Parede divisória com grandes nichos e vários vasos decorativos de diferente formatos e cores.
Ultima atualização: 21 de fevereiro de 2020

Como escolhemos

12Produtos analisados

19Horas investidas

5Estudos avaliados

65Comentários coletados

Grandes, médios ou pequenos, rústicos ou modernos, tradicionais ou alternativos. Para acomodar plantas, flores, guardar enfeites ou apenas preencher um espaço vazio. Seja qual for o modelo ou o objetivo de uso, os vasos decorativos são itens essenciais em qualquer cômodo.

É sobre esta peça tão versátil que vamos tratar no ReviewBox de hoje! Vamos mostrar aqui como você pode usar a criatividade para escolher os vasos decorativos e o que deve levar em conta antes de comprar as peças irão se harmonizar com sua decoração.




Primeiro, o mais importante

  • Vasos decorativos, com ou sem arranjos, são peças essenciais para compor qualquer tipo de ambiente.
  • Hoje em dia é possível encontrar diferentes formatos, feitos com diferentes tipos de materiais e com várias funções.
  • Vamos mostrar neste artigo como acertar na escolha dos vasos decorativos ideais para se combinar com seu ambiente.

Você também pode gostar:

Ranking: Os 4 melhores vasos decorativos

Em meio a tantas opções de vasos decorativos você pode cair na tentação de escolher o que considera o mais bonito. Mas é importante lembrar que essas peças devem se harmonizar com o seu ambiente.

Por isso, selecionamos alguns vasos decorativos de diferentes tamanhos, para todos os tipos de ambientes: do mais tradicional, passando pelo rústico até o mais moderno.

1º - Vaso decorativo DayHome de Cerâmica

O DayHome é um vaso pequeno, de cerâmica e ideal para ambientes clássicos. Com 15 cm de largura, 31 cm de altura e 15 cm de comprimento, este modelo pesa 2,1 kg.

Além da cor verde que se destaca, este vaso decorativo vem com tampa, o que permite que você ainda guarde pequenos objetos.

2º - Vaso decorativo Urban de Metal

O Urban é um vaso decorativo moderno, em formato geométrico adequado para ambientes contemporâneos.

Com suporte em metal e vaso de plástico na cor prata, este modelo mede 16,4 cm x 13,2 cm x 16,8 cm. Além disso, pode ser usado com ou sem arranjo de flores ou plantas.

3º - Vaso decorativo Golden Black Cerâmica

O Golden Black é um vaso decorativo feito de cerâmica e pode ser usado tanto em ambientes clássicos quanto modernos.

Com dimensão de 18 cm x 18 cm x 48 cm, este modelo pesa 2,21 Kg. Com formato arredondado, este vaso decorativo também possui tampa.

4º - Vaso decorativo Atenas de chão

O Atenas é um vaso decorativo grande, feito especialmente para ser colocado no chão. Com dimensão de 35 cm x 35 cm x 80 cm, este modelo pesa 3,35 Kg.

Ideal para ambientes rústicos, seja na sala, escritório ou em áreas externas, o diferencial deste vaso decorativo está no suporte que confere um ar de exclusividade à peça.

Guia de Compra

Os vasos decorativos são peças essenciais para compor a decoração seja dos cômodos da sua casa ou escritório. Para que estas peças se harmonizem com o resto do ambiente você precisa aliar conhecimento e funcionalidade.

Para ajudar você nessa missão, criamos este Guia de Compra com tudo o que você precisa saber para escolher os vasos decorativos ideias.

Mulher arrumando vaso de flor, com várias flores ao fundo.

Vasos decorativos dão um up na decoração de qualquer espaço, seja interno ou externo. (Fonte: Antonio Diaz / 123RF)

O que são vasos decorativos?

Os vasos decorativos são peças, geralmente em formato de jarro, que podem ser usadas em qualquer cômodo, assim como em entradas, corredores e ambientes externos.

Essencialmente, os vasos decorativos têm função ornamental, e podem ou não ser usados para armazenar flores e plantas. Tamanha é sua importância no uso da decoração que a história dos vasos é milenar.

Vasos de cerâmica coloridos empilhados.

Os vasos decorativos são utilizados há milênios como forma de decoração. (Fonte: LoggaWiggler / Pixabay)

A história dos vasos decorativos começou, provavelmente, com o artesanato de pequenas comunidades da Ásia e África, que produziam vasos de barro e argila.

Posteriormente, e com o tempo, os vasos decorativos foram ganhando posição de destaque em meio a elite na Grécia Antiga.

Os vasos decorativos eram, geralmente, utilizados com flores naturais, mas, já a partir do século XVI também eram usados com flores artificiais. Mas foi no início do século XVII que os vasos decorativos foram inseridos nos grandes salões de palácios.

Já nessa época eram fabricados com materiais mais nobres como mármore, bronze, prata e porcelana. E, não raramente, os vasos decorativos, mais do que apenas complementar a decoração, eram o ponto central de destaque do ambiente.

Desde a antiguidade, portanto, os vasos decorativos se tornaram acessórios indispensáveis na decoração de ambientes internos e externos, como nos grandes jardins.

Hoje em dia é possível encontrar essas peças em diversos formatos, tamanhos, cores, acabamentos, texturas e materiais.

Imagem de vasos com flores em janela.

Os vasos decorativos muitas vezes são usados como ponto focal da decoração. (Fonte: StockSnap / Pixabay)

Quais vasos decorativos combinam com cada ambiente?

Como peça versátil, os vasos decorativos podem ser usados tanto em ambientes internos como em áreas abertas, suspensos ou no chão.

O fundamental é que você tente conciliar os vasos com a decoração do espaço, no sentido de harmonizar a combinação. Mas isso não é regra, já que esta decisão é muito pessoal.

Alguns decoradores, por exemplo, preferem criar contrastes entre os objetos de decoração para criar um ambiente exclusivo. Sendo assim, o vaso pode ser o grande destaque do cômodo. Mas o risco é você misturar muitas cores, formatos e texturas e errar na dose.

Vaso branco com flores sobre mesa de jantar de madeira escura.

Em ambientes clássicos, prefira vasos elegantes como o de cerâmica branca. (Fonte: ErikaWittlieb / Pixabay)

Para você evitar esses erros, confira as recomendações de combinação dos vasos decorativos com diferentes tipos de ambientes.

  • Ambiente com decoração clássica: Invista em vasos decorativos com design e detalhes também clássicos e mais sofisticados, como os de vidro, cristal e cerâmica.
  • Ambiente com decoração contemporânea: Opte por vasos decorativos com formatos e detalhes mais simples e minimalistas, como os de metal e cerâmica.
  • Ambiente com decoração rústica: Prefira os vasos decorativos com detalhes e cores de culturas tradicionais, feitos de barros, argila, metal e cerâmica.

Além disso, você também precisa definir a função que os vasos decorativos terão no ambiente. Isso porque, como já mencionamos, essas peças podem ser o grande destaque do cômodo ou podem ter uma função discreta na decoração do ambiente.

Outro ponto que você deve considerar é se os vasos decorativos ficarão em mesas prateleiras ou no chão. Isso irá definir o tamanho e peso da sua peça. Em Critérios de Compra vamos tratar deste tópico com mais profundidade.

Além de todas essas recomendações, sugerimos que você leve em conta o tipo de ambiente no qual os vasos decorativos serão colocados.

Versáteis, os vasos decorativos podem e devem compor espaços como sala de estar, sala de jantar, quarto, cozinha, banheiro e áreas externas.

Poltrona e prateleira ao fundo com vasos decorativos e porta retrato.

Dispostos em prateleiras, os vasos decorativos complementam o ambiente da sala de estar. (Fonte: ErikaWittlieb / Pixabay)

Confira abaixo como utilizar os vasos decorativos em cada um desses ambientes.

  • Salas: Nas salas você pode brincar com o formato dos vasos decorativos. Eles podem ser médios e pequenos, se usados como centro de mesa, em aparadores ou nas prateleiras. Ou podem ser maiores se você os utilizar no chão.
  • Quartos: Nos quartos o mais recomendado são os vasos decorativos pequenos, que podem ser dispostos nos criados-mudos ou mesmo em prateleiras.
  • Cozinhas: Os vasos decorativos com plantas e ervas são muito utilizados pelos decoradores em cozinhas. Essas peças trazem vida e cor ao ambiente. O comum é que os vasos sejam colocados sobre as bancadas ou próximos a janelas.
  • Banheiros: O banheiro é outra área em que os vasos decorativos ganham destaque. Aqui você o ideal é que você opte por vasos de vidro ou de plástico, já que são dois materiais resistentes à umidade e também são mais fáceis de limpar.
  • Áreas externas: Já para compor as áreas externas, sejam varandas ou jardins, você pode abusar da combinação de vasos grandes, pequenos e médios. No chão ou suspensos, os decoradores recomendam que você utilize vasos decorativos feitos em cerâmica, argila, barro ou concreto. Isso porque, esses materiais são pesados, duráveis e dão um toque rústico e artesanal ao ambiente.
  • Entradas: Seja na entrada da casa ou apartamento, ou mesmo em halls de escritórios, os vasos decorativos são peças sempre presentes. Aqui, você pode ousar e colocar vasos grandes no chão, com ou sem plantas. Também é possível inserir vasos suspensos e até mesmo em aparadores e prateleiras.
  • Escritórios: Independentemente do tema de decoração do seu escritório, você pode e deve abusar de vasos decorativos. Opte, no entanto, por peças médias e pequenas. Elas podem tanto compor sua mesa de trabalho como serem expostas em prateleiras e mesas de apoio.

Quais as vantagens dos vasos decorativos?

As vantagens dos vasos decorativos são muitas. Quando bem escolhidas, essas peças trazem um toque a mais de elegância e beleza à casa ou ao escritório.

Para além da ornamentação, os vasos decorativos podem ser usados ainda para acomodar plantas, flores e ervas. O verde vivo trará uma sensação de calma e fresco ao ambiente.

Além disso, os vasos decorativos também podem fazer as vezes de definidores de espaço. É possível usar essas peças para delimitar uma área verde, criar a direção de caminho em escadas e, até mesmo, separar uma sala grande em dois ambientes diferentes.

Fileira de vasos decorativos com flores e plantas na janela.

Na janela, a combinação de flores, plantas e vasos traz vida ao ambiente. (Fonte: Gemma Evans / Unsplash)

Quanto custa?

Os preços dos vasos decorativos oscilam muito, de acordo com o tamanho, o material de fabricação e o modelo. Dessa forma, o valor dos vasos decorativos varia entre R$ 15 a R$ 10 mil.

É claro que você não precisa investir no objeto mais caro. O ideal é que você consiga unir um bom preço com qualidade e harmonia na sua decoração.

Onde comprar?

Os vasos decorativos podem ser encontrados em lojas de casa e decoração, além das lojas de departamento e hipermercados como Extra, Lojas Americanas e Leroy Merlin.

No entanto, recomendamos que você realize sua compra em lojas online como a Amazon. Dessa forma, além de você comprar do conforto da sua casa, você ainda encontra mais opções de modelos e os melhores preços e promoções.

Vaso dourado com flores sobre muro e cidade com montanhas ao fundo.

Vasos decorativos dão um up na decoração de qualquer espaço, seja interno ou externo. (Fonte: slightly_different / Pixabay)

Critérios de compra: Fatores a considerar antes de escolher vasos decorativos

Como vimos neste artigo, os primeiros pontos que você deve observar antes de escolher seus vasos decorativos são o ambiente no qual as peças serão dispostas e a decoração deste local.

Feito isso, você deve se ater aos fatores que influem na qualidade, no tamanho e na funcionalidade dos vasos decorativos.

Para você tomar a melhor decisão de compra, vamos mostrar quais são os principais fatores que você deve levar em conta antes de escolher os vasos decorativos ideais:

  • Material de fabricação
  • Formato
  • Tamanho e Peso
  • Arranjos

Abaixo, vamos detalhar cada um desses fatores para que você tome a melhor decisão ao escolher vasos decorativo para sua casa ou escritório.

Material de fabricação

O material do qual é feito os vasos decorativos vai influenciar tanto na durabilidade, na limpeza e, principalmente, no efeito estético.

Existe uma grande variedade de materiais tais como prata, vidro, cerâmica, barro, plástico e metal. Entenda as características de cada um:

  • Prata: Vasos decorativos de prata são mais resistentes e duradouros. Este tipo de peça combina com quase qualquer decoração e dá um toque de sofisticação ao ambiente.
  • Vidro ou cristal: Estes modelos são clássicos e é possível encontrar vasos com cores e texturas diferentes. São geralmente usados com arranjos florais garantindo uma decoração clean e clássica.
  • Cerâmica: Os vasos de cerâmica são versáteis, já que você pode colocá-los no chão ou sobre mesas. Com cores e formatos variados também vão bem em qualquer ambiente.
  • Plástico: Os vasos decorativos de plástico são simples e, por isso, são geralmente usados para colocar plantas. Ainda assim é possível inovar com cores e formatos diferentes para garantir uma decoração mais atual.

Formato

Na hora de escolher o formato dos vasos decorativos, leve em conta o a superfície onde as peças serão expostas.

É importante observar principalmente a base do vaso para garantir que ficará firme na superfície que você desejar expor a peça. Hoje no mercado é possível encontrar uma variedade enorme de formato.

Dois vasos decorativos compridos, na cor cinza, com rosas artificiais, sobre aparador branco e quadro ao fundo.

Os vasos decorativos compridos são um clássico que se destacam no aparador da sala. (Fonte: webandi / Pixabay)

Existem vasos mais compridos, finos, achatados, arredondados, largos, em formas clássicas de jarro ou geométricas. Outra opção são os vasos suspensos. Presos por cordas ou correntes, essas peças podem ser fixadas no teto e na parede.

Já os vasos com tampa são ótimas opções para serem usados como vaso solitário. Além disso, este modelo também é um modelo útil para guardar pequenos itens.

Tamanho e Peso

Após definir o formato dos vasos decorativos, você deve considerar o tamanho e o peso das peças. Se você for colocá-los no chão a liberdade é maior, já que você pode optar por vasos grande e pesados.

Mas, se tratarmos de mesas, prateleiras e aparadores, o tamanho e o peso podem ser um problema. Se o ambiente é pequeno, deve-se preferir vasos decorativos menores e médios. Isso porque os vasos grandes fazem o espaço parecer menor.

Para prateleiras, o ideal é que as peças sejam mais leves para haver sustentação. Dependendo do material, os vasos decorativos podem ser muito pesados e a estrutura de apoio pode não suportar.

Imagem de vaso preto com decoração branca sobre móvel.

Se você for colocar o seu vaso sobre um móvel, escolha um que não seja tão pesado. (Fonte: maximkabb / 23RF)

Arranjos

Como vimos, os vasos decorativos podem ser usados de forma solitária ou também com arranjos de flores e plantas.

Se a opção for combinar vasos decorativos e plantas, é preciso escolher vasos que se adequem ao ambiente, que resistam ao sol e à umidade.

Além disso, os vasos decorativos devem se adequar ao tamanho da planta escolhida. O importante é manter uma proporção entre o vaso e a planta, para que esta se desenvolva de forma saudável.

Além disso, os vasos decorativos podem receber ainda outros tipos de arranjos como objetos decorativos, pedriscos, pedras e areia.

(Fonte da imagem destacada: ZahidJavali / Pixabay)

Por que você pode confiar em mim?

Izabel Toscano Jornalista
Nômade digital, jornalista, leitora e questionadora compulsiva. Já trabalhou em jornais diários e sites de notícias no Brasil, e em plataformas online na Irlanda e na França. Hoje, roda o mundo escrevendo sobre temas variados, sempre atenta às novas tecnologias e a tudo que surge para trazer leveza à vida.