Na foto diversos filhotes de Golden Retriever comendo ração.
Ultima atualização: 9 de abril de 2020

Como escolhemos

17Produtos analisados

23Horas investidas

5Estudos avaliados

75Comentários coletados

Filhotes são fofos, brincalhões e enchem de alegria qualquer ambiente. Mas para que eles cresçam saudáveis e fortes diversos cuidados são necessários. A alimentação é um deles. É preciso fornecer um alimento de qualidade para esses pequenos pets, por isso, hoje vamos falar sobre a ração para cachorro filhote.

A ração para cães filhotes precisa conter todos os nutrientes necessários para garantir que eles se mantenham cheios de energia e saúde. Se você tem um desses na sua casa então continue com a gente. Nesse artigo vamos te mostrar tudo sobre esse produto e ao final da leitura te ensinamos exatamente como escolher o melhor para o seu pet.




Primeiro, o mais importante

  • Toda ração para cachorro filhote deve ser composta por proteínas, minerais, gordura e vitaminas. Esses são componentes fundamentais para um crescimento saudável do pet.
  • Um cão filhote pode ser alimentado de três a quatro vezes por dia e a quantidade correta de ração é determinada pelo seu peso e tamanho.
  • Existem opções de ração para cachorro filhote úmidas e secas.

Você também pode gostar:

Melhores opções de ração para cachorro filhote: Nossas indicações

Fornecer uma alimentação balanceada é a melhor maneira de garantir que cães filhotes cresçam saudáveis. Para isso é fundamental adquirir uma ração de qualidade. Sabendo disso, separamos abaixo as melhores opções, confira e escolha a sua.

Uma ótima opção de ração premium

Essa ração é da categoria premium e possui uma fórmula repleta de vitaminais e minerais essenciais para cachorros filhotes. O alimento conta com extrato de yucca, que reduz o odor das fezes e previne a formação de tártaro nos dentes. Essa opção tem ainda em sua composição vitamina E, que combate os radicais livres e previne o
envelhecimento precoce.

A melhor ração para cães filhotes de porte médio e grande

Essa ração para cachorro filhote é composta por uma mistura de carne, frango e arroz e é indicada para cães de raças médias e grandes. O alimento é de fácil mastigação, possui baixo teor de sódio e garante um crescimento saudável e equilibrado. Essa opção não usa corantes e aromatizantes artificiais, além de ser de fácil mastigação e garantir uma boa saúde oral.

A ração ideal para filhotes de raças pequenas

Essa ração para cachorro filhote é indicado para pets de raças pequenas e é livre de transgênicos, sem conservantes e sem corantes. Esse alimento é produzido com alta inclusão de carnes frescas, ovos e proteínas de alto valor biológico. Nele há também frutas, legumes e cereais nobres. Graças a isso, o animal fica com uma pelagem macia e brilhosa, pele sadia e produz um baixo volume de fezes.

Guia de compra

Todo animal possui suas necessidades alimentares e quando se fala em cães filhotes é fundamental fornecer uma ração de alto valor nutricional. Esse alimento será responsável por garantir que o pet cresça e se desenvolva de maneira saudável.

Por isso, a ração para cachorro filhote é tão importante. Nela são encontrados todos os nutrientes fundamentais para que o cão se torne um adulto cheio de saúde e energia. Nesse guia de compra vamos te mostrar tudo sobre esse tipo de ração.

Na foto um casal segurando um cachorro Shih Tzu no colo.

Cada vez mais os cães são considerados membros da família. (Fonte: Helena Lopes/ Pexels)

O que não pode faltar na ração para cachorro filhote?

As necessidades nutricionais de um cachorro filhote são diferentes das de um cão adulto ou idoso. Por isso, as rações são confeccionadas especificamente para cada idade do pet.

O período em que um cão é considerado filhote vai até os 12 meses de vida e essa é uma etapa determinante para a saúde e desenvolvimento do animal. Para garantir que tudo isso ocorra da maneira correta é fundamental que o alimento possua alguns componentes essenciais.

Uma ração para cachorro filhote deve ser composta por proteínas, minerais, gorduras e vitaminas.

É muito comum encontrar alimentos para cães contendo carne de boi e de frango, já que esses são os dois tipos de proteína mais aceitos pelos pets. Os minerais mais essenciais são o cálcio e o ferro, que atuam diretamente nos ossos e no crescimento.

Já as gorduras normalmente são provenientes da própria carne, enquanto que as vitaminas podem ser as mais diversas como A, B e E.

Por que deve-se usar a ração para cachorro filhote?

Toda ração para cachorro filhote é formulada de maneira que contenha todos os nutrientes necessários para o animal crescer saudável. Esses componentes não são iguais nos alimentos para cães adultos ou idosos.

Por isso, é tão importante fornecer esse tipo de ração para cães que possuem menos de 1 ano de idade.

Vale ainda destacar que além de suprir as necessidades alimentares do cão, essa ração ainda traz outros benefícios para os animais. É comum existirem opções que previnem o tártaro, diminuem as fezes, melhoram a pelagem e muito mais.

A ração para filhotes também é produzida com grãos que possuem o tamanho e a maciez ideal para os dentes desses animais. Dessa forma, não há risco de ocorrerem problemas dentários.

O ponto negativo desse tipo de alimento é que normalmente ele tem um valor um pouco mais alto do que a ração de adultos.

Vantagens
  • Possui todos os componentes necessários para o crescimento do cão
  • Algumas opções melhoram as fezes, pelagem e previnem doenças
  • Possui grãos com tamanho e maciez ideal para os filhotes
  • Tem alto valor nutritivo
Desvantagens
  • Tem valor um pouco mais elevado do que a ração de cães adultos

Como deve ser a alimentação de um cachorro filhote?

Um cão filhote pode se alimentar de três a quatro vezes por dia, dependendo da disponibilidade do tutor.

Caso a ração seja dada três vezes ao dia, então o recomendado é fazer isso pela manhã, no horário do almoço e à noite. Se a escolha for por dividi-la em quatro porções inclui-se uma refeição no meio da tarde.

É nessa idade que serão criados os hábitos alimentares do animal. Por isso, é importante criar uma rotina correta.

Se a ração for colocada e o animal não comer em cerca de 10 a 15 minutos deve-se retirá-la e só oferecer novamente no próximo horário de alimentação. Além de ensinar o pet a se alimentar nos momentos corretos, isso impede que os nutrientes da ração sejam perdidos.

Qual a quantidade correta de ração para cachorro filhote por alimentação?

A quantidade de ração para cachorro filhote que deve ser dada ao pet é medida a partir do porte do animal. Dessa forma, é comum que cães pequenos comam menos do que os de grande porte.

Todos os fabricantes de ração colocam em sua embalagem a quantia diária recomendada de acordo com o peso do cão. Esse valor total deve ser dividido pelo número de refeições que serão dadas ao animal.

Ração para cachorro filhote úmida ou seca: Qual a melhor?

Existem dois tipos de ração para cachorro filhote: a úmida, também conhecida como sachê, e a seca.

A úmida é muito usada como um mimo para os cães, visto que é mais saborosa. Porém, é comum que esse tipo de alimento tenha um teor de gordura mais alto. Isso, associado a um sabor mais agradável, pode causar no animal um ganho de peso ruim.

Por outro lado, a ração úmida é uma boa opção para cães com apetite caprichoso, ou seja, que não aceitam bem a ração seca.

Mariana VeloniMédica Veterinária

"Normalmente, para animais sem restrição, a alimentação seca é mais recomendada por oferecer os nutrientes que o animal precisa em menor quantidade."

Quanto custa e onde comprar uma ração para cachorro filhote?

A ração para cachorro filhote pode ser adquirida em qualquer agropecuário, pet shop ou loja que venda itens para pets. O valor de uma dessas varia de acordo com a marca, tamanho da embalagem e categoria.

Com isso, é possível encontrar opções a partir de R$2, no caso das rações úmidas, e as mais caras chegam a R$300, em média.

Critérios de compra: Escolhendo uma ração para cachorro filhote

Agora chegou o momento de te ajudarmos a escolher a melhor ração para o seu filhote. Para isso basta levar em consideração os seguintes fatores:

A seguir você encontra uma explicação detalhada sobre esses tópicos.

Tamanho e raça do cachorro

Cada ração para cachorro filhote é confeccionada para um porte do animal. Por isso, existem opções para cães mini, pequenos e de médio ou grande porte. Há ainda algumas marcas que fabricam alimentos específicos para algumas raças.

No momento de escolher entre uma delas vale a pena optar pela ração que mais se adapte ao seu pet. Se ele é de porte grande, então deve-se dar adquirir uma ração específica para cães desse tamanho.

Com relação as raças, vale saber que dar uma ração mais especifica pode ser interessante e uma boa escolha. Existem raças que tem predisposição a algumas doenças. Sabendo disso, os alimentos voltados para elas são feitos com ingredientes que buscam prevenir essas afecções.

Na foto um cachorro filhote em uma praia.

Existem opções de ração para cachorro filhote de diversas raças e tamanhos. (Fonte: Pixabay/ Pexels)

Regular, premium ou super premium

As rações são divididas em três categoriais principais: regular, premium ou super premium.

As opções regulares são também chamadas de ração de combate. Essas são as que possuem menor valor nutrititivo e são produzidas com ingredientes de baixa qualidade. Por outro lado, seu preço é bem baixo.

A ração premium pode ser considerada uma intermediária de boa qualidade.

A ração premium pode ser considerada uma intermediária de boa qualidade. Ela surgiu na década de 80 e possui níveis nutricionais mais elevados do que as de combate.

Esse tipo de alimento também é mais palatável e tem um controle de qualidade e matéria-prima superior.

Já as versões super premium são as mais indicadas. Essas contam com ingredientes de alto valor nutricional e recebem suplementos que agregam ainda mais na sua qualidade. Esse é o tipo de ração mais caro, porém também é o melhor.

Ingredientes

Os ingredientes de uma ração são a parte mais importante dela, visto que são eles que irão nutrir os animais. Com isso, é fundamental optar por um alimento que tenha em sua formulação componentes de qualidade.

Muitas rações mais baratas costumam não ter a proteína em si na sua composição. Nelas é possível encontrar farinhas feitas com vísceras de animais, como frango, por exemplo. Esse tipo de ingrediente possui um valor nutritivo e proteico mais baixo.

Além disso, hoje em dia existe uma tendência das rações serem o mais naturais possível. Por conta disso, são encontradas opções feitas com frutas, sem conservantes ou corantes. Essas são uma excelente opção, principalmente para animais alérgicos.

Dessa maneira, leia no rótulo o que está na composição da ração para cachorro filhote e escolha a que contém os melhores e mais puros ingredientes.

Na foto diversos cachorros próximos a um pote de ração.

É fundamental que a ração para cachorro filhote seja produzida com ingredientes de alta qualidade para que ele cresça saudável. (Fonte: Teerasuwat/ Pixabay)

Tamanho da embalagem

As rações para cães filhotes são vendidas em diversos tipos de embalagem. Existem as opções a granel e as fechadas em tamanhos que variam de 1 a 15kg.

As versões a granel são as menos recomendadas. Esse tipo de alimento fica exposto por muito tempo, o que faz com que seus nutrientes sejam perdidos. Dessa forma, a indicação é sempre por um ração adquirida em embalagem fechada.

Quanto ao tamanho, deve-se escolher a versão que melhor se adapte a sua realidade. Sendo que muitas vezes financeiramente falando compensa adquirir um saco maior.

Independente disso, é fundamental manter a ração sempre fechada e em local seco e longe do sol. Além disso, deve-se somente abri-la no momento da alimentação do pet e fechá-la logo em seguida.

(Fonte da imagem destacada: jagdprinzessin/ Pixabay)

Por que você pode confiar em mim?

Andreia Sales Presidente de ONG de Animais
Ter quatro cachorros e três gatos em casa ainda era pouco para Andreia. Por isso, há 6 anos, ela decidiu abrir uma ONG para resgatar e cuidar de bichinhos indefesos. Outra forma que encontra que cuidar dos animais é compartilhando, na internet, seu conhecimento e experiência sobre os produtos que facilitam a vida dos pets.