Piscina inflável com escada e vários patinhos de borracha na borda.

Seja bem-vindo ao ReviewBox Brasil! Hoje vamos falar de um item de desejo nos dias quentes de verão: a piscina inflável.

Foi-se o tempo em que a piscina inflável era considerada um produto de baixa qualidade ou, ainda, destinada apenas às crianças. Hoje em dia, com a modernização, elas substituem com eficiência as piscinas tradicionais.

Neste artigo, vamos mostrar para você os novos modelos de piscina inflável e o que você deve levar em consideração antes de comprar a mais adequada para você e sua família.



Primeiro, o mais importante

  • A piscina inflável é prática, portátil, econômica e ideal para curtir com amigos e família.
  • Hoje em dia existem diversos modelos, de grandes a pequenos, para casas e até apartamentos, com acessórios que facilitam a montagem e a manutenção.
  • Neste artigo, nós vamos explicar tudo o que você precisa saber para adquirir a piscina inflável dos seus sonhos.

Você também pode gostar:

Ranking: Os 5 melhores modelos de piscina inflável

Independente do espaço que você tenha disponível, é possível que ter uma piscina para chamar de sua! Cada vez mais os fabricantes investem em tamanhos e funções para todos os gostos e áreas.

Por isso, nós vamos lhe apresentar a seguir os melhores modelos de piscina inflável disponíveis no mercado.

1º – Piscina inflável MOR 7.800L

A MOR é uma piscina inflável de 7,8 mil litros, que acompanha capa protetora, forro, kit reparo e um DVD com explicações de como montar e utilizar os acessórios.

Com 3,6 m de diâmetro e 90 cm de altura, este modelo de piscina vem ainda com filtro que possui vazão de 2 mil litros de água por hora.

2º – Piscina Inflável Bestway 6.844 L

A Bestway é uma piscina inflável com capacidade para 6.844 litros. Este modelo possui 3,6 m de diâmetro e 92 cm de altura. É a piscina inflável ideal para toda a família se divertir junto. Crianças devem sempre estar acompanhadas de um adulto.

3º – Piscina Inflável Bestway 6.665 L

A Bestway é uma piscina inflável com capacidade para 6.665 litros. Este modelo possui 3,6 m de diâmetro e 91 cm de altura. Esse modelo já acompanha bomba para manter a água sempre limpa. Devido a sua capacidade, é uma piscina inflável para toda a família.

4º – Piscina inflável Wincy 1.000L

A Wincy é uma piscina inflável que comporta 1 mil litros de água. Este modelo possui 51 cm de altura e 1,68 m de diâmetro.

Além disso, esta piscina inflável oferece o kit reparo, com acessórios que ajudam a minimizar danos como furos e rasgos na estrutura.

5º – Piscina inflável Intex Playground

A Intex Playground é uma piscina inflável infantil que comporta 206 litros e vem com o tema decorativo “Arco-Íris”.

Este modelo, que possui 1,12 m de diâmetro e 33 cm de altura, inclui ainda 6 bolinhas para brincadeiras e adesivos de reparo no caso de furos e rasgos.

Guia de Compra

Pode parecer simples escolher a piscina inflável, considerando apenas a capacidade. Mas você deve observar outros fatores que vão influenciar na durabilidade e segurança da piscina.

Por isso, criamos este Guia de Compra com todas as informações que você precisa para tomar a melhor decisão ao escolher a piscina inflável ideal para o seu espaço.

Mulher na borda da piscina inflável.

A piscina inflável é uma ótima opção para quem não quer ou não pode ter uma piscina tradicional. (Fonte: citalliance / 123rf)

O que é uma piscina inflável?

Ter uma piscina para chamar de sua faz parte do desejo de muita gente. Para quem mora em casa, as opções são maiores já que disponibilidade de espaço externo ajuda e muito.

No entanto, uma piscina tradicional custa caro tanto para construir quanto para realizar a manutenção periódica. Além de ser um transtorno a mais por conta da obra que deve ser feita para a sua instalação.

Já quem mora em apartamento, muitas vezes se vê limitado por conta do espaço reduzido. Mas é aí que a piscina inflável entra em jogo como uma ótima alternativa.

A piscina inflável que, como o nome diz, é inflada à medida em que você a enche com água, evoluiu muitos nos últimos anos em termos de design e de facilidades.

Dessa forma, a piscina inflável deixou de lado a fama de ser um produto de baixa qualidade e tomou o lugar das piscinas tradicionais. Isso porque, com a piscina inflável, você não precisa enfrentar o transtorno de ter uma obra em casa para a implantação de uma piscina.

Sem contar que, por conta de sua estrutura de fabricação, a piscina inflável é mais barata e tem um melhor custo-benefício.

Crianças brincando em piscinas infláveis.

A piscina inflável substituiu a piscina tradicional. (Fonte: rawpixel / 123rf)

Além disso, por conta da variedade de tamanhos, é possível ter uma piscina inflável até mesmo em apartamentos, seja na varanda ou na cobertura.

O fato é que a piscina inflável tem uma estrutura simples, em geral com uma borda inflável e laterais reforçadas de PVC (um tipo de plástico), que assume a sua forma final depois de ser enchida com água.

Por conta do material de fabricação e da facilidade de montagem e desmontagem, a piscina inflável pode ser transportada para qualquer lugar. Além disso, a piscina também pode ser guardada quando você não a estiver usando, e sem ocupar espaço.

Qual a diferença entre a piscina inflável e a de armação?

Você encontrará no mercado dois tipos de piscinas de plástico que, à primeira vista podem ser muito parecidas entre si, mas que na realidade são diferentes: a inflável e a de armação.

Para que você não faça a compra errada e se frustre depois, vamos explicar aqui as diferenças entre os dois produtos. A piscina inflável e de armação se diferem principalmente com relação à estrutura e ao funcionamento.

As de armação, como o próprio nome diz, possuem uma estrutura de suporte, com canos e hastes, geralmente feitos de metal, que são transpassados por uma capa de PVC.

Essas estruturas combinadas formam a estrutura da piscina de armação que, em geral, tem aspecto retangular. Assim, somente após a montagem da estrutura é que a piscina de armação é enchida com a água.

Por conta da sua estrutura mais elaborada em relação à piscina inflável, a de armação costuma ser mais cara.

Por outro lado, a piscina inflável tem uma estrutura bem mais simples, sem canos nem hastes. E, justamente por isso, ela é mais fácil de montar, de desmontar e de guardar. Não à toa, a piscina inflável é mais barata e se tornou mais popular.

Outra diferença entre as duas é que a piscina inflável pode ser encontrada em formatos diferenciados e tamanhos variados também.

Mas, em termos de durabilidade, a piscina de armação costuma ser mais eficiente. Isso porque, como a piscina inflável é basicamente sustentada pela borda inflável, caso haja danos será mais difícil recuperá-la.

Em geral, dependendo do grau de danificação da estrutura, será preciso comprar uma piscina inflável nova. Mais à frente neste artigo vamos explicar os cuidados que você deve ter com a sua piscina inflável para evitar estragos e acidentes.

Abaixo, você confere um resumo das principais diferenças entre a piscina inflável e a de armação:

Piscina inflável Piscina de armação
Estrutura Borda inflável e laterais de PVC Hastes e canos de metal e capa de PVC
Montagem Simples Trabalhosa
Modelos e Tamanhos Muitas opções Poucas opções
Reparos Mais difícil Mais fácil

Onde você pode instalar a piscina inflável?

Como vimos, a portabilidade é uma das grandes vantagens das piscinas infláveis. Além de serem fáceis de montar e desmontar, elas podem ser transportadas e instaladas em lugares vários lugares.

No entanto, isso não quer dizer que elas podem ser colocadas em qualquer local. Na verdade, é preciso que você tome uma série de cuidados com relação ao espaço onde pretende instalar a sua piscina inflável.

Por isso, antes mesmo que você decida comprar a piscina inflável, é preciso analisar a área que você tem disponível. Por exemplo, piscinas para bebês, de mais ou menos 100 litros de capacidade, podem ser montadas na sala, no quarto ou na varanda.

Dois meninos em piscina inflável infantil na grama.

É preciso garantir espaço suficiente para instalar a piscina e também ao redor dela. (Fonte: silvrwood / Pixabay)

Porém, piscinas infláveis com mais de 1.000 litros precisam de mais espaço livre, como um jardim, cobertura ou até garagem. Mas, além disso, seja para piscina pequena ou grande, é fundamental garantir que haverá espaço extra ao redor da piscina para que as pessoas possam circular.

Após considerar o tamanho do espaço, você deve considerar o tipo de superfície sobre a qual a piscina inflável será montada. É essencial que você garanta que o terreno onde será colocada a piscina seja plano, firme e limpo.

Isso porque, as superfícies irregulares combinadas com a pressão e o acúmulo de água podem provocar o tombamento ou até o rompimento da piscina, causando um acidente indesejado.

Também não é recomendado que você instale a piscina inflável em pisos úmidos, arenosos e com pedras, que também podem causar rasgos e furos na estrutura.

Mas, se a única área que você tem disponível tem alguma dessas características, você pode remediar estragos utilizando uma lona de plástico abaixo da piscina.

Na verdade, os especialistas recomendam a utilização da lona de proteção em qualquer situação para preservar a sua piscina inflável por mais tempo.

Hoje em dia existem lonas protetoras à venda específicas para este fim. Como veremos mais à frente, em alguns casos a lona vem inclusive junto com a piscina inflável.

Em todo caso, para garantir maior segurança, recomendamos que você opte por colocar a sua piscina inflável em terrenos que tenham grama ou mesmo em piso de cimento.

Como montar e desmontar a piscina inflável?

Como vimos, o primeiro passo é escolher o piso adequado para evitar que a piscina se rasgue, fure ou tombe. Confira outras dicas importantes:

  • É importante que você leia o manual de montagem da sua piscina inflável para garantir a segurança máxima.
  • Você deve esticar bem a piscina, de preferência com a lona protetora em baixo e encher a borda superior. Para isso é preciso o auxílio de uma bomba de encher.
  • Com a borda da piscina inflável bem firme e cheia, basta que você comece o processo de encher a piscina inflável com água.

Hoje em dia, existem até tutoriais na internet que lhe ajudam nesse passo a passo para encher a sua piscina inflável.

Após usar a sua piscina você terá duas opções: mantê-la cheia ou esvaziá-la e guardá-la.

Para mantê-la cheia e no local onde foi colocada, é importante que você a feche com uma capa protetora. Dessa forma, você não apenas protege a água contra contaminações como protege crianças contra acidentes indesejáveis.

Mas caso você queira guardar ou transportar a piscina inflável você precisará esvaziar toda a água. Para isso, alguns modelos de piscina inflável contam com um adaptador de mangueira para conectar à mangueira externa.

Dependendo do tamanho da sua piscina, você terá muita água para esvaziar. Por isso, é importante calcular o local onde a água irá escoar. Em seguida, não se esqueça de limpar bem a piscina e apenas a guarde depois que ela estiver totalmente seca. O ideal é que você deixe a piscina inflável por algum tempo exposta ao sol.

Lembre-se de que bombas e outros acessórios também precisam estar limpos e enxutos antes de serem guardados.

Quais os cuidados você deve ter com crianças na piscina inflável?

Como já mencionamos, a capa protetora ajuda a garantir a segurança das crianças enquanto a piscina não estiver sendo usada. Mas, durante o uso da piscina, é fundamental que você esteja atento a medidas de segurança.

Segundo especialistas, crianças podem brincar na piscina inflável a partir dos seis meses de vida. Mas, é obrigatório que sempre haja um adulto supervisionando a criança, em qualquer idade. Isso porque, infelizmente, o afogamento é uma causa comum de morte infantil.

Criança na boia em uma piscina.

É obrigatória a presença de um adulto enquanto a criança estiver na piscina. (Fonte: Koleida / Pixabay)

Outra medida de segurança é colocar boias de braço na criança. Ainda assim, piscinas muito profundas não são indicadas para crianças. Em todo o caso, o que irá garantir a segurança da criança e evitar acidentes é a vigilância permanente de um adulto.

Como tratar a água e limpar a piscina inflável?

Se você quiser manter sua piscina com a água por alguns dias no mesmo lugar, é preciso que você trate água. Isso porque, com o tempo, ela acaba acumulando sujeira, insetos e até folhas de árvores.

O ideal é que você tenha um filtro purificador e o utilize para limpar a água a cada dois dias. Dessa forma, a água pode durar entre 1 e 3 meses.

Sem o filtro, a água pode ser mantida na piscina por no máximo três dias. Após esse período ela acumula sujeira, cheiro ruim e pode até causar contaminação e doenças de pele.

Além de cuidar da água, é importante manter as paredes e bordas da piscina inflável limpas também.

Quais as vantagens da piscina inflável?

Como vimos, a piscina inflável é prática, afinal ela é fácil de montar, desmontar, guardar, e dispensa o uso de outras estruturas.

Além disso, a piscina inflável também é compacta, o que é ideal para quem não tem muito espaço disponível seja para instalá-la ou para guardá-la. Outra vantagem é que a piscina inflável é portátil. Dessa forma, você pode usá-la em casa, levar para a casa de praia ou no campo, por exemplo.

O preço é outro fator vantajoso. A piscina inflável tem um ótimo custo-benefício em relação a outros tipos de piscina.

Mulher boiando na água.

Prática, a piscina inflável tem um ótimo custo-benefício. (Fonte: Pexels / Pixabay)

Mas este produto também tem algumas desvantagens. A manutenção é uma delas, já que é preciso cuidado com a estrutura e a limpeza. Além disso, os modelos sem filtro exigem a troca da água com maior frequência.

Outra desvantagem é que, por ter suas laterais feitas em PVC, a piscina inflável está sempre sujeita a rasgos e furos. Ou seja, a durabilidade só será efetiva se você cuidar muito bem da sua piscina.

Abaixo apresentamos para você as principais vantagens e desvantagens da piscina inflável:

Vantagens
  • Prática
  • Portátil
  • Compacta
  • Alto custo-benefício
Desvantagens
  • Durabilidade
  • Manutenção
  • Limpeza

Quanto custa?

O valor da piscina inflável tem uma variação bem grande hoje em dia no mercado. O preço deste produto vai depender, principalmente, do tamanho e dos acessórios incluídos.

Por isso, em geral, você encontrará a piscina inflável com preços que podem variar entre R$ 20 e R$ 7 mil.

Onde comprar?

Você encontrará a piscina inflável à venda em lojas de departamento e até em hipermercados como Ponto Frio, Lojas Americanas e Carrefour.

Mas se você quiser ter mais opções de modelos e preços mais competitivos, recomendamos que você faça a sua compra em lojas online como a Amazon.

Além dessas vantagens, você ainda poupa o seu tempo e adquire a sua piscina inflável do conforto da sua casa.

Critérios de compra: Fatores a observar antes de escolher a piscina inflável

Depois de se certificar que você tem o espaço adequado para colocar a sua piscina inflável, é hora de considerar os vários modelos disponíveis. Mas como elas têm especificações diferentes entre si é preciso que você saiba identificar alguns fatores, se quiser comprar a piscina inflável ideal.

Por isso, listamos abaixo os principais pontos que você deve levar em conta antes de comprar a sua piscina inflável:

  • Dimensão e capacidade
  • Formato
  • Tema
  • Acessórios

A seguir, vamos detalhar esses fatores para você escolher a piscina inflável mais adequada.

Dimensão e capacidade

Esses são os principais fatores que você deve levar em conta antes de comprar a sua piscina inflável. É a dimensão e a capacidade que irão determinar onde você poderá instalar a sua piscina.

Para você ter uma ideia, uma piscina de tamanho grande pode ter 90 cm de altura e 4,5 metros de diâmetro.

É claro que, quanto maior a piscina mais água ela poderá comportar. Ou seja, quanto mais água, mais gasto com limpeza e água. Por isso, você também precisa observar a quantidade de litros que a piscina inflável pode acumular.

Por exemplo, uma piscina para bebês pode ter capacidade de 25 litros. Para crianças acima de 4 anos, essa quantidade pode chegar a 60 litros. Para os maiores, as de 1 mil litros atendem bem.

Para adultos, em geral, a mais recomendada é a partir de 3 mil litros. Mas, para a família inteira, você poderá piscinas infláveis de até 20 mil litros.

Crianças brincando com bóia em piscina inflável.

Capacidade é um dos critérios mais importantes. (Fonte: famveldman / 123rf)

Formato

O formato pode parecer uma escolha pessoal, mas o fato é que este fator pode influenciar no espaço que você tem disponível.

Os modelos mais comuns de piscina inflável são os redondos. Isso porque, em geral, eles ocupam menos espaço. Mas você também vai encontrar piscina inflável quadrada e retangular.

Além disso, alguns modelos vêm ainda com banco internos que fazer parte da própria estrutura da piscina.

Tema

Se você está em busca de uma piscina para crianças, você deve considerar o tema. Muito além de desenhos, figuras e cores, os modelos mais modernos oferecem estruturas que estimulam as brincadeiras.

Hoje em dia é possível encontrar piscinas infláveis infantis que vem com escorregador, com mini playground, com fonte de água, bonecos e telhados.

Apesar de atrativas, este tipo de piscina inflável costuma ocupar espaço maior do que as tradicionais redondas. Por isso, considere também as dimensões desses modelos antes de comprar.

Imagem de família tomando banho em piscina inflável.

Existem piscinas específicas para crianças e com os temas que elas gostam. (Fonte: kzenon / 123RF)

Acessórios

Leve em conta se a piscina que você escolheu possui os acessórios necessários para proteção, manutenção e limpeza.

É mais vantajoso quando itens como filtro de purificação da água, bomba de encher, capa protetora e lona de forrar, já estão incluídos na venda da piscina.

Outro acessório importante que alguns modelos oferecem é o kit reparo, essencial para o caso de ocorrerem rasgos e furos na estrutura da piscina. Além disso, alguns modelos de piscina mais fundos acompanham também uma escada.

(Fonte da imagem destacada: hrohmann / Pixabay)

Por que você pode confiar em mim?

Izabel Toscano Jornalista
Nômade digital, jornalista, leitora e questionadora compulsiva. Já trabalhou em jornais diários e sites de notícias no Brasil, e em plataformas online na Irlanda e na França. Hoje, roda o mundo escrevendo sobre temas variados, sempre atenta às novas tecnologias e a tudo que surge para trazer leveza à vida.