para o nosso bolso, né?

Porém, algumas marcas mais estabelecidas no mercado vendem opções mais potentes e mais caras, e nessas situações, os valores podem chegar e até ultrapassar os R$ 100.

Confira diferentes tipos de óleo e algumas dicas neste vídeo:

Onde comprar?

Comprar este produto de beleza é uma tarefa super fácil. Hoje em dia, em toda loja de cosméticos ou farmácia vende bons óleos capilares.

Se você prefere comprar em lojas especializadas nesse nicho, podemos te indicar a Sephora, a The Beauty Box, e a Época Cosméticos. Lá a variedade será enorme e você encontrará as mais diferentes marcas.

Caso você tenha o costume de comprar em lojas de departamento, as Lojas Americanas possuem uma sessão especial para produtos de beleza.

Farmácias também são uma opção interessante, porém nesses locais você não deverá encontrar as marcas mais luxuosas.

E se você ama resolver sua vida pela internet, além dos próprios sites das marcas, você pode encontrá-los na Amazon, na Beleza na Web e até no Mercado Livre.

Critérios de compra: Fatores para comparar os diferentes tipos de óleo capilar

Ao cuidar dos nossos cabelos, devemos ter bastante cuidado com os produtos que usamos. Antes de comprar o seu óleo capilar, analise bem o que ele tem a te oferecer e se o produto vale mesmo a pena.

Para te ajudar nessa escolha, selecionamos quatro critérios que podem ser fundamentais na hora da sua compra.

  • Ativos de naturais
  • Tipo de cabelo
  • Modo de usar
  • Aroma

Agora que você já sabe no que deve prestar atenção, vamos te explicar o que significa cada um desses fatores.

Foto de uma mulher de cabelo, de lado em uma parede branca, com o cabelo no rosto e a mão no cabelo.

Esteja atento ao potencial de nutrição do seu óleo capilar. (Fonte: Stephan Seeber / Pexels)

Ativos naturais

Como já dissemos algumas vezes, uma das grandes vantagens dos óleos capilares é que eles normalmente contam com ativos naturais, que garantem nutrição, brilho e beleza ao cabelo.

Os que possuem essas substâncias são, com certeza, melhores do que aqueles que possuem apenas ativos sintéticos.

Com facilidade você encontrará opções que sejam compostas por vitaminas, ômegas, óleo de coco, óleo de palmarosa, manteiga de karité e óleo de argan. Essas substância hidratam e cuidam para que seu cabelo cresça forte e resistente aos danos externos.

Tipo de cabelo

A maioria dos óleos atende todos os tipos de cabelo, no entanto, é sempre bom observar se o seu tipo escolhido é específico para alguma condição.

Existem óleos especiais para cabelos danificados, muitos expostos ao sol e ao calor, e até para fios cacheados. Leia essa especificação antes de comprar.

Modo de usar

Apesar de nem sempre ser lembrado, o modo de usar é um critério muito importante! No verso do seu cosmético, você encontrará algumas indicações.

Nesse espaço, além de informações sobre a composição do seu produto, há também as informações sobre o método de uso ideal.

É importante que você as leia para que utilize a quantidade correta no produto, e não corra riscos de deixar o cabelo com aspecto seboso.

Ainda nesse espaço, é provável que contenha dicas sobre os diferentes usos em cabelos molhados e secos.

Aroma

Cabelo com cheirinho de limpeza é tudo de bom, né? Então não se esqueça de checar qual o aroma do seu óleo, para garantir que ele te agrada e combina com você.

Esse tipo de produto costuma ter um cheiro suave, mas nunca é demais conferir se você gosta para não correr o risco de enjoar.

(Fonte da imagem destacada: Cheangchai Noojuntuk / 123RF)

Por que você pode confiar em mim?

Joana Dias Graduada em Estética
Para Joana, cuidar da saúde é cuidar da aparência, e vice-versa. É por isso que ela utiliza seu conhecimento em estética e suas horas de pesquisa online e offline para compartilhar seu conhecimento sobre cuidados pessoais e saúde.