Menino andando com um patinete de 3 rodas.

Seja bem-vindo ao ReviewBox Brasil! Hoje vamos falar de um brinquedo radical, que ajuda inclusive no desenvolvimento das crianças: o patinete de 3 rodas.

Ideal para estimular o equilíbrio dos pequenos, o patinete com três rodas é mais do que um brinquedo: é um meio de locomoção que ensina as crianças coordenação motora e noções de espaço, direção e velocidade.

Com a popularização desse brinquedo, hoje em dia é possível encontrar variados modelos. Por isso, neste artigo vamos ajudar você a comprar o patinete de 3 rodas mais seguro e apropriado.

Primeiro, o mais importante

  • O patinete com 3 rodas pode ter inúmeras variações: duas rodas na parte traseira ou frontal, guidões ajustáveis ou fixos, temas e cores para todos os gostos e idades.
  • Com os acessórios de proteção recomendados, esse brinquedo é um meio de transporte divertido e educativo.
  • Neste artigo, vamos mostrar os fatores que você deve levar em conta antes de adquirir um patinete de 3 rodas.

Você também pode gostar:

Melhores patinetes de 3 rodas: Nossas recomendações

O patinete de 3 rodas deve ser seguro, prático e divertido. Os fabricantes desse brinquedo sabem disso e têm investido cada vez mais em inovações e tecnologias. A seguir, vamos apresentar alguns dos melhores modelos de patinete de três rodas disponíveis hoje em dia no mercado.

O patinete para os fãs do homem morcego

O Batman Bandeirante é um patinete 3 rodas que suporta até 120Kg. Com duas rodas na parte frontal, esse modelo possui rolamento de alta performance para manobras radicais. Além disso, esse patinete conta com freio traseiro, guidão com regulagem de altura e base com textura para maior aderência e segurança.

Patinete de 3 rodas para os fãs de Hot Wheels

O patinete de três rodas da Hot Wheels é feito em alumínio, é dobrável e possui as duas rodas dianteiras com 12cm de diâmetro. Com base antiderrapante, esse modelo possui sistema de freios traseiro.

Além disso, esse patinete suporta um peso máximo de 20kg e possui medidas de: 25cm de largura, 62cm de altura e 55cm comprimento.

Uma opção para os pequenos fãs de Tony Stark

O patinete do Homem de Ferro possui duas rodas traseiras e uma dianteira. Com anel antiderrapante nas rodas, esse modelo vem acompanhado da máscara do personagem que pode ser removida do guidão.

Além disso, esse patinete é feito de aço carbono e termoplásticos, e mede aproximadamente 23cm de largura, 70cm de altura e 33cm de comprimento.

Guia de Compra

Comprar um patinete de 3 rodas apenas pelo design e pelas cores pode não ser a melhor opção. É preciso considerar alguns fatores para garantir a segurança dos pequenos.

Por isso, criamos este Guia de Compra para que você entenda tudo sobre o esse tipo de patinete e possa tomar a melhor a decisão ao realizar a sua compra.

Menino e menina andando de patinete.

O patinete de 3 rodas é ideal para diversão e aprendizado de crianças pequenas. (Fonte: famveldman / 123rf)

O que é um patinete 3 rodas?

O patinete de três rodas é um brinquedo e veículo composto por uma base alongada e estreita sobre a qual se apoiam os pés, além de uma barra vertical com um guidão para controlar a direção.

Este é um brinquedo e um meio de locomoção ideal para quem quer unir segurança, estabilidade e velocidade. A brincadeira se assemelha com o skate, mas com mais equilíbrio, por conta do guidão, e com menos quedas.

Com o patinete, a criança impulsiona com um pé enquanto o outro permanece na tábua e as mãos no guidom. A diversão fica por conta das curvas e acrobacias que devem ser controladas para evitar quedas.

No entanto, originalmente, o patinete possui duas rodas, uma dianteira e outra traseira.

Este tipo de patinete facilita o equilíbrio e coordenação motora das crianças.

Mas como exige muito equilíbrio para que haja a locomoção, com o tempo surgiram variações do patinete, especialmente para atender crianças ainda em desenvolvimento.

Isso porque, qualquer descuido com o brinquedo pode provocar um acidente indesejado.

Dessa forma, o patinete com 3 rodas – com duas rodinhas na parte dianteira ou na traseira – surgiu para facilitar o equilíbrio e a coordenação motora dos pequenos, garantindo a segurança durante a locomoção.

Mas o fato é que os patinetes, desde sua criação, trazem muitos outros benefícios para o desenvolvimento psicomotor das crianças — além de serem muito divertidos, até para adultos.

Como surgiu o patinete?

O patinete foi inventado na década de 1910 por um grupo de amigos que vivia na Califórnia, nos Estados Unidos, e adorava andar de patins.

Eles tiveram a ideia de pregar as rodinhas dos patins em um caixote de frutas e depois adaptaram um guidão de madeira. Três décadas mais tarde, uma versão do brinquedo feita de madeira e com rodas de borracha virou moda no Brasil.

Mas demorou muito tempo até que surgissem os patinetes feitos com metais leves e equipados com freios.

Duas crianças brincando com patinetes.

O patinete evoluiu ao longo dos tempos até chegar ao modelo atual, leve e com freio. (Fonte: Tatyana Tomsickova / 123rf)

A partir da década de 1990, surgiram versões mais atualizadas do patinete, feita com materiais leves e resistentes, como o alumínio. As rodas, que antes eram de borracha, passaram a ser feitas de material sintético.

Com o passar dos tempos, também foram desenvolvidos modelos de patinetes impulsionados por motor de combustível fóssil. Mais recentemente, foi lançado o patinete de motor elétrico.

Com qual idade a criança pode andar de patinete?

Mundo afora, o patinete é utilizado por crianças a partir de 1 ano de idade. Primeiro como brincadeira que ajuda no equilíbrio, coordenação motora e noção de espaço.

E, depois, como meio de locomoção, principalmente para se deslocar de casa até escola ou parques.

Mas o fato é que existe um tipo de patinete ideal para cada faixa etária. E isso, geralmente, é definido pela quantidade de rodas do patinete.

O patinete para crianças é muito estável e menor do que os tradicionais.

Em geral, o patinete feito para crianças é muito estável e menor do que os tradicionais, para que os pequenos possam aprender a técnica de deslizar em segurança.

Assim, o patinete se torna uma boa ferramenta para desenvolver habilidades psicomotoras, além de ser uma atividade divertida.

Por isso, os especialistas recomendam que a partir dos 1,5 anos de idade a criança já pode ter o seu primeiro contato com o patinete. Nessa faixa etária, são indicados os modelos normalmente chamados de “meu primeiro patinete”.

Confeccionado em plástico rígido e com cores vibrantes, esse modelo de patinete possui quatro rodas, duas dianteiras e duas traseiras, que praticamente eliminam o risco de quedas acidentais.

Menino andando de patinete de três rodas.

Existe um modelo de patinete ideal para cada faixa etária. (Fonte: qimono / Pixabay)

Já a partir dos 2 anos de idade, o melhor é optar por um modelo de patinete com 3 rodas.

Muito estável, esse modelo é recomendado para iniciantes irem se acostumando aos movimentos que terão que fazer como o patinete, tanto de equilíbrio, como de direção e velocidade.

Nesse caso, como veremos mais abaixo neste artigo, é possível encontrar o patinete com duas rodas dianteiras e uma traseira, ou o inverso.

Com 5 anos de idade, a criança já pode começar a usar o patinete tradicional com duas rodas. No entanto, em todos os casos, o mais recomendável é que você opte por patinetes de rodas largas, o que dará mais estabilidade.

A partir dos 8 anos de idade, você já pode escolher patinetes mais avançados, com tecnologias no rolamento e no guidão para manobras mais radicais.

Mas, independentemente da idade, sugerimos que você opte por um patinete com sistema de freio e que possa ser desmontável ou dobrável.

Assim, você garante a praticidade na hora de guardar e transportar o patinete. Além disso, você deve dar atenção aos equipamentos de segurança como, por exemplo, capacete, joelheiras e cotoveleiras.

Falaremos em detalhes sobre esse assunto logo mais neste artigo. A seguir, você confira um resumo com o tipo de patinete recomendado para cada faixa etária:

1,5 anos A partir dos 2 anos A partir dos 5 anos A partir dos 8 anos
Meu primeiro patinete (4 rodas) patinete 3 rodas Patinete de 3 ou 2 rodas Patinete de 2 rodas ou elétrico

Como andar de patinete?

Andar de patinete pode parecer simples e intuitivo, mas é preciso alguns cuidados especialmente se tratamos de uma criança com menos de 8 anos de idade.

É fundamental o acompanhamento de um adulto.

Para começar, é fundamental a presença incentivadora de um adulto, pelo menos nos primeiros momentos em que a criança está aprendendo a manejar o patinete 3 rodas.

Junto com a criança, você deve procurar um local plano, seco e sem movimentação de carros e nem de muitas pessoas e começar a praticar.

Você pode pedir para a criança subir no patinete usando um pé, que ficará reto e alinhado na base, e aos poucos ir empurrando com o outro pé no chão.

Certifique-se de que a criança segure firme no guidão. A velocidade pode ser aumentada de acordo com a habilidade e segurança da criança.

Quando você notar que o pequeno se sentiu mais seguro, diga para colocar o outro pé no patinete em movimento.

Se ele conseguir ficar estável, você pode incentivá-lo a mexer a cintura de um lado para o outro, lentamente. Isso vai ajudar a manter a velocidade.

Mas lembre-se que cada criança tem um ritmo e um tempo para se desenvolver. Apenas motive de forma que ela se sinta segura. Lembrando que o guidão é um grande aliado na direção e o freio, na parte traseira, é o que garante a autonomia da criança.

Quais são os acessórios de segurança do patinete 3 rodas?

Independentemente da idade, da criança ou do adulto, é fundamental o uso de acessórios de segurança ao andar de patinete 3 rodas.

E isso vale, na verdade, para qualquer brinquedo que envolva equilíbrio e velocidade, como bicicletas, patins e skates. Afinal, o risco de quedas e batidas é grande.

foco

Para garantir a segurança do pequeno e minimizar a gravidade das quedas e acidentes é fundamental que você adquira capacete, joelheira, cotoveleira, luvas, buzina e tênis adequado que garanta aderência.

Utilizar acessórios de segurança ao andar de patinete, minimiza as quedas e os acidentes.

Você também pode aproveitar esse momento para ensinar a criança sobre segurança dos pedestres e no trânsito. Além disso, leia atentamente o manual de instruções do patinete 3 rodas que você escolheu para conhecer as informações de comando e a idade indicada para uso.

Quais as vantagens do patinete 3 rodas?

Como vimos, andar de patinete traz muitos benefícios para o desenvolvimento psicomotor da criança.

Além de ser uma brincadeira divertida, andar de patinete 3 rodas aumenta a concentração e o equilíbrio, fortalece os músculos das pernas, pulmões e coração, melhorando a resistência física e também a circulação sanguínea.

O patinete 3 rodas também estimula noções de espaço, causa e efeito, velocidade, direção, além de contribuir para o desenvolvimento da coordenação motora.

Como desvantagem, podemos citar o fato de que, infelizmente, nem todos os modelos de patinete 3 rodas tem a qualidade necessária para serem resistentes e garantir a segurança da criança.

Por isso, em geral, o patinete também acaba sendo um brinquedo caro. A seguir, confira as principais vantagens e desvantagens do patinete de três rodas.

Vantagens
  • Desenvolve equilíbrio, concentração, noção de espaço e direção
  • Fortalece os músculos das pernas, pulmões e coração
  • Melhora a resistência física e a circulação sanguínea
Desvantagens
  • Nem todos os modelos são resistentes
  • Os de melhor qualidade são muito caros

Quanto custa e onde comprar um patinete de 3 rodas?

O preço do patinete 3 rodas varia de acordo com o material de fabricação e suas características funcionais. Você vai encontrar esse tipo de patinete custando entre R$80 e R$1,5 mil.

É claro que você não precisa comprar o mais caro, mas lembre-se de que os muito baratos, são mais frágeis e menos duráveis.

É possível comprar o patinete 3 rodas em lojas de brinquedos, de departamento e hipermercados como Lojas Americanas, Ponto Frio e Extra.

Mas nossa recomendação é que você adquira o patinete em lojas online, como a Amazon. Dessa forma, você terá mais opções de modelos para escolher, preços mais competitivos, além de realizar a compra de forma simples, rápida e do conforto da sua casa.

Critérios de compra: Fatores a observar antes de escolher um patinete de 3 rodas

Se você chegou até aqui, já sabe a importância do patinete de 3 rodas no desenvolvimento das crianças e do uso de acessórios de segurança.

Mas em meio a tanto modelos diferentes de patinete, é preciso que você entenda a diferença entre um modelo e outro para tomar a melhor decisão na hora de comprar.

Por isso, listamos abaixo os fatores que você deve levar em conta antes de adquirir o patinete com 3 rodas.

  • Tamanho e peso
  • Rodas
  • Rolamento
  • Funcionamento
  • Guidão

A seguir, vamos detalhar cada um desses fatores para você comprar o patinete com três rodas ideal.

Tamanho e peso

Esses dois fatores costumam andar juntos: tanto a dimensão do patinete 3 rodas quanto o peso máximo que ele suporta, são fatores que você deve observar antes de comprar o brinquedo.

Em geral você vai encontrar modelos de patinete 3 rodas que suportam entre 20kg e 60kg. Se possível compre o patinete 3 rodas que suporta muito além do peso atual da criança, assim ela aproveitará mais o brinquedo.

O tamanho do patinete 3 rodas também se relaciona com o tamanho da criança. Geralmente, um patinete 3 rodas para crianças de até 4 anos medem cerca de 15cm de largura, 28cm de altura e 60cm de comprimento.

Já para as crianças maiores, a partir dos 6 anos, o patinete 3 rodas pode medir aproximadamente 24cm de largura, 71cm de altura e 56cm de comprimento.

Rodas

Como vimos, o patinete de três rodas pode ser encontrado em duas versões: duas rodas dianteiras ou traseiras.

Para crianças iniciantes, o melhor é que o patinete tenha duas rodas na frente e uma atrás. Dessa forma, será mais fácil para os pequenos manterem o equilíbrio.

Além disso, observe também o diâmetro das rodas. Isso porque, quanto mais finas as rodas, mais capacidade de manobras a criança terá.

Para a criança passear, brincar, ir para a escola, o mais aconselhável é adquirir um patinete com rodas de cerca de 12cm de diâmetro e suspensão dianteira para melhor absorção dos impactos.

Para as mais experientes, são recomendáveis os modelos mais leves e resistentes, com rodas mais duras, com 10cm de diâmetro e rolamentos mais rápidos.

Rolamento

Se a criança já tem controle do patinete de 3 rodas, você deve considerar o ABEC, que se trata de um padrão que define os rolamentos. Quanto menor o número do ABEC, mais lento será o patinete.

Por isso, para os iniciantes o recomendável é escolher o patinete 3 rodas com ABEC 1. Já para as crianças mais experientes com o patinete 3 rodas, o ABEC pode chegar a até 5.

Menino andando de patinete na rua.

A disposição e o tamanho das rodas influencia no desempenho e segurança do patinete. (Fonte: djedjenny / Pixabay)

Funcionamento

Existem basicamente dois modelos de patinete 3 rodas no que se refere ao seu funcionamento: os manuais e os motorizados.

Para crianças até 8 anos o melhor é utilizar o modelo manual.

O modelo manual é o patinete simples, movido pelo impulso com os pés. Os motorizados são separados em dois modelos: os movidos a gasolina e os que funcionam por meio de eletricidade.

Em geral, o patinete com 3 rodas motorizado pode atingir 50km/h, por isso é preciso cuidado se a criança for muito pequena. O ideal é que você possa regular a velocidade para evitar que a criança se machuque.

O mais recomendável para crianças de até 8 anos de idade são os patinetes com 3 rodas manuais, já que são mais estimuladores e seguros. Deixe os elétricos para jovens e adultos.

Guidão

Observe se o guidão do patinete de 3 rodas é ou não ajustável de acordo com a altura da criança.

Com o guidão fixo, o brinquedo será pouco aproveitado já que quando a criança crescer não conseguirá mais usá-lo. Por isso, se possível, opte pelo patinete com guidão regulável. Assim, à medida que a criança cresce é possível alongar o guidão.

(Fonte da imagem destacada: rawpixel / 123rf)

Por que você pode confiar em mim?

Izabel Toscano Jornalista
Nômade digital, jornalista, leitora e questionadora compulsiva. Já trabalhou em jornais diários e sites de notícias no Brasil, e em plataformas online na Irlanda e na França. Hoje, roda o mundo escrevendo sobre temas variados, sempre atenta às novas tecnologias e a tudo que surge para trazer leveza à vida.