Na imagem está um homem de terno dentro de um escritório utilizando um scanner.
Ultima atualização: 20 de julho de 2020

Como escolhemos

12Produtos analisados

16Horas investidas

3Estudos avaliados

59Comentários coletados

Na era da tecnologia os papéis tem sido cada vez mais deixados de lado e um grande aliado nesse processo é o scanner de mesa, produto sobre o qual vamos falar hoje aqui no ReviewBox Brasil. Seja muito bem-vindo!

Ideal para ambientes empresariais e tendo grande velocidade e qualidade de digitalização esse é um item essencial em muitos escritórios e se você está buscando um para o seu saiba que veio ao lugar certo.

Neste texto traremos todas as informações sobre esse produto e ao final da leitura você saberá exatamente qual escolher. Para saber tudo basta continuar com a gente.




Primeiro, o mais importante

  • O scanner de mesa é o tipo de digitalizador mais completo, pois alia boa capacidade de escaneamento com alta resolução e velocidade.
  • Esse produto pode ser encontrado em tamanhos variados e há opções mais compactas ideais para locais pequenos.
  • Antes de escolher um scanner de mesa é essencial analisar o quanto ele será utilizado para optar por um modelo que se adeque a isso.

Melhores scanners de mesa: Nossos favoritos

Boa qualidade e baixo tempo de digitalização são duas características essenciais para qualquer scanner de mesa e é para te ajudar a encontrar um que cumpra esses requisitos que criamos essa lista com alguns dos melhores modelos, confira e escolha o seu!

Scanner de mesa compacto e com processador eficaz

Desenvolvida pela Fujitsu, esse scanner de mesa é compacto e conta com um processador de CPU dual-core integrado, que executa funções inteligentes de imagem significativamente mais rápido para alcançar uma alta velocidade de digitalização.

Com isso o produto é capaz de digitalizar até 50 folhas frente e verso a uma velocidade de 25 páginas por minuto. No modo ótimo ele apresenta uma resolução de 300 dpi para imagens coloridas ou em escala de cinza e 600 dpi para preto e branco. Além disso, é capaz de funcionar sem fio, somente conectado a rede Wi-Fi.

Scanner de mesa de alta resolução

Esse scanner promove uma digitalização de alta resolução chegando a 4.800 dpi, tendo a possibilidade de enviar as imagens automaticamente para redes sociais como o Facebook apenas programando o aparelho.

Além disso, ele conta com tampa destacável, o que facilita a digitalização de livros e outros produtos mais altos, e se conecta ao computador via USB. Outra vantagem é que dependendo do tom da imagem consegue fazer a digitalização em apenas 10 segundos.

Scanner de mesa wireless

Tendo conectividade wireless, esse scanner da marca Brother tem como recurso uma digitalização duplex, digitalizando frente e verso do documento de uma vez só, e alimentador automático com uma capacidade de 20 páginas.

Além disso, o produto tem uma velocidade de digitalização de 16 páginas por minuto e resolução de 1.200 dpi. É compatível com Windows e Mac OS e conta com a função de digitalizar para diferentes aparelhos como PC, pendrive USB e dispositivos móveis.

Scanner de mesa touchscreen

Essa outra opção traz display touchscreen colorido de 2,7”, alimentador automático de documentos com capacidade para 20 páginas e conexão wireless. Tem também tamanho compacto, sendo ideal para escritórios pequenos.

Ele digitaliza imagens com uma resolução de 600 dpi alcançando até 18 scaneamentos por minuto. Tem ainda o recurso de digitalização duplex, que automaticamente pega frente e verso do documento, e é capaz de enviar o arquivo diretamente para a nuvem. É bivolt e funciona em Windows, Mac OS e Linux.

Guia de compra

de quem precisa digitalizar arquivos e documentos em papel para o computador de maneira simples, rápida e fácil.

Atualmente existem diversos modelos de scanner e se você está buscando uma para a sua casa ou empresa reunimos nesse guia de compra todas as informações mais importantes sobre esse produto para que ao final da leitura você saiba exatamente como escolher o melhor para você.

Na foto um homem sentado em um escritório se espreguiçando e sorrindo.

Scanners de mesa são muito utilizados em escritórios. (Fonte: superelaks/ 123rf)

O que é um scanner de mesa?

Pode-se dizer que o scanner é a revolução da máquina de tirar xérox. Isso porque ambos têm a função de copiar arquivos, porém com a diferença de que um imprime, enquanto que outro digitaliza para o computador.

Nesse sentido o scanner de mesa é um dispositivo de formato retangular ou quadrado, que possui na sua parte superior uma superfície plana de vidro, no qual será colocado o material a ser escaneado.
Com esse produto é possível digitalizar folhas de papel, livros, cartões, fotos e muitos outros documentos, de forma simples e fácil, apenas apertando alguns botões.

Ele é composto ainda por um teclado, no qual serão selecionados os tipos digitalização e fica conectado a um computador, seja via USB ou por conexão wireless.

Quais as vantagens e desvantagens de um scanner de mesa?

A principal vantagem de um scanner de mesa é poder digitalizar documentos de maneira rápida e fácil, deixando todos salvos no computador, eliminando o excesso de papel.

Ele também normalmente não é grande, ocupando pouco espaço e sendo ótimo para diversos tipos de empresas e escritórios. Sem falar que existem modelos que se conectam ao computador via Wi-Fi, diminuindo a quantidade de fios.

Outra vantagem é que a tecnologia criou scanners de mesa com alta resolução e velocidade de digitalização, o que permite que a qualidade do arquivo não seja perdida e que seja possível scanear diversos documentos em um curto espaço de tempo.

Além disso, esse é um produto muito fácil de ser encontrado para comprar e de simples manuseio e instalação.

O ponto negativo de tantas vantagens é o preço. A grande maioria dos scanners de mesa possuem um valor alto.

Vantagens
  • Ocupa pouco espaço
  • Pode ser conectado via Wi-Fi
  • Digitaliza documentos com rapidez e boa resolução
  • Elimina o excesso de papéis
  • É fácil de usar
Desvantagens
  • Preço alto

Como funciona um scanner de mesa?

O funcionamento de todos os tipos de scanners é igual e basicamente a digitalização acontece a partir de uma lâmpada e de espelhos que ficam internos ao dispositivo.

Ao iniciar o processo a lâmpada irá fazer uma varredura por todas as linhas do documento a ser digitalizado. Essa luz irá refletir e passar de um espelho para o outro, até que ao chegar no último espelho irá refletir a imagem em uma lente que é focada em um sensor de captura de imagem.

Entra em ação então o dispositivo de carga acoplado (CCD), que é a principal peça de um scanner. Esse CCD possui cristais semicondutores chamados diodos, que convertem a luz emitida pela passagem da lâmpada no papel e o jogo de espelhos em cargas elétricas, sendo que quanto mais forte for a luz, maior será o acúmulo de carga elétrica na placa.

Ao final desse processo a imagem aparecerá na tela do computador e pode ser salva no dispositivo.

 Na foto está um homem segurando uma foto com as mãos e olhando para a tela de computador.

Graças ao funcionamento do scanner é possível passar imagens impressas para o computador de forma simples. (Fonte: scyther5/ 123rf)

Qual a diferença entre o scanner de mesa, o sheet-fed e o de mão ou portátil?

No que diz respeito a tipos de scanner atualmente no mercado existem três, o de mesa, o modelo Sheet-fed e o de mão ou também chamado portátil.

A grande diferença entre esses três está relacionada ao tipo de utilização que pode ser feita com o aparelho.

O modelo de mesa é voltado para um uso profissional e até doméstico, porém de maneira intermediária, já que ele tem uma capacidade de digitalização rápida e um ciclo diário, que é o número de folhas que o scanner suporta por dia, médio.

Já o sheetfed é mais indicado para quem faz uso intenso do aparelho, isso porque seu ciclo diário é alto e a velocidade é a maior possível. Porém, esse modelo peca um pouco na qualidade, já que o foco é agilidade e quantidade.

Por fim, o scanner portátil tem como grande vantagem ser pequeno e poder digitalizar documentos em qualquer lugar com muita facilidade. No entanto, ele também perde pontos na qualidade de resolução e na velocidade de digitalização.

Abaixo preparamos uma tabela com mais informações sobre as diferenças entre esses três modelos.

Scanner de mesa Scanner sheetfed Scanner portátil
Tipo de uso Empresarial ou doméstico Empresarial de alto fluxo Doméstico e empresarial de baixo fluxo
Tamanho Há modelos compactos e outros maiores Grande Pequeno e portátil
Resolução do documento digitalizado Alta Média Média
Velocidade de digitalização Média a alta, Alta Baixa a média
Valor Baixo a alto Alto Baixo

Quanto custa um scanner de mesa?

Conforme já dissemos mais acima, o valor de um scanner de mesa pode ser um pouco alto, existindo poucas opções com preço mais em conta.

Os modelos mais baratos podem ser encontrados por um preço inicial por volta dos R$270, porém é importante saber que esses possuem velocidade de digitalização mais baixa e resolução também.

Já as opções com melhor qualidade têm um preço médio que começa em R$1.200 e pode chegar até cerca de R$8.700.

Onde comprar um scanner de mesa?

As lojas online contam com uma gama completa de scanner de mesa e muitas vezes tem descontos que valem a pena, sendo que alguns sites que vendem esse produto são:

  • Amazon
  • Magazine Luiza
  • Americanas
  • Extra
  • Mercado Livre

Já pensando em lojas físicas, é possível encontrar esse produto nas que vendem itens de informática como Kalunga, Carrefour, Extra e Walmart.

Critério de compra: Fatores para comparar os modelos de scanner de mesa

Agora é o momento de te ajudarmos a escolher o seu scanner de mesa e para isso separamos abaixo os principais pontos que você deve levar em consideração antes de finalizar a compra, são eles:

Agora vamos detalhar cada um deles.

Tamanho do scanner

O primeiro passo para fazer uma boa escolha é analisar o tamanho que você tem disponível para o seu scanner e limitar a busca a um modelo que se enquadre nisso.

As opções de mesa possuem diferentes tamanhos e com isso é possível encontrar modelos que são mais portáteis e que acabam ajudando quem faz o uso do dispositivo em casa ou que trabalha em escritórios pequenos.

Na foto um escritório com móveis brancos e duas prateleiras nas laterais.

Se você possui um escritório pequeno opte por um modelo de scanner de mesa mais compacto. (Fonte: Slava Keyzman/ Unsplash)

Velocidade de digitalização e ciclo diário

Cada modelo de scanner conta com uma velocidade de digitalização diferente e há opções que são capazes de digitalizar 18 páginas por minuto, outras 25 e assim por diante.

Qual deles escolher irá depender da intensidade de uso que você faz por dia e nesse quesito se enquadra também o ciclo diário, que é a quantidade de folhas que o scanner consegue digitalizar em um dia.

Se você faz uso intenso do produto é importante escolher um scanner com maior velocidade e ciclo diário alto, já se no seu caso o uso é intermediário ou baixo pode-se tranquilamente optar por um modelo mais simples.

Tipo de conexão

Como já dissemos, existem scanners que para se conectarem ao computador precisam ser ligados a um cabo USB, enquanto que outros tem conexão Wi-Fi e dispensam o cabo.

Esse é um ponto a ser levado em consideração dependendo da distância com que o scanner ficará do computador e também por quem detesta fios espalhados por todo lado.

Na foto um escritório com diversas mesas de trabalho.

Escritórios que possuem diversas mesas de trabalho devem priorizar scanners com conexão Wi-Fi. (Fonte: fredericomeyer/ Pixabay)

Resolução óptica

A resolução óptica de um scanner é descrita pela sigla dpi e está relacionada a precisão com que o dispositivo será capaz de capturar as imagens ou linhas, tendo ele uma maior ou menor nitidez da imagem.

É essencial escolher um scanner com boa resolução, principalmente para quem trabalha com fotos e imagens. Dessa forma, é mais garantido que o arquivo que resultará da digitalização terá boa qualidade e será nítido o suficiente.

(Fonte da imagem destacada: Elnur Amikishiyev/ 123rf)

Por que você pode confiar em mim?

Danielle Assis Jornalista
Dedica-se a produzir conteúdos interessantes e informativos. Apaixonada por viagens, moda, animais e adora dar presentes. A curiosidade é uma de suas características mais marcantes e está sempre em busca de produtos que tornam o dia a dia das pessoas mais prático e interessante.