Urca, Rio de Janeiro, Brasil.
Ultima atualização: 2 de março de 2020

Como escolhemos

13Produtos analisados

18Horas investidas

4Estudos avaliados

85Comentários coletados

Viajar sempre requer um certo planejamento, seja para comprar as passagens, reservar a hospedagem ou programar os passeios. E dentro dessa organização, mesmo que a viagem seja no Brasil, é importante considerar a contratação de um seguro viagem nacional.

Seja bem-vindo ao ReviewBox Brasil! No artigo de hoje vamos explicar porque você deve ter um seguro de viagem nacional, e como escolher a melhor seguradora e as coberturas ideais de acordo com seu destino.




Primeiro, o mais importante

  • O seguro de viagem nacional é tão importante quanto o que você faz para viajar para o exterior.
  • Mesmo que você já tenha um plano de saúde é fundamental considerar o seguro específico para viagens pelo Brasil.
  • Listamos os principais fatores que você deve considerar para comprar o melhor seguro viagem nacional.

Você também pode gostar:

Melhores seguros de viagem nacional: Nossas recomendações

O seguro de viagem nacional mais completo

O seguro viagem Bradesco cobre morte e translado de corpo, regresso sanitário, translado médico, cancelamento prévio da viagem, perda de bagagem, morte acidental, invalidez permanente por acidente e despesas médicas, hospitalares e odontológicas. Você também pode acrescentar o benefício de Assistência Viagem.

O seguro viagem mais diversificado

Na Allianz, você pode optar por diversos tipos de seguro viagem nacional: Terrestre, aéreo ou marítimo. Também estão disponíveis seguros temáticos, para viagens a lazer, a negócios ou intercâmbio. Além disso, a seguradora oferece coberturas adicionais de cancelamento de viagens e para gestantes.

O melhor seguro nacional para viagens terrestres

A Porto Seguro oferece quatro planos de seguro viagem nacional: O Brasil Terra cobre viagens feitas por vias terrestres. Já os planos Prata e Ouro oferecem limites de coberturas diferentes, assim como a opção Brasil Aventura, para quando você for explorar destinos e atividades mais radicais.

Guia de Contratação: O que você precisa saber sobre o seguro viagem nacional

Sempre que você vai fazer uma viagem é preciso considerar alguns detalhes, como o planejamento em si do passeio e os imprevistos que podem ocorrer. Um deles é o fato de que ninguém está livre de ter problemas de saúde e acidentes.

Por isso, mesmo que você decida viajar de férias ou a trabalho para qualquer local do Brasil é importante contratar um seguro de viagem. Nesse Guia de Contratação vamos tirar todas as suas dúvidas sobre esse tipo de seguro que tem como foco destinos nacionais.

Mulher sentada na areia da praia com chinelos, bolsa e um abacaxi ao lado.

O seguro de viagem nacional é essencial se você quer tranquilidade nas férias. (Fonte: Rodrigo Felix/ Pexels.com)

Seguro viagem nacional: Como funciona?

O seguro de viagem nacional funciona assim como qualquer seguro de viagem: Trata-se de um serviço que você contrata e que cobre gastos, principalmente, com a saúde do segurado durante uma viagem.

Mas, nesse caso, as coberturas do seguro, previstas no contrato, valem para destinos nacionais.

Ou seja, caso ocorra algum problema de saúde ou até mesmo um acidente enquanto você está de férias ou viajando a trabalho em outra cidade brasileira, o seguro de viagem vai garantir que você terá o atendimento médico necessário sempre que precisar e sem pagar a mais por isso.

Você pode contratar um seguro de viagem para qualquer cidade do Brasil, desde que ela esteja localizada a partir de 100 quilômetros de distância da sua residência.

Em geral, ao contratar um seguro de viagem, você recebe atendimento médico em uma rede conveniada ou, caso utilize uma rede de sua preferência a seguradora poderá reembolsar o valor  que você gastou no fim da viagem.

Mas o fato é que, assim como todos os tipos de seguros, o de viagem nacional também pode ter coberturas variadas de acordo com o plano e a seguradora.

Devo contratar seguro de viagem mesmo tendo plano de saúde?

Sim, porque, apesar de parecidos existem diferenças importantes entre o seguro de saúde e o plano de saúde.

Ainda que ambos sirvam para que você receba atendimento médico, o fato é que o plano de saúde, na maioria das vezes, está limitado a uma ou algumas regiões do país.

Não raro, os planos de saúde só atendem dentro do estado ou município onde foram contratados. Nesse caso, se você viajar para outra região e precisar de atendimento médico não poderá contar com o plano de saúde.

Além disso, como veremos em detalhes logo mais, o seguro de viagem oferece outras vantagens para além do atendimento em caso de emergências médias e hospitalares.

O que cobre o seguro de viagem nacional?

O seguro viagem nacional pode ter vários tipos de coberturas e isso vai depender do plano ofertado por cada seguradora.

No entanto, algumas coberturas são obrigatórias e outras podem ser opcionais, sendo adicionadas ao plano de acordo com a sua escolha.

Mas para você ter uma noção geral, veja a seguir algumas das principais coberturas que devem estar presentes no seguro viagem para destinos dentro do Brasil:

Cobertura Indenização
Médica e odontológica Para despesas realizadas pelo segurado no tratamento médico devido a acidente pessoal ou enfermidade súbita durante o período de viagem
Traslado de corpo Para cobrir despesas com liberação e transporte do corpo do segurado do local da ocorrência até o local de sepultamento
Regresso sanitário Para despesas com traslado de regresso do segurado ao seu local de origem, quando o segurado não possui condições de voltar como passageiro regular

Quando contratar o seguro de viagem nacional?

A contratação de um seguro viagem nacional pode ser feita a qualquer momento. Mas o especialistas recomendam que você o faça com antecedência para que esteja protegido durante todo o período da viagem.

Mais do que isso: Quando você contrata o seguro de viagem nacional com antecedência você tem mais tempo de fazer várias cotações e ler a apólice com mais atenção e calma, o que permite escolher o seguro mais adequado.

É possível contratar o seguro nacional de viagem até mesmo no dia da viagem.

Além disso, observe o período de validade do seu seguro que deve abranger desde o dia 1 da viagem até o dia do seu retorno. Ainda assim, é possível contratar o seguro nacional de viagem até mesmo no dia da viagem.

Mas, se você quiser garantir a validade de todas as coberturas previstas em um seguro de voagem nacional, o ideal é que você feche o contrato antes de embarcar para o seu destino.

Isso porque se, por algum motivo, você só conseguir contratar o seguro viagem no meio da viagem, você corre o risco de algumas coberturas não serem válidas como, por exemplo, o extravio de bagagens e o reembolso em caso de atraso de voos.

Como acionar o seguro durante uma viagem pelo Brasil?

Ninguém deseja ou espera ter que acionar o seguro de viagem. No entanto, caso algum imprevisto ocorra, é importante que você saiba como utilizar os benefícios desse tipo de seguro.

Para acionar a sua seguradora durante a viagem você deve ligar para o contato fornecido e informar o que está acontecendo. Nesse momento, você receberá instruções do que fazer e onde procurar por atendimento.

Mulher sendo atendida por enfermeira.

Caso precise de atendimento médico, você precisa acionar a sua seguradora. (Fonte: Hush Naidoo/ Unsplash.com)

No caso de você ser atendimento em um hospital, antes mesmo de conseguir acionar a seguradora, é fundamental que você, além de informar a seguradora o quanto antes, também guarde os comprovantes de pagamento. Com isso, você poderá pedir o ressarcimento.

Além disso, como precaução sempre tenha o contrato do seguro com você, caso precise apresentar em algum atendimento médico.

Quanto custa o seguro viagem nacional e onde contratar?

De modo geral, o preço do seguro de viagem nacional é barato, podendo começar a um custo de R$ 5 por dia. Mas é claro que esse valor vai depender da duração da viagem, da idade do segurado e das coberturas incluídas na apólice.

Para contratar esse tipo de seguro você deve escolher uma seguradora com reputação no mercado. Para tanto, avalie se ela está autorizada a vender seguros no site da Superintendência de Seguros Privados (Susep).

foco

Você sabia que algumas bandeiras de cartões de crédito também oferecem seguro de viagem?

Mas é preciso verificar as condições já que, de modo geral, elas só oferecem coberturas se, por exemplo, a passagem aérea for comprada com o cartão.

Afinal, vale a pena ter um seguro de viagem nacional?

Sim, vale a pena ter um seguro viagem mesmo que seja para viajar para outro estado brasileiro.

E embora a contratação do seguro de viagem nacional não seja obrigatória, como é o caso do seguro para viajar para a Europa, por exemplo, ele ainda é um mecanismo de precaução importante.

Para resumir, confira as principais vantagens do seguro viagem para viajar pelo Brasil:

  • Cobre: Assistências médicas, odontológicas, farmacêuticas; acidente e morte;
  • Pode cobrir: Extravio de bagagens, cancelamento de voos, entre outros;
  • Evita gastos inesperados;
  • É barato e fácil de ser acionado.

Critérios de Contratação: Como comparar os seguros de viagem nacional

Agora que você já entendeu a importância do seguro de viagem mesmo quando se trata de destinos nacionais, é preciso que você saiba como escolher o melhor plano. Para tanto, sugerimos que você considere os seguintes critérios:

A seguir, nós vamos explicar em detalhes como analisar esses tópicos.

Objetivo da viagem

Além de definir a melhor seguradora e as coberturas incluídas na apólice, recomendamos que você escolha o seguro viagem nacional com base no seu objetivo de viagem.

Isso porque dependendo se a viagem for para turismo, a negócios ou para realizar um intercâmbio, tanto o preço quanto as coberturas podem variar bastante.

Surfista caminhando segurando a prancha e mar ao fundo.

Dependendo do objetivo da sua viagem ela terá mais ou menos riscos de acidentes. (Fonte: fgmsp/ Pixabay.com)

Por exemplo, se você viajar para praticar esportes radicais, como trilhas e surfe, deve contratar um seguro viagem nacional que garanta as coberturas de acordo com os riscos envolvidos nessas atividades.

Além disso, também é possível encontrar planos de seguro de viagem para pessoas com condições específicas como é o caso das gestantes que precisam de um atendimento diferenciado.

Terrestre, marítimo ou aéreo

Avalie também qual o meio de transporte que você vai usar na sua viagem. Atualmente, as seguradoras oferecem planos específicos para cada meio utilizado.

Em geral, existem seguros de viagens pelo Brasil que cobrem riscos e danos para quem viaja de carro ou de ônibus, além de navio e avião.

Coberturas adicionais

Além de escolher com atenção as coberturas do seguro de viagem nacional, leve em conta também as coberturas extras que você pode incluir na apólice.

Não raro, as coberturas adicionais são tão importantes e úteis quanto as coberturas básicas do seguro de viagem.

E, ainda que elas variem bastante dependendo do plano de cada seguradora, listamos a seguir as principais coberturas adicionais que você pode incluir no contrato.

  • Bagagem extraviada;
  • Custos com funeral;
  • Cancelamento de voo;
  • Assistência jurídica.

Contrato

Outro critério que recomendamos que você preste atenção é a apólice do seguro de viagem. Não deixe de ler com atenção todo o contrato antes de assiná-lo. Dê especial atenção àquelas letras bem pequenas que costumam ficar no final.

Na maioria das vezes, é exatamente ali que estão as informações mais importantes do seguro como, por exemplo, o que o seguro não cobre e como será feito o atendimento e/o ressarcimento das despesas durante a viagem.

Resumo

O seguro de viagem nacional é tão importante quanto o seguro internacional. Isso porque esse tipo de seguro cobre, além de emergências médicas, alguns outros imprevistos que podem ocorrer durante a sua viagem.

Mas, para escolher o melhor seguro viagem nacional é preciso levar em conta a reputação da seguradora, os tipos de coberturas que estão e não estão incluídos na apólice de acordo com o seu destino e objetivo de viagem.

(Fonte da imagem destacada: Florencia Potter/ Pexels.com)

Por que você pode confiar em mim?

Izabel Toscano Jornalista
Nômade digital, jornalista, leitora e questionadora compulsiva. Já trabalhou em jornais diários e sites de notícias no Brasil, e em plataformas online na Irlanda e na França. Hoje, roda o mundo escrevendo sobre temas variados, sempre atenta às novas tecnologias e a tudo que surge para trazer leveza à vida.