Mãe passando pomada no bebê.
Ultima atualização: 18 de junho de 2021

Como escolhemos

11Produtos analisados

16Horas investidas

4Estudos avaliados

66Comentários coletados

Bebê com o bumbum ou a virilha assados não é algo incomum, e toda mamãe e papai sabe disso. Para contornar esse incômodo existem algumas estratégias que devem ser adotadas, entre elas o uso da pomada para assadura.

No artigo de hoje, além de explicarmos quando usar esse tipo de produto, vamos mostrar quais são as melhores pomadas de assadura e quais as fórmulas que não devem ser usadas nos bebês.




Primeiro, o mais importante

  • A pomada para assadura deve ser usada de maneira moderada e apenas quando ela for, de fato, necessária.
  • Nem todas as fórmulas das pomadas são benéficas para a pele do bebê.
  • É preciso levar em conta fatores hipoalergênicos, a presença ou não de fragrâncias e a quantidade de pomada que vem na embalagem.

Melhores pomadas para assadura: nossas recomendações

Para começar, nós criamos uma seleção com as melhores opções para todos os objetivos. Veja:

Guia de compra: tudo sobre a pomada para assadura

Na hora de cuidar da pele do bebê, sempre surgem muitas dúvidas, especialmente quando o assunto é a prevenção ou o tratamento de assaduras. Para lhe ajudar, o Guia a seguir vai explicar tudo sobre a pomada para bebê.

Bebê no trocador de fraldas.

Na hora de trocar a fralda do bebê é importante verificar se existem assaduras. (Fonte: heymattallen/ Pixabay)

O que pode causar assaduras no seu bebê?

A principal causa das assaduras no bumbum e na virilha dos bebês costuma estar associada a fraldas úmidas ou trocadas com pouca frequência. Mas existem outras razões e é importante que você as conheça para evitá-las.

Até porque, em casos de assaduras mais graves, podem ocorrer sintomas como febre e irritação generalizada, sendo necessário, inclusive, procurar um médico. A seguir, você descobre as principais causas das assaduras nos bebês:

  • Higiene: poucas trocas de fralda ao longo do dia costumam deixar o bumbum do bebê assado;
  • Contato: o contato ou fricção com a fralda pode causar assaduras em alguns bebês;
  • Alimentação: a introdução de novos alimentos também pode causar assaduras;
  • Doenças e tratamentos: diarreia, refluxo ou o uso de antibióticos também podem levar à irritação avermelhada na pele das crianças;
  • Alergia: os bebês podem apresentar alergia ao material de fabricação da fralda ou até dos lenços umedecidos.

Como identificar cada tipo de assadura de bebê?

O melhor é sempre prevenir as assaduras. Mas, se ainda assim, elas se manifestarem na pele do seu bebê, é importante identificar as causas.

Com isso, além de iniciar um tratamento direcionado, você também poderá evitar assaduras futuras. Confira a seguir como identificar cada tipo de assadura:

Causa da assadura Características Tratamento
Falta de higiene Vermelhidão na parte onde urina e/ou fezes tiverem contato com a pele Higienização, mais troca de fraldas e pomada
Alimentação Um círculo vermelho ao redor do ânus que pode ficar em carne viva Consulte o pediatra
Doença e/ou tratamentos Vermelhidão nas nádegas ou ânus durante um período de doença e/ou tratamento medicamentoso Consulte o pediatra
Fraldas apertadas ou mal colocadas Assadura nas dobras das pernas ou na barriga Colocação e tamanhos adequados e pomada para assadura
Alergia Assaduras que aparentam ser queimaduras Consulte o pediatra

Como cuidar das assaduras?

Depois de saber que existem várias causas para que as assaduras ocorram e como identificar cada tipo de inflamação na pele do seu bebê, você deve entender como tratar esse problema.

Como vimos, caso você identifique que a inflamação se deu em decorrência da nova alimentação, alergia, doença ou medicamento, você deve consultar um pediatra.

Mas se a assadura ocorreu por conta da falta de higiene ou má colocação das fraldas, é preciso aumentar a troca de fraldas e reforçar a higiene. É também nesses casos em que a pomada para as assaduras entra em ação com forma de acelerar a cicatrização da pele e minimizar o desconforto para o bebê.

Qual a melhor fórmula de pomada para assadura?

Por conter produtos químicos em sua composição, a pomada para assaduras pode não ser tão benéfica para a pele sensível de um bebê. Por isso, é importante verificar a fórmula do produto.

Dê preferência para fórmulas com ingredientes naturais.

De modo geral, a composição principal de uma pomada para assadura contém óxido de zinco, que atua no tratamento e proteção da pele.

Além disso, dê preferência para fórmulas com ingredientes naturais. Algumas pomadas, por exemplo, são enriquecidas com vitaminas A e D. Veja as características desses e outros ingredientes que devem estar presentes na pomada para assaduras:

  • Óxido de Zinco: É uma substância antisséptica, adstringente e anti-inflamatória;
  • Pantenol: Ativo chamado de pró-vitamina B5, atua na regeneração da pele e tem ação hidratante;
  • Vitaminas: As vitaminas A, D, E e F são as mais utilizadas nas pomadas para assaduras;
  • Lanolina: Ativo que evita o ressecamento da pele e o agravamento das assaduras nos bebês;
  • Óleo de amêndoas: Como um poderoso hidratante, esse óleo também evita que a pele resseque ainda mais com as assaduras;
  • Calêndula: Tem propriedades anti-inflamatórias, antifúngicas e antibacterianas, o que ajuda na cicatrização das assaduras dos bebês.

Critérios de compra: Como comparar as pomadas para assadura

Como vimos, antes de mais nada, é indispensável que você saiba quais são os melhores ingredientes que devem fazer parte da composição de uma pomada para assaduras. Mas também é necessário que você verifique a qualidade de outros componentes. Nós listamos alguns deles a seguir:

Sem parabenos, petrolatos e corantes

Não basta apenas saber o que faz bem para a pele do seu bebê. É importante conhecer também quais são as substâncias que são prejudiciais à saúde da criança e que, portanto, não devem estar presentes na fórmula da pomada para as assaduras.

Assim, o principal componenete que você deve verificar na lista de ingredientes é o parabeno. Estudos científicos já comprovaram que a exposição a altas doses de parabenos pode causar problemas de saúde em qualquer fase da vida.

Pai deitado com bebê de fraldas na cama.

Para proteger a pele do seu bebê, a pomada de assadura deve ser livre de parabenos e de petrolatos. (Fonte: Jimmy Conover/ Unsplash)

Por isso, escolha uma pomada para assaduras sem parabenos, mesmo que sua concentração no produto seja baixa. Lembrando que isso vale também para outros produtos de bebê como shampoos, sabonetes e cremes.

Dê preferência também a pomadas sem corantes e livres de petrolatos. Esses últimos são substâncias derivadas do petróleo e fazem muito mal à saúde e têm impacto negativo também no meio ambiente.

Na lista de ingredientes das pomadas, portanto, fique de olho porque essas substâncias podem aparecer sob diferentes denominações como, por exemplo: Mineral oil, Paraffin, Petrolatum, Paraffinum liquidum, entre outros.

Fragâncias

Seguindo a linha do quanto mais natural, melhor para a pele do seu bebê, não caia na tentação de comprar pomadas para assaduras com cheirinho.

Isso porque as fragrâncias, por mais agradáveis que sejam, na maioria das vezes têm grande potencial para irritar ainda mais a pele da criança.

Portanto, para garantir a máxima proteção do seu filho ou filha, a eficácia da pomada e ainda evitar qualquer reação ou alergia na pele do bebê, o melhor é comprar uma pomada para assaduras sem fragrâncias.

Hipoalergênicas

Ainda considerando a segurança do uso da pomada na pele dos bebês, vale destacar que existem opções que são hipoalergênicas. Essas pomadas são as mais seguras para evitar qualquer tipo de alegria na sua aplicação.

Quantidade

Vale considerar e comparar também as quantidades que vêm em cada embalagem. Até porque isso varia bastante dependendo da marca que fabrica a pomada para assaduras.

E, no final das contas, é preciso levar em conta também o custo-benefício. Normalmente, você encontrará as pomadas em tamanhos que variam entre 30g e 120g.

A embalagem menor é útil para levar na bolsa durante os passeios, por exemplo. Já a maior por ser mais vantajosa para ser usada em casa e durante viagens longas.

Prazo de validade

Para finalizar, antes de comprar a melhor pomada para ssaduras do bebê, não deixe de verificar a data de validade do produto. Especialmente se você for comprar online, vale se atentar para esse critério.

O ideal, é claro, é que a pomada para assadura tenha um prazo de validade longo, já que esse não é um produto que você usará com tanta frequência no dia a dia, mas certamente vai precisar eventualmente.

Resumo

A pomada para assaduras de bebê não deve ser usada sempre, nem como cuidado preventivo. Normalmente ela faz parte do tratamento de assaduras causadas pela falta de higiene com a troca das fraldas ou por irritação na pele do bebê devido ao tamanho e à colocação inadequados delas.

Mas, quando a pomada for necessária, é importante usar uma que seja formulada com ingredientes naturais, sem parabenos, corante e, preferencialmente, livre de fragrâncias. Para não ter erro, opte pela pomada para assaduras hipoalergênica. E não deixe de verificar a quantidade que vem no frasco nem a data de validade.

(Fonte da imagem destacada: tiagozr/ 123rf)

Por que você pode confiar em mim?

Resenhas