Imagem de mulher estendendo roupas em varal recolhível

Seja bem-vindo ao ReviewBox Brasil. Hoje vamos falar sobre o varal recolhível, uma excelente alternativa para quem não tem um espaço adequado para estender as roupas para secar.

O varal recolhível pode ser instalado em qualquer lugar da casa: área de serviço, lavanderia, quintal e até no banheiro. Esse modelo é bem discreto e, logo após o uso, você pode guardá-lo deixando o ambiente organizado.

Ficou interessado? Então este artigo é para você, pois vamos falar sobre os diferenciais deste varal, quais são os melhores modelos à venda, onde comprar e quanto vai custar.

Primeiro, o mais importante

  • O varal recolhível pode ter apenas uma corda, que deve ser encaixada a um gancho na parede oposta, ou de duas a seis cordas, que podem ser interligadas ou acionadas individualmente.
  • Preste atenção ao peso máximo que o varal suporta. Se ele tiver mais de uma corda, verifique o peso que cada uma aguenta e não exceda essa medida, para não danificar o varal.
  • Independente do comprimento da corda, o varal recolhível tem um mecanismo que se adapta a diferentes distâncias, o que possibilita deixar o varal no comprimento e altura desejados.

Você também pode gostar:

Ranking: Os 4 melhores modelos de varal recolhível

O varal recolhível é uma alternativa inteligente para pendurar as roupas sem perder espaço na casa. Logo após o uso, você pode guardá-lo de maneira simples e prática, no suporte da parede.

Se você está pensando em comprar um desses para a sua residência, confira nossa seleção com modelos bem avaliadas pelos consumidores e escolha o que mais lhe agradar.

1º – Varal recolhível Seca Fácil Trevisan

O varal recolhível Seca Fácil da Trevisan tem 30 metros de corda resistente, que suporta o peso de peças maiores como edredons, cobertores e tapetes, sem o risco de a corda arrebentar.

Para aproveitar o comprimento, você pode fazer algumas voltas com o varal, encaixando as pontas nos ganchos que acompanham o produto (também vem um kit de buchas e parafusos). Quando não estiver usando, basta recolhê-lo.

2º – Varal recolhível Secalux

O varal recolhível da Secalux é ideal para lugares pequenos, pois ocupa pouco espaço. Este modelo tem cinco cordas feitas de polietileno, com 4,1 metros de extensão cada, totalizando 20,5 m de comprimento.

O varal suporta 3 kg e é indicado para pendurar peças do dia a dia. Para as cordas não caírem, basta acionar a trava de segurança. Acompanha kit de parafusos e ganchos próprios para a instalação.

3º – Varal recolhível Stendmax, Maxeb

O varal Stendmax da Maxeb é um modelo retrátil, com três módulos de acionamento individual. Cada um tem 4,8 metros de comprimento, totalizando 14,4 m de área útil para estender as peças.

Este modelo é feito de plástico resistente e tem sistema de mola interno, que recolhe o varal automaticamente após o uso.

4º – Varal recolhível Deca

O varal retrátil da Deca é indicado para a instalação em banheiro. Ele tem apenas uma corda e a extensão é de 2,85 m (há uma versão para 2,35 m). A caixa e o suporte para a corda são feitos de liga de cobre (união de bronze e latão).

Guia de Compra

Uma área de serviço organizada permite que as tarefas do dia a dia sejam realizadas com rapidez e eficiência. O varal certo também faz toda a diferença. Um dos melhores é o varal recolhível, pois ele só aparece quando é necessário, literalmente.

Mãe e filha na lavanderia de casa

O varal recolhível deixa a área de serviço mais organizada e espaçosa. (Fonte: Evgeny Atamanenko / 123RF)

O que é um varal?

O varal é um acessório indispensável em qualquer residência, principalmente se você não tiver uma secadora de roupas. Para escolher o modelo ideal, é essencial analisar o espaço onde o varal será instalado.

Existe uma grande variedade de modelos, projetados para diferentes espaços e necessidades: varais de teto, chão e parede, que se subdividem em diversos modelos, um deles é o varal recolhível (modelo de parede).

Quais são os diferenciais do varal recolhível?

O varal recolhível, também chamado de retrátil, é estruturado em uma “caixa”, feita de plástico, com roldanas embutidas para movimentar a ou as cordas para dentro e para fora.

A utilização é prática: basta esticar os fios até a parede oposta, onde você irá prendê-los aos ganchos fixados na parede. O mecanismo se adapta a diferentes distâncias, o que possibilita deixar o varal no comprimento desejado.

Você também pode deixá-lo na altura da sua preferência, lembrando que quanto mais alto estiver instalado, melhor é para estender peças maiores como lençóis e toalhas.

Não se esqueça de acionar o mecanismo de trava, para que as cordas fiquem com a tensão necessária para suportar o peso das roupas.

Quando não estiver em uso, você pode deixar as cordas guardadas para economizar espaço. A vantagem é que esse modelo é bem discreto quando está fechado.

Onde colocar o varal recolhível?

Não há uma regra, mas o ideal é que o varal fique em um ambiente que receba vento e luz do sol, para secar as roupas com eficácia. Não é recomendado instalá-lo em ambientes fechados e úmidos, como o banheiro, somente em último caso.

Quais são as vantagens e desvantagens do varal recolhível?

A principal vantagem do varal recolhível é justamente a característica que o nomeia. Além de ser prático de usar e guardar, ele é muito discreto quando está fechado e não influencia na decoração.

Por ser pequeno, você tem a possibilidade de colocá-lo em qualquer cantinho da casa, afinal, quem opta por esse estilo de varal, geralmente tem um espaço limitado.

Imagem de um varal com roupas penduradas

O varal recolhível ocupa pouco espaço em casa. (Fonte: Hans / Pixabay)

O varal recolhível também tem algumas desvantagens. A primeira delas é que você precisa perfurar as paredes para instalar a caixa do varal e os ganchos.

O procedimento é simples e a maioria dos modelos vem com os parafusos e as buchas de brinde. Mas você vai precisar comprar uma furadeira, ou arrumar uma emprestada.

Outra desvantagem é que esse estilo de varal aguenta pouco peso, então você vai precisar pensar em outra alternativa para secar edredons e cobertores. Alguns modelos até oferecem essa possibilidade, mas desaconselhamos.

Se você sobrecarregar as cordas, elas irão lacear e, com o tempo, isso pode prejudicar o funcionamento do varal, que não conseguirá puxar as cordas da mesma forma.

Vantagens
  • Praticidade de uso
  • Cabe em qualquer cantinho da casa
  • É discreto quando não está em uso
  • É muito barato
Desvantagens
  • É necessário perfurar as paredes para instalar a caixa e os ganchos
  • Aguenta pouco peso
  • Você não vai poder pendurar edredons e cobertores
  • As cordas podem lacear com o tempo

Quais os diferentes tipos de varal recolhível?

O varal recolhível clássico é uma excelente opção para estender várias peças, pois este modelo conta com três a seis cordas, com extensão de 4 a 5 metros cada, totalizando 12 a 30 metros de extensão.

O varal retrátil único conta com um suporte redondo ou quadrado que deve ser fixado na parede, enquanto uma única corda é estendida até a extremidade oposta e afixada em um gancho.

Varal clássico Varal único
Comprimento 3 a 6 cordas com 4 a 5 metros de comprimento cada Apenas uma corda com até 30 metros de comprimento
Caixa De plástico, com cerca de 35 cm de largura De plástico ou material metálico no formato quadrado ou redondo
Vantagem Você tem várias cordas à sua disposição A extensão da corda é satisfatória

Quanto custa?

O varal recolhível pode ser encontrado em versões mais baratas, entre R$ 40 e R$ 50, com preços intermediários, por cerca de R$ 90, e modelos mais caros, que podem chegar a custar R$ 350.

Onde comprar?

Você pode comprar um varal recolhível em lojas de casa e construção como Leroy Merlin e C&C, lojas de móveis como Tok&Stock e Etna e em supermercados como Extra, Carrefour e Walmart.

Se preferir comprar pela internet, sugerimos que dê uma olhadinha na Amazon, Mercado Livre e Submarino. Nesses sites, você vai encontrar diferentes modelos de diversas marcas.

Imagem de pregadores em um varal

O varal recolhível é uma excelente opção para quem mora em casas pequenas. (Fonte: Andriy Dovzhykov / 123rf)

Critérios de Compra: Fatores para comparar os modelos de varal recolhível

Quem mora em apartamento sabe a dificuldade que é encontrar um espaço para estender as roupas lavadas, afinal, a área de serviço é um cômodo pequeno, que muitas vezes só cabe a máquina de lavar.

Se você se identificou com esse cenário, saiba que há uma alternativa à falta de espaço: o varal recolhível. Para escolher o modelo ideal, leve em consideração as seguintes características:

  • Comprimento
  • Material
  • Acionamento e recolhimento
  • Trava

Vamos explicar cada um dos itens ao longo desta seção.

Comprimento

Quando for escolher um varal recolhível, leve em consideração a demanda de roupa que você vai ter para secar, pois uma característica que muda de um modelo para o outro é o comprimento da corda.

Você pode escolher a versão com apenas um cabo de 30 metros de comprimento, que você pode ziguezaguear para aproveitar a área útil.

Se preferir uma opção mais prática, você encontra modelos com três a seis cordas interligadas ou com acionamento individual. O comprimento varia de 4,10 a 4,8 m cada corda e a extensão chega a 30 metros.

Material

Os modelos mais populares de varal recolhível são feitos de plástico e os mais sofisticados podem ser feitos de materiais de origem metálica como a liga de cobre (latão com bronze).

O fio pode ser feito de aço (é mais difícil encontrar) ou materiais de origem plástica como polietileno e polipropileno. Os ganchos podem ser feitos de alumínio ou aço.

Acionamento e recolhimento

O varal recolhível pode ter três formas de acionamento e recolhimento. O varal com apenas um cordão funciona movido à manivela, localizada na lateral da caixa. A peça libera e puxa a corda.

Os modelos com mais de um cordão podem ser interligados, por uma peça plástica ou ter acionamento modular: você puxa cada uma das cordas e as engancha na parede oposta. Esse recurso é interessante quando você quer pendurar apenas algumas peças.

Imagem de toalhas penduras no varal.

O varal recolhível é ótimo para economizar espaço. (Fonte: Antonina Germanova / 123rf)

Trava

O varal recolhível possui trava de segurança, para manter as cordas com a tensão necessária e evitar que as cordas afrouxem ou estourem.

No modelo com apenas um cordão, a trava fica na extremidade oposta à manivela e funciona assim: após estender a corda e prendê-la no gancho, você deve puxar a alavanca de trava para baixo e dar uma leve volta com a manivela.

Nos modelos com dois ou mais cordões, há duas formas de travar o varal (variam conforme o modelo): na primeira forma, puxe um botão na lateral para soltar o varal e o pressione novamente para dentro para travar; a outra maneira é puxar a corda no comprimento desejado, enrolá-la em um receptáculo localizado na parte inferior do varal e prendê-la no gancho.

(Fonte da imagem destacada: Andriy Popov / 123rf)

Por que você pode confiar em mim?

Apaixonada por ler e escrever, empenha-se em produzir conteúdo relevante sobre áreas pelas quais tem muito interesse, como tecnologia, qualidade de vida, beleza e lazer.