Imagem de trio de vasos autoirrigáveis brancos com compartimento oculto.
Ultima atualização: 18 de agosto de 2019

Como escolhemos

12Produtos analisados

19Horas investidas

5Estudos avaliados

65Comentários coletados

Seja bem-vindo ao ReviewBox Brasil, seu site de resenhas na internet. Para aqueles que adoram plantas, mas não tem tempo para regá-las periodicamente, uma excelente opção é contar com um vaso autoirrigável.

Diferentes dos vasos tradicionais, esses modelos possuem recipientes onde você coloca água e a planta vai consumindo-o naturalmente, evitando assim a necessidade de regas regulares.

Então, se você quer começar sua própria horta em casa ou apenas enfeitar seus ambientes com belas flores que vão viver por muito mais tempo, confira nossa resenha para entender tudo sobre os vasos autoirrigáveis.




Primeiro, o mais importante

  • Quanto maior o recipiente da água, maior será o intervalo que você terá entre um abastecimento e outro.
  • Os vasos autoirrigáveis são excelentes opções para evitar a proliferação de mosquitos, pois seu recipiente é protegido e vedado.
  • Esses modelos ajudam a economizar água, já que a planta extrai exatamente o necessário para sua manutenção.

Você também pode gostar:

Ranking: Os 4 melhores modelos de vaso autoirrigável

Os vãos autoirrigáveis estão ganhando cada vez mais popularidade, mas são relativamente novos comparados aos modelos tradicionais. Para ajudá-lo a escolher o modelo certo, confira esse Ranking que criamos especialmente para você com algumas das melhores opções disponíveis no mercado.

1º - Vaso Autoirrigável Médio – Botanika

Com design moderno, o vaso autoirrigável média da Botanika é ideal para ambientes internos, pois possui reservatório oculto. Ele evita a proliferação de mosquitos, inclusive os causadores da Dengue.

Amigo do meio ambiente, ele é produzido em plástico reciclável obtido através da cana de açúcar. É livre de BPA e conta com proteção anti-UV, o que garante que ele não perca sua coloração mesmo em ambientes com luz intensa. Ele ainda vem com cascalho, manta de isolamento e medidor de água.

2º - Vaso Autoirrigável Pequeno – Raiz Azul

Se você procura mais segurança e praticidade para cuidar de suas plantas, o vaso autoirrigável da Raiz Azul é uma excelente opção. Com ele você só precisa reabastecer de duas a três semanas, evitando que suas plantas morram de sede ou por receberem água em excesso.

Pequeno, ele é ideal para o plantio de suculentas. Seu recipiente é transparente, facilitando que você verifique o nível da água. Ele conta com proteção UV e sistema antimosquitos.

3º - Vaso Autoirrigável Decorativo Jardim de Temperos – Japi

Ideal para quem conta com pouco espaço e ainda assim deseja ter sua própria horta em casa para uma alimentação mais saudável, o vaso autoirrigável da Japi ainda conta com um design inovador e sofisticado, ideal para combinar com o restante da sua decoração.

Ele possui recipiente oculto e conta com quatro divisórias, permitindo que você plante até quatro tipos diferentes de plantas, permitindo que elas retirem apenas a água que precisam para crescerem saudáveis.

4º - Jogo de Vasos Autoirrigáveis com 10 Unidades – Armazém do Verde

Perfeito para plantas ou flores, o vaso autoirrigável do Armazém do Verde possui recipiente transparente de 200 ml para que você não precisa se preocupar com regas regulares.

Esse jogo conta com 10 unidades com altura de 15 cm e largura superior de 14 cm. Ela conta com proteção contra a proliferação de mosquitos causadores de doenças e já vem com suportes para que sejam pendurados na parede ou em treliças.

Guia de Compra

Com a popularização dos vasos autoirrigáveis, hoje é possível encontrá-los em uma grande variedade de tamanhos e formatos e diferentes tipos de recipientes. Mas apesar de oferecerem inúmeros benefícios, ainda é preciso escolher com cuidado qual o melhor modelo para sua casa.

Para ajudá-lo na escolha, preparamos um Guia de Compra para que você saiba tudo o que é preciso sobre a inovação que promete aposentar os vasos tradicionais.

Imagem de uma garota regando floreiras na sacada.

Com um vaso autoirrigável você não precisará regar todas as plantas da casa. (Fonte: Anna Nahabed / 123rf)

O que é um vaso autoirrigável?

Os vasos são recipientes desenvolvidos para o plantio de plantas ou flores. Com ajuda de um pouco de terra e cascalho, você pode usá-los tanto em ambientes internos ou externos.

O grande diferencial do vaso autoirrigável é seu recipiente com água, que permite mais flexibilidade no cuidado das plantas. Na maioria dos modelos, eles só precisam ser reabastecidos depois de uma semana, permitindo que você não precise se preocupar com a rega e tenha mais tempo para outros cuidados específicos que cada espécie demanda.

Hoje é possível encontrá-los nos mais variados formatos, tamanhos e estilos, permitindo até mesmo que eles ajudem a deixar a decoração de sua casa ainda mais bonita e com um toque verde todo especial.

foco

Você sabia que os vasos autoirrigáveis são excelentes opções para evitar a proliferação do mosquito responsável pela Dengue?

Como funciona um vaso autoirrigável?

O vaso autoirrigável funciona com um reservatório de água na parte inferior do produto, permitindo que a água e outros nutrientes sejam consumidos naturalmente pelas raízes, ajudando na economia de água.

Através de um processo chamado capilaridade, que é a tendência de certas substâncias, como a água, descerem ou subirem através de um fio de algodão ou tubo fino. Nas plantas esse processo acontece através da Floema e Xilema, que são as fibras que permitem que as raízes transportem a água necessária para seu crescimento.

A grande vantagem dos vasos autoirrigáveis é que a planta vai consumir apenas a medida certa de água, assim você não precisa se preocupar em regar demais ou de forma insuficiente, o que pode afetar o desenvolvimento de algumas espécies.

Quais as vantagens e desvantagens de um vaso autoirrigável?

O vaso autoirrigável oferece inúmeros benefícios, pois permite que as plantas usem apenas a quantia de água necessária para seu desenvolvimento. Eles podem ser usados em ambientes internos ou externos e dispensam o uso de pratinhos.

No entanto, é preciso observar algumas desvantagens. Em modelos com recipiente oculto, pode ser difícil verificar o nível da água. Eles ainda custam mais caro do que os vasos tradicionais e alguns vasos não possuem peças de reposição no caso de quebra. Veja a tabela abaixo.

Vantagens
  • Eles permitem que as plantas usem apenas a quantia de água necessária
  • Podem ser usados em ambientes internos ou externos
  • Dispensam o uso de pratinhos
Desvantagens
  • Modelos com recipiente oculto pode ser difícil verificar o nível da água
  • Alguns modelos não possuem peças de reposição em caso de quebra
  • Eles custam mais caro que os vasos tradicionais

Quanto custa?

O preço dos vasos autoirrigáveis pode variar de acordo com alguns fatores, como o tamanho do vaso, formato, estilo e tamanho do reservatório. Os modelos mais simples podem ser encontrados de R$ 10 a R$ 30.

Modelos mais sofisticados, com reservatórios ocultos ou várias divisórias podem ser encontrados no mercado a partir de R$ 30 e chegam a custar até mais de R$ 100.

Imagem de bancada de madeira com jogo de copos, jarra de vidro e vaso autoirrigável branco com compartimento oculto.

Muitos vasos autoirrigáveis possuem compartimento ocultos, tornando-os em peças mais bonitas e permitindo que sejam usados mesmo em ambientes internos. (Fonte: Tirachard Kumtanom / Pexels)

Onde comprar?

Você pode encontrar os vasos autoirrigáveis em lojas especializadas em artigos de jardinagem. Com sua popularização, você pode encontrar alguns modelos disponíveis até mesmo em grandes redes de supermercados.

Porém, se você prefere buscar pelo melhor modelo online e ainda aproveitar de promoções, é possível encontrá-lo em lojas de comércio eletrônico voltadas para artigos de jardim ou até mesmo em grandes distribuidores como a Amazon.

Critérios de compra: O que considerar antes de comprar um vaso autoirrigável

Os vasos autoirrigáveis são uma evolução dos modelos tradicionais, fazendo o uso de tecnologias relativamente simples para ajudar que você poupe água e tenha mais tempo para cuidar de outros fatores importantes quando se está cultivando plantas ou flores.

Porém, é preciso observar algumas especificações do produto antes de realizar a compra para encontrar o modelo ideal, seja para ambientes internos ou externos.

  • Material
  • Tamanho do vaso
  • Tamanho do recipiente de água
  • Formato e estilo

Analise com atenção cada um dos tópicos abaixo para entender mais sobre os vasos autoirrigáveis e encontrar um modelo que combine com sua casa e para que você nunca mais tenha que se preocupar em regar suas plantas.

Material

Embora o grande diferencial do vaso autoirrigável seja seu recipiente de água, o corpo do produto em si ainda pode ser encontrado em uma infinidade de materiais, como a cerâmica, e mais tradicionalmente nos dias de hoje, diferentes tipos de plástico.

Desenvolvidos para ajudar na economia de água, muitos vasos vão um passo além, possuindo corpos produzidos em plástico reciclável, alguns deles já são feitos a partir da cana de açúcar ou outros produtos naturais.

Tamanho do vaso

O tamanho do vaso é um fator importante a se considerar, pois é ele que aí determinar quanto espaço haverá para as raízes, controlando o tamanho final das plantas.

Lindo vaso autoirrigável em uma bancada de cozinha.

O tamanho do vaso autoirrigável deve ser escolhido de acordo com a espécie. (Fonte: Divulgação / Amazon)

A regra aqui é muito simples: para plantas maiores, você precisará de vãos maiores, enquanto para plantas menores, você pode escolher modelos mais simples e que não ocupam tanto espaço.

Antes de realizar a compra, pesquise um pouco sobre a espécie que você pretende plantar, assim como o espaço que você tem disponível para o vaso. Os fabricantes costumam colocar as dimensões nas especificações do produto.

Tamanho do recipiente de água

Quando se trata de vasos autoirrigáveis, o tamanho do recipiente é um fator que pode ser decisivo quando você estiver sobre os melhores modelos e qual se encaixa melhor em suas necessidades.

Quanto menor o recipiente, mais rápido você terá que repor a água. Hoje a maioria dos recipientes são projetados para que o reabastecimento ocorra a cada 15 dias, mas isso pode varia muito de modelo para modelo.

Então, se você costuma se ausentar em viagens longas ou apenas se esquece de regar as suas plantas com regularidade, opte por um vaso autoirrigável com compartimento maior.

Copo abastecendo vaso autoirrigável com água.

Um vaso autoirrigável com compartimento de água grande vai exigir regas mais esporádicas. (Fonte: Divulgação / Amazon)

Formato e estilo

Por último, mas não menos importante, observe o formato e estilo para determinar qual o melhor vaso autoirrigável para sua casa. Embora os primeiros modelos fossem simples, hoje é possível encontrar vasos em todo tipo de formato e estilo.

Embora você possa escolher vasos mais simples para áreas externas, dentro de casa eles se tornam peças que integram a decoração, então é importante escolher um modelo que combine com o ambiente onde você vai colocá-lo.

Felizmente, hoje existem inúmeras opções no mercado, desde de vasos mais rústicos aos modelos mais modernos. Assim você pode escolher sem dor de cabeça e integrar suas plantas favoritas a cada tipo de ambiente, seja em sua casa, comércio ou escritório.

(Fonte da imagem destacada: Ylanite Koppens / Pexels)

Por que você pode confiar em mim?

Redatora e psicóloga, é uma entusiasta de gadgets, jogos e utilidades. Adora escrever e experimentar inovações que podem tornar a vida mais prática.