Imagem mostra dois relógios de ponto lado a lado.
Ultima atualização: 8 de março de 2020

Como escolhemos

9Produtos analisados

15Horas investidas

3Estudos avaliados

58Comentários coletados

Bem-vindo ao ReviewBox Brasil! Você procura por um meio de controlar melhor a entrada e saída de funcionários de sua empresa? Conseguir administrar perfeitamente assuntos como horas extras, faltas e reposições? Então uma ótima ideia é contar com um relógio de ponto!

O controle de ponto é obrigatório em empresas com dez ou mais colaboradores no Brasil, mas pode ser feito de forma manual, eletrônica ou mecânica. Quer saber os porquês do relógio ser uma das melhores opções para essa tarefa? Então leia atentamente o nosso artigo!




Primeiro, o mais importante

  • O relógio de ponto é a forma moderna e tecnológica de manter o controle de entrada e saída de funcionários de uma empresa.
  • É possível escolher entre relógios de ponto cartográficos, com cartões magnéticos ou biométricos. Cada um desses tipos oferece as suas vantagens.
  • Escolha um relógio de ponto com um bom software e com uma capacidade de armazenamento adequada para o tamanho da sua empresa.

Você também pode gostar:

Os melhores relógios de ponto: Nossas recomendações

Existe uma boa variedade de relógios de ponto disponíveis no mercado. Com tantas opções, decidimos iniciar o artigo te indicado alguns dos melhores modelos!

Um relógio de ponto simples e eficiente

Se você quer controlar a entrada e saída de funcionários com eficiência, mas sem gastar muito, esse modelo é excelente. Funciona através de leitura biométrica, é fácil de usar e tem capacidade de armazenamento de 600 digitais. Permite ainda transferência de relatórios para Excel.

O modelo biométrico completo

A Control oferece um dos relógios de ponto via biometria mais completos do mercado: Além de ter incrível capacidade para 15.000 digitais e identificar usuários por cartões e senhas, ele imprime relatórios e comprovantes que são muito úteis no controle de entrada e saída de funcionários.

O melhor relógio de ponto cartográfico

Para quem prefere um relógio de ponto cartográfico, a Vega tem a solução: Um modelo simples, indicado para empresas de pequeno porte, com capacidade para 50 cartões. Ele conta com alto-falante, sirene e impressora, já vem com tinta e com fonte de alimentação.

Guia de compra

É hora de trazermos todos os detalhes sobre relógios de ponto. Buscamos com empresários as principais dúvidas sobre o assunto, fizemos pesquisas detalhadas e encontramos respostas completas.

Leia nosso guia de compra e entenda tudo sobre o relógio de ponto!

Imagem mostra uma mulher fazendo anotações ao lado de um relógio de ponto.

O uso de um relógio de ponto dá maior agilidade e segurança à empresa. (Fonte: auremar/ 123rf.com)

O que é um relógio de ponto e para que ele serve?

O controle de ponto é uma parte fundamental de qualquer empresa com funcionários. Ele marca a entrada e a saída de todos os empregados, mostrando a quantidade de horas e de dias trabalhados e apontando possíveis faltas, horas extras e saídas inesperadas.

Esse controle pode ser feito de forma manual, mecânica ou eletrônica. Para quem prefere a última opção, o relógio de ponto é o equipamento a ser buscado. Ele será o responsável por te dar informações precisas sobre as entradas e saídas de cada um dos funcionários.

Existem equipamentos de controle de ponto que funcionam via biometria, cartão simples, cartão magnético, assinatura digital e muito mais. Para escolher o melhor, é preciso conhecer o tamanho e as necessidades da sua empresa.

foco

Você sabia que a jornada de trabalho de oito horas foi uma grande conquista dos trabalhadores? Antes, era comum que eles passassem entre doze e dezesseis horas nos empregos, o que levava a estados cruéis de exaustão.

Foi a partir de 1817, após muitas greves e protestos, que a jornada de 8 horas foi instaurada.

O que regulamenta a marcação de ponto no Brasil?

Duas portarias do Ministério do Trabalho regem o controle de ponto no Brasil: 373 e 1510. Como já citamos, ele é obrigatório para todas as empresas que contam com dez ou mais funcionários (mas não proibido para as que são menores).

É obrigatório manter registros arquivados de entradas e saídas por cinco anos.

Recentemente, novas legislações foram aprovadas gerando uma modernização no assunto. Para que contratantes e funcionários tenham maior controle sobre os registros, passou a ser obrigatório que haja registros arquivados das entradas e saídas, bem como que os relógios contem com impressoras.

Assim, os funcionários também precisam ter registros de suas entradas e saídas, e os relógios de ponto são obrigados a terem memória suficiente para armazenar todos os dados por pelo menos cinco anos.

O registro de ponto é fundamental para impedir discordâncias entre empregados e empregadores. Com ele, os registros estão todos garantidos, diminuindo a incidência de fraudes e irregularidades.

Quais as vantagens de um relógio de ponto?

Há quem prefira fazer as coisas à moda antiga e manter um registro de ponto manual. Essa opção, porém, oferece muito menos segurança: Cadernos e folhas de papel podem ser destruídos com muita facilidade, levando à perda de importantes informações.

O relógio de ponto permite que o armazenamento seja virtual, podendo ser levado a diferentes HDs. Assim, além da facilidade de organização, a chance de perda passa a ser mínima.

Outra vantagem do relógio de ponto é impedir fraudes, já que não basta mais uma simples assinatura, mas a presença ou de biometria, ou de cartão. Um sistema manual é muito mais suscetível a qualquer tipo de falsificação ou irregularidade.

Manter o controle de ponto sempre em ordem na sua empresa é estar dentro da lei e se prevenir. As únicas desvantagens de fazê-lo de forma eletrônica são o custo mais elevado e a necessidade de eventuais manutenções.

Preparamos uma tabela com as vantagens e desvantagens do relógio de ponto:

Vantagens
  • Impede fraudes e irregularidades
  • Segurança muito maior: Armazenamento virtual dificulta perda de informações
  • Maior organização e facilidade de acesso
  • Sistema mais moderno e tecnológico
Desvantagens
  • Custo mais elevado
  • Necessidade de constantes manutenções

Quais os tipos de relógio de ponto?

Uma vez que você se decida por um relógio de ponto, pode ainda escolher entre três tipos principais: Biométrico, cartográfico e com cartão magnético. É hora de falarmos um pouco mais sobre eles!

  • Relógio de ponto biométrico: É o mais moderno dos relógios do ponto. Faz o registro de entradas e saídas através de biometria, ou seja, impressões digitais. Não há chance de fraudes, nem de falhas graves. Método bastante seguro, mas um pouco mais caro.
  • Relógio de ponto com cartão magnético: Usa um cartão magnético que é dado ao trabalhador e tem registros únicos sobre ele, sendo intransferível. Pode também funcionar através de código de barras. Os dados são gravados tanto no sistema, como no próprio cartão.
  • Relógio de ponto cartográfico: É o método mais simples e que mais se assemelha ao manual: O empregado recebe um cartão simples feito com cartolina e o introduz em uma máquina, que imprime os registros de entrada e saída. Apesar de menos tecnológico, é bastante eficiente.

Cada um desses métodos tem modelos com variações de capacidade, podendo ser usados em empresas com variadas quantidades de funcionários.

Relógio de ponto biométrico Relógio de ponto por cartão magnético Relógio de ponto cartográfico
Forma de registro Via impressão digital Via cartão magnético Via cartão simples
Forma de cadastro Através de biometria Através de um código de barras ou magnético Através de nome e dados no cartão
Vantagens Maior segurança e tecnologia Ótima tecnologia sem riscos de erros de leitura Sistema mais barato, apesar de ainda eficiente

Quanto custa e onde comprar um relógio de ponto?

Os principais fatores de influência no preço de relógios de ponto são o tipo, a capacidade e a marca. Alguns modelos custam pouco mais de R$ 100, enquanto outros podem passar de R$ 1.000. Nada indica que os mais baratos não tenham qualidade: Apenas podem não servir para todas as necessidades.

Lojas especializadas em artigos para empresas e eletrônicos diversos podem oferecer bons relógios de ponto, mas é mais fácil fazer a aquisição pela internet. Recomendamos a Amazon brasileira, seguida de perto por Amazon internacional e Mercado Livre.

Critérios de compra: Fatores para a escolha de um relógio de ponto

Você já sabe que precisa ter um bom relógio de ponto para a sua empresa. Agora, selecionamos quatro critérios técnicos para te ajudar na escolha do melhor modelo possível:

Abaixo, mais informações sobre cada um deles!

Software

Todos os tipos de relógios de ponto precisam de um software para armazenar as suas informações, gerenciar impressões e manter tudo organizado. Assim, as fabricantes do hardware precisam também ter contato com uma outra empresa que forneça esse programa.

Normalmente, você terá informações sobre empresa de software, com telefone e outras formas de contato. Ela também será responsável por eventuais atualizações e manutenções do sistema. Pesquise se essa desenvolvedora é de confiança ou se há reclamações contra ela!

Imagem mostra um antigo sistema manual de registro de ponto.

Na época pré-software, o registro de ponto era muito mais complicado. (Fonte: David Hagerman/ 123rf.com)

Recursos extras

Além de marcar o horário de chegada e saída de cada trabalhador, imprimir comprovantes e armazenar dados, o relógio de ponto pode ainda ter alguns recursos extras que facilitam bastante a vida da empresa.

Um bom recurso de alguns relógios de ponto é a produção automática de relatórios.

Podemos citar, por exemplo, a produção automática de relatórios. Com ela, o acesso a todos os dados gerados pelo relógio de ponto passa a ser fácil e automático, sem a necessidade de um funcionário para produzi-los.

Alertas sonoros como sirenes para indicar o fim do horário de trabalho e telas com exibição de informações também são outros recursos que podem dar agilidade e praticidade ao ambiente da sua empresa.

Capacidade de armazenamento

Já mencionamos que os relógios de ponto devem armazenar os registros por pelo menos cinco anos. Porém, de quantos trabalhadores o modelo escolhido tem a capacidade de manter dados no sistema? É possível encontrar exemplares que vão de 50 a milhares nesse quesito.

Se você tem uma empresa pequena e com pouca rotatividade, não há necessidade de muitos registros, podendo escolher algo simples nesse quesito. Mas caso contrário, será preciso realmente gastar mais dinheiro e optar pelos relógios de ponto de maior capacidade.

Alimentação

Como é feita a alimentação de seu relógio de ponto? A maior parte dos modelos é elétrica, mas em um dia de queda de energia todo o sistema de registro pode ser prejudicado.

Alguns dos melhores modelos oferecem uma bateria alternativa que os mantêm ligados em caso de emergência, e outros são totalmente a bateria. Você pode fazer a escolha nesse quesito pensando em qual opção te deixa mais confortável.

(Fonte da imagem destacada: Natchavakorn Songpracone/ 123rf.com)

Por que você pode confiar em mim?

Carlos Massari Jornalista
Jornalista especializado em esportes e podcaster. Apaixonado por cinema, literatura e artes em geral. Curioso nato, pesquisa e escreve sobre diversas áreas, principalmente tecnologia, ferramentas, artigos esportivos e objetos que tornam a vida e o cotidiano mais fáceis.