Na foto uma mulher loira segurando uma cápsula de remédio.
Ultima atualização: 6 de julho de 2019

Como escolhemos

13Produtos analisados

21Horas investidas

8Estudos avaliados

82Comentários coletados

Olá, seja bem-vindo ao ReviewBox Brasil! Hoje falaremos sobre um produto que possui diversas funções e ajuda muito quem possui problemas intestinais, os probióticos.

Tendo em sua composição uma série de microrganismos que auxiliam na recuperação da flora intestinal, eles são bons também para equilibrar a pressão arterial, melhorar a pele, aumentar a imunidade e agem em muitas outras áreas do organismo, podendo ser encontrado de diversas maneiras.

E se você sofre com problemas relacionados a isso veio ao lugar certo. No decorrer deste texto falaremos tudo sobre os probióticos e ao final da leitura você saberá exatamente se ele é ou não ideal para você, vamos lá?




Primeiro, o mais importante

  • Os probióticos são vendidos em cápsulas, sachês, na composição de alimentos e até em dermocosméticos.
  • Eles podem ser usados tanto por quem possui problemas intestinais quanto por pessoas que apenas buscam melhorar a sua saúde.
  • A principal ação dos probióticos é no intestino e nele há um aumento das bactérias benéficas, causando uma melhor absorção de nutrientes e um reequilíbrio da flora intestinal.

Você também pode gostar:

Ranking: Os 4 melhores produtos com probióticos

Ao longo desse artigo vamos entender todos os benefícios que os probióticos proporcionam para nossa saúde. Primeiro, saiba que eles podem ser adquiridos em diferentes apresentações e separamos nesse Ranking as melhores, confira:

1º - Cápsulas PB8 Probióticos Nutrition Now Vitamins

Reunindo 8 cepas e 14 bilhões de bactérias que ajudam a ter uma digestão mais saudável, as cápsulas PB8 são fabricadas sem ingredientes como trigo, ovo, glúten, amendoim, nozes, soja e sal e promovem uma melhor absorção dos nutrientes.

A embalagem contém 120 unidades que funcionam inibindo a proliferação de bactérias nocivas, apoiando o sistema imunológico e devem ser ingeridas duas vezes ao dia.

2º - Água Facial Probiótica Bionutritiva

Essa água facial é feita com Patchouli e o óleo essencial de Patchouli e conta com uma combinação de ativos prebióticos, probióticos e pós-bióticos que agem no microbioma da pele, restaurando a sua função de promover hidratação e atuar na barreira de proteção do tecido.

Ela é altamente hidratante e proporciona uma recuperação do sistema imunológico da pele, além de ser livre de ingredientes como parabenos, fragrâncias sintéticas e silicones. O produto conta ainda com glycofilm que age como protetor limitando os efeitos das agressões externas à pele como as radiações UV.

3º - Probióticos Duobalance 30 Cápsulas Naturalis

Criado a partir das cepas das bactérias Bifidobacterium lactis HN019 e Lactobacillus acidophilus NCFM, essas cápsulas de probiótico ajudam a equilibrar a microbiota intestinal, promovendo um melhor funcionamento do intestino.

Elas são resistentes aos ácidos intestinais e são diretamente absorvidas no intestino, com isso impedem a proliferação de bactérias ruins e age na motilidade intestinal. As cápsulas devem ser ingeridas uma vez ao dia juntamente com uma das refeições.

4º - Creme Facial Probiótico Biohidratante

Ideal para diminuir a oleosidade e estimular a circulação, esse creme facial é produzido com ativos prebióticos nanoencapsulados, ativos probióticos e ácido lático, que atuam no microbioma da pele.

Ele conta com propriedades emolientes, clareadoras, tônicas, antirrugas e antiflacidez, promovendo a diminuição das marcas de expressão, além de melhorar a hidratação cutânea e proteger a pele contra poluição, metais pesados e radiação UV.

Guia de Compra

Quem sofre com problemas intestinais sabe que o desconforto é constante, porém nem sempre é fácil promover uma melhora da saúde intestinal e o stress do dia a dia, alimentação incorreta e outros fatores atuam piorando ainda mais o quadro.

Para atenuar essa afecção existem os probióticos, que é um composto feito a base de bactérias benéficas para o organismo que agem auxiliando na microbiota intestinal. Se você passa por essa situação e busca uma solução, saiba que eles podem ser uma boa alternativa. Para saber mais basta continuar lendo esse Guia de Compra.

Na foto uma mulher sentada em uma cama tomando café da manhã.

Diversos produtos de café da manhã como queijos e iogurtes possuem probióticos em sua composição. (Fonte: DanaTentis / Pixabay)

O que é são os probióticos?

Os probióticos são produtos compostos por cepas de diversas bactérias que têm uma ação benéfica para o organismo, principalmente para o intestino, melhorando a motilidade e a saúde intestinal.

Quando ingeridos esses microrganismos atuam interagindo com a flora intestinal e controlam a proliferação de bactérias que podem ser prejudiciais à saúde, agindo como um mecanismo de defesa do órgão, estimulando a ação do sistema imunológico.

Quais os benefícios em utilizar os probióticos?

Além da melhora na função e saúde intestinal, os produtos probióticos podem ser usados para diversas outras finalidades. Com relação a baixa imunidade eles atuam fortalecendo o sistema imune e a respeito de problemas bucais, por diminuir a inflamação, conseguem melhorar o estado da gengiva e de outras partes da boca.

Há ainda a possibilidade de usá-los como benfeitores da pele, aumentando a hidratação e a saúde da cútis. Existem ainda estudos que afirmam que eles são capazes de auxiliar na obesidade e no controle da pressão arterial e do colesterol, diminuindo o ruim e aumentando o bom.

Eles ainda participam da síntese de vitamina K e de outras vitaminas do complexo B, auxiliam na absorção de lactose e reduzem cerca de 34% dos problemas respiratórios.

Na foto uma mulher com blusa xadrez segurando uma bolsa térmica na barriga.

Diversas pessoas sofrem com constipação e sentem dores na região da barriga, para isso os probióticos são muito indicados. (Fonte: rawpixel.com / Pexels)

Em quais apresentações os probióticos são encontrados?

Os probióticos são encontrados em diversos produtos. A forma de apresentação mais comum e também a mais antiga é em iogurtes, queijos e no famoso leite fermentado, muito adorado pelas crianças.

Com o tempo surgiram ainda outros itens que têm esse composto e há hoje em dia sachês com probióticos que são diluídos em água, cápsulas e também dermocosméticos, já que eles atuam na melhora da pele.

foco

Você sabia que Minoru Shirota, o criador do Yakult, descobriu os probióticos por volta de 1930?

Nessa época ele isolou bactérias chamadas de Lactobacillus acidophilus Shirota e descobriu os seus benefícios, posteriormente as incluindo na mistura do leite fermentado mais vendido até hoje.

Qual a diferença entre os probióticos, prebióticos e simbióticos?

Tendo nomes bem parecidos, basta começar a pesquisar sobre os probióticos que se encontra também os prebióticos e os simbióticos, porém cada um deles têm características próprias e por mais que os nomes sejam parecidos eles agem de diferentes maneiras.

Os probióticos, como já dito, contém bactérias que são benéficas para o organismo e promovem a melhora de diversos problemas. Essas bactérias passam pelo ácido do estômago, agindo diretamente no intestino fazendo a sua colonização no órgão.

Já os prebióticos são componentes alimentares não digeríveis que atuam estimulando a proliferação e a atividade de bactérias boas que já estão presentes no intestino. Ou seja, funcionam como um alimento para os microrganismos.

Os produtos simbióticos, por sua vez, são a união entre os probióticos e os prebióticos e com isso conseguem não somente levar bactérias para o organismo, como também nutrir as que já estão nele.

Probióticos Prebióticos Simbióticos
Composição São feitos de bactérias benéficas vivas Têm fibras encontradas em grãos integrais, frutas e verduras que servem para a digestão das bactérias já encontradas no intestino Combinam os componentes dos probióticos e dos prebióticos
Função Aumentar a quantidade de bactérias boas no organismo Aumentar a proliferação de bactérias comuns do intestino Soma as funções de ambos os produtos
Apresentação Pode ser encontrado em sachês, cápsulas, dermocosméticos e alimentos como queijos e leites fermentados Pode ser encontrado em sachês, cápsulas, dermocosméticos e alimentos como queijos e leites fermentados Pode ser encontrado em sachês, cápsulas, dermocosméticos e alimentos como queijos e leites fermentados

Quanto custa?

O valor de produtos probióticos depende da forma de apresentação do produto, logo é muito variável. Um leite fermentado, por exemplo, custa em média R$ 7 numa embalagem com 6 unidades.

A cápsulas são encontradas com 30, 60 e até 120 unidades e elas custam entre R$ 60 e R$ 120, em média. As outras opções também têm valores diferentes, sendo que os dermocosméticos costumam ser os mais caros, podendo custar até cerca de R$ 160.

Onde comprar?

Em supermercados, mercearias, farmácias e lojas de vitaminas os probióticos são encontrados e algumas lojas que contam com esse produto são Extra, Carrefour e Drogaria São Paulo.

Online também é possível adquirir produtos com probióticos e há diversos sites que o vendem com grande variedade de opções e apresentações. Algumas lojas online são:

  • Amazon
  • iHerb
  • Americanas
  • Mercado Livre

Além disso, os itens que estão em nosso Ranking também podem ser comprados, para isso basta clicar no que mais gostou.

Critérios de compra: Fatores para comparar os produtos probióticos

Caso você queira se beneficiar com as funções dos probióticos e ainda não saiba qual produto com esse ativo escolher saiba que existem algumas maneiras de tomar a melhor decisão e te mostramos quais são elas abaixo:

  • Forma de apresentação
  • Quantidade de ingestão diária
  • Número de bactérias
  • Adição de outros componentes

Agora detalharemos cada desses pontos para que você consiga escolher o melhor probiótico para a sua necessidade.

Forma de apresentação

Conforme dissemos, os probióticos podem ser encontrados em diversos produtos como cápsulas, alimentos e muito mais e qual deles escolher depende do seu estilo de vida e do que mais te agrada.

As cápsulas devem ser ingeridas e para quem não gosta muito disso o ideal é descartar essa possibilidade.

Os sachês são bons porque basta diluir o conteúdo em algum líquido, podendo assim ser usado em sucos e na própria água, por exemplo. Já os alimentos podem facilmente ser incluídos na alimentação diária, porém eles são muito encontrados em queijos e leites, logo para quem é alérgico a lactose, podem ser prejudiciais.

Os dermocosméticos tem mais ação na pele do que no intestino propriamente dito e quem já usa esse tipo de produto na rotina diária pode incluí-lo.

Na foto dois copos com iogurtes com frutas vermelhas em cima de uma madeira.

Os iogurtes e outros alimentos com probióticos são uma boa opção porque podem ser ingeridos diariamente. (Fonte: RitaE / Pixabay)

Quantidade de ingestão diária

Pensando especificamente nas cápsulas, a quantidade de ingestão diária pode ser encontrada tanto nas informações do fabricante ou através da recomendação médica e há aquelas que devem ser tomadas uma vez ao dia, enquanto que outras devem ser ingeridas duas vezes ao dia.

É importante checar isso para que não se tome o produto errado e se isso é algo que te incomoda, então vale investir em outras apresentações de probióticos. Os leites fermentados têm a recomendação de serem ingeridos uma vez ao dia, assim como os sachês.

Número de bactérias

O intestino não contém apenas um ou dois tipos de bactérias e há milhares delas presentes no organismo de todas as pessoas. Logo não é possível saber qual está em déficit para ingerir produtos probióticos somente com ela.

Dessa forma, existem probióticos que são fabricados com cepas de quantidades variáveis de bactérias e quanto mais espécies diferentes, melhor, já que assim é possível conseguir uma colonização eficiente de variados microrganismos.

Portanto, leia sempre nas informações do produto e busque por um probiótico que seja o mais completo possível.

Na foto um pote de remédio com algumas cápsulas para fora.

Existem cápsulas com diferentes tipos e quantidades de bactérias. (Fonte: stevepb / Pixabay)

Adição de outros componentes

Existem muitos produtos para a saúde que são produzidos apenas com um componente específico e outros que são uma junção de diversos ativos. Com os probióticos isso não é diferente e há muitos que contam com uma série de outros compostos benéficos e essa pode ser uma forma de decidir qual é o melhor para você.

Os dermocosméticos, por exemplo, podem melhorar a saúde da pele, diminuir a flacidez e até dar mais viço a ela. Com relação aos alimentos, existem somente os que contém probióticos e outros que contam com prebióticos ou que são simbióticos, logo unem diversas finalidades. Vale a pena pensar no que se deseja para assim escolher o melhor produto probiótico.

(Fonte da imagem destacada: puhhha / 123RF)

Por que você pode confiar em mim?

Danielle Assis Jornalista
Dedica-se a produzir conteúdos interessantes e informativos. Apaixonada por viagens, moda, animais e adora dar presentes. A curiosidade é uma de suas características mais marcantes e está sempre em busca de produtos que tornam o dia a dia das pessoas mais prático e interessante.