Seja muito bem-vindo ao ReviewBox Brasil. Hoje, vamos saber quais são os melhores modelos de TV LED disponíveis no mercado. Para isso, veremos quais são as funções mais importantes e o que você deve levar em conta na hora de comprar uma.

Nos últimos tempos, as pessoas têm percebido que, pelo televisor, é possível fazer bem mais do que assistir a programas de TV. É possível ver filmes com alta qualidade de som e imagem e acessar a internet em alta velocidade.

Então, para ficar no vocabulário típico de televisão, um recado: não mude de canal! Vamos saber quais são as principais características que uma TV LED dever ter para que você faça a melhor compra.

Primeiro, o mais importante

  • A tecnologia LED possibilita boa qualidade de imagem e é um avanço em relação ao LCD.
  • Há ainda as TVs do tipo OLED, que são uma evolução do LED. Mas o custo pode não valer o benefício.
  • Alguns modelos têm apenas duas entradas HDMI. Caso você pretenda conectar muitos acessórios diferentes, o melhor é escolher uma com mais entradas.

Ranking: Os 7 melhores modelos de TV LED

Comprar um TV para sua casa pode não ser a tarefa mais simples, já que existem tantas diferenças que podem passar despercebidas. Umas são LED, outras LCD. Algumas possuem resolução HD, outras FullHD ou ainda 4K. Por isso, reunimos as 7 melhores do mercado no ranking abaixo, além disso, ao longo do guia, você aprenderá todas essas diferenças. Siga lendo.

1º – TV LED Samsung UDH 4K Smart

[amazon box=”B075TN5BYD” description_items=”0″]

Além do modelo 43 polegadas, essa TV LED tem versões em outros seis tamanhos: 40, 49, 50, 55, 65 e 75’’. Todas elas operam com a tecnologia 4K, que proporciona uma ótima qualidade de imagem. Conta com Wi-Fi integrado e também tem a possibilidade de conexão com cabos.

Os menus que dão acesso aos aplicativos são bem simples e intuitivos, assim como a velocidade de resposta. Quanto à conectividade com outros aparelhos, esse modelo possui três entradas HDMI, duas USB, porta Ethernet e saída de áudio óptica.

2º – Smart TV LED Sony Full HD

[amazon box=”B07H4P7WGW” description_items=”0″]

Essa é uma TV LED de 43 polegadas Full HD. Com o recurso Motionflow XR 240, desenvolvido pela fabricante, o televisor reproduz mais quadros por segundo, o que resulta em cenas mais suaves e com maior nitidez.

Para quem se preocupa com a organização da sala, a base da TV foi desenhada para ocupar menos espaço e guardar os cabos de maneira prática.

Esse televisor da Sony tem ainda o sistema X-Protection Pro, que dá uma proteção extra no caso de queda de energia, raios, presença de poeira e umidade.

3º – Smart TV LED Samsung 40”

[amazon box=”B0743NJ6K9″ description_items=”0″]

A TV LED de 40 polegadas da Samsung conta com a tecnologia Screen Mirroring. Com ela, é possível espelhar a tela do smartphone diretamente na TV.

A resolução é Full HD e dois recursos possibilitam uma melhor qualidade de imagem ainda. Um deles é o Clear Motion Rate, que amplia a nitidez. O outro é Wide Color Enhancer, que ajusta as cores.

Tem uma entrada USB e duas HDMI. Com o recurso HDMI-CEC, todos os aparelhos eletrônicos conectados nessa entrada podem ser acionados por apenas um controle remoto, desde que os equipamentos sejam compatíveis.

4º – TV LED Samsung 32”

[amazon box=”B0742G8Y1L” description_items=”0″]

Esse modelo de TV LED da Samsung é um dos mais procurados por conta do bom custo-benefício. A resolução é HD, tem 32’’ e conta com acesso à internet e aplicativos como Netflix e Youtube.

Possui ainda o ConnectShare Movie. Com esse recurso, segundo a fabricante, basta conectar um pen drive USB e começar a ver filmes, fotos ou músicas instantaneamente.

5º – TV LED Sony KDL 32”

[amazon box=”B0751Q3WQ9″ description_items=”0″]

O televisor da Sony tem resolução HD e tela de 32 polegadas, além de contar com transmissor de rádio FM integrado. Possui Wi-Fi integrado, o que permite conectá-la com qualquer rede sem fio. Fora isso, tem porta LAN, para conexão com fios, duas entradas HDMI e duas portas USB.

Essa TV LED tem processamento de imagens X-Reality PRO, desenvolvido pela marca. Com ele, as imagens são analisadas, limpas e aprimoradas, o que resulta em uma melhora até mesmo em cenas exibidas em baixa definição.

A televisão tem um design fino e sem aberturas de ventilação. Dessa forma, poeira e sujeira não se acumulam na estrutura interna, o que evita o sobreaquecimento.

6º – Smart TV LED AOC 32”

[amazon box=”B075X49XX3″ description_items=”0″]

A TV de 32 polegadas da AOC é HD e, para não decepcionar quem espera a melhor qualidade de imagem, possui a tecnologia DNR, que promete reduzir digitalmente eventuais ruídos na imagem.

Tem Wi-Fi integrado e permite o acesso a dezenas de aplicativos. Para utilizar o serviço de streaming da Netflix, por exemplo, basta um toque no controle remoto.

Outra característica é a possibilidade de espelhar o conteúdo do celular na tela da televisão. Apesar de ser um modelo mais simples, possui boa conectividade. São três entradas HDMI e 2 portas USB.

7º – Smart TV LED TCL 43” Full HD

[amazon box=”B07665XWBG” description_items=”0″]

O aparelho de TV da TCL tem 43 polegadas e é Full HD. Além disso, possui três portas HDMI, duas portas USB e entradas áudio e vídeo composto, entrada de antena e entrada de TV a cabo.

Tem acesso a vários aplicativos online, que podem ser acessados pelo sistema wireless. Um diferencial é possuir acesso direto pelo controle remoto à plataforma de streaming Globoplay.

Outra característica que pode interessar a muitos usuários dessa TV LED é a possibilidade de gravar a programação que está sendo exibida, por meio de um pen-drive ou um HD externo.

Guia de compra

Ao longo dos últimos anos, as telas finas foram substituindo os caixotes que costumavam ocupar boa parte do armário na sala. Hoje, quanto mais fina, melhor e mais moderna é a TV, que geralmente é fixada em um painel. Quer aprender mais sobre a evolução das telinhas?

Nesse guia completo, você aprenderá tudo para comprar a sua TV de forma totalmente segura. Fique com a gente!

mulher assistindo TV deitada no sofá da sala com controle na mão

A TV evoluiu muito nos últimos anos e a TV LED é o que há de melhor em custo-benefício. (Fonte: Andriy Popov / 123rf)

O que é uma TV LED e quais são suas vantagens?

Na hora em que você chega a uma loja de eletroeletrônicos ou então abre o site de um comércio virtual, o que não faltam são opções de aparelhos de televisão.

Há um certo tempo, quando se pensava em comprar uma TV moderna, a escolha ficaria entre a TV LED, a TV LCD e a TV de plasma. Mas hoje, o mercado foi dominando pelo primeiro tipo.

O LED é a evolução do LCD. Os dois tipos funcionam a partir da emissão de luz para a tela de cristal líquido. No caso, a iluminação é emitida por uma série de pequenas lâmpadas de LED.

Com a tecnologia LED, as imagens ficam mais nítidas, e as cores bem definidas.

Deixando a parte técnica de lado, vamos falar sobre os benefícios trazidos por essa tecnologia. O principal deles é a imagem.

Os LEDs possibilitam que o espectador veja tudo com mais brilho e nitidez, não importando se o ambiente em que está tem iluminação ou não.

Além disso, as cores ficam mais destacadas, assim como o contraste entre elas.

Especialistas dizem que essa tecnologia proporciona cenas mais realistas e com imagens mais próximas das que são observadas pelo olho humano.

Outro aspecto importante é o design. Os aparelhos que contam com a tecnologia LED são mais finos e bastante leves. Ou seja, mesmo telas grandes não são difíceis de serem carregadas e nem mesmo instaladas.

E, por último, ainda tem a questão do consumo de energia elétrica. Esses equipamentos gastam até 40% menos do que os modelos anteriores, de LCD, o que é uma boa notícia para o seu bolso.

Imagem mostra televisão ligada na tela de aplicativos.

Uma TV LED gasta muito menos energia do que um modelo LCD. (Fonte: ADMC / Pixabay.com)

Full HD ou 4k? Qual dos dois escolher?

Antes de comprar uma TV LED, é importante tomar algumas decisões e saber também o que significam alguns termos.

A qualidade de imagem da sua TV vai depender muito da resolução escolhida. Hoje, os modelos principais e mais vendidos são Full HD ou então 4K.

Resolução nada tem a ver com o tamanho da tela e sim com a quantidade de pixels existentes em um monitor, seja ele de TV, celular ou tablet. Os pixels são justamente os pontos que formam a imagem que é assistida.

Eles são organizados em linhas e colunas. Dessa forma, quando você ouvir que uma tela tem resolução 1920 por 1080 pixels, quer dizer que em uma linha há 1920 pontos e, na coluna, 1080.

Resolução é diferente de tamanho de tela. Quanto maior a resolução, melhor a qualidade da imagem.

Os equipamentos Full HD seguem essa resolução. Já os 4K possuem ainda mais pixels: 3840 x 2160.

Os televisores 4K têm preços mais altos e poucas produções são disponibilizadas nesse formato (a maioria em blu-ray). Dessa forma, avalie se vale a pena pagar a mais por isso.

Ainda é possível encontrar no mercado bons modelos de TV LED com a tecnologia HD. Por conta da quantidade de pixels (1280 x 720), a imagem pode ficar menos nítida, principalmente em aparelhos maiores.

Já em modelos com tamanho de tela até 32 polegadas, a diferença pode nem mesmo ser identificada pela maioria dos telespectadores. O benefício é o preço. Esses televisores são mais baratos.

Imagem mostra TV LED em um fundo cinza. No meio da tela está escrito 4K.

A resolução 4k permite a exibição de imagens de alta definição com riqueza de detalhes. (Fonte: TMSTBCH / Pixabay.com)

Como escolher o tamanho da TV LED?

Os equipamentos com a tecnologia LED são encontrados em diversos tamanhos. As mais comuns são as de 32 e de 43 polegadas. Mas há versões bem maiores e também um pouco menores.

Escolha a sua dependendo do ambiente onde ela vai ser instalada. TVs grandes em salas ou quartos muito pequenos podem causar desconforto, uma vez que o telespectador perde o foco do que está vendo.

O inverso também é verdadeiro. Um televisor pequeno em uma sala grande não proporciona a experiência necessária para esse tipo de entretenimento. Quem estiver assistindo terá que se esforçar para conseguir enxergar e pode até ter dor de cabeça.

Saiba mais sobre isso na seção Critérios de Compra, abaixo.

Qual a diferença entre LED e OLED?

E, por último, você já deve ter ouvido falar em televisores OLED. Eles são uma evolução da tecnologia LED. A forma com que elas reproduzem a imagem é um pouco diferente.

Um aparelho de TV OLED produz imagens com ainda mais qualidade e permite criar telas curvadas. Por outro lado, a vida útil delas é menor. Atualmente apenas aparelhos top de linha seguem esse padrão.

Nesse momento, por conta do alto preço, as TVs OLED são consideradas produtos com público mais restrito. No futuro, deve ocorrer o mesmo que aconteceu com as de LED: preço mais baixo e uso mais abrangente.

TV LED TV OLED
Tela Tela de cristal líquido Diodos emissores de luz
Vantagem Vida útil mais longa Tecnologia mais moderna
Preço Preço mais em conta Valores ainda altos

Quanto custa?

Os televisores são produtos que estão sempre entre os mais vendidos, não importa a época do ano. A variação de preço de uma TV de LED é grande. Os valores vão sempre depender das funções que estão disponíveis de também do tamanho da tela.

As TVs mais simples, consideradas modelos de entrada, com tecnologia HD, custam em torno de R$1.000.

Já aquelas maiores, Full HD, tem preço variando entre R$1.400 e R$1.900. Os modelos que já possuem a tecnologia 4k são mais caros. Eles custam em torno de R$3.300.

Onde comprar?

Aparelhos de TV LED podem ser comprados em supermercados, lojas de eletroeletrônicos e de departamento. Casas Bahia, Extra e Carrefour são alguns exemplos.

Pela internet, você pode encontrar uma grande variedade de modelos, mais novos e também mais antigos, o que pode fazer você economizar bastante dinheiro.

Na rede, existem mais opções de modelos à disposição. Entre as lojas virtuais estão a Amazon, o Submarino, a Saraiva e as Lojas Americanas.

Critérios de compra: Como comparar os modelos de TV LED

Na hora de comprar sua TV LED, leve em conta os fatores a seguir. Dessa forma, você não se arrepende e também não fica com um produto que não atende suas necessidades.

  • Tamanho
  • Funções
  • Resolução
  • Som
  • Conectividade

Abaixo, vamos falar um pouco de cada um deles.

Tamanho

Do que adianta ter um televisor grande que não cabe na sua sala? Ou então uma TV pequena onde mal dá pra ver o que está acontecendo?

A experiência de assistir à televisão envolve diversos fatores. Um deles é que isso deve ser um ato agradável. Por isso, é importante escolher o tamanho adequado para você.

  • 32″: O ideal é que uma TV de 32 polegadas fique de 1,2 a 2,4 metros de distância de quem está assistindo. Caso o espaço seja menor, o mais adequado é um monitor de 24’’.
Imagem mostra o desenho de uma pessoa sentada em uma poltrona assistindo à TV.

Quem tem TV de 32 polegadas, por exemplo, deve ficar a pelo menos 1,2m de distância do aparelho. (Fonte: Grand_Scient / Pixabay)

  • 43″: Se o espaço for maior, entre 1,4 e 3,2 metros, esse tamanho de TV vai atender a todas as suas expectativas.
  • 48″: Televisores com mais de 48’’ serão perfeitas para quem tem um espaço de 1,75 a 3,8 metros.

Funções

Atualmente, todas as TVs LED disponíveis no mercado já contam com as funções de Smart TV. Ou seja, elas têm a possibilidade de acessar a internet e levar ao usuário diversos conteúdos online.

Cada marca e cada modelo adotam um sistema diferente, mas os aplicativos principais e mais buscados sempre estão lá, como Netflix e Youtube.

Dependendo do sistema operacional adotado, o acesso a esses apps é mais rápido ou mais lento, alguns podem ser acionados diretamente por um botão específico no controle remoto.

Caso você vá usar principalmente essa função, verifique se o sistema não costuma travar.

Imagem mostra pessoa segurando um celular na frente. Ao fundo, embaçada, está uma televisão.

Em alguns modelos, é possível ver o conteúdo no celular na tela da TV. (Fonte: dawnfu / Pixabay)

Resolução

HD, Full HD ou 4K. Escolher uma dessas tecnologias de reprodução de imagem é fundamental. Todas essas opções se enquadram na categoria alta definição. Mas há diferenças entre elas.

  • HD: A resolução HD (1280 x 720 pixels) surgiu assim que as primeiras TVs de tela plana apareceram no mercado. As TVs mais baratas hoje em dia contam com essa tecnologia. Se comparadas com as antigas TVs de tubo, o ganho de qualidade é grande. Podem ser a melhor opção para quem vai utilizar o aparelho para ver TV aberta, por exemplo.
  • Full HD: Os monitores com resolução Full HD (1920 x 1080 pixels) são os ideais para ver vídeos Blu-ray e também jogar vídeo-game. São uma boa escolha também para quem é assinante de alguma operadora de TV.
  • TV LED 4K: A TV com resolução 4K 3840 × 2160 pixels) é a escolha certa para quem quer aproveitar o que há de melhor na reprodução de imagens. Mesmo produções que ainda não estejam nesse formato acabam ganhando qualidade graças aos recursos disponibilizados. Seu preço, é claro, é o mais caro de todos.

Uma TV LED 4K é a melhor opção para quem quer ver todos os detalhes de uma cena, com nitidez e cores vibrantes.

 

Som

O áudio é parte importante na hora em que estamos assistindo aquele filme favorito ou aquela série premiada. Por isso mesmo, ter um sistema de som que possibilite a imersão nos programas é importante.

Alguns modelos já contam com boas caixas de som integradas. Avalie se o som não sai rachado, abafado e sem contraste entre os vários tons. Você pode avaliar esse recurso nos comentários dos próprios usuários em diversos e-commerces.

Conectividade

Esse é um ponto importante que merece toda a sua atenção. Os modelos de TV LED possuem saídas HDMI e USB. O que varia muito é a quantidade.

Lembre-se que é pela porta HDMI que são conectados equipamentos como vídeo-game, decoder da TV por assinatura, reprodutor de Blu-ray e notebook, entre outros. Com essa saída, é possível transmitir conteúdo em alta qualidade e definição.

Algumas TVs, principalmente os modelos mais simples, contam com apenas duas saídas, o que pode ser insuficiente para quem quer conectar muitos gadgets.

Caso haja portas insuficientes, o jeito será conectar e desconectar a cada uso, o que pode ser bastante inconveniente.

Verifique ainda se o sistema wireless da TV LED é compatível com o da rede da sua casa.

(Fonte da imagem destacada: 139904 / Pixabay)

Avalie este artigo

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
41 Voto(s), Média: 4,02 de 5
Loading...

Publicado por REVIEWBOX